domingo, 8 de abril de 2018

DIMAS ROQUE
Jornalista
Duas imagens são marcantes e vão permanecer no imaginário popular por um longo tempo. A primeira é a de Lula sendo carregado nos braços do povo. Ela foi feita pelo jovem Francisco Proner Ramos. A outra, não se sabe o autor ainda, foi feita em um puteiro de São Paulo de propriedade do cafetão Oscar Maroni, dono da boate Bahamas. Mostra a fachada do prédio onde foram colocadas duas fotos para homenagear o juiz Sérgio Moro e a ministra Carmem Lúcia do supremo tribunal federa.
Mas como chegamos a isso?
Não faz mal lembrar que tudo isso começou logo após a vitória de Dilma Roussef para a Presidência da República em seu segundo mandato. O tucano Aécio Neves, então candidato derrota nas urnas, declarou que não daria trégua e que faria de tudo para inviabilizar a administração da Petista, e ele cumpriu a promessa.
O congresso brasileiro, liderado na câmara por Eduardo Cunha e no Senado por Aécio, barraram todos os projetos que vinham do executivo e aprovavam projetos que inviabilizariam, de fato, o governo federal. De tão ruins, ficaram conhecidas como "pautas bombas".
No jogo, arrumaram uma denúncia de "pedaladas fiscais", termo usado em referência a operações orçamentárias realizadas pelo Tesouro Nacional, não previstas na legislação, para atrasar o repasse de verba a bancos públicos e privados com a intenção de aliviar a situação fiscal do governo em um determinado mês ou ano, apresentando melhores indicadores econômicos ao mercado financeiro e aos especialistas em contas públicas. E conseguiram apoio do TCM que deu parecer indicando "crime". E foi assim que começou a retirada da presidência de Dilma Roussef.
Neste jogo, falam-se que bilhões teriam sido gastos para a compra de deputados e senadores, mas nada ainda foi provado. Nenhum dos possíveis comprados abriu a boca até agora. Mas houve a conversa do Senador Romero Jucá, do PMDB, que foi gravado por interlocutor e no áudio apareceu a frase, "com supremo, com tudo" dita por ele. Indicando que ministros do supremo tribunal federal brasileiro estariam envolvidos no Golpe do afastamento de Dilma.
Enquanto na política sobrava traidores e vendidos, na justiça se armava denúncias contra Lula. A mais famosa, e diga-se, sem provas até o momento, foi a do apartamento tríplex que fica no Guarujá em São Paulo. Sérgio Moro arrumou delatores para afirmar que seria de propriedade do ex-presidente. Publicamente se viu presos darem uma versão onde não constava o nome do acusado e a versão não ser aceita e depois retornarem e, visivelmente mentindo, mudarem a versão, agora colocando Luiz Inácio como proprietário.
Mas nenhuma dessas arbitrariedades que foram denunciadas surtiram efeito. Os garotos da lava jato caminhavam, com a cumplicidade da grande imprensa, cometendo seus delitos.
Por falar em delito, eis que apareceu o advogado da Odebrecht Tacla Duram. Ele denunciou o amigo de Sérgio Moro, também advogado, Carlos Zucolotto, de vender sentença dentro da operação em Curitiba. Silencio total na grande mídia. Ninguém foi ouvido. Nem o próprio denunciante, que quer dar sua versão, o juiz do caso quer ouvir.
Enquanto essas coisas aconteciam, Lula viajou pelo país em suas famosas Caravanas. Encontrou o povo e ouviu deles o pedido de que continuasse a luta para retornar à presidência da república. Na estrada, no Sul do Brasil, apareceram as milícias armadas. Foi quando se percebeu que havia algo de errado e grave acontecendo. O fascismo estava de portas abertas, e ele, através de um de seus asseclas, atentou contra a vida do ex-presidente e de quem o estava acompanhando. E o que aconteceu com a notícia? A não notícia! De atentado, tentaram induzir o povo a acreditar que teria sido uma farsa. Na semana passada saiu o laudo da polícia do Pará. Foi mesmo uma tentativa de assassinato praticado por alguém ainda não identificado.
O desejo incontido dos meninos da lava jato era o de prender Lula. Eles queriam ver a foto em todos os jornais e viralizando pelo mundo. Moro decretou a prisão. Lula recorreu através de seus advogados ao supremo tribunal federal com um pedido de habeas corpos. Perdeu! Foram 06 votos contra e 05 favoráveis. Agora já se sabe, um dos votos, o da ministra Rosa Weber não poderia ter sido dado, ela estava impedida de fazê-lo por estar analisando uma ação relacionado ao caso. Ela já havia se pronunciado sobre o tema anteriormente, justamente nas ADCs - Ações Declaratórias de Constitucionalidade. Este fato daria empate na votação e favoreceria o réu.
O jogo segue.
Negado o pedido de habeas corpus contra prisão, os juízes do tribunal regional federal da 4ª região pedem a Sérgio Moro que decrete a prisão de Lula. O pedido demorou exatamente 22 minutos para ser atendido. Criou-se o impasse, o nordestino que mudou a vida de milhões de brasileiros se entregaria?
Lula fez do momento desfavorável a melhor das suas performances. Ele foi ao Sindicato dos Metalúrgicos em São Bernardo dos Campos, onde sua vida política nasceu e dá lá comandou a resistência. Não atendeu a intimação e mesmo assim, não descumpriu a lei. A justiça sabia onde ele estava, se o quisesse prender, que fosse lá buscar. Não foram!
Ontem, 07, após a realização de uma missa em homenagem a sua ex-esposa Marisa Leticia, Lula saí do carro de som carregado pelo povo. E eis que, em um momento de iluminado é fotografado do alto do prédio do sindicato. A foto viralizou e o mundo viu o quanto Lula é amado pelos seus. A prisão, ao se entregar por vontade própria, ficou em segundo plano.
Enquanto isso, Oscar Marone, o dono do puteiro, homenageava Sérgio Moro e Carmem Lucia. Suas fotos, na entrada da boate de prostituição para ricos e do bem, é o que fica da justiça brasileira neste momento de enfrentamento social.
Como disse o, também, pernambucano Alceu Valença sua canção Papagaio do Futuro, "Quem tem o mel dá o mel. Quem tem o fel dá o fel. E quem nada tem, nada dá".
Lula se entregou no início da noite, mas já tinha feito o que de melhor sabe fazer, trouxe para ele todas as atenções e a narrativa favorável. É hoje um preso político dentro de seu próprio país e o mundo viu e ouviu o as suas denúncias contra parte da justiça e do ministério público, a grande mídia e a polícia federal.(247).

Blog do BILL NOTICIAS

EX-PREFEITO É PRESO POR DESVIO NA CONTRATAÇÃO DE CARROS-PIPA


Por Gazetaweb - Durante cinco meses o Ministério Publico do Estado de Alagoas (MPE/AL), por meio da Promotoria de Justiça de Girau do Ponciano, e do Núcleo de Defesa do Patrimônio Publico, e da Delegacia de Polícia da cidade, investigaram o desvio de recursos públicos na contratação de carros-pipa. A fraude foi confirmada e, na manhã desta quarta-feira (4), o ex-prefeito Fábio Rangel foi preso. O cumprimento do mandado, expedido pelos juízes Alysson Jorge Amorim e Renata Malafaia, foi feito por policiais civis.
Segundo a Promotoria de Justiça de Girau do Ponciano, em 05 de agosto de 2013, o município de Girau do Ponciano, administrado pelo então prefeito Fábio Rangel, formalizou contrato , cuja ata de registro de preços é a de número 08.2013, mediante prévia licitação com uma empresa para fornecimento de carradas de água, para abastecer a cidade durante o período de um ano.
O correto seria a empresa fornecer, mensalmente, 1424 carradas, cujo o valor ajustado, por cada, foi o de R$145,50. No entanto, segundo as investigações, Fabio Rangel e seu tio Luciano da Silva Oliveira ajustaram que o contrato não seria cumprido na sua integralidade.
"Pelo contrário, o empresario seria responsável por fornecer, no máximo, 300 carradas, enquanto outras seriam desempenhadas por correligionários do prefeito conforme promessas politicas anteriores", afirma Valadares.
Em setembro do mesmo ano, segundo mês da execução do contrato, o empresário passou a emitir notas fiscais com valores superfaturados. Ou seja, fazendo referência a um volume maior de carradas do que as que efetivamente foram fornecidas.
O esquema
O promotor de Girau do Ponciano relata que, a empresa recebia o pagamento pelas carradas e, em seguida, acertavam o destino do dinheiro publico. "A primeira parte dos valores consistia em uma sobra (referente ao superfaturamento das notas fiscais) no importe mensal, aproximado, entre 25 mil e 35 mil que eram repassados ao Luciano, tio do prefeito", diz o promotor.
Para o Ministério Público, vale salientar que o então prefeito Fábio Rangel, nomeou o tio para cuidar de todos os assuntos relacionados a questão dos caminhões pipa.
Na ação criminosa, a segunda parte dos valores ficava com o próprio empresário pelo pagamento do serviço de cerca de 300 carradas mensais. "Já a terceira parte dos valores era repassada ao Luciano por meio de cheques da empresa. Este, por sua vez, deveria efetuar pagamento a sete supostos pipeiros", enfatiza o promotor.
Um dos supostos pipeiros era o próprio tio do prefeito que também era o fiscal do contrato e que não deveria lucrar com ele, apenas cumprir seu papel de fiscalizador.
Outros dois supostos pipeiros são beneficiados do Bolsa-Família, pessoas consideradas extremamente pobres.
Já um quarto suposto pipeiro possui 97 anos de idade. "O que a investigação comprovou foi o aparelhamento de uma máquina de desvio de recurso para que o serviço fosse prestado apenas em parte e houvesse apropriação de dinheiro público", relata o promotor responsável.
Intimidação
Em outubro do ano passado, Luciano Oliveira procurou o empresário e, pressionando-o, disse para ele não colaborar com a polícia tampouco com o Ministério Publico, demonstrando o poder de Fabio Rangel sobre o tio.
"Com a ligação entre ambos, a reiteração criminosa de Fábio, já denunciado por desvio de dinheiro público para a construção de escolas e fornecimento de medicamentos foram pedidas as duas prisões", ressalta o promotor de Girau do Ponciano.
O Núcleo de Defesa do Patrimônio Publico, do MPE/Al, é coordenado pelo promotor de Justica José Carlos Castro e também composto pelos promotores de Justiça Karla Padilha e Anderson Cláudio, os três participando das investigações, com o promotor Kleber Valadares, de Girau do Ponciano.
O Ministério Publico contou , durante todo o período de investigação, com o apoio fundamental do delegado Arthur César. (247).


Blog do BILL NOTICIAS

O destino de Lula é voltar a ser presidente

 Rafael Ribeiro


                                   (247)


A Rede Globo, Sérgio Moro e a Lava Jato destruíram o país na tentativa de acabar com o Presidente Lula. Não conseguiram.
O conluio midiático-jurídico assassinou D. Marisa Letícia. Acreditavam, finalmente, que conseguiriam parar Lula. Mas ele seguiu em frente.
Agora, prendem Lula, e fracassam mais uma vez em seus objetivos.
Como vimos hoje - nos braços do povo - Lula está em plena forma e mais firme do que nunca.
E há milhões de brasileiros e brasileiras espalhados neste país, indignados com o autoritarismo, com o uso político do Poder Judiciário e com todas as violações que foram cometidas contra Lula, que estão com mais disposição de lutar e defender as ideias do nosso Presidente.
A fome não foi capaz de intimidar Lula.
A ditadura não conseguiu deter Lula.
A Globo, Moro e a Lava Jato também não conseguirão macular a história de Lula até aqui, e impedi-lo de cumprir seu destino.
O destino de Lula é ser Presidente do nosso país; é continuar transformando a vida da nossa população; levar esperanças e transformar em realidade os sonhos de milhões de brasileiros e brasileiras.
O Brasil precisa de Lula.
E Lula precisa do melhor de cada um e cada uma de nós.
Seguimos de cabeça erguida.
À luta, companheiros e companheiras!


Blog do BILL NOTICIAS

POR RÁDIO, ALGUÉM PEDIU A PILOTO DE AVIÃO DE LULA PARA JOGAR 'ESSE LIXO JANELA ABAIXO'

Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Desde a noite de sábado (7), circula em grupos de WhatsApp um vídeo com a gravação de um áudio que está sendo atribuído ao avião que estava levando Lula para Curitiba onde uma pessoa pede ao piloto que jogue "esse lixo janela abaixo"; PT diz que estão sendo tomadas medidas para solicitar ao Ministério da Defesa e à Infraero apuração sobre o episódio.(247).


Blog do BILL NOTICIAS


DILMA: INOCENTE, LULA VIROU PRESO POLÍTICO


 A presidente deposta pelo golpe, Dilma Rousseff, manifestou sua solidariedade ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que se entregou à Polícia Federal neste sábado (7), após ter seu Habeas Corpus negado pelo Supremo Tribunal Federal e Sergio Moro emitiu ordem de prisão, sem que os recursos da defesa tivessem acabado.
"Lula tornou-se um preso político, vítima de uma perseguição implacável de adversários, que lançam mão do lawfare para calá-lo e destruí-lo, no esforço de desqualificar seu papel perante a história e o povo brasileiro", afirmou Dilma. A" mídia brasileira golpista tenta, de forma vergonhosa, negar-lhe a condição de preso político. Assim como negou a ocorrência do Golpe de 2016 e finge não enxergar a ascensão do fascismo no País e a violência da extrema direita".
Leia a íntegra da nota:
O Brasil assistiu neste sábado, 7 de abril, a um dos mais tristes episódios de sua história:  a injusta e cruel prisão de Luiz Inácio Lula da Silva, o mais importante líder político brasileiro desde a redemocratização do país, reconhecido mundialmente pela sua imensa capacidade de promover inclusão social e fazer política em benefício dos mais necessitados.
 
Lula tornou-se um preso político, vítima de uma perseguição implacável de adversários, que lançam mão do lawfare para calá-lo e destruí-lo, no esforço de desqualificar seu papel perante a história e o povo brasileiro.
 
A mídia brasileira golpista tenta, de forma vergonhosa, negar-lhe a condição de preso político. Assim como negou a ocorrência do Golpe de 2016 e finge não enxergar a ascensão do fascismo no País e a violência da extrema direita.
 
Prenderam-no sem provas. Condenaram-no injustamente. Promovem a injustiça usando o sistema judiciário. Tentam impedi-lo de voltar pelo voto ao poder. Há poucos dias, até um atentado com tiros foi montado para tentar calar Lula.
 
O país segue dividido, diante de uma escalada fascista e perigosa, com o risco da implantação em definitivo de um Estado de Exceção. Lula foi preso porque é o líder da corrida presidencial. Querem impedi-lo de reconquistar pelo voto direto e popular a Presidência da República.
 
Sua prisão é mais uma etapa do golpe iniciado em 2016 com o meu impeachment, aprovado pelo Congresso Nacional sem que houvesse sequer qualquer tipo crime cometido.

Nossa resistência permanece e não vamos nos calar diante do arbítrio e da injustiça.
 
Somos a sua voz, somos o seu corpo e sua alma, somos a sua luta.

Nossa frágil democracia brasileira está gravemente ameaçada, mas será defendida nas ruas, nas praças, nos parlamentos e nos tribunais.
 
Denunciamos a prisão política, injusta e arbitrária de Lula, que os golpistas tentam esconder. (247).



Blog do BILL NOTICIAS

LULA POUCO ANTES DA PRISÃO: MORO TEM UMA MENTE DOENTIA


Pouco antes de ser preso, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva gravou um vídeo ao lado de Frei Betto, em que traçou um perfil psicológico de Sergio Moro. "Eu estive lá prestando depoimento, eu vi, ele tem uma mente doentia", afirmou. Lula, no entanto, se disse tranquilo e se mostrou confiante na Justiça. "Pode demorar um pouquinho, mas vou sair de lá mais forte." 
No vídeo, ele também afirmou que Moro e o procurador Deltan Dallagnol devem estar com a "consciência pesada" em razão das "mentiras" que contaram e qualificou o processo judicial que o condenou como uma "palhaçada", feita em conluio com a Rede Globo.(247).

Blog do BILL NOTICIAS

GOVERNADORES DO NORDESTE FARÃO VISITA A LULA NA TERÇA-FEIRA

REUTERS/Leonardo Benassatto

Os governadores de estados do Nordeste estão se preparando para realizar uma visita em conjunto ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que está em preso desde o último sábado (7) na carceragem da Polícia Federal em Curitiba (PR). Dos nove governadores da Região, apenas o governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), ainda não confirmou participação no ato organizado pelo governador do Ceará, Camilo Santana (PT).
De acordo com a Assessoria de Imprensa do Governo do Ceará, a visita está sendo agendada para a próxima terça-feira (10) em um horário que ainda está sendo definido pela Polícia Federal. Lula se apresentou à PF neste sábado (7) para cumprir pena de 12,1 anos de prisão conforme sentença de Sério Moro expedida na última quinta-feira (7). (247).

Blog do BILL NOTICIAS

Julio Lóssio participa do lançamento da pré-candidatura de Marina Silva à Presidência da República

Rede Sustentabilidade lança pré-candidatura de Marina Silva à Presidência da República
Marina Silva


Em Brasilia, a Rede Sustentabilidade lançou oficialmente nesse sábado (7) a pré-candidatura da ex-senadora e ex-ministra Marina Silva à Presidência da República. Marina teve sua pré-candidatura aprovada no congresso nacional do partido. Em Julho o partido define na convenção nacional,a chapa oficial e as coligações
Em seu discurso, Marina lembrou que é a terceira vez que se coloca como candidata à Presidência e que o momento político do Brasil torna sua decisão necessária.
“Nunca foi tão necessária a decisão de estar aqui hoje, pelo momento que estamos vivendo. Momento que não é de celebração, mas de tristeza por um lado. Um ex-presidente da República, que poderia estar apto para fazer o que quisesse na política, estar sendo interditado pela Justiça por erros que cometeu”, disse.
Durante coletiva de imprensa, Marina Silva afirmou que a Rede vai continuar dialogando com outros partidos e que a negociação não exige que as legendas não tenham suas candidatos.

Economia

Marina defendeu o controle das contas públicas e a estabilidade jurídica como forma de atrair investimentos para o país.
“Só vamos recuperar a nossa economia recuperando a credibilidade. O Brasil é um país que tem grandes possiblidades de investimentos, mas não tem segurança jurídica, não tem segurança política e não tem segurança ética diante de tudo que está acontecendo hoje”, disse.
Sobre a reformas econômicas, como a da Previdência, afirmou que são necessárias, mas não como estão sendo feitas pelo presidente Michel Temer, que, segundo ela, só dialoga com os empresários e não com trabalhadores.

Biografia

Acreana, Maria Silva nasceu em 8 de fevereiro de 1958. Junto com o seringueiro Chico Mendes foi uma das fundadoras da Central Única dos Trabalhadores (CUT) em seu estado.
Marina foi vereadora em Rio Branco, deputada estadual, senadora por dois mandatos e ministra do Meio Ambiente durante o governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Foi filiada ao PT e passou por PV e PSB antes de criar a Rede Sustentabilidade.
Em 2010, Marina Silva concorreu à Presidência da República como candidata do PV. Recebeu 19,6 milhões de votos e ficou em terceiro. Em 2014, pelo PSB, ela repetiu o terceiro lugar, desta vez com 22,1 milhões de votos

Julio Lóssio

O pré-candidato a Governador de Pernambuco pela Rede Sustentabilidade, o ex-prefeito de Petrolina,  Julio Lóssio,  esteve no lançamento em Brasilia nesse sábado(07) e participou ativamente da solenidade. Na foto ao lado das estrelas  da Rede Sustentabilidade.(C.Geral).

Blog do BILL NOTICIAS

PRIMO DE LULA É ASSASSINADO NO SÁBADO DA PRISÃO DO EX-PRESIDENTE


Uma tentativa de assalto em um bar localizado na Avenida Santa Rosa, bairro de Heliópolis, Garanhuns, no Agreste de Pernambuco, resultou na morte a tiros de Sandoval Ferreira de Melo (70), primo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A morte de Sandoval foi registrada na última sexta-feira (6), poucas horas após a prisão de Lula ter sido decretada.
Segundo a Polícia Militar, Vavá, como Sandoval era conhecido, reagiu a uma tentativa de assalto feita por dois homens e foi atingido duas vezes por um dos suspeitos.
Ele ainda foi levado para a a emergência do Hospital Regional Dom Moura, em Garanhuns, sendo transferido para o Hospital Regional do Agreste, em Caruaru, onde passou por cirurgia, mas não resistiu aos ferimentos
A polícia diz ainda não ter pistas das identidades dos dois suspeitos envolvidos no crime.(247).


Blog do BILL NOTICIAS

TRANCADO NUMA SOLITÁRIA, LULA QUER LER CARTAS DE AMIGOS. SAIBA COMO MANDAR

Ricardo Stuckert

"O juiz Sérgio Moro, os procuradores da Operação Lava-Jato e os policiais federais de Curitiba pensaram que seriam os carcereiros de Lula, mas na verdade vão ser os carteiros do povo brasileiro para o maior símbolo da luta popular que já existiu no Brasil. Cartas para o Lula podem ser enviadas ao seguinte endereço: Superintendência Policia Federal, Para Luiz Inácio Lula da Silva, R. Profa. Sandália Monzon, 210 - Santa Cândida, Curitiba/PR, CEP: 82640-040", informa o boletim da resistência deste domingo.(247).

Boletim 6 – Comitê Popular em Defensa de Lula e da Democracia
Direto de Curitiba – 08/04/2018 – 11h30


Blog do BILL NOTICIAS

LÍDER ESQUERDISTA FRANCÊS DIZ QUE LULA FOI VÍTIMA DE 'GOLPE JUDICIAL'


O líder esquerdista do movimento francês França Insubmissa, Jean-Luc Mélenchon, citou a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em um discurso e afirmou que ele foi vítima de "golpe judicial" por meio da Operação Lava Jato. Ele também chamou Lula de "camarada" e pediu que ele aguente firme a pressão a que vem sendo submetido.
"Nossa corrente, que se diz derrotada e perdida, foi golpeada duramente, especialmente na América Latina, onde você está vendo agora um golpe judicial contra Lula", afirmou Mélenchon. "Quando eles não conseguem eliminar um candidato, eles botam na cadeia", disse Mélenchon, ressaltando que Lula lidera as pesquisas de intenção de voto à Presidência da República. O líder francês também qualificou como "corruptos" os opositores de Lula. (247).


Blog do BILL NOTICIAS

RENATO ROVAI: PODEM TENTAR MATAR LULA NA CADEIA


O jornalista Renato Rovai, editor da revista Fórum, acompanhou as horas finais antes da prisão do ex-presidente Lula, em São Bernardo do Campo, e avalia que o golpe de 2016, iniciado com a derrubada da presidente Dilma Rousseff, entra numa nova fase, mais violenta e radical. "O Lula só sairá de lá com muita luta política", diz ele, que condena o fato de Lula ter sido colocado numa solitária e teme até um assassinato na cadeia. "Podem tentar matá-lo".
Ciente de que o motivo maior do golpe é uma profunda reorientação econômica no Brasil, que envolve a tomada de recursos naturais brasileiros, como o pré-sal, Rovai diz que a esquerda deve redobrar seus cuidados para não promover atos violentos, que possam ser usados pelo regime como pretexto para uma ditadura aberta. "Mas uma resistência democrática é mais do que necessária", afirma. Ele citou como exemplo de ação uma eventual paralisação das atividades da Petrobras.
Sobre a sucessão presidencial, Rovai destaca os elogios do ex-presidente a Guilherme Boulos e Manuela D'Ávila e também ao ex-prefeito Fernando Haddad, que, na sua opinião, é o petista melhor posicionado para se tornar candidato, caso Lula seja impedido. Ele acredita até que Lula pode ajudar a construir a frente única de esquerda. (247).


Blog do BILL NOTICIAS

População de Dormentes comemora resultado das chuvas

   
  
  (C.Britto)

Dormentes (PE), no Sertão do São Francisco, é mais um município da região a comemorar o resultado das recentes chuvas. Segundo informações repassadas ao Blog, choveu 104 milímetros (mm) de sábado (7) para este domingo (8) na área urbana. Até o momento, esse foi o maior temporal ocorrido em Dormentes.
No entanto, as famílias da zona rural também não escondem a alegria, já que estão com expectativas positivas quanto à boa safra deste ano. Além disso, os reservatórios irão acumular água suficiente para o suprimento dos moradores por vários meses. 

Blog do BILL NOTICIAS

ARGENTINOS SE MOBILIZAM PELA LIBERDADE DE LULA


Uma vasta gama de políticos, líderes sindicais e organizações sociais mobilizaram-se ontem à tarde em frente à Embaixada do Brasil em Buenos Aires para repudiar a perseguição política, judicial e midiática contra o ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva, favorito para as eleições de outubro.
As janelas da embaixada, localizada na esquina da Cerrito e Arroyo vibraram por alguns minutos, quando centenas de jovens entraram cantando que "a história dos gorilas foi concluída," e depois "Atenção, atenção, Lula vai cumprimentar os soldados de Perón". (247).
Leia mais aqui.


Blog do BILL NOTICIAS

LE MONDE SOBRE O BRASIL: DA GRANDEZA PARA A DECADÊNCIA


 “A tentação é grande para confundir o destino de Luiz Inácio Lula da Silva com o do Brasil. Uma nação emergente, sob a presidência do ex-sindicalista, entre 2003 e 2010, (...) reduziu drasticamente suas desigualdades, promoveu a melhoria da educação, enquanto brilhava na cena internacional. 

Hoje, o país está retornando à extrema violência. A miséria persiste, enquanto escândalos de corrupção pontuam as notícias políticas”. (247).
Leia mais na home do jornal francês.

Blog do BILL NOTICIAS

EVO MORALES: PRISÃO DE LULA É UMA DAS MAIORES INJUSTIÇAS DO SÉCULO XXI

Esq.: Reuters / Dir.: Stuckert

A prisão fruto de uma condenação sem provas do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva continua rendendo manifestações de apoio ao principal nome do PT até no exterior. O presidente da Bolívia, Evo Morales
"Estamos presenciando uma das maiores injustiças do século XXI. Querem encarcerar um homem inocente, que deu a sua vida a seu país e tirou dezenas de milhões de brasileiros da miséria e da fome. Hoje, mais do que nunca estou contigo", escreveu Morales em sua conta no Twitter.
Quem também prestou solidariedade ao ex-presidente foi o Secretário Geral do Podemos e deputado, Pablo Iglesias, na Espanha. Em discurso para uma plateia gigantesca, o parlamentar disse manifestar solidariedade ao povo brasileira que está lutando contra o autoritarismo e pediu a liberdade de Lula. Em seguida o público também gritou fazendo o mesmo pedido (veja aqui, inclusive o vídeo). (247).


Blog do BILL NOTICIAS

LULA SAI A PÉ DO SINDICATO, SE APRESENTA À PF E JÁ ESTÁ PRESO. SEM PROVAS

 Rafael Ribeiro

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva decidiu sair a pé do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, para se apresentar à Polícia Federal. Condenado sem provas por um tribunal de exceção, Lula começa a cumprir sua pena, que, na realidade, visa apenas impedir que ele dispute as eleições presidenciais de 2018. Neste sábado que entra para a história do Brasil como o dia em que o maior presidente da história foi preso, num processo amplamente contestado, Lula foi carregado nos braços do povo.(247).




Blog do BILL NOTICIAS

Lula começa a cumprir sua pena em Curitiba

Lula, no momento em que chega a Curitiba/foto: Ricardo Moraes/Reuters

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva chegou na noite deste sábado (7) a Curitiba, onde começará a cumprir a pena de 12 anos e 1 mês de prisão pela condenação no caso do triplex em Guarujá (SP).
Ele foi condenado por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Ele é o primeiro ex-presidente do Brasil condenado por crime comum.
Lula pousou no aeroporto Afonso Pena, em Curitiba, às 22h01. De lá, seguiu de helicóptero até a Superintendência da PF na capital paranaense, onde pousou às 22h28.
Por ordem de Moro, o ex-presidente ficará preso em uma sala especial de 15 metros quadrados, no 4º andar do prédio da PF, com cama, mesa e um banheiro de uso pessoal. Também foi autorizada a instalação de um TV no local.
O espaço reservado é um direito previsto em lei.
O mandado de prisão foi expedido pelo juiz Sérgio Moro no início da noite de quinta-feira (5) e, na sequência, Lula seguiu para a sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo (SP).
O ex-presidente se entregou à Polícia Federal quase 26 horas após o prazo dado pelo juiz para que ele se apresentasse voluntariamente.
Lula saiu a pé do sindicato, às 18h42, e caminhou até um prédio próximo, onde equipes da Polícia Federal o aguardavam. A saída teve de ser feita dessa maneira porque, por volta das 17h, Lula tentou sair de carro, mas foi impedido pela militância.
Inocência
De carro, Lula foi levado por agentes até a Superintendência da PF em São Paulo, onde realizou exame de corpo de delito. Na sequência, seguiu de helicóptero para o aeroporto de Congonhas e, de lá, decolou em avião com destino a Curitiba.
O ex-presidente anunciou que se entregaria neste sábado, em um discurso feito em frente à sede do sindicato. A fala durou 55 minutos e ocorreu durante ato religioso em homenagem a ex-primeira-dama Marisa Letícia, que completaria 68 anos neste sábado. Lula disse que não iria “correr”, “nem se esconder”.
Ele também criticou as decisões do Judiciário e disse que vai provar sua inocência. (Fonte: G1-PR).

Blog do BILL NOTICIAS

REPRESSÃO EM CURITIBA DEIXA OITO FERIDOS, DOS QUAIS TRÊS SÃO CRIANÇAS


Danyele Soares - Enviada especial da EBC – Oito pessoas ficaram feridas durante as manifestações ocorridas com a chegada por causa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a Curitiba para cumprir a pena de 12 anos e um mês à qual foi condenado por corrupção e lavagem de dinheiro. Três dos oito feridos são crianças, um é policial militar e os demais são manifestantes favoráveis ao ex-presidente.
Segundo o comando da Polícia Militar (PM), todos sofreram ferimentos leves e foram atendidos no local, mas três tiveram de ser encaminhados ao Hospital Evangélico. Entre os que foram para o hospital está uma criança que bateu a cabeça.
Após as mobilizações favoráveis e contrárias ao ex-presidente, o comandante do 20° Batalhão da Polícia Militar, tenente-coronel Mário Henrique do Carmo, que coordenou a operação, considerou bem-sucedida a ação policial.

Questionado sobre o uso de bombas contra manifestantes, Carmo disse que houve duas explosões no meio dos manifestantes. "Eles explodiram duas bombas no chão. E, pelo efeito das explosões, eles avançaram contra o portão da Polícia Federal (PF), e esta, por sua vez, os repeliu”, disse o tenente-coronel.

De acordo com Carmo, após a explosão das bombas da PF, os manifestantes correram para todos os lados, e a PM usou balas de borracha para evitar a aproximação entre os grupos com ideologias diferentes.
Perguntado sobre rojões lançados por grupos contra o ex-presidente, que caíram no estacionamento do prédio da Polícia Federal, o comandante respondeu que não poderia se posicionar porque não viu o material.

Blog do BILL NOTICIAS

Em Ipojuca, Frente das Oposições afirma que nome do candidato a governador de PE sairá até final de abril

Frente das Oposições/foto: Rafael Medeiros/divulgação

A Frente das Oposições ‘Pernambuco Quer Mudar’, encabeçado pelos senadores Armando Monteiro (PTB), Fernando Bezerra Coelho (MDB), os deputados federais Bruno Araújo (PSDB), Mendonça Filho (DEM) e Fernando Filho (DEM) e os ex-governadores João Lyra Neto (PSDB) e Joaquim Francisco (PSDB) reafirmou, em um grande ato político que reuniu pelo menos 3 mil pessoas, a unidade do bloco e o compromisso de construir um projeto que garanta a retomada do crescimento do Estado. Os líderes reiteraram, durante o encontro em Ipojuca, na Região Metropolitana, neste sábado (7), que até o final deste mês o candidato a governador será anunciado. O escolhido contará com o apoio de todos os partidos e lideranças que compõem o movimento.
Anfitriã do encontro, a prefeita Célia Sales (PTB) destacou que o evento uniu pernambucanos de todas as regiões numa grande demonstração de unidade em torno de um Pernambuco melhor. “Estamos aqui todos unidos, do Litoral ao Sertão, na certeza de abrir um novo tempo para o nosso estado. Chegou a hora de um novo tempo para Ipojuca e para Pernambuco”, destacou.
Diziam que não iríamos ficar unidos, que este nosso grupo não se sustentaria. A realidade é que estamos unidos e cada vez mais fortes. Independente da chapa que será montada, estaremos todos lado a lado, para mudar Pernambuco”, constatou o ex-ministro Fernando Filho.
Para o ex-governador João Lyra Neto, será desse palanque que sairá o futuro governador de Pernambuco. “O nosso escolhido vai fazer com que o estado retome sua liderança regional e nacional, mas acima de tudo, para cuidar da qualidade de vida dos pernambucanos“, disse.
O ex-governador Joaquim Francisco ressaltou que o grupo das Oposições vem somando apoios nos últimos meses. “Não vamos pronunciar um verbo que não tenha sequência. Por isso está chegando a hora da conclusão da primeira etapa. Que nós possamos fazer com que essa união se some ao desejo de mudar”, afirmou.
O ex-ministro das Cidades, Bruno Araújo, colocou que a razão que une o grupo das oposições é a vontade de fazer Pernambuco avançar. “De avançar na qualidade de vida dos pernambucanos, de avançar na saúde pública, na segurança pública que amarga números vergonhosos. Que nós possamos construir outra realidade juntos, que possamos construir um novo Pernambuco“, convocou.
O senador Fernando Bezerra Coelho destacou que o palanque do grupo das Oposições tem experiência, ousadia, força e coragem para levar Pernambuco a outro patamar. “Iremos definir, ainda esse mês, a composição da chapa. Mas qualquer que sejam os nomes, o mais importante é esse sentimento da mudança irá continuar presente. Vamos seguir juntos para encerrar esse ciclo e começar a escrever uma nova história para Pernambuco“, garantiu Fernando Bezerra Coelho.
O senador Armando Monteiro salientou que o grupo concluiu a primeira etapa reafirmando o compromisso de oferecer uma nova agenda ao povo pernambucano. “Vamos construir as propostas que vão dar conteúdo a todo o debate. E vamos fazer dialogando com os setores da sociedade. É preciso ouvir todo Pernambuco para e apresentar uma nova agenda para o estado”, cravou.
Intimidação
Encerrando o evento, o ex-ministro da Educação, Mendonça Filho, disse que, infelizmente, Pernambucano vive um tempo em que o poder serve para intimidar adversários e perseguir quem não está com o Palácio do Governo. “Não é exercido para atender as demandas básicas da saúde, da educação e da segurança. Na história de Pernambuco nunca se assistiu ao que se assiste hoje. Um governador no primeiro mandato, em busca da reeleição, com muito poder na mão, perdendo a cada dia mais aliados. Não tem habilidade. É governador, mas não lidera. É governador, mas não governa. Governam por ele. O entorno é quem manda. E o pernambucano percebe isso. Não é à toa que o nosso palanque só faz crescer. É preciso gerar esperança e resgatar a liderança que Pernambuco sempre teve no Nordeste e o respeito que sempre teve no Brasil“, concluiu. As informações são da assessoria.(C.Britto).

Blog do BILL NOTICIAS

Jesus Cristo, Tiradentes, Nelson Mandela, Lula...

Rafael Ribeiro

Retirante, filho de mãe analfabeta, Luiz Inácio Lula da Silva, que foi o primeiro representante das classes populares, a exercer o poder no Brasil e deixou o cargo com 87% de aprovação popular, entra agora para a galeria dos grandes mitos da história da humanidade. Escrevi esta coluna poucas horas antes daquela que seria a prisão – ou não – do maior líder político que o Brasil já conheceu. O que terá acontecido com Lula? Foi preso? Não? Houve reação popular? O Brasil entrou em guerra civil?
Não sabia do desfecho e não era sobre isso que escrevia. O que podia dizer naquele momento era sobre como Lula será lembrado daqui a 100, 200 ou quinhentos anos. Nunca antes, na história deste País, um governante deixou o cargo com 87% de aprovação popular. Nunca antes o Brasil foi tão respeitado e tão feliz. Também nunca antes um indivíduo foi submetido a uma perseguição tão implacável e tão insidiosa. Por que motivo um governante, que retirou 36 milhões de pessoas da miséria, em plena democracia, foi perseguido pela própria elite do País de que cuidou com tanto carinho?
Ódio, preconceito de classe, ignorância e ressentimentos... todos esses são fatores subjetivos que explicariam tamanha insensatez. No entanto, há fatores também concretos, econômicos, geopolíticos – e que são aqueles que realmente movem as grandes guerras. Sim, embora alguns ainda não saibam, o Brasil está em guerra. Não com tanques, canhões e baionetas, mas uma disputa não convencional. E tudo isso começou no governo Lula, quando a Petrobras fez a maior descoberta de petróleo do mundo, nos últimos cinquenta anos, com o pré-sal.
Desde então, o Brasil passou a ser atacado. A presidente Dilma Rousseff foi espionada, a Petrobras idem, grupos disseminadores de ódio e intolerância foram financiados pelo capital internacional e o golpe contra o Brasil cumpriu sua primeira etapa com a deposição ilegal – porque sem crime de responsabilidade – de Dilma. Em seguida, foi ela própria quem avisou que, depois disso, os próximos passos dos golpistas seriam promover a entrega do pré-sal e, ainda, interditar a participação de Lula nas eleições de 2018 – o que agora tenta se consumar.
O final da história ninguém será capaz de prever, uma vez que o Brasil entrou no território do imponderável. O que se pode dizer, no entanto, é que o martírio de Lula evoca os de personagens como Jesus Cristo, crucificado pelo próprio povo, Tiradentes, esquartejado a mando da coroa imperial, e Nelson Mandela, preso vinte e quatro anos antes de presidir e libertar seu País. Mais do que nunca, por sua história, pelo que fez nos seus governos e pela resistência pacífica e democrática quando se viu alvo de uma ignomínia judicial, Lula merece o Nobel da Paz.(247).


Blog do BILL NOTICIAS