terça-feira, 12 de dezembro de 2017

COM TEMER, INVESTIMENTO PÚBLICO NO PAÍS É O MENOR DA HISTÓRIA


 Desastre econômico de Michel Temer está cada vez mais evidente.
A Instituição Fiscal Independente (IFI) apontou ontem, em seu relatório mensal, que o investimento público chegou neste ano ao menor nível da série histórica em relação ao tamanho da economia: 2% do Produto Interno Bruto (PIB). O dado da IFI considera os 12 meses encerrados em junho, com a série anual iniciada em 1995.
No mesmo dia, o Ministério do Planejamento divulgou nota técnica da Secretaria de Planejamento e Assuntos Econômicos (Seplan), que considera a queda do investimento público nos últimos anos como resultado da necessidade de ajuste das contas fiscais e do engessamento da despesa do governo federal. Nas contas do Planejamento, no primeiro semestre o investimento público foi de 1,3% do PIB.
O Relatório de Acompanhamento Fiscal da IFI, que apontou o nível histórico baixo dos investimentos públicos em proporção do PIB, também faz análises desse indicador em termos de volumes financeiros, atualizando os números tanto pelo IPCA (o índice oficial de inflação) como pelo deflator do PIB, que também apontam um quadro negativo.
"O volume total investido pelo setor público passou a cair, nos últimos anos, após um período anterior de crescimento. Depois de ter alcançado o auge de R$ 228,0 bilhões, no ano de 2014, os investimentos públicos apresentaram quedas consecutivas até atingirem R$ 127,2 bilhões, em meados de 2017", diz o texto, mostrando que o valor é inferior ao de 2009.(247).
As informações são de reportagem de Fabio Graner no Valor.

Blog do BILL NOTICIAS

Ensino Técnico é apontado como solução para crise no mundo. Números mostram Brasil em atraso


Em alguns países, o ensino técnico e profissionalizante atinge mais da metade dos alunos do ensino médio. Segundo o Banco Mundial, 76% dos alunos na Áustria frequentam esses cursos. Na Alemanha, 51,5 %. No Brasil, esse índice é de apenas 7,8%. Em 2011, o Governo Federal criou o Pronatec (Programa nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego) mas, com a crise econômica, o programa perdeu fôlego. Em 2014, eram 880 mil vagas e em 2016, o número de vagas caiu para 372 mil.
E diante do cenário de crise mundial e na contramão da história, Cingapura aparece se destacando quando o assunto é ensino técnico. O sucesso do ensino técnico por lá é tanto, que o governo da cidade asiática está exportando seu modelo de educação continuada e ensino técnico – uma espécie de Pronatec Global. Os cursos são alinhados de acordo com as necessidades da indústria, e todos os professores tem direito a cem horas de desenvolvimento profissional, por ano. Depois de criar três escolas técnicas, com porte de universidades para 40 mil alunos, o modelo já começou a ser exportado pelo mundo. No ano que vem, será inaugurado um Instituto de Ensino Superior Técnico no Panamá, com base no de Cingapura.
“O ensino técnico sempre foi visto como uma oportunidade de colocação rápida no mercado de trabalho, pela duração mais curta dos cursos e também perfil mais prático do aprendizado. A crise terminou prejudicando um pouco, mas essa mesma crise foi usada como elemento de incentivo para iniciativas como esta, de Cingapura. Isso só serve para mostrar o quanto precisamos valorizar o ensino técnico e fazer com que, através dele, a gente consiga reaquecer a nossa economia”, conta Anderson Braga, mantenedor do CETTPS, instituição de referência no ensino técnico que funciona há mais de uma década em Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador. (Ascom),(C.Geral).

Blog do BILL NOTICIAS

Senador Fernando Bezerra Coelho diz que jogará ‘em qualquer posição’ em 2018

No evento realizado pela oposição, nesta segunda (11), o senador mudou o tom 
sobre sua participação no bloco oposicionista

Após declarar, em seus últimos discursos, que seria candidato a governador e que iria ganhar a eleição do ano que vem, o senador Fernando Bezerra Coelho (PMDB) mudou o tom, durante o evento do bloco oposicionista, realizado nesta segunda (11). Diante de lideranças como o ministro Mendonça Filho (DEM), o senador Armando Monteiro (PTB) e o deputado federal Bruno Araújo (PSDB), o peemedebista disse que pode jogar “em qualquer posição”, na eleição do ano que vem.
“Todos aqui sabem que me preparei para este momento. Mas se sou um homem de projeto e vou construir e ajudar a construir esse projeto que Pernambuco clama. Os projetos pessoais são muito menores do que o projeto coletivo. A história de Pernambuco exige um novo tempo”, colocou o senador, antes de ser aplaudido pela plateia presente no Arcádia do Paço Alfândega, no Centro do Recife.
Segundo Bezerra Coelho, o próximo evento organizado pelo grupo oposicionista será em Petrolina. “Hoje aqui é a largada. Mas vamos continuar o movimento de uma grande frente política para ir a todo o estado. Em janeiro o encontro é do outro lado. Lá na ponta do estado, na minha querida Petrolina. E de lá a gente vai subir o estado todo”, apontou.
Ao se referir ao governo Paulo Câmara, FBC ressaltou que “chegou a hora de virar a página”. “Chegou a hora de encerrar um ciclo político. Um projeto que está aí e já deu o que tinha que dar. Pernambuco agora quer mudar e vai mudar”, bradou o peemedebista.
“Sinto aqui no meu coração o sentimento que nos trouxe até aqui. O sentimento que está cada vez mais batendo forte no coração do homem e da mulher pernambucana. É o sentimento da mudança, que brota da alma de todos os pernambucanos. E a mudança surge porque o pernambucano se decepciona e se frustra com aquilo que ele acreditava, que ia ser a sequência de um projeto de desenvolvimento que colocou Pernambuco na liderança do Nordeste”, pontuou.(Blog da Folha),(C.Geral).
Acompanhe o discurso do Senador



Blog do BILL NOTICIAS

GLOBO CRITICA FHC E PEDE A PRISÃO DE LULA


A edição desta terça do jornal O Globo deixa claro que a publicação da família Marinho não gostou de ver o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso condenando uma eventual prisão de Luiz Inácio Lula da Silva.
A publicação resolveu então atacar o tucano e pedir, sim, a prisão de Lula.
Confira abaixo o texto:
Igualdade
Pode-se entender a benevolência do ex-presidente FH com Lula — “prefiro combatê-lo na urna a vê-lo preso” — devido à convivência dos tempos de resistência de ambos à ditadura militar.
Mas o Brasil de hoje felizmente é outro: um país em que as instituições republicanas estão sendo reconstruídas a duras penas e que, para se consolidarem, todo cidadão, não importa qual, tem de ser tratado como manda a lei.(247).
INCLUSIVE, CLARO, Lula.


Blog do BILL NOTICIAS

Jovem assassinada na manhã desta terça-feira(12) próximo a Rodoviária de Petrolina


A Policia foi acionada na manha desta terça-feira(12) para acompanhar um assassinato registrado em Petrolina PE, a vítima do sexo feminino,  foi alvejada por disparos de arma de fogo, próximo a Rodoviária.
As primeiras informações dão conta de que a jovem assassinada  era conhecida por `Tâmara´ e vendia drogas nas redondezas da Rodoviária e adjacências.
A Policia chegou ao local para fazer todo o acompanhamento e as diligencias de praxe. O IML já recolheu o corpo. Aguardem novas informações.(C.Geral).

Blog do BILL NOTICIAS

Em Petrolina, acidente no centro da cidade nesta terça-feira(12). Capotamento no cruzamento da Av Tobias Barreto com Souza Filho



Acidente de transito na manhã desta terça-feira(12) no centro de Petrolina-PE, com capotamento no cruzamento da Av. Tobias Barreto com Avenida Souza Filho.  O veículo  é um Fiat uno CS , de placa JMH-9438. Segundo testemunhas o motorista  pode te se atrapalhado no local onde o movimento de veículos é muito grande e se perdeu no volante, vindo a capotar. A amplitude do acontecimento espantou a todos no local e embora as imagens choquem, não houve feridos.
A AMPPLA foi acionada e está no local registrando o fato e já tomando as providencias para a liberação do transito nas duas avenidas. Aguardem novas informações.(C.Geral).

Blog do BILL NOTICIAS

VIADUTO DE SÃO PAULO TERÁ NOME DE MARISA LETÍCIA

Ricardo Stuckert/ PR

A Câmara de Vereadores de São Paulo aprovou Projeto de lei que dá o nome de Dona Marisa Letícia, mulher do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, já falecida, a um viaduto localizado no bairro de Santo Amaro, na Zona Sul da capital.
O Projeto de Lei 81/2017 foi apresentado em fevereiro deste ano, após o falecimento de Marisa em decorrência de de um acidente vascular cerebral (AVC).
De autoria do vereador Reis, o projeto foi proposto pela bancada do PT na Câmara. O viaduto, que ainda está em construção, passa por cima da Rua Daniel Klein e liga a Estrada do M´Boi Mirim à Avenida Luiz Gushiken. O prolongamento da Avenida Chucri Zaidan até a Rua Laguna ficou denominado como Avenida Cecilia Lottenberg.(247).
O projeto ainda depende da sanção do prefeito João Doria (PSDB).

Blog do BILL NOTICIAS

82% DESAPROVAM GOVERNO TEMER EM SÃO PAULO


A rejeição ao governo Michel temer pelo eleitorado paulista chega a 82%, segundo pesquisa realizada pelo Instituto Paraná Pesquisas. De acordo com o levantamento, outros 14,4% aprovam o governo do peemedebista e 3,5% não responderam ou não opinaram. A gestão Temer foi considerada boa ou ótima por 7,2% dos entrevistados, enquanto 20,3% a classificaram como "regular", e 71,5 como "ruim/péssima".
Ainda conforme a pesquisa, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), lidera a corrida pela a Presidência da República com 23,7% das intenções de voto, seguido de Jair Bolsonaro (PSC), com 19,9%, Lula (PT), com 19,4%, Marina Silva (Rede), com 9,6%, Ciro Gomes (PDT), com 4,6%, Álvaro Dias (Podemos), com 3%, Henrique Meirelles (1%), João Amôedo (Partido Novo), com 0,4% e Manuela D'Ávila (PcdoB), com 0,4%
A pesquisa ouviu 2.016 eleitores do Estado de São Paulo em 76 municípios. O levantamento foi realizado entre os dias 5 e 9 de dezembro e possui grau de confiança de 95% e uma margem de erro estimada em 2% para mais ou para menos.(247).


Blog do BILL NOTICIAS

Impunidade e extorsões no Recife Antigo

Três anos após cadastramento, flanelinhas ainda são denunciados por abordagens abusivas no Bairro do Recife

População reclama de ameaças e cobranças irregulares por vagas de estacionamento



As extorsões praticadas por guardadores de carros, conhecidos como flanelinhas, continuam no Bairro do Recife, área central da capital pernambucana. É o que denunciam motoristas que costumam estacionar na região. Além da violência e das ameaças, multas atribuídas sem explicação aos veículos, possivelmente pelo uso irregular deles na ausência de proprietários que deixam as chaves com os manobristas, deixam a população no prejuízo. As reclamações ocorrem quase três anos após um cadastramento de flanelinhas ter sido posto em prática pela Prefeitura (PCR) em parceria com a Polícia Civil. Estava nos planos da gestão municipal estendê-lo a outras regiões, mas a falta de êxito já no projeto piloto fez com que a iniciativa não avançasse. 

A condutora Branca (nome fictício) conta que normalmente os flane­­linhas se posicionam em frente ao veículo, intimidando-as e impe­­dindo-as de estacionarem em vaga livre. “Eles soltam indiretas como: Cuidado por aí, não garanto que seu carro fique seguro”, disse Branca. “Estamos com muito medo, pois todos os dias eles sabem a hora que chegamos e saímos. Alguns andam com facas”, completou.

Em janeiro de 2015, 118 flanelinhas foram cadastrados pela Secretária de Mobilidade e Controle Urbano (Semoc) do Recife. Segundo o órgão, a iniciativa tinha o objetivo de evitar extorsões e constrangimentos, já que os guardadores de carros receberam um crachá e tiveram antecedentes criminais checados junto à Delegacia da avenida Rio Branco. Faixas chegaram a ser instaladas na rua Madre de Deus com dizeres sobre o projeto e esclarecimentos à população sobre a não obrigatoriedade de pagar aos flanelinhas pela vigilância dos carros. O problema é que, com os anos, outros guardadores foram chegando para atuar na região sem qualquer tipo de controle. Hoje, poucos são os que trabalham usando o crachá. De acordo com os motoristas, alguns usam tornozeleiras eletrônicas do sistema prisional e exigem que o condutor compre a folha de Zona Azul por valores acima do normal (R$ 3).

Responsável pela segurança patrimonial de um prédio no bairro, sem atuação no policiamento ostensivo, o sargento João, da Polícia Militar (PM), visualiza as atitudes abusivas diariamente. “Eles cobram valores de até R$ 10, e quando recebem R$ 20, se escondem para não devolver o troco dos motoristas. Também estacionam o carro ocupando duas vagas para garantir o espaço de alguém que paga mensalmente por uma vaga, e exigem lavar o veículo do cidadão mesmo sem ele querer, para ter de receber pelo serviço”, relatou.

Em resposta à Folha de Pernambuco, a Semoc informou que só foi responsável pelo cadastramento dos flanelinhas, e que denúncias de extorsão e violência praticada por eles devem ser tratadas pela PM. Já a corporação esclareceu que a população deve procurar a delegacia mais próxima e registrar o boletim de ocorrência (BO), para que a Polícia Civil investigue as denúncias. A vítima pode denunciar também pela delegacia itinerante na internet, por meio do site servicos.sds.pe.gov.br/delegacia. Já sobre as reclamações relativas a multas aplicadas sem explicação, a Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU) afirmou que todos os cidadãos têm direito de recorrer da multa de trânsito registrada no Recife.(Folhape).



Blog do BILL NOTICIAS

Manhã negra em Petrolina. Acidente na BR Nilo Coelho com ônibus que conduzia trabalhadores às fazendas de frutas


Por volta das 6 horas da manhã desta terça-feira(12), na BR.428, rodovia Nilo Coelho, entre Petrolina e Lagoa Grande, um ônibus da Timbaúba Agrícola que transportava mais de 40 trabalhadores, foi colhido por uma carreta quando entrava na via de acesso da fazenda.
Alguns feridos foram encaminhados para o Hospital Universitário em Petrolina, mas passam bem, segundo os passageiros que ficaram ilesos. Aguardem novas informações. (C.Geral).

Blog do BILL NOTICIAS

Empresários pressionam deputados a votar pela reforma

Representantes da indústria de construção estão visitando a casa dos deputados para pedir voto
Carteira de trabalho Foto: Marcello Casal Jr/Br
Carteira de trabalho Foto: Marcello Casal Jr/Br


Os empresários entraram para valer na campanha de convencimento dos deputados para aprovarem a reforma da Previdência. Com poucos dias para angariar votos a favor da proposta, o empresariado decidiu ir além de e-mails, telefonemas e mensagens de celular, para, literalmente, bater à porta dos parlamentares. Representantes da indústria de construção estão visitando a casa dos deputados para pedir voto.

Outros setores também começaram a se mobilizar. Representantes da indústria química e da indústria de máquinas e equipamentos chegam nesta terça-feira(12)a Brasília para fazer um corpo a corpo com os congressistas. "Queremos falar com o maior número possível de parlamentares sobre a importância de se aprovar a reforma", diz Fernando Figueiredo, presidente-executivo da Associação Brasileira da Indústria Química (Abiquim). "A ideia é afastar do deputado o temor de que o trabalhador será prejudicado."

A Câmara Brasileira da Indústria da Construção (Cbic) cobrou empenho das 85 entidades filiadas em todo o País. Os membros de vários Sinduscons (sindicatos da construção civil) visitaram pessoalmente os deputados em suas casas para pedir apoio ao texto. Segundo o presidente da Cbic, José Carlos Martins, entre sábado e ontem pela manhã, 15 deputados indecisos foram convencidos a votar pela Previdência. A estratégia é focada principalmente nesse grupo, onde a resistência é menor.

Diretora do Sinduscon-PE, Maria Elizabeth Nascimento está em campo, angariando votos. Ela diz já ter conversado com 12 deputados pernambucanos para convencê-los a votar a favor da reforma. "Vou até a casa de cada um no meu Estado ou em Brasília no gabinete. Sou do tempo em que a conversa tem que ser feita no olho a olho", afirma. Nas conversas, ela tem repetido o mantra: "Se você não fizer hoje, vai ser cobrado amanhã". Maria Elizabeth acredita já ter revertido a indecisão de alguns. "Mas vou lutar até o fim."

O Placar da Previdência, ferramenta do Grupo Estado, aponta que 108 de 512 deputados se declaram indecisos em relação ao texto da reforma. Apenas 64 deputados disseram que vão votar sim. Outros 227 se declaram contrários.

O governo corre contra o tempo para aprovar a reforma ainda este ano na Câmara. As discussões sobre o texto estão previstas para começar esta semana, na quinta-feira. A votação ficaria para a semana do dia 18 de dezembro, caso o Planalto consiga os 308 votos necessários para aprovar o texto.

A mobilização dos empresários atende a um pedido do presidente Michel Temer, na semana passada. Em encontro com empresários da indústria química, Temer fez um apelo para que o empresariado pressionasse os parlamentares para votar a favor da proposta. "Não devemos menosprezar a capacidade deste governo de votar matérias no Congresso", disse Martins. Ele contou ter visto um mapa de votações e se disse impressionado com a forma como o monitoramento é feito. "É coisa de profissional", disse.

Os cruzamentos de posições por partido, por bancada, por grupo profissional e por região permitem saber onde estão os pontos de sensibilidade. Segundo Martins, muitos dos indecisos compreendem a importância da reforma, mas temem "queimar o filme" com o eleitorado no ano que vem. Ao mesmo tempo, não querem ficar mal com o governo, em caso de vitória. É nesse dilema que os empresários da construção foram instruídos a trabalhar.

"O ponto é deixar claro que a reforma não causa prejuízo para as pessoas de baixa renda, mas ataca os privilegiados que se aposentam com altos benefícios", diz Fernando Figueiredo, presidente-executivo da Associação Brasileira da Indústria Química (Abiquim). Representantes da Associação da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq) também estarão em Brasília hoje para se encontrar com parlamentares. O presidente da entidade, José Veloso, diz que há um esforço da associação em alertar os 270 integrantes da frente parlamentar que representa o segmento, a maioria deles da base do governo, da importância de aprovar a reforma. (DP).



Blog do BILL NOTICIAS

Chuva no Rio São Francisco deverá diminuir a partir dos próximos dias

Rio São Francisco

Depois dos primeiros dias de dezembro com o registro de muita chuva na cabeceira do Rio São Francisco, a precipitação hídrica tende a diminuir a partir de agora. A informação foi passada pela equipe técnica do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden) na manhã dessa segunda-feira (11), durante reunião promovida pela Agência Nacional de Águas (ANA), em Brasília (DF), e transmitida por videoconferência para os estados banhados pelo Velho Chico.
De acordo com informações do órgão, os próximos sete dias de dezembro apontam para chuvas em menor quantidade na bacia do chamado rio da integração nacional, mas em quantidade expressiva em outras regiões do país. Nos últimos três dias, a precipitação na região da cabeceira do rio, em Minas Gerais, ultrapassou os 80 milímetros (mm). O volume é considerado dentro da média esperada para o período.
Diante das informações, tanto a equipe da agência federal, quanto do setor elétrico, chamaram a atenção para o fato de os reservatórios apresentarem recuperação, mas ainda dentro de um estado crítico.
Com isso, o setor elétrico considerou necessária a manutenção da vazão mínima em Três Marias (MG) no patamar atual, de 80 metros cúbicos por segundo (m³/s); a elevação em Sobradinho (BA) para 628 m³/s, com vistas a garantir em Itaparica (PE) o nível de 10% do volume útil do reservatório e a permanência do nível atual de Xingó, entre Alagoas e Sergipe, em 550m³/s.
Conforme anunciado na reunião da semana passada, a ANA publicou na quarta-feira (06 de dezembro), no Diário Oficial da União (DOU), a revalidação da resolução que estabelece o Dia do Rio até abril de 2018. A medida suspende a captação de água no São Francisco todas as quartas-feiras, com exceção para abastecimento humano e dessedentação animal. Na segunda-feira da próxima semana acontece a última reunião do ano que analisa as condições hidrológicas na Bacia do Velho Chico. (Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco – CBHSF),(C.Geral).

Blog do BILL NOTICIAS


DEFESA DE LULA PEDE SUSPEIÇÃO DE MORO POR EVENTO NA PETROBRAS

ANDRE MOTTA/AGÊNCIA PETROBRAS | Paulo Pinto/Agência PT

Os advogados do ex-presidente Lula, Cristiano Zanin Martins e Valeska Martins, protocolaram nesta segunda-feira 11 um pedido de exceção de suspeição contra o juiz Sergio Moro, da Lava Jato, por sua participação em um evento da Petrobras na semana passada e pelos conselhos feitos pelo magistrado.
No documento, a defesa pede que Moro se afaste dos processos contra Lula e lembra que a estatal do petróleo "é parte (acusadora)" nas ações contra o ex-presidente.
A defesa lembra que, um dia antes de visitar a Petrobras, Moro aceitou pedido do Ministério Público para incluir a Petrobras como Assistente de Acusação. "Passou a ser parte formal, pois", destaca a petição.
Os advogados também pedem, além do afastamento de Moro, a suspensão do prosseguimento do processo e a declaração sobre se ele recebeu alguma recompensa para participar do evento da Petrobras, além de áudios e vídeos da visita por parte da empresa e a explicação se pagou pela participação de Moro.
Moro foi convidado na semana passada a participar do 4º Evento Petrobrás em Compliance, na sede da estatal, no Rio de Janeiro. Em seu discurso, ele fez sugestões à diretoria de práticas que devem ser adotadas para evitar a corrupção, como evitar indicações políticas e monitorar o modo de vida e a moradia dos executivos.
"Em nenhum lugar do mundo juiz vai visitar uma parte para dar-lhe conselhos jurídicos", rebateu Zanin em nota. "O discurso feito hoje pelo juiz Sérgio Moro na sede da Petrobras por si só compromete a aparência de imparcialidade e pode motivar o reconhecimento da sua suspeição", completou o advogado.(247).
Confira aqui o documento apresentado pela defesa.


Blog do BILL NOTICIAS