segunda-feira, 12 de agosto de 2013

Bahia Pesca e MDA reforçam assistência técnica para pescadores baianos


Gazzeta 12 de Agosto de 2013 as 17:20

peixe
Cerca de 2.500 famílias de pescadores dos municípios de Casa Nova, Remanso e Pilão Arcado receberão Assistência Técnica da Bahia Pesca, empresa vinculada à Secretaria da Agricultura. A iniciativa vai permitir a realização de visitas técnicas, seminários, palestras e cursos para os pescadores do território de identidade do Sertão do São Francisco totalizando investimentos da ordem de 4,4 milhões de reais do Ministério do Desenvolvimento Agrário. O contrato para a prestação dos serviços da assistência técnica e extensão rural foi assinado nesta segunda-feira (12), no Parque de Exposições de Salvador, durante o lançamento do Plano Safra da Bahia.
Dos 7.007 pescadores cadastrados no Registro Geral da Pesca (RGP) localizados nos três municípios (Pilão Arcado – 1.959, Casa Nova – 3.289 e Remanso – 1.769), 36% serão atendidas pela Bahia Pesca por um período de dois anos. “Não são apenas números a serem trabalhados e ampliados. São realidades de vida que serão modificadas e melhoradas graças à sensibilidade do MDA e à especial atenção dada pelo Governo do Estado à região”, enfatizou Eduardo Salles.
Segundo o Presidente da Bahia Pesca, Cássio Peixoto, o principal objetivo da ação é promover o desenvolvimento das comunidades pesqueiras do território do Sertão do São Francisco. “As políticas públicas visam a inserção dos pescadores aos projetos que atuem diretamente com as vocações, habilidades e culturas de pesca, além da difusão de estratégias produtivas que garantam a segurança alimentar e melhoria da qualidade de vida deles”, explicou Peixoto, ressaltando que outro impacto positivo será a elaboração de diagnósticos da produção familiar em cada comunidade, otimizando o trabalho da Bahia Pesca e Seagri.
Para o desenvolvimento das atividades, a empresa contará com uma equipe composta por coordenadores com experiência em pesca, ater e tecnologia social, além de 26 técnicos que farão o monitoramento e a avaliação das comunidades envolvidas. (Ascom/Bahia Pesca)
[F] Divulgação
Blog do Bill Art´s

Nenhum comentário:

Postar um comentário