quarta-feira, 4 de julho de 2018

PETROBRAS ELEVA PREÇO MÉDIO DO GÁS DE COZINHA EM 4,4%

Reuters


SÃO PAULO/RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Petrobras anunciou nesta quarta-feira alta de 4,4 por cento no preço médio do gás liquefeito de petróleo (GLP) para uso residencial, embalado em botijões de até 13 kg, o chamado gás de cozinha, a partir de quinta-feira.
O preço às distribuidoras passará para 23,10 reais o botijão, ante 22,13 reais a partir de 5 de abril, informou a petroleira estatal em seu site. Os ajustes da estatal do gás de cozinha são trimestrais desde janeiro.
A média nacional informada, anterior à incidência de tributos, considera os preços praticados nos diversos pontos de venda, que variam ao longo do território nacional, para mais ou para menos em relação à média, em até 5 por cento.
A petroleira destacou que a desvalorização do real frente ao dólar, que entre março e junho chegou a 16 por cento, e elevações de 22,9 por cento nas cotações internacionais do GLP no mesmo período poderiam levar a um reajuste superior ao divulgado hoje.
“Esse impacto foi diluído pela combinação entre o período de nove meses usado como base para o cálculo do preço... Além do mecanismo de compensação que permitirá que eventuais diferenças entre os preços praticados ao longo do ano e o preço internacional sejam ajustadas ao longo do ano seguinte”, disse a Petrobras.
A atual metodologia da Petrobras para reajustar o gás de cozinha busca conciliar a redução da volatilidade dos preços com os resultados da Petrobras. Segundo a empresa, características específicas do mercado de GLP possibilitaram a adoção de reajustes trimestrais baseados nas cotações internacionais do produto e variações no câmbio.
“Associado a mecanismo de compensação à Petrobras, a metodologia vem permitindo cumprir um dos objetivos da política atual de reduzir a volatilidade dos preços, preservando a saúde financeira da companhia”, disse a Petrobras.
A empresa ressalta em seu site que as revisões feitas podem ou não se refletir no preço final, que incorpora impostos e repasses dos demais agentes do setor de comercialização, como distribuidores e revendedores.(247).
Por Isabel Marchenta e Marta Nogueira

Blog do BILL NOTICIAS

MILHARES IRÃO A BRASÍLIA PARA REGISTRAR NO TSE CANDIDATURA DE LULA


 Movimentos sociais, partidos de esquerda, centrais sindicais, artistas e intelectuais preparam uma grande manifestação no dia 15 de agosto em Brasília, dia em que a candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a presidente será registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
Os apoiadores de Lula farão uma marcha que deve sair da cidade de Luziânia três dias antes e terminar com grande ato na capital federal que deve reunir milhares de pessoas. 
A senadora Gleisi Hoffmann, presidente nacional do PT, defendeu a mobilização para registrar a candidatura de Lula. "É muito importante a movimentação que estamos fazendo aqui fora pela afirmação da candidatura de Lula. Queremos reunir milhares de pessoas no dia e, junto com o povo, confirmá-lo na disputa", conta Gleisi.
Sobre o encontro recente que teve com Lula em Curitiba, Gleisi tratou de animar a militância. "Ele está com a cabeça ótima, com a saúde de um garoto de 25 anos. Mais do que indignado pela atuação do Judiciário ele está preocupado com a situação do Brasil. Das crianças brasileiras, com a falta de autonomia do governo, a soberania do país, com a falta de respeito perante o mundo, com a economia. O povo tem que voltar a ter confiança. É isso que ele quer. O povo sabe porque nós já fizemos isso", acrescenta.
Um dos organizadores do ato, Alexandre Conceição, que pertence à coordenação Nacional do MST, explica a importância da manifestação em defesa de Lula candidato. "Queremos convocar todos aqueles que acreditam na inocência do Lula e que estão na luta contra o golpe e os ataques à democracia. A marcha é um recado de paz para o Brasil", explica , um dos 
Para a vice-presidenta Nacional da CUT, Carmen Foro, além do peso simbólico de sair às ruas em defesa de um candidato que lidera todas as pesquisas mesmo mantido como preso político, o ato também é estratégico. "Não há como fazer justiça sem ouvir o que o povo quer. E as propostas de Lula estão em sintonia com o desejo da maioria. No ato, vamos estar todos juntos nas ruas de Brasília em sua defesa", espera.(247).


Blog do BILL NOTICIAS

LULA ANUNCIA QUE ONU IRÁ INVESTIGAR SEU CASO


O perfil oficial do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva nas redes sociais divulgou nesta quarta-feira, 4, vídeo em que o advogado Geoffrey Robertson anuncia que a Organização das Nações Unidas (ONU) irá julgar o mérito da denúncia de violação dos direitos fundamentais de Lula na sentença do juiz Sérgio Moro que o condenou a 9 anos de prisão, no caso do triplex do Guarujá.
"A Comissão [de Direitos Humanos da ONU] apresentou na última semana uma decisão na qual rejeitou a tentativa do governo brasileiro de parar a tramitação do caso e disse que julgaria o mérito da causa", afirmou Robertson. "Então, o Brasil terá que se defender internacionalmente contra as alegações de ter violado o direito de Lula à presunção de inocência, de lhe ter imposto um julgamento injusto perante um juiz parcial", completa o advogado. 
A primeira queixa de Lula foi apresentada ao Comitê em julho de 2016 pelo advogado Geoffrey Robertson e trata da parcialidade de Sérgio Moro na condução do processo.(247).



Blog do BILL NOTICIAS  

EM PLENA COPA, CÂMARA LIBERA ENTREGA DO PRÉ-SAL


Com o Brasil anestesiado pela Copa, a Câmara dos Deputados selou mais uma etapa do entreguismo, ao aprovar a entrega de 70% das reservas do pré-sal cedidas a Petrobras pela União a petroleiras internacionais; nas últimas 24 horas, o regime golpista acelerou a entrega também da Eletrobrás e da Embraer. Abaixo, reportagem da Agência Brasil:
Da Agência Brasil – O plenário da Câmara concluiu, nesta quarta-feira (20), a votação do projeto de lei que permite à Petrobras transferir ou negociar até 70% dos campos da cessão onerosa do pré-sal na Bacia de Santos. Pela proposta, será permitida a negociação do equivalente a 5 bilhões de barris de petróleo. A matéria segue para apreciação do Senado
O texto-base da proposta foi aprovado em junho e para que a medida tivesse tramitação concluída, os deputados ainda precisavam analisar as sugestões de mudança ao texto. No entanto, nenhuma das propostas apresentadas foi aprovada.
DivergênciasPara a oposição, a proposta diminui os poderes da Petrobras, ao esvaziar suas atribuições. Para o deputado Henrique Fontana (PT-RS), o projeto interessa às empresas internacionais. "O que se pretende é abrir esta enorme fronteira de exploração do petróleo do pré-sal para entregar às transnacionais do petróleo", declarou.
A oposição questionou ainda o tipo de licitação definido pela proposta. Pelo texto aprovado, a venda dos volumes excedentes ao contrato de cessão onerosa será feita sob o regime de partilha de produção. O Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) definirá diretrizes para a realização de leilão, inclusive quanto à forma de pagamento.
Para o deputado Orlando Silva (PCdoB-SP), o que se propõe é eliminar, na prática, a possibilidade de concorrência das licitações segundo as regras estabelecidas hoje. "Nós estamos discutindo regras para a exploração do petróleo, porque é uma riqueza do Brasil, um patrimônio do Brasil. Está, aliás, na Constituição, [estabelecendo] que é um patrimônio do nosso país. Já há regras próprias peculiares para a exploração do petróleo e as regras são peculiares, são próprias, por considerar as particularidades do setor de óleo e gás. Portanto, a licitação deve seguir as regras próprias para o setor de óleo e gás", disse.
Novos investimentos
Segundo o líder do governo na Câmara, deputado Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), a proposta vai atrair investimentos ao país. Para ele, a medida dará mais flexibilidade à Petrobras. "Isso não invalida que nós tenhamos transparência e que tenhamos, sem dúvida nenhuma, lisura dentro desse processo", disse Ribeiro, ao defender a derrubada de uma das propostas de alteração ao texto, que pretendia excluir do PL a permissão para a Petrobras, quando operadora de um consórcio de petroleiras, não usar as normas de licitação e contrato previstas na Lei 13.303/16, sobre regras de governança de empresas estatais.

"Esta é uma matéria importante para flexibilizar e dar autonomia e independência para que esse processo possa se dar não de forma como hoje existe. Às vezes, nós estamos falando aqui em licitação como se a licitação fosse uma forma de trazer lisura ao processo. Muito pelo contrário, nós temos hoje muitos processos licitatórios que são viciados", argumentou o parlamentar governista.
O texto prevê também que os contratos decorrentes da licitação não terão limite de volume de barris equivalentes e, caso definido no edital, poderão prever a exploração e produção do volume excedente ao contratado. O edital da licitação deve prever ainda o valor mínimo do pagamento pelos volumes excedentes ao contrato de cessão onerosa.
Extração
A proposta altera trechos da Lei 12.276/2010 e passa a permitir a possibilidade de, em casos de revisão do contrato de cessão onerosa, ser permitido o ressarcimento à Petrobras também em barris de petróleo.

Atualmente, a legislação concede exclusividade à Petrobras no exercício das atividades de pesquisa e lavra de petróleo, de gás natural e de outros hidrocarbonetos fluidos nessas áreas, e proíbe, expressamente, sua transferência.
Pelo texto do Projeto de Lei 8.939/2017, a Petrobras terá de manter 30% da participação no consórcio formado com a empresa parceira e a Agência Nacional de Petróleo (ANP) e deverá conceder autorização prévia e expressa. O projeto determina ainda que a Petrobras e a ANP publiquem, previamente, as motivações técnicas, econômicas e jurídicas que balizaram suas decisões.
Segundo a medida, além dessas condições, também será exigido que sejam mantidos o objeto e as condições contratuais e que o novo cessionário atenda a todos os requisitos técnicos, econômicos e jurídicos estabelecidos pela ANP.
O contrato e sua revisão deverão ser submetidos à prévia apreciação do Conselho Nacional de Política Energética (CNPE).
Cessão onerosa
Estabelecida em 2010, a cessão onerosa é um contrato em que a União concedeu à Petrobras o direito de explorar e produzir 5 bilhões de barris de petróleo e gás natural, em seis blocos do pré-sal da Bacia de Santos. Segundo a petrolífera, a produção é de, em média, 25 mil barris de petróleo por dia. Dos dez poços com maior produção no Brasil, nove estão localizados nessa área.


Blog do BILL NOTICIAS

APÓS UM ANO DE REAJUSTE DIÁRIO, COMBUSTÍVEL ESTÁ 50% MAIS CARO NO PAÍS

Esq.: Reprodução / Dir.: Paulo Whitaker - Reuters

O preço da gasolina comercializada nas refinarias acumula alta de 52,47% e o do diesel, de 49,92%, desde o dia 3 de julho do ano passado. Isso porque a política de preços da Petrobras passou a ser guiada pela cotação do barril de petróleo no mercado internacional (em dólar).
A estatal brasileira aumentou nesta quarta-feira (4) em 0,90% preço da gasolina comercializada nas refinarias. O preço da gasolina A passará de R$ 1,9854 por litro atualmente para R$ 2,0033 amanhã (5). 
O valor do diesel continua em R$ 2,0316 por litro desde 1º de junho, quando a estatal reduziu em R$ 0,07 o preço, após acordo com os caminhoneiros, que fizeram greve pedindo a redução no preço do diesel.(247).


Blog do BILL NOTICIAS

Morre o motorista de taxi de Petrolina em acidente próximo a Vermelhos – Lagoa Grande-PE

  (C.Geral)
Florentino



O motorista de Taxi de Petrolina, Florentino,  que sofreu um acidente com o seu veiculo na tarde desta quarta-feira(04) próximo a Vermelhos-Lagoa Grande-PE, não resistiu aos ferimentos e veio a óbito. Ele ainda foi socorrido para o Hospital de Lagoa Grande e depois transferido para o Hospital Universitário. Florentino fazia ponto no River Shopping.
No acidente,  um jovem de Cajazeiras-PB, também faleceu. Seus pais que o acompanhavam, sofreram escoriações e estão em observação hospitalar. Os três estavam indo visitar a uma das vinícolas de Lagoa Grande-PE.
Aguardem novas informações.

Blog do BILL NOTICIAS



PM de folga atira da sacada de casa e mata mulher de 20 anos em Poá

O policial afirma ter ouvido gritos e recebido ameaças de um casal que passava de moto
Reprodução
Reprodução

São Paulo, 03 - Um policial militar, de 21 anos, que estava de folga, matou uma jovem, de 20 anos, ao atirar da sacada de sua casa, na madrugada de segunda-feira, 2, no jardim Madre Ângela, em Poá, região metropolitana de São Paulo. O namorado da vítima, de 19 anos, também foi baleado nas costas e sobreviveu.

No momento que foi alvejado, o casal estava em uma moto. Brenda Lima de Oliveira foi atingida no peito e morreu na hora. O namorado foi socorrido e levado para o Hospital Regional de Ferraz de Vasconcelos.

O PM contou à polícia que estava sofrendo ameaças desde uma operação realizada no dia 28 de junho, próximo a sua residência, que resultou em diversas prisões. Após essa data, o PM disse que passou a observar um casal que, segundo ele, ficava rondando sua casa e olhando para o imóvel.

O PM relatou à policia que, no domingo, 1º, ouviu gritos e ameaças de morte. Ele contou que, por volta das 22h, uma bomba foi arremessada para dentro de sua casa. Também em depoimento, ele alegou que, ao observar as câmeras de segurança de sua residência, viu que uma moto passou pela sua rua e um dos ocupantes teria feito menção de sacar algo da cintura. Diante disso, o PM contou que atirou e acertou os ocupantes da motocicleta.

Em nota, a Secretaria de Segurança Pública informou que a Delegacia de Poá instaurou inquérito para investigar o caso. O boletim de ocorrência foi registrado como homicídio simples. A Polícia Militar acompanha as investigações.

Protestos

Inconformados com o caso, manifestantes protestaram contra a morte de Brenda Lima de Oliveira. Eles fecharam algumas ruas do bairro e incendiaram e apedrejaram dois ônibus no Jardim São José na tarde desta segunda-feira. Com isso, as linhas municipais 12 e 13 e as intermunicipais 589, 481, 026, 337 e 328 deixaram de circular.

A Radial, empresa responsável pelo transporte coletivo na cidade, informou que, por causa da falta de segurança, os ônibus municipais estão sem rodar nesta terça e as linhas intermunicipais trafegam até Nova Poá.(DP).



Blog do BILL NOTICIAS


CORTE INTERNACIONAL CONDENA BRASIL PELO ASSASSINATO DE VLADIMIR HERZOG


A Corte Interamericana de Direitos Humanos (Corte IDH) condenou o Estado brasileiro pelo assassinato do jornalista Vladimir Herzog, em 1975, durante a ditadura militar. O  julgamento aconteceu nesta quarta-feira (4) em São José, na Costa Rica.
"Em  sua  Sentença,  a  Corte  IDH  determinou  que  os  fatos  ocorridos contra  Vladimir  Herzog  devem  ser  considerados  crime  contra  a  humanidade,  de acordo  com  a  definição dada pelo Direito Internacional. Em  vista do exposto, o Tribunal concluiu  que  o  Estado  não  pode  invocar  a  existência  da  figura  da  prescrição  ou  aplicar  o  princípio  ne bis in idem, a lei de anistia ou qualquer outra disposição semelhante ou excludente de responsabilidade para escusar-se de seu dever de investigar e punir os responsáveis", diz o comunicado oficial da Corte sobre a sentença.
O órgão reforçou que Herzog foi preso, torturado e assassinato "em um contexto sistemático e generalizado de ataques contra a população civil, considerada como opositora à ditadura brasileira". A morta do jornalista foi "crime contra a humanidade", afirmou a sentença.
Novas investigações sobre o assassinato foram iniciadas em 1992 e 2007, mas foram arquivadas em aplicação à Lei de Anistia.(247).


Blog do BILL NOTICIAS

Mega-Sena acumula e deve pagar R$ 22 milhões no próximo sorteio

Prêmio estimado para o próximo sorteio, 
no dia 5, é de R$ 22 milhões

   Por: Folhapress
Cartelas da Mega-Sena
Cartelas da Mega-SenaFoto: Divulgação


Nenhum apostador acertou as seis dezenas do concurso 2.055 da Mega-Sena. Os números sorteados nesta terça-feira (3), em Rio Grande (RS), foram os seguintes: 06, 25, 35, 43, 46 e 53. O prêmio estimado para o próximo sorteio, no dia 5, é de R$ 22 milhões.

Confira o rateio oficial:
Sena - 6 números acertados - Não houve acertador
Quina - 5 números acertados - 41 apostas ganhadoras, R$ 31.190,36
Quadra - 4 números acertados - 2209 apostas ganhadoras, R$ 827,00

Quina
Nenhum apostador acertou as cinco dezenas do concurso 4.714 da Quina. Os números sorteados nesta terça-feira (3), em Rio Grande (RS), foram os seguintes: 09, 16, 53, 55 e 80. O prêmio estimado para o próximo sorteio, no dia 4, é de R$ 1,8 milhão.

Confira o rateio oficial:
Quina - 5 números acertados - Não houve acertador
Quadra - 4 números acertados - 44 apostas ganhadoras, R$ 7.648,44
Terno - 3 números acertados - 4410 apostas ganhadoras, R$ 114,75
Duque - 2 números acertados - 115254 apostas ganhadoras, R$ 2,41

Lotomania
Nenhum apostador acertou as 20 dezenas do concurso 1.880 da Lotomania. Os números sorteados nesta terça-feira (3), em Rio Grande, foram os seguintes: 00, 03, 04, 13, 17, 24, 31, 32, 36, 46, 48, 54, 58, 61, 67, 75, 82, 90, 96 e 97. O prêmio estimado para o próximo sorteio, no dia 6, é de R$ 4,2 milhões.

Confira o rateio oficial:
20 números acertados - Não houve acertador
19 números acertados - 8 apostas ganhadoras, R$ 30.185,99
18 números acertados - 112 apostas ganhadoras, R$ 1.347,59
17 números acertados - 994 apostas ganhadoras, R$ 151,84
16 números acertados - 5844 apostas ganhadoras, R$ 25,82
15 números acertados - 25492 apostas ganhadoras, R$ 5,92
0 acertos - Não houve acertador

Timemania
Nenhum apostador acertou as sete dezenas do concurso 1.200 da Timemania. Os números sorteados nesta terça-feira (3), em Rio Grande (RS), foram os seguintes: 15, 53, 58, 62, 65, 74 e 77. O time de coração é o São Paulo/SP. O prêmio estimado para o próximo sorteio, no dia 5, é de R$ 11,7 milhões.

Confira o rateio oficial:
7 números acertados - Não houve acertador
6 números acertados - 8 apostas ganhadoras, R$ 18.467,19
5 números acertados - 385 apostas ganhadoras, R$ 548,19
4 números acertados - 5595 apostas ganhadoras, R$ 6,00
3 números acertados - 52149 apostas ganhadoras, R$ 2,00



Blog do BILL NOTICIAS

Taxista petrolinense sofre acidente e passageiro morre

           (C.Geral)


Na tarde desta quarta-feira(04) um grave acidente automobilístico ceifou a vida de um jovem que viajava que viajava com os pais, próximo à cidade de Lagoa Grande-PE,
O casal, da cidade de Cajazeiras, estava com o filho, seguindo para uma vinicula próximo à cidade de Lagoa Grande, conduzidos pelo taxista bastante conhecido em Petrolina, seu Florentino, ao tentar desviar de um buraco perdeu o controle do veículo e capotou.
Após o acidente, os envolvidos foram direcionados ao hospital municipal de Lagoa Grande-PE. Dos quatro passageiros do veículo, o taxista, seu Florentino já foi conduzido para uma unidade hospitalar em Petrolina para melhores o pai teve apenas leves escoriações, a mãe foi internada e em estado estável,  e o filho do casal foi a óbito no local.

Blog do BILL NOTICIAS

Após cancelar agenda a Petrolina pela segunda vez, Paulo Câmara deverá vir à cidade em meio a novo ‘azedume’ entre prefeitura e Compesa

Paulo Câmara. (Foto: Blog do Carlos Britto)


A morte do presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), deputado Guilherme Uchôa, no dia de ontem (3), levou o governador Paulo Câmara (PSB) a cancelar pela segunda vez sua agenda administrativa em Petrolina. Mas o socialista não deve tardar reagendar uma nova visita à cidade.
Paulo tem ações da Caravana da Educação em Petrolina, entre outras, e faz questão de inaugurar essas obras.
Essa vinda do governador, no entanto, já será repleta de expectativas após novo embate envolvendo a prefeitura e a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa). O clima entre as duas partes voltou a azedar.

Blog do BILL NOTICIAS

Ministério Público investiga relação de Aécio com negócios de grupo de comunicação

A suspeita de desvio de recursos públicos e pagamento de propina está sendo apurada pela 
Polícia Federal de Minas Gerais

  Por: Folhapress
Aécio Neves
Aécio NevesFoto: Sérgio Lima/AFP



O Ministério Público de Minas Gerais instaurou um inquérito para investigar se recursos públicos do estado foram usados em negócios do Grupo Bel, de comunicação. Por ter como alvo o senador Aécio Neves (PSDB-MG), a apuração partiu da Procuradoria-Geral da República e foi autorizada pelo STF (Supremo Tribunal Federal) em outubro passado. O ministro do STF Marco Aurélio determinou que a investigação fosse desmembrada e enviada a Minas Gerais, pois também envolve a irmã de Aécio, Andrea Neves, e Flávio Carneiro, do Grupo Bel, que não têm foro privilegiado.

A suspeita de desvio de recursos públicos e pagamento de propina está sendo apurada pela Polícia Federal de Minas Gerais. Ao mesmo tempo, o promotor Eduardo Nepomuceno, da 17ª Promotoria de Justiça de Defesa do Patrimônio Público, instaurou no último dia 22 um inquérito civil para investigar se houve dano ao erário, enriquecimento ilícito e improbidade administrativa.

Os documentos enviados pela Procuradoria-Geral da República pedem uma investigação a respeito da desapropriação de um terreno pertencente a uma rádio do Grupo Bel em 2013, quando o senador Antonio Anastasia (PSDB-MG) era governador. O local foi usado para a construção de uma área integrada de segurança pública, e o estado depositou R$ 1,09 milhão como indenização, mas o caso está no Justiça até hoje.

A suspeita é que a verba tenha sido repassada ao Grupo Bel para viabilizar a compra do jornal mineiro Hoje em Dia com o objetivo de favorecer Aécio na eleição de 2014. Segundo a delação do empresário Joesley Batista, Carneiro era aliado do senador.
Ainda em relação à compra do jornal Hoje em Dia pelo Grupo Bel em 2013, a Procuradoria-Geral da República investiga se um pagamento de R$ 2 milhões da construtora Andrade Gutierrez à Ediminas, que edita o jornal, teria sido desviado para Aécio.

Em delação premiada, Joesley disse que, para saldar dívidas de campanha de Aécio, comprou um prédio superfaturado do Hoje em Dia por R$ 17 milhões. Em 2016, o diário foi novamente vendido, e hoje pertence ao ex-prefeito de Montes Claros Ruy Muniz (PSB).

Outro lado
A defesa de Aécio diz que as denúncias são infundadas e vindas de adversários políticos. Em nota, afirma ainda que é importante que o Ministério Público investigue o assunto para que fique comprovada a denunciação caluniosa daqueles que querem fraudar a Justiça e a opinião pública. A defesa de Andrea Neves afirma que: "a falsa acusação não vem acompanhada de nenhuma evidência, comprovando o objetivo político e a deliberada má-fé de quem fez a denúncia". "Lamentavelmente, a verdade, quando demonstrada ao final da investigação, não será capaz de repor os danos causados pelas falsas suspeitas", completa. 

A assessoria do Grupo Bel afirma que não houve dinheiro do estado na compra do jornal Hoje em Dia e que a compra não serviu aos interesses de Aécio. Também diz que o repasse da Andrade se refere a publicidade que foi efetivamente veiculada. "Essas acusações têm um viés claramente político sem a menor conexão com a realidade. Todos os esclarecimentos estão sendo prestados às autoridades competentes, acreditando que, ao final, os responsáveis pelas afirmações serão devidamente responsabilizados", diz a nota, que representa também a defesa de Carneiro.

O senador Antonio Anastasia, que é pré-candidato ao governo de Minas, não é alvo do inquérito, mas é citado por ter sido governador à época da desapropriação. Segundo sua assessoria, a desapropriação é regular e o tucano defende a investigação caso existam dúvidas.



Blog do BILL NOTICIAS

Bolsonaro se esconde no banheiro para escapar de xingamentos

Uma passageira que passou a cercá-lo e a chamá-lo de "lixo" na sala de embarque do aeroporto de Congonhas

                         Por: Folhapress 
Jair Bolsonaro
Jair BolsonaroFoto: Paullo Allmeida/Folha de Pernambuco

O deputado federal Jair Bolsonaro (PSL-RJ) teve que se esconder no banheiro na tarde desta terça-feira (3) para escapar de uma passageira que passou a cercá-lo e a chamá-lo de "lixo" na sala de embarque do aeroporto de Congonhas, em São Paulo. Quase sempre acompanhado nos terminais por seguidores que o aplaudem, gritam palavras em seu apoio e o seguem fazendo vídeos, fotos e selfies, o pré-candidato à Presidência viveu a situação adversa quando se preparava para embarcar num voo da Gol para Brasília.

A mulher chegou a se jogar no chão, preocupando outros passageiros que observavam a cena. Bolsonaro confirma o episódio. "A senhora se aproximou, pelo que tudo indica, bastante embriagada, se encostando. Eu saí de perto, é lógico. Ela chegou a cair no chão sozinha", relata. "Eu lamento, lamento o ocorrido. E lamento que não havia pessoa adequada [seguranças ou funcionários] no aeroporto para resolver o assunto. Até porque, pelo que eu acho, ela não poderia embarcar num estado desses", disse o candidato.


Blog do BILL NOTICIAS

Aniversário de 140 anos de Juazeiro terá inaugurações, eventos e atividades esportivas e culturais

  (C.Geral)

O mês de julho chegou e o município de Juazeiro se prepara para as comemorações dos 140 anos da elevação de Vila à categoria de cidade. Para celebrar esta data, principalmente no 15 de julho, a Prefeitura preparou uma programação com inaugurações, anúncio de novas obras, eventos de negócios e acadêmicos, Feira de Serviços, além de atrações culturais e esportivas.
Durante este período, vale destacar a realização da 27ª Fenagri, mais uma entrega de Casa do Programa Transformar, vias pavimentadas, entrega do Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU) e pavimentação e drenagem da Avenida Principal no bairro Tabuleiro.
No dia 17, o prefeito Paulo Bomfim fará o anúncio do novo ciclo de grandes obras em Juazeiro. “A nossa primeira intenção é presentear a cidade, as pessoas. Mesmo num momento de crise, estamos conseguindo vencê-la, com alternativas e apoio da equipe de gestão e a parceria com a população. O ex-prefeito Isaac Carvalho nos deixou um legado de organização, que nos permite traçar novos caminhos em busca de investimento para que assim possamos exercer o cargo público com dignidade e  melhorar a vida das pessoas, que é o nosso foco”, ressaltou o prefeito. (Ascom).

Blog do BILL NOTICIAS

Com sistema de irrigação quase pronto, Parque Josepha Coelho recebe 200 novas árvores

Foto: Jonas Santos/PMP divulgação

Com 70% do sistema de irrigação concluído, o Parque Municipal Josepha Coelho, na área central de Petrolina, passará por mais uma etapa de revitalização ambiental. O espaço está recebendo cerca de 250 novas árvores de espécies como oiti, catingueira, jatobá, ipê roxo, aroeira e paineira.
Além da implantação do sistema de irrigação, também está sendo construída uma pista para a prática de skate com concreto especial (no formato bowl) e um jardim sensorial, com caráter inclusivo. O jardim abrigará canteiros sensoriais com plantas, fonte de água corrente e acabamento de eucalipto, com o objetivo de despertar os sentidos dos visitantes.
A obra está orçada em R$ 529 mil, com verba de emenda parlamentar do deputado federal Fernando Filho. A previsão é a construção dos novos equipamentos seja concluída até o final deste ano. As informações são da assessoria da PMP.
Foto: Jonas Santos/PMP divulgação

Blog do BILL NOTICIAS

CÂMARA APROVA ENTREGA DO PRÉ-SAL A MULTINACIONAIS

Esq.: Luis Macedo / Dir.: ABR

A Câmara dos Deputados concluiu nesta quarta-feira (4) a votação do projeto do deputado federal José Carlos Aleluia (DEM-BA) que permite à Petrobras vender até 70% dos direitos de exploração de 5 bilhões de barris de petróleo, por meio do chamado acordo de cessão onerosa. A proposta segue agora para o Senado.
De acordo com o projeto, a estatal brasileiro terá de manter 30% da participação no consórcio formado com a empresa cessionária.
As licitações dos volumes excedentes aos 5 bilhões de barris do contrato de cessão onerosa será feita sob o regime de partilha de produção - neste caso, os custos das operações são descontados do valor total e o excedente em óleo é partilhado entre o consórcio que explora a área e a União.
O Plenário da Câmara dos Deputados rejeitou, por 235 votos a 30, emenda do deputado Orlando Silva (PCdoB-SP) ao Projeto de Lei 8939/17 que pretendia estipular vigência a partir de 270 dias da publicação da futura lei para dispositivo que autoriza a União a licitar o óleo excedente.
Em 2010, com a Lei 12.276/10, a União vendeu diretamente à Petrobras, sem licitação, uma área na Bacia de Santos (SP) ao valor de R$ 74,8 bilhões. Essa cessão para a Petrobras é limitada até se alcançar a extração de 5 bilhões de barris equivalentes de petróleo.(247).
*Com Agência Câmara

Blog do BILL NOTICIAS

Cantora Alcione é internada em São Paulo

Ela foi submetida a um cateterismo, seguido de angioplastia

  Por: Agência Brasil
Alcione está estável e deverá ficar internada durante a semana. Foto: Jorge Luiz/Prefeitura do Recife
Alcione está estável e deverá ficar internada durante a semana. Foto: Jorge Luiz/Prefeitura do Recife

A cantora Alcione foi internada nesta terça-feira (3), no Hospital Sírio-Libanês, na capital paulista, com quadro de angina instável (dor ou desconforto no peito geralmente devido à obstrução ou espasmos das artérias coronárias), segundo boletim médico divulgado pelo hospital.
 
Ela foi submetida a um cateterismo, seguido de angioplastia. Segundo o hospital, "a intervenção transcorreu com sucesso e sem intercorrências". Alcione está estável e deverá ficar internada durante a semana.


Blog do BILL NOTICIAS


Sob gritos de que o Brasil ‘vai parar’, comissão adia votação da Medida Provisória do Frete

  (C.Geral)
Para Osmar Terra, empresas precisam ter ‘sensibilidade’


Sob protestos dos caminhoneiros, foi suspensa no período desta terça-feira (03) a reunião da comissão especial do Congresso que analisa a Medida Provisória 832, que estabelece uma política de preços mínimos para o frete rodoviário. A interrupção se deu por um pedido de vista do deputado Evandro Gussi (PV-SP).
De nada adiantaram os apelos dos demais parlamentares para seguir com a votação, já que a matéria precisa ser aprovada na comissão e nos plenários da Câmara e do Senado antes do recesso parlamentar, que se inicia no próximo dia 17.
A vista foi concedida por 24 horas. A ideia agora é tentar votar a matéria na comissão nesta quarta-feira (04) à tarde e no plenário da Câmara à noite.
“Vai parar o país”, gritaram representantes dos caminhoneiros presentes à reunião, diante da suspensão da reunião. Preocupado, o relator da matéria, deputado Osmar Terra (MDB-RS), procurou acalmar as lideranças. “Calma, que vamos resolver isso”, pediu, numa roda de conversa pequena.
Ele ponderou que uma paralisação leva tempo para ser organizada, por isso eles deveriam aguardar a evolução das discussões, sob pena de mobilizar uma nova greve e ela não ser bem-sucedida.
Apesar da irritação e da tensão na categoria, as lideranças concordaram em esperar. “Não vamos ser irresponsáveis como o deputado que pediu vista”, atacou o presidente do Sinditac (Sindicato dos Transportadores Autônomos) de Ijuí, Carlos Alberto Litti Dahmer.

Relatório agrada caminhoneiros

O relatório elaborado por Terra agradou aos caminhoneiros. Conforme informa o jornal “O Estado de S. Paulo” em sua edição desta terça, ele fixa “pisos mínimos” para o serviço de transporte. O cálculo desse piso será feito pela ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres), conforme critérios ainda a serem discutidos.
Terra adiantou que o piso mínimo terá de ser suficiente para cobrir a manutenção dos caminhões e o descanso dos caminhoneiros. Ele afirmou que, no debate em torno da MP, ficou claro que os autônomos são o elo mais fraco. Segundo o texto, o piso deverá “refletir os custos operacionais totais do transporte.”
O relatório prevê também que, cada vez que o preço do diesel variar mais do que 10% para cima ou para baixo, os preços mínimos serão revistos.
O cálculo do preço mínimo terá “ampla publicidade” e contará com a participação dos representantes dos embarcadores, dos contratantes dos fretes, das cooperativas de transportes de cargas, dos sindicatos de empresas de transportes e dos transportadores autônomos de carga, prevê o relatório.

Regras mais duras para as empresas

O relatório endurece o tratamento às empresas que descumprirem a tabela de piso mínimo. Foi mantida a previsão que o caminhoneiro prejudicado terá direito a uma indenização equivalente ao dobro da diferença entre a tabela e o valor efetivamente recebido. Mas o texto abre a possibilidade de haver multa por parte da ANTT, o que não constava da MP original.
Diz ainda que há responsabilidade subsidiária no pagamento da indenização por parte de empresas que anunciem serviços de frete abaixo da tabela e os responsáveis por aplicativos que permitam a veiculação de propaganda desses serviços.
Antes da reunião, para evitar um pedido de vista do deputado Nelson Marquezelli (PTB-SP), Terra concordou em incluir uma emenda que anistia as multas pela paralisação aplicadas entre 21 de maio e 4 de junho.
Mas o relator deixou clara sua discordância, ao comentar que algumas das multas aplicadas de fato foram injustas, pois o caminhoneiro foi impedido de transitar. Mas houve muitas punições devidas. “Houve locaute”, afirmou. (Estadão).

Blog do BILL NOTICIAS