quarta-feira, 8 de novembro de 2017

POLICIAIS BAIANOS LANÇAM MANIFESTO CONTRA BOLSONARO


Um grupo de policiais da Bahia acaba de divulgar um manifesto de repúdio contra o deputado Jair Bolsonaro, que deve concorrer ao Planalto no ano que vem.
O coletivo de Policiais Baianos Progressistas e Pela Democracia divulgou um texto ressaltando a importância dos direitos humanos e da valorização da vida.
"Escolhemos essa profissão para proteger as pessoas — nossas famílias, nossos vizinhos, os cidadãos e as cidadãs do nosso estado —, para cuidar dos outros, para acabar com o medo e não para provocá-lo, para garantir a paz social e não para fazer a guerra. Entendemos que não é abolindo ou desrespeitando os direitos humanos, como pedem alguns demagogos, que vamos reduzir a violência na sociedade; muito pelo contrário", diz o texto.
Confira abaixo a íntegra do manifesto anti-Bolsonaro:
PORQUE REJEITAMOS E SOMOS CONTRA BOLSONARO
O coletivo de Policiais Baianos Progressistas e Pela Democracia é um grupo informal de Policiais que se inspira e se associa às ideias do Movimento Policiais Antifascismo e no Agentes da Lei Contra a Proibição, e acredita numa política de segurança pública que tenha os direitos humanos e a dignidade da pessoa humana como fundamento. Escolhemos essa profissão para proteger as pessoas — nossas famílias, nossos vizinhos, os cidadãos e as cidadãs do nosso estado —, para cuidar dos outros, para acabar com o medo e não para provocá-lo, para garantir a paz social e não para fazer a guerra. Entendemos que não é abolindo ou desrespeitando os direitos humanos, como pedem alguns demagogos, que vamos reduzir a violência na sociedade; muito pelo contrário.
Num contexto de profunda crise social, econômica, política, moral e educacional, o aumento da violência em suas diversas formas, é perfeitamente compreensível que as pessoas queiram um governante forte e capaz de mudar isso. E esses anseios populares tem servido como desculpa para discursos que clamam por mais violência para enfrentar a violência, mais armas para enfrentar os tiros, menos direitos para proteger os direitos ameaçados pela criminalidade, penas mais duras que chegam tarde e não mudam nada, mais guerra para reduzir os danos de uma guerra que não deu certo. Respostas contraditórias, sem dúvida ineficazes, comprovadamente ruins em todos os países que as adotaram, porém, sedutoras, porque recorrem ao medo e ao desespero das maiorias para vender uma receita mágica, simplista, mas que não deu certo em lugar nenhum.
Diante desse quadro, não poderia haver alguém pior que Bolsonaro para resolvê-lo. Ele demonstra total despreparo teórico e prático pra enfrentar essa crise e governar um país tão grande, diverso e complexo como Brasil. Não tem formação e nem experiência de gestão pública. Não entende nada de Economia. É totalmente ignorante sobre Relações Internacionais e Política Internacional. Desconhece os problemas do país e, assim, também desconhece as soluções. Consequentemente não tem qualquer projeto de governo e de políticas públicas para saúde, educação, moradia, mobilidade urbana, geração de emprego e renda, e assistência social.
Nem mesmo para área de segurança pública tem propostas sérias, consistentes e que possam trazer algo de bom para o país. Embora, quando fala desse tema, pareça saber o que diz, é um completo incompetente, um político incapaz. Suas propostas para área se resumem a dar carta branca (sic) para policiais matarem e a liberação geral da posse e porte de armas de fogo. Como se já não ostentássemos as assustadoras estatísticas de mortes violentas intencionais- 61,5 mil assassinatos registrados em 2016 e mais de 3 mil mortes decorrentes de ações policiais.
O pior é que é mais que isso. Bolsonaro surgiu no cenário político nacional bradando contra a corrupção e em defesa da ordem. Contudo, ironicamente sua carreira política se iniciou a partir de atos de desordem, indisciplina e deslealdade perante o Exército Brasileiro. Após dar uma entrevista e escrever um artigo para a revista Veja, reclamando dos salários dos militares, foi punido administrativamente, e, por isso, planejou colocar bombas numa adutora da Companhia de Águas do Rio de Janeiro e na Escola de Aperfeiçoamento de Oficiais, a fim de provocar uma desestabilidade política e a queda do Ministro do Exército.
Quanto à Corrupção, apesar do discurso moralista e da autodeclaração de homem honesto, não explicou o aumento do patrimônio incompatível com os vencimentos. Além de ter recebido dinheiro da Friboi em sua campanha eleitoral e de fazer parte da “Lista de Furnas”. Seu silêncio em relação às acusações contra Temer, Aécio e outras figuras do PMDB, PSDB e DEMo chama bastante atenção sobre sua hipocrisia no que tange ao assunto.
Após a conspiração terrorista de 1987 denunciada pela revista Veja, acima citada, deixou o Exército e no ano seguinte elegeu-se vereador pelo município do Rio de Janeiro, onde se especializou em defender mamatas. De lá para cá, elegeu-se e reelegeu-se diversas vezes deputado federal, empanturrando-se nas benevolentes tetas do Estado, ganhando como legislador, mas sem quase nunca legislar. Ao longo desses quase 30 anos como parlamentar, só apenas duas vezes ele conseguiu convencer seus colegas de que o que estava propondo merecia se tornar lei. Sua atuação parlamentar se resumiu a ser um advogado de causa própria. Os projetos de lei que apresentou diziam respeito a questões corporativas, que visavam aumentar os benefícios de sua própria classe profissional, a dos membros das Força Armadas. A exemplo de um projeto de lei que, caso fosse aprovado, obrigaria o Estado a pagar parte das mensalidades escolares de filhos dos militares federais (incluindo os filhos dos militares da reserva, como ele).
Se por um lado, sempre se mostrou desinteressado, incompetente e ineficaz em apresentar propostas que viessem a impactar positivamente a vida dos trabalhadores e trabalhadoras. Por outro, se mostrou bastante alinhado ao governo corrupto e golpista de Michel Temer. Tendo votado a favor da extinção de direitos trabalhistas. Inclusive, declarou em uma palestra (?) nos EUA que o brasileiro tem que decidir entre ter trabalho (precarizado claro) ou ter direitos trabalhistas. Pois, como se percebe, não passa pela cabeça dele a possibilidade do empresário diminuir um pouco os altos lucros e o trabalhador ter direitos e emprego. Tendo ainda votado na Lei que amplia a terceirização e precarização do trabalho. Além de ter também votado a favor da chamada “PEC do Fim do Mundo”, a Emenda Constitucional nº 95 que congela gastos em saúde, educação, segurança, assistência social e os investimentos públicos por 20 anos.
Também se mostrou bastante eficiente em ser um político boquirroto. Se especializou no discurso de ódio. Sempre proferindo coisas que ninguém julgava possíveis de serem proferidas em público. Atacando mulheres, gays, negros, refugiados, sobretudo quando pobres. Chegou a dizer que Quilombolas “não deveriam procriar”, que os refugiados sírios e haitianos eram escórias, que mulheres deveriam receber salários menores, que preferia ver um filho morto a se declarar gay e que a ditadura militar matou pouco. Enfim,
passou três décadas agredindo militantes de esquerda, ativistas de direitos humanos, gays, mulheres, negros. Além de fazer apologia à tortura, ao estupro e ao assassinato. Desta forma, ganhou notoriedade não pelo que produziu como parlamentar – praticamente nada –, mas pelo discurso de ódio contra as minorias.

Como vemos, tudo o que ele tem a oferecer é mais violência, medo e ódio. É mais rancor, mais frustração, mais retaliação, mais tiro, mais sangue. Mais morte, mais homicídios. Tudo isso para compensar o desemprego, a precarização do trabalho, a precariedade dos serviços públicos de saúde, educação e assistência social, a falta de moradia, a desigualdade socioeconômica. Isso que ele está prometendo e tem a oferecer para o povo brasileiro é o inferno para nós policiais honestos e bons servidores, que acabamos sendo vítimas de assassinatos, muitos desses
gerados por essa lógica belicista e de culto ao ódio (o Brasil é também campeão mundial em mortes de policiais). Tudo isso é o contrário do que precisamos.

Enfim, por todo o exposto e por defendermos a construção de uma sociedade livre, justa e solidária; que possa garantir o desenvolvimento nacional, a erradicação da pobreza e da marginalização, a redução das desigualdades sociais e regionais, e que promova o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade, orientação sexual e quaisquer outras formas de discriminação, é que rejeitamos a candidatura do deputado Jair Bolsonaro à presidência da República.
Cap PM George de Matos Santos- Corregedoria
Cap PM Rogério de Oliveira Barbosa- 6ª CIPM
Cap PM Ricardo Penalva da Silva- 62ª CIPM
Cap PM André Francisco Campos- CPRC/ Atlântico
Cap PM Claudemir Cardoso Mota- Corregedoria
SubTen PM Misael de Souza Santos- CBMBA
Sub Ten Nelia de Souza Amorim Gomes - Corregedoria
1° Sgt PM Paulo César de Oliveira- RR
Cb PM Alexsandro dos Santos Moreira- 27ª CIPM
Cb PM Laércio Neres Brito- 56ª CIPM
Cb PM Angelo Márcio Santos da Silva-
6ªCIPM
Cb PM Gustavo Souza- CBMBA
Cb PM Carla Maia- 56ª CIPM
Sd PM Ricardo de Matos Santos- 97ª CIPM
Sd PM Gilmar Carvalho Figueiredo- 4° BPM
Sd PM Ewerton Santana Monteiro- EsqpMont/Fsa
Sd PM Diego Roberto de Almeida Adorno- 6ª CIPM
Sd PM Jean Carlos Ferreira Dourado- 38ª CIPM
Sd PM Luís de Oliveira Ferreira Júnior- 51ª CIPM
Sd PM Gabriel Matos- Departamento de Comunicação Social (247).


Blog do BILL NOTICIAS


BNDES PREVÊ FALÊNCIA OU VENDA DE EMPRESAS ATINGIDAS PELA LAVA JATO

Reprodução | Agência Brasil | Erasmo Salomão/Ascom

O diretor jurídico do BNDES, Marcelo de Siqueira Freitas, fez o mais duro relato sobre o impacto da Lava Jato no setor de infraestrutura.
Segundo ele, projetos ligados a empresas como Odebrecht, Andrade Gutierrez, UTC e Camargo Corrêa terão que ser vendidos – ou as empresas irão à falência.
"Concessionárias de infraestrutura controladas por empreiteiras envolvidas na Operação Lava-Jato terão que ser vendidas ou caminharão para a falência. Segundo o diretor jurídico do Banco Nacional Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Marcelo de Siqueira Freitas, com os sócios atuais essas empresas não terão acesso a financiamento de longo prazo e tendem a quebrar", aponta reportagem do jornalista Murillo Camarotto, publicada no Valor Econômico.
"Rodovias a serem duplicadas, aeroportos a serem construídos e linhas de metrô inacabadas são os exemplos mais flagrantes que temos hoje no BNDES. E está muito claro: se o controle não for repassado para alguma outra empresa, nós não conseguiremos financiar esse projeto, as instituições privadas também não financiarão e esses projetos vão morrer. Aí é ou recuperação judicial ou falência", disse Freitas.
Segundo ele, o BNDES fechou a porta para essas empresas. "Elas passam da fase do cadastro, mas ficam retidas na fase de crédito", explicou Freitas. "Para o banco, isso é risco de crédito. Eu não sei se você não pode ser chamado a dispender outros ativos que dificultem o pagamento da operação. Nessa incerteza relacionada à quantificação do dano, o banco fecha a porta do crédito", completou ele.(247).

Blog do BILL NOTICIAS

TEMER AMPLIA POBREZA COM AUMENTOS DO GÁS E DA LUZ


A disparada do preço do gás de botijão nos últimos meses já corrói a renda das famílias mais pobres. Há preocupação agora com relação aos repasses às bombas dos preços da gasolina e do diesel, que vêm experimentando sequência de forte alta nas últimas semanas.
O gás de botijão foi o que mais aumentou desde o início do governo de Michel Temer, quando a Petrobras passou a acompanhar mais de perto as cotações internacionais do óleo.
De acordo com dados da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás e Biocombustíveis), o preço do produto nas refinarias subiu 56% desde a semana anterior à posse de Temer. O dado, porém, não considera o último reajuste anunciado pela empresa na sexta (3), de 6,5%, o que elevaria a alta para 66,1%.
Ao lado da conta de luz, o gás de botijão tem sido um dos maiores fatores de pressão no IPC-C1, índice da FGV que mede a inflação das famílias que ganham entre R$ 937 a R$ 2.342.
"O gás de botijão é o principal combustível das famílias de baixa renda, que já vêm sofrendo também com o preço da energia", diz André Braz, economista da FGV. A conta de luz, por sua vez, subiu 4,16% em outubro, pressionada pelo uso de térmicas.
Gás e energia consomem 6,5% no orçamento das famílias de baixa renda. Neste ano, segundo a FGV, os reajustes elevaram em quase 11% os gastos delas com os dois produtos.
O aumento é fruto também da política de cortar subsídios concedidos na gestões petistas. O preço do produto ficou congelado durante 13 anos, entre 2002 e 2015.
A alta, porém, representa quase o dobro da verificada no preço do gás destinado a clientes comerciais e industriais, que subiu 29% desde a mudança de governo.(247).


Blog do BILL NOTICIAS

COM LULA NA TRINCHEIRA

Ricardo Stuckert


O Brasil já possui capacidade de voltar a crescer no primeiro trimestre de 2018. Mas não vai. Por uma simples razão: as eleições presidenciais. Antes disso o mercado não vai liberar o acesso a crédito. E sem crédito as empresas não vão voltar a investir e muito menos a empregar.
A questão toda acaba sempre desembocando "no fator Lula". Um cenário que evite qualquer possibilidade de Lula voltar a ser presidente será estudado com carinho ao longo do primeiro trimestre. A adoção de um sistema parlamentarista seria a saída ideal. O problema é o medo dessa solução incendiar o país...
A prisão de Lula é uma saída bem típica da truculência da direita brasileira. Mas... Prender o Lula... Será que é possível uma coisa dessa sem uma onda de radicalização brutal? Há aqueles (da própria direita) que acham que já é chegada a hora de levar um "papo de homem" com os "meninos" do judiciário sobre a seriedade de uma ação tão radical.
Mesmo que Lula - com a popularidade gigantesca que possui - fosse preso ou condenado e aceitasse passivamente essa condição humilhante (sem ter cometido efetivamente qualquer crime), pode ser que ele indique e apoie um outro candidato, como fez com Dilma. E esse candidato terá grandes chances de vencer.
Agora... se Lula concorre, ganha fácil. E Bolsonaro se tiver senso de sobrevivência e ridículo não entra nem na disputa... Afinal a "goteira" Bolsonaro talvez não queira disputar as eleições com o "oceano" Lula... Ninguém quer... E a direita não tem nomes... Tem piadas... Luciano Huck é a última...
Pois então, vamos supor que o mercado proponha efetivamente uma saída parlamentarista e a mesma seja aprovada. Assim, o Lula poderia concorrer para presidente e vencer tranquilamente pois apenas possuiria poderes de chefe de Estado, isto é, não teria poderes para governar. O que acontecerá na economia?
Simples: o Brasil voltaria a crescer. Mas não pensem que isso significaria voltar aos bons tempos de Lula e Dilma. O Brasil voltaria a crescer de forma semelhante à época da era FHC... só que ainda pior... Vejamos.
O crédito voltaria em um cenário de destruição do BNDES, da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil. Para os empresários ele voltaria de forma escalonada: grandes empresários com juros baixos que vão de 0,8% a 1,5; médios empresários com juros na base de 2% à 3,5% e pequenos na base de 4% pra cima. Uma enorme concentração de renda estaria em curso no mundo empresarial e essa seria a ruína para mais de 95% das empresas do Brasil.
O mesmo ocorreria entre as camadas ricas, médias e pobres. O rico ficaria mais rico ainda. A classe média voltaria a ser pobre e o pobre voltaria a ser miserável. A reforma trabalhista iria de fato combater a informalidade pois ela praticamente a legaliza com toda a sua brutal precarização.
Em suma, o Brasil voltaria a crescer como no passado. A economia cresceria em benefício único e exclusivo dos mais ricos em detrimento de todo o resto do país. Já foi assim por tantos anos... Até séculos... Por que não voltaria a ser?
Esse é o Brasil com a derrota de Lula e a vitória da direita e do mercado. Não se pode negar que até mesmo parte da direita tem medo desse cenário... Pois, em sua óptica, o Lula sempre foi uma solução para evitar um mal maior que seria a Revolução social. Além disso, ressuscitar um modelo de crescimento de um passado cruel e perverso parece tão temerário como tentar ressuscitar os mortos...
E se Lula ganhar?
Se Lula ganhar a crise se prolonga mais um pouco... no mínimo seis meses, no máximo mais dois anos. Em último caso, numa eventual fuga de capitais, o Brasil se valeria de capital chinês para restabelecer o crédito.
Muita coisa feita por Temer seria revogada, a começar pela destruição da Constituição de 1988. Seriam dois anos de muita luta, mas o Brasil no mínimo retornaria ao projeto de crescimento desenvolvimentista, incluindo a reestruturação dos bancos públicos para pressionar os bancos privados a oferecerem crédito barato para as pequenas e médias empresas e para financiar o reaquecimento da economia popular.
Esse seria um feito enorme. Quase uma Revolução...
A questão é que para atingir tal fato Lula terá que necessariamente se aliar a setores da direita que estão sendo destruídos pelo próprio mercado.
São setores que foram "golpistas"... mas que agora perceberam que se aliaram de maneira ocasional e fisiológica a um evento pontual (o golpe contra Dilma) que ocultava um projeto muito mais profundo e que prevê a reconstrução de um país sobre novas bases, as quais contabilizam com a sua própria eliminação.
Lula terá que se aliar novamente com parte do PMDB e outros partidos do "centrão". Não há aqui inocência, nem estupidez e muito menos falta de aprendizado. O que há aqui é uma coisa chamada "realidade". E trabalhar com ela é muito mais difícil do que ficar transvergindo sobre a necessidade de Lula e o PT fazerem alianças "sem traidores", de "sangue puro", apenas com os partidos de esquerda como o PSOL e companhia...
Por sorte há ainda no campo progressista aqueles que desejam fazer o que é o melhor para o país e para a classe trabalhadora... e que seja possível de ser feito... E mais sorte ainda é o fato de que a maior liderança política da História desse país esteja desse lado da trincheira e não do lado da direita.
E justo nesse momento em que nem mesmo é provável que se mantenha as eleições de 2018 e o próprio regime presidencialista possa vir a ser eliminado, já há setores da esquerda rosnando contra as articulações de Lula com setores da direita que, podemos denominar de "golpistas arrependidos".
Lula não é um intelectual, mas é um personagem de uma intuitividade nada desprezível. Seu movimento na direção de montar uma frente ampla para 2018 é uma aula sobre o bom senso e sobre a necessidade de se estar atento a atual conjuntura nacional e internacional que vivemos.
As coisas não estão para brincadeira... Por acaso não são os EUA que estão montando uma base militar na Amazônia? Os direitos da classe trabalhadora não estão sendo varridos? E por acaso não há um projeto de tornar o Brasil numa grande Honduras e que está em plena execução?
Seria no mínimo uma ignorância histórica não se fazer uma aliança universal - com quem quer que seja - para salvar a pátria nesse momento.
Ao que parece, se dependesse de partidos como o PSOL e o PC do B não teria havido uma aliança entre EUA, Reino Unido e URSS para combater o nazi-fascismo, pois tanto o primeiro como o segundo flertaram com Hitler antes da segunda guerra...
E é exatamente esse o cenário que temos no nosso país: uma guerra contra o fascismo do mercado e o imperialismo em sua fase mais cruel e desumana. Se algum "golpista arrependido" estiver do nosso lado nesse embate, melhor ainda... resguardando o óbvio fato de que muitos deles são personagens desprezíveis...
Mas numa guerra não se escolhe com quem se ombreia na batalha, se escolhe em qual lado você está. E não há meias palavras. Quem ficar do lado do Brasil e da classe trabalhadora estará com Lula em 2018. O resto estará contra o Brasil e sua soberania. Ainda que tentem convencer o contrário com "candidaturas alternativas da esquerda", estarão do lado da Globo, do Moro, dos EUA, do mercado e daqueles que negociam nossas riquezas naturais e territoriais.
Para além do próprio PT e algumas de suas tendências, esse é o momento de analisar e exorcizar da esquerda todo aquele que consegue, em um momento grave como esse, ser mais reacionário do que um Renan Calheiros e fugir das trincheiras porque tem "princípios teóricos" que o impede de pisar no barro.
Quem assim pensa, embora possa até não saber, já escolheu o seu lado da trincheira...(247).

Blog do BILL NOTICIAS


Globo descarta Alckmin, usa Bolsonaro e vai pro 'Huck ou nada'


  1. A capa do Globo na internet não deixa dúvida. Nela Merval, o editorialista da Família Marinho, profetiza: 'Alckmin não tem chance contra campanha agressiva'. Na notinha, estranha para uma previsão tão bombástica, argumenta que a campanha será agressiva e que o PSDB, com o caixão de Aécio e o apoio ao governo Temer, não resistirá. Segundo o jornalista, vai dar Lula e Bolsonaro.
  2. A campanha do ano que vem será uma "carnificina", não há qualquer dúvida quanto a isso. Estaria por isso a "Turma da Lopes Quintas" desembarcando em Bolsonaro? Não é uma hipótese a se descartar, mas hoje o jogo não é esse. Derrotada na tentativa de derrubar Temer e estabelecer nova configuração no quadro político, a emissora continua sua marcha para atropelar a política e os partidos.
  3. Usa Bolsonaro no momento para dizer claramente aos Tucanos "não contem conosco pois serão derrotados, e se não vierem para meu colo iremos de Bolsonaro." Usam o medo da extrema direita para tentar fazer os paulistas quatrocentões engolirem uma saída "puro sangue". Ou alguém acredita que Luciano Huck anda desfilando em conversas com Joaquim Barbosa, dentre outros, sem a autorização e o apoio da Família?
  4. Passam recibo do medo e da dúvida quanto a uma eventual candidatura de Lula. O pior é que estão certos na estratégia deles. Alckmin x Lula é mais do mesmo, não tem novidade, cheira a naftalina, e na comparação óbvia, quem fez mais pelo povo? A turma do establishment fareja derrota tanto quanto vitória. Doria já virou ração. E o governador paulista parece estar com os dias contados para ser atropelado por uma estrela global que tentará fazer dupla com alguém da justiça. O "novo" com apoio da "justiça", uma chapa liberal-social que aponte para o futuro e para o combate à corrupção sem tréguas.
  5. Há de se reconhecer, essa turma não construiu um dos maiores impérios de comunicação do mundo sendo amadora. Estão jogando xadrez. E a esquerda? (247).


  6. Blog do BILL NOTICIAS

Cadê o assassino??? Caso Beatriz: um ano e onze meses e a Polícia não tem ainda o nome do criminoso


Sandro Romilton e Lucia Mota (pai e mãe) da menina Beatriz Angélica Mota, assassinada em dezembro de 2015, terão no próximo dia 10, mais uma data de dor e saudade. Todavia a fé está presente na luta que completa 1 ano e 11 meses, data em que o crime aconteceu em Petrolina.
Um ano e onze meses após o brutal assassinato da menina Beatriz Mota, de sete anos, que morreu ao ser atingida por 42 golpes de faca durante uma festa de formatura na Escola Nossa Senhora Auxiliadora, a Polícia Civil conseguiu imagens que revelam a face do autor do crime. Para os investigadores, não há dúvidas de que o homem que aparece nas filmagens de câmeras de segurança de estabelecimentos próximos ao Colégio Nossa Senhora Auxiliadora, onde ela estudava, é o assassino. O Disque-Denúncia oferece recompensa para quem tiver informações sobre a localização do homem.
Segundo a investigação, antes de cometer o assassinato, o suspeito ficou por duas horas na frente da escola atuando como se fosse flanelinha e teve contato com várias pessoas que foram à festa. “Há indícios de que o crime foi premeditado. Ele passou horas esperando a diplomação para entrar no colégio’, relatou a delegada do caso.
Os pais de Beatriz deram sinais de insatisfação com a morosidade com que o caso vem sendo apurado e informou que a família continua querendo via justiça a quebra do sigilo de algumas informações. “Muita coisa estranha aconteceu, a polícia está apurando os fatos, dentro da sua lógica investigativa, entendemos isso, mas algumas respostas são urgentes. Por exemplo, porque as imagens das Câmaras da escola foram apagadas? Quem mandou apagar? Por quê?”, questionam Sandro e Lucia.
Depois de sucessivos manifestos e apelos a órgãos de Justiça e de governos, em todas as instancias, a mãe de Beatriz encaminhou uma carta ao Papa Francisco, relatando o corrido e pedindo apoio da Igreja Católica. “Vossa venerável pessoa, na qualidade de Pastor Supremo da Igreja, sendo internacionalmente reconhecido como grande líder moral da humanidade exerce um papel profético capaz de atingir as consciências e intervir no auxílio ou mesmo no sentido de sensibilizar as autoridades policiais, Ministério Público e Governador do estado de Pernambuco, como também os administradores do Colégio Nossa Senhora Auxiliadora de Petrolina a cooperarem com a elucidação desse hediondo crime”, escreveu em trecho da carta, Lucia.
Este mês, com a prisão de mais um suspeito do crime, devido a aparência com as imagens, os pais de Beatriz tiveram mais um capítulo de angústia. Já foram realizados mais de 90 exames de DNA de suspeitos e a Polícia não prendeu ninguém.
Quem tiver informações que possam auxiliar a polícia na identificação do suspeito que aparece nas imagens pode entrar em contato com os investigadores através dos números da Ouvidoria SDS – 181, WhatsApp -(87) 9 9911-8104 e Disque-Denúncia  (81) 3421-9595, (81) 3719-4545. (Via: Blog do Geraldo José),(C.Geral).

Blog do BILL NOTICIAS

Reaplicação do Enem será apenas para candidato prejudicado por falta de energia

Os problemas ocorreram em nove locais: um em Olinda (PE), um em Teresina (PI), 
e em sete endereços em Uruaçu (GO)
Escola em Olinda foi um dos locais afetados por falta de energia
Escola em Olinda foi um dos locais afetados por falta de energiaFoto: Wellington Cunha/Cortesia WhatsApp


Cerca de 3,5 mil participantes de locais de prova do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) que foram afetados por falta de energia elétrica no último domingo (5) poderão participar da reaplicação da prova, prevista para dezembro. Os problemas ocorreram em nove locais: um em Olinda (PE), um em Teresina (PI), e em sete endereços em Uruaçu (GO). 

Os alunos prejudicados poderão refazer a prova no dia 12 de dezembro e devem fazer a prova de matemática e ciências da natureza no próximo domingo (12), nos mesmos locais.

Leia também:
Enem: candidatos em escola que faltou energia em Olinda podem fazer nova prova
Na segunda etapa do Enem, dica é revisar, relaxar e nada de decorar


Mas quem faltou no primeiro dia de prova não poderá fazer o exame em outro dia. Segundo o edital do Enem, o não comparecimento às provas nas datas e horários informados pelo Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) caracterizará ausência do participante, não havendo segunda oportunidade.

A ausência do candidato na primeira prova não impede a realização da segunda prova, que será no próximo domingo (12). No entanto, como terá perdido grande parte do exame, inclusive a prova de redação, a média final ficará comprometida, dificultando a classificação. Mas o candidato pode fazer a prova como forma de treinamento para os próximos anos.

Abstenções

Do total de 6,73 milhões de inscritos confirmados no Enem deste ano, mais de 2 milhões não compareceram ao primeiro dia de prova, o que representa uma abstenção de 30,2% em todo o país. Os estados com maiores índices de abstenções foram o Amazonas (39,3%), Roraima (36,4%) e Mato Grosso do Sul (36,2%).
A partir deste ano, o participante que teve isenção no pagamento da taxa de inscrição do Enem, que não compareceu às provas e não justificar essa ausência perderá o direito a nova isenção no ano que vem.

Nesse caso, o candidato deverá apresentar atestado médico, documento judicial, certidão pública ou boletim de ocorrência que comprove e justifique a ausência no exame. Neste ano, 48,2% dos candidatos inscritos no Enem foram isentos da taxa de inscrição em função da baixa renda familiar.(Folhape).




Blog do BILL NOTICIAS

Afogados da Ingazeira sediará nesta sexta-feira Encontro Regional do Sistema Socioeducativo


Nesta sexta-feira (10), será realizado, em Afogados da Ingazeira (PE), no Sertão do Pajeú, o Encontro Regional do Sistema Socioeducativo: Eixo Educação. O evento tem por objetivo apresentar um panorama atualizado do Sistema Socioeducativo do Estado de Pernambuco, com foco nas questões relacionadas à Educação nos municípios da Região do Sertão.
Na oportunidade, técnicos farão apreciação, promoção de ajustes e adoção de medidas interventivas para melhoria do atendimento. Estarão presentes profissionais atuantes em 14 municípios do Sertão: Cabrobó, Petrolina, Santa Maria da Boa Vista, Araripina, Ouricuri, Arcoverde, Betânia, Custódia, Afogados da Ingazeira, Flores, Serra Talhada, Iguaracy, Salgueiro e Floresta.
Representantes das Secretarias Municipais de Assistência Social e de Educação, conselho tutelar, coordenadores e técnicos das Entidades Executoras das Medidas Socioeducativas e representantes da Secretaria Estadual de Educação participarão do Encontro.
A coordenação é da Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude, sob a gestão de Roberto Franca, por meio da Gerência Geral do Sistema Socioeducativo, comandada por Suelly Cysneiros. O encontro será realizado no Auditório da Gerência Regional de Educação (GRE), no Centro da cidade, das 8h30 às 13h. (foto/reprodução Mais Pajeú),(C.Britto).



Blog do BILL NOTICIAS

Em vídeo no Twitter, Temer pede apoio da população para reforma da Previdência


O vídeo do Twitter está carregando

Em vídeo divulgado no Twitter, o presidente Michel Temer pediu na noite de hoje (7) apoio aos cidadãos do país para aprovar a reforma da Previdência, em tramitação no Congresso Nacional. Depois de reuniões com líderes da Câmara dos Deputados, ontem, e do Senado, hoje, o governo já admite mudanças no texto da reforma para que, pelo menos, parte dela seja aprovada ainda este ano. Como se trata de emenda Constitucional, para aprovar a reforma na Câmara serão necessários, pelo menos, 308 votos favoráveis.
“Você, meu amigo que está me ouvindo, quando possa, converse com seu amigo, no seu trabalho, na sua atividade, na sua casa, converse onde estiver, mostrando a todos que a reforma previdenciária é fundamental para o nosso país, para que ele continue a desenvolver-se, como vem desenvolvendo até o presente momento”, disse Temer.
No vídeo, Temer ressalta a importância da reforma, mas diz que o governo “cumpriu seu dever” ao enviar o texto ao Parlamente, em uma sinalização de que a responsabilidade, agora, é de deputados e senadores.
“Nós fizemos reformas importante para o Estado brasileiro e não é sem razão que o Estado brasileiro começou a crescer, os preços baixaram, o emprego está voltando, os juros caíram e o Brasil está no caminho certo. O governo cumpriu o seu dever, remeteu ao Congresso Nacional a reforma da Previdência. Tenho conversado muito sobre isso”, disse o presidente no vídeo.
Na rede social, Temer disse ainda que, nas reuniões com os líderes da Câmara e do Senado, percebeu a disposição deles em aprovar a reforma previdenciária e que “toda a sua energia” será voltada para isso.
“Uma reforma que dê oportunidades iguais para todos, ou seja, uma Previdência igual para todos os brasileiros, cortando privilégios, e também estamos fazendo um esforço para que hoje e no futuro os aposentados possam receber suas pensões, aqueles que vieram aposentar também possam receber. E tenho absoluta convicção. Quero transmitir a ideia de que toda a minha energia está voltada para concluir a reforma da Previdência”, disse Temer.(EBC).



Blog do BILL NOTICIAS

Policiais Civis de Pernambuco ameaçam paralisar atividades


Caso não tenha as reivindicações atendidas, o Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco (Sinpol-PE) ameaça paralisar por 24 horas o Instituto de Medicina Legal (IML), o Instituto de Identificação Tavares Buril (IITB), o Instituto de Criminalística (IC) e todas as unidades do Expresso Cidadão no dia 20 de novembro. A posição foi tomada durante assembleia realizada na noite da última segunda-feira (6).
Entre as exigências dos policiais civis estão a revogação do decreto 44.469, de 22 de maio de 2017, acusado de desconfigurar constitucionalmente as atribuições dos peritos papiloscopistas, auxiliares de peritos e auxiliares de legistas; o cumprimento de acordo feito durante a última greve da categoria, referente à anistia dos processos administrativos por atuação sindical; retomada do Grupo de Trabalho que estava estruturando a Lei Orgânica da Polícia Civil de Pernambuco; e melhorias nas condições de trabalho nos institutos ligados à Polícia Civil.
O Sinpol-PE também alega que há trabalho escravo no Centro Integrado de Operações de Defesa Social (CIODS), onde o policial civil está com escala de 24 horas de serviço, com função de telemarketing, sem direito a alojamento.
Os representantes da categoria dizem ainda que tomarão medidas judiciais cabíveis. “Entre as medidas está uma ação de reclamação, com base em uma decisão do STF, de 2010, quando o Estado de Tocantins foi proibido de editar decretos ou portarias que versassem sobre as atribuições de funcionários públicos – exatamente o que está acontecendo em Pernambuco com a publicação do decreto 44.469; e uma ação de insalubridade destinada aos três Institutos da Gerência de Polícia Científica de Pernambuco”, assinala nota do sindicato. Eles aguardam que as demandas sejam atendidas até o dia 19 deste mês. (fonte: Portal LeiaJá),(C.Britto).

Blog do BILL NOTICIAS

TIJOLAÇO: MORO, SOBRE ATIBAIA: NADA EM FAVOR DE LULA VEM AO CASO

Agência Brasil | Reprodução

Por Fernando Brito, no TijolaçoUma nota, publicada pela defesa do ex-presidente Lula, destacando pontos da decisão tomada pelo juiz Sérgio Moro no processo sobre o famoso sítio de Atibaia, tem um conteúdo capaz de fazer cair qualquer queixo que não seja o arrogante que ostenta o juiz que a proferiu.
Diz Moro que "não é absolutamente necessário determinar se Luiz Inácio Lula da Silva era o real proprietário do Sítio em Atibaia, bastando esclarecer se ele era ou não o real beneficiário das reformas". Ou seja, não importa sequer se havia ocultação de patrimônio e Lula era o proprietário de fato do sítio. Também não importa, segundo Moro, se "os valores obtidos pela Construtora OAS nos contratos com a Petrobrás foram utilizados para pagamento da vantagem indevida para o ex-presidente", como já havia feito no caso do apartamento no Guarujá.
Todas as provas periciais requeridas pela defesa foram indeferidas, porque, para Moro, é "inapropriada perícia para verificar se houve pagamento de propinar decorrentes de contratos da Petrobras, este é o objeto da ação penal e a prova não é pericial".
A prova é, como se sabe, "conviccional". E se o dinheiro não veio de contratos da Petrobras, o caso está em Curitiba, onde não fica o sítio, não mora Lula e não têm sede as empreiteiras por qual razão. Simples, é o "foro desprivilegiado" do ex-Presidência e assim convém para sua condenação.
Ainda mais que a instância revisora parece ter sido "enquadrada" nas decisões e prazos mais convenientes ao que se espera: que tirem Lula da disputa presidencial, pois o presidente da 8ª Turma do Tribunal Regional Federal-4 , o amigo de Moro João Gebran Neto, já disse, como registra Merval Pereira, que "não se deve esperar uma 'prova insofismável' para eventualmente condenar um acusado", desde que "seja possível identificar uma "convergência" nos elementos probatórios de determinado processo".
Está criado o "Direito Penal Subjetivo". Aquele que depende do sujeito que está julgando e do sujeito que está sendo julgado.(247).


Blog do BILL NOTICIAS

MINISTRO DA SAÚDE QUER PLANO DE SAÚDE MAIS CARO PARA IDOSOS

Wilson Dias/Agência Brasil

O ministro da Saúde, Ricardo Barros, afirma que os planos de saúde "assumem um risco antecipado por uma coisa incerta" ao não poderem reajustar a mensalidade de usuários após os 60 anos. Um projeto que permite esse reajuste deve ser votado em comissão especial da Câmara nesta quarta-feira (8).
Em entrevista à Folha, Barros afirma que esse assunto, que é criticado por usuários e por entidades de defesa do consumidor, "tem que ser enfrentado". "O equilíbrio econômico do plano de saúde tem que ser mantido", diz.
Hoje, há dois tipos de reajuste de planos de saúde: um anual, que ocorre pela variação nos custos do período, e outro por faixa etária. O Estatuto do Idoso, porém, veta desde 2004 esta última elevação (relacionada à idade dos usuários) a partir dos 60 anos -há 6,2 milhões de clientes de planos acima dessa idade.
Pelo projeto em discussão na Câmara, esse aumento seria permitido. A justificativa é que, pelo modelo atual, há um único reajuste abusivo quando os usuários atingem 59 anos -e que ele poderia ser diluído em fases posteriores.
O ministro diz ainda que deve rever protocolos de alguns tratamentos para evitar que internações sejam prolongadas "sem necessidade".(247).


Blog do BILL NOTICIAS


Casa cheia e uma decoração feita sob medida pela equipe do serviço de convivência – SCFV, no auditório e na sala de recreação, aconteceu nesta manhã, 07, no CETEP, o lançamento oficial do Programa Criança Feliz. Normatizado por lei federal nº 8.869, de 05 de outubro de 2016 de caráter intersetorial, com a finalidade de promover o desenvolvimento integral das crianças na primeira infância, considerando sua família e seu contexto de vida, vai beneficiar 150 famílias sendo: 90 famílias na Sede, 30 em Jutaí e 30 Vermelhos. O Programa articula ações municipais das políticas da Assistência Social, Saúde, Educação, Cultura e Direitos das Crianças e dos Adolescentes, entre outras, tendo como fundamento a Lei nº 13.257, de 08 de março de 2016 – Marco Legal da Primeira Infância. Amanhã, 08, será a vez de Jutaí e no dia 10 no CRAS de Vermelhos.
Além do Prefeito Vilmar Cappellaro, representantes da secretaria da Assistência Social; a supervisora do Programa Srª Antônia Maria dos Santos Crispiniano; a coordenação da Vigilância Sanitária e Atenção Básica da secretaria da Saúde; analistas pedagógicos da educação infantil da secretaria da Educação; a coordenadoria das políticas para Mulheres; técnicas do Programa Canto Mãe Coruja; os vereadores Mantena, Edneuza Lafaiete e Fernando Angelim. Os secretários municipais William César, Ademar Nonato e Reginaldo Alencar. O major Marcos Costa – comandante da 7ª CIPM; Conselheiros Tutelares; o chefe Distrital de Vermelhos Regivando, técnicos da CRAS e CREAS, entre outros prestigiaram o evento.
Um grupo de crianças da creche Escola Saberes, apresentou o canto “A linda Rosa Juvenil” no momento cultural. Todas as secretarias envolvidas no programa e o programa Canto Mãe Coruja, apresentaram um resumo de todas as ações que desenvolvem no município.  O Prefeito considerou uma excelente oportunidade de consolidar o seu desejo de ampliar o Programa “O momento foi muito importante para a população conhecer quais atividades no município são direcionadas para a primeira infância e para as famílias. Queremos com a ajuda de todas as secretarias e da população para estendermos nossas ações para toda a família com o programa “Família Feliz”, da infância ao idoso. Como os recursos repassados pelo governo federal são cada vez menores, o nosso desafio se torna muito grande. Por isso, contamos com a ajuda de todos” alerta Cappellaro.(Ascom),(C.Geral).




Blog do BILL NOTICIAS

Preso em Petrolina autor de quatro homicídios ocorridos este ano em Juazeiro


A Polícia Civil (PC) de Juazeiro (BA) prendeu, hoje (7), no N-6 do Perímetro Irrigado Senador Nilo Coelho, zona rural de Petrolina, Edvandro Marcolino Lopes, conhecido como “Fofo”, acusado de quatro homicídios praticados na cidade baiana.
De acordo com a Polícia Civil, o primeiro crime ocorreu no dia 27 de maio de 2017, na Travessa Bento Gonçalves, Bairro da Aliança, tendo como vitima Cícero Ferreira. A vítima foi morta com vários golpes de facão. O segundo homicídio foi registrado no dia 12 de outubro, em um bar ao lado do Mercado do Produtor, onde o acusado matou Joaquim Epifânio Costa Neto, também com vários golpes de faca.
Os crimes de número 3 e 4 foram registrados no último dia 2, também no bairro Alto da Aliança. O primeiro a ser morto com vários tiros foi Ezequiel Silva dos Santos. Em seguida, o acusado também matou o vigilante José Carlos da Silva.
Motivações
Ainda de acordo com a Polícia Civil, os três primeiros homicídios tiveram como motivação, uma briga pelo domínio do tráfico de drogas na localidade, e o quarto como tentativa de ocultação da autoria dos homicídios anteriores.
Edvandro Marcolino Lopes foi capturado com um revólver calibre 38, municiado, além de uma motocicleta suspeita de utilização nos dois últimos crimes. Ele foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil (DPC) e será encaminhado ao Conjunto Penal (CPJ), onde permanecerá à disposição da Justiça,(C.Britto).

Blog do BILL NOTICIAS

Temer lança o “Avançar” para o nada


Michel Temer quer “relançar” seu governo. Mas ora não tem força ou fundos para chutar essa bola murcha. Vai então lançar propaganda nova. Nesta semana, anuncia o Projeto Avançar, que é uma espécie de PAC com maquiagem de defunto.
O PAC, como se recorda, era o Programa de Aceleração do Crescimento dos anos petistas, o filho de Dilma Rousseff, segundo Lula, filho que morreu dos maus tratos da mãe. O “Avançar” é o PAC de Temer, promessa de R$ 42 bilhões em investimentos “em obras” até o final de 2018. Hum.
Neste ano, até setembro, o investimento federal foi de R$ 25,5 bilhões, 36% menor que em 2016 e 46% abaixo do gasto em 2015. Neste ano todo, difícil que passe de R$ 38 bilhões, uma miséria. Se o “Avançar” não for mera conversa fiada, teria o dinheiro equivalente à miséria deste ano mais uns 10%, que é gorjeta. Assim não se vai a lugar nenhum.
Mas nem isso pode ser possível. O governo mandou ao Congresso o resto do pacote de agosto, um plano de remendo das contas públicas, coisa de uns R$ 15 bilhões. Os parlamentares da coalizão temeriana refugam, pois teriam de adiar o reajuste e aumentar a contribuição previdenciária do funcionalismo federal, além de aumentar imposto para aplicação financeira de ricos.
Em suma, o governo faz malabarismos até para evitar estouros ainda mais estrambóticos do Orçamento. Sabe-se lá como vai “Avançar”.
Temer diz não ter votos para aprovar nem uma versão aguada da reforma da Previdência. Sem mágicas e milagres no Congresso e na recuperação econômica, seu governo vai avançar para o vazio do fim. Na política, cada um vai cuidar ainda mais da sua vida.
Rodrigo Maia (DEM), presidente da Câmara, lança sobre Temer a responsabilidade pelos estertores da reforma da Previdência, mas tem lá seu programa, reformas para agradar os guardiães deste bloco no poder (finança, ruralistas, bancada da bala etc.).
Deve apoiar a nova lei de recuperação judicial e a reforma do setor elétrico, assunto chato e incompreensível, mas de enorme importância. Vai tocar a mudança no licenciamento ambiental e das normas de distratos (de compra de imóveis), leis relativas à segurança pública e a criação do Conselho de Gestão Fiscal.
Se Temer quiser aparecer na foto em 2018, talvez seja obrigado a rearranjar o ministério, segundo exigência descarada do Centrão e sugestão velada de Rodrigo Maia. Ou seja, teria de entregar cargos do PSDB à arraia ainda mais miúda.
Temer piscou depois que donos do dinheiro e seus economistas reagiram a seu derrotismo. Henrique Meirelles e companhia reagiram ao derrotismo temeriano. Desandaram a dizer que a reforma da Previdência não agoniza e que, sem ela, virão aumentos de impostos e cortes agressivos de gastos, uma tentativa desesperada de evitar o pior. Isto é, sem reforma, com buracões nas contas públicas e candidatos desatinados a presidente, a recuperação econômica deve azedar um tanto.
Conversa sobre “ampla reforma ministerial” é um dos sinais de furdunço, de governo atolado ou fraco. Outro sintoma é a proliferação de candidaturas a presidente. Se o governo tivesse direção e força políticas, não haveria essa chacrinha desatinada sobre presidenciáveis assustadores.(C.Geral).

Blog do BILL NOTICIAS

Água do Rio Doce está imprópria para consumo dois anos após tragédia de Mariana

Mariana (MG) - Ruínas em Bento Rodrigues, distrito de Mariana, dois anos após a tragédia do rompimento da Barragem de Fundão, da mineradora Samarco (José Cruz/Agência Brasil)
Mariana (MG) - Ruínas em Bento Rodrigues, distrito de Mariana, dois anos após a tragédia do rompimento da Barragem de Fundão, da mineradora Samarco José Cruz/Agência Brasil


As águas da bacia do Rio Doce estão impróprias para consumo humano e pesca, irrigação e produção de alimentos em todos os pontos analisados pela Fundação SOS Mata Atlântica, ao longo de 733 quilômetros, por onde correu o rastro de lama, resultado da maior tragédia ambiental do país, ocorrida há dois anos, no município mineiro de Mariana. Além disso, a qualidade da água dos rios que compõem a bacia do Rio Doce está ruim ou péssima em 88,9% dos pontos de coleta analisados e regular em 11,1%.
A bacia do Rio Doce foi contaminada pelo rompimento da barragem de Fundão, pertencente à mineradora Samarco, em 5 de novembro de 2015. O incidente devastou a vegetação nativa e poluiu toda a bacia, atingindo outros municípios de Minas Gerais e do Espírito Santo. Dezenove pessoas morreram e diversas comunidades foram destruídas.
Mariana (MG) - Barragem de Fundão, operada pela mineradora Samarco, dois anos após a tragédia do rompimento da estrutura de contenção de rejeitos (José Cruz/Agência Brasil)
Barragem de Fundão, operada pela mineradora Samarco, dois anos após maior tragédia ambiental do país José Cruz/Agência Brasil
Expedição realizada pela Fundação SOS Mata Atlântica, entre os dias 11 e 20 de outubro, percorreu o rastro da lama ao longo do rio Doce, desde os seus formadores – os rios Gualaxo do Norte, Piranga e Carmo – até uma centena de afluentes que formam a bacia e banham 29 municípios e distritos dos estados de Minas Gerais e Espírito Santo. Em nenhum local a água foi considerada boa ou ótima, na escala de avaliação da entidade.
Piora nos índices
Em 2017, houve piora na qualidade da água em relação ao ano anterior. No ano passado, a água foi considerada ruim ou péssima em 53% dos pontos de coleta, regular em 41,1% e ótima em 5,9%. O índice revelado neste ano se assemelha à coleta feita logo após a tragédia, em novembro de 2015, quando 88,9% das águas estavam em péssima qualidade e 11,1 dos pontos estavam regulares.
Somente três pontos apresentaram conformidade com o padrão definido na legislação brasileira para turbidez, que é um dos indicadores diretamente associados ao impacto da lama de rejeito de minérios.
A pesquisa constatou ainda ausência de vida aquática, como girinos, sapos e peixes, em sete dos 16 pontos que apresentam qualidade de água péssima ou ruim. “Nesses locais, o espelho d’água estava repleto de insetos e pernilongos, vetor de graves problemas de saúde pública, como a dengue, zika, chikungunya e febre amarela”, disse Malu Ribeiro, especialista em água da SOS Mata Atlântica e responsável pela expedição.
Segundo Malu, o sedimento de rejeito de minério está presente em todo o leito do rio, apesar de visualmente a água estar mais clara, e, por ser muito fino, qualquer movimento das águas faz com que ele fique em suspensão, aumentando novamente a turbidez para índices considerados impróprios. Ela alerta ainda que “a seca extrema e o baixo volume das águas causaram uma concentração dos poluentes, o que fez com que a poluição, apesar de imperceptível a olho nu, esteja em concentração bem maior do que no ano passado”.
Metais pesados

Colatina (ES) - Rio Doce é atingido por rejeitos de mineração do rompimento da barragem da Samarco em Mariana, em Minas Gerais (Fred Loureiro/Secom ES)
Trecho do Rio Doce em Colatina (ES) , depois de ser  atingido pelos rejeitos de mineração Fred Loureiro/Secom ES
A água do rio Doce continua fora dos padrões legais, segundo a SOS Mata Atlântica, e apresenta concentrações elevadas de sólidos em suspensão e metais pesados, como manganês, cobre, alumínio e ferro, em diferentes trechos monitorados. Apenas dois pontos de coleta, localizados em Perpétuo Socorro e Governador Valadares, ambos no rio Doce, não apresentam índices de cobre na água.
No restante da expedição, a concentração do cobre está acima do permitido. “O consumo de pequenas quantidades desse elemento pode provocar náuseas e vômitos. Quando ingerido em grandes quantidades, pode afetar os rins, inibir a produção de urina e causar anemia devido à destruição de glóbulos vermelhos”, alertou a entidade.
Em cinco dos pontos analisados, a concentração de manganês também estava acima dos índices permitidos. De acordo com a SOS Mata Atlântica, a ingestão do metal pode trazer rigidez muscular, tremores das mãos e fraqueza. “Pesquisas realizadas em animais apontam que o excesso desse componente no organismo provoca alterações no sistema nervoso central e pode levar à impotência”, acrescentou.
Sinais de vida
Nove pontos de coleta apresentaram sinais de vida aquática, apesar de estarem ainda longe do cenário ideal. Eles estão localizados justamente onde existem fragmentos de mata nativa ou que têm áreas de preservação permanente. “Esses locais foram menos afetados com o impacto da lama. Mesmo com tamanha tragédia, é possível notar alevinos, conchas, girinos e poucos peixes, sobretudo nos pontos próximos a afluentes de maior volume”, disse Malu Ribeiro.
Diversos fatores têm contribuído para reduzir o índice de oxigênio na água, como a elevada turbidez, o baixo volume dos rios, o excesso de nutrientes em decomposição lançados pelo esgoto sem tratamento e as altas temperaturas, o que dificulta a vida aquática. “Para a recuperação da qualidade da a gua, e essencial que sejam adotadas medidas efetivas de restaurac a o florestal com espécies nativas, de revitalização da bacia e a ampliação dos serviços de saneamento básico e ambiental nos municípios afetados”, avaliou a especialista.(EBC).

       

                                                            
      
  
    


Blog do BILL NOTICIAS