quarta-feira, 29 de março de 2017

Banco do Brasil é alvo de explosão em Ipubi

De acordo com a polícia, houve troca de tiros e os 
suspeitos conseguiram fugir
Resultado de imagem para O cenário da explosão do BB em Ipubi
Imagem relacionada
Explosão deixou agência totalmente destruída / Foto: Reprodução/Ana Abrantes/Blog do Cauê Rodrigues
Explosão deixou agência totalmente destruída
Foto: Reprodução/Ana Abrantes/Blog do Cauê Rodrigues
JC Online
Com informações da Rádio Jornal
Uma agência do Banco do Brasil localizada na cidade de Ipubi, no Sertão do Estado, foi alvo de explosão na madrugada desta quarta-feira (29). De acordo com informações repassadas à Rádio Jornal, houve troca de tiros e os suspeitos conseguiram fugir após o crime.

Blog do BILL NOTICIAS



Governadores do NE planejam retomada do crescimento


Os governadores do Nordeste fizeram, hoje, o primeiro encontro do ano para discutir temas de interesse da região. "Entendemos que todas essas medidas são fundamentais para que a gente possa retomar a criação de empregos e a redução das desigualdades históricas no Nordeste", disse o governador Paulo Câmara sobre a pauta do encontro.  A reunião contou com as presenças do anfitrião, Camilo Santana, e dos governadores Wellington Dias (Piauí), Robinson Faria (Rio Grande do Norte), Renan Filho (Alagoas) e Ricardo Coutinho (Paraíba) e do vice-governador de Sergipe, Belivaldo Chagas. Paulo participou com os secretários Márcio Stefanni (Planejamento e Gestão) e Marcelo Barros (Fazenda).
Na "Carta de Fortaleza", os líderes dos Estados nordestinos relacionaram temas de interesse regional: a obtenção imediata do alongamento das dívidas do BNDES sem diferenciação de fontes, incorporando todas as linhas de financiamento; liberação dos empréstimos já autorizados em 2016; a convalidação dos incentivos fiscais, fazendo a transição para um sistema que acelere o crescimento econômico das regiões Norte-Nordeste; apoio à Emenda Constitucional que autoriza a securitização da Dívida Ativa do setor público brasileiro; o não-contingenciamento das obras hídricas no orçamento do Governo Federal; ampliação das fontes de financiamento à saúde, assegurando aos menos favorecidos o direito garantido pela Constituição Federal; definição de uma estratégia nacional de enfrentamento da questão da segurança pública; liberação da bolsa estiagem e também a suspensão dos pagamentos das dívidas dos agricultores afetados pela seca; garanti a  imediata realização dos leilões de energia solar e eólica suspensos em dezembro de 2016.
"O Brasil é um país muito grande. Não dá para discutir um tema da seriedade, da importância da Reforma da Previdência sem ter um olhar para a peculiaridade regional. Precisamos separar a Previdência da Seguridade Social. Todos sabemos, por exemplo, que o maior contingente de trabalhadores rurais está na nossa região. São pessoas que precisam de um tratamento diferenciado", avaliou Paulo, ao falar sobre a Reforma da Previdência. Fonte: (Margno Martins).

Blog do BILL NOTICIAS

Obra da Adutora do Moxotó tem ritmo acelerado


Na cidade de Sertânia, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) iniciou os serviços de terraplanagem para a construção da Estação Elevatória de Água Bruta (EEAB) 1 do Sistema Adutor do Moxotó. A obra é a primeira ligação do canal do Eixo Leste da Transposição do Rio São Francisco com o Agreste pernambucano, e foi a alternativa encontrada pela companhia e governo do Estado para antecipar a chegada das águas do 'Velho Chico' na região, a mais castigada pela seca que já perdura seis anos consecutivos.
Após a visita do governador Paulo Câmara a cidade de Arcoverde, na última sexta-feira – durante o programa Pernambuco em Ação – as obras ganharam celeridade com seis frentes de trabalho simultâneas e jornada de trabalho estendida – de domingo a domingo.
Com essas medidas, a Compesa busca antecipar a conclusão da Adutora do Moxotó para o final deste ano - o prazo previsto no projeto é abril de 2018. Até o momento, 20% das obras já foram concluídas, o que representa o assentamento de 16.000 metros de tubulações no município de Sertânia, a partir do canal do Eixo Leste até o distrito de Cruzeiro do Nordeste, margeando a BR-232. O projeto ainda prevê a construção de mais duas estações elevatórias, uma em Cruzeiro do Nordeste, cujas obras já estão em andamento, e a terceira unidade deve ser iniciada no mês de abril, na cidade de Arcoverde.
A Adutora do Moxotó vai operar com uma vazão de 450 litros de água, por segundo, para regular o abastecimento de oito cidades: Arcoverde, Pesqueira, Alagoinha, Sanharó, Belo Jardim, Tacaimbó, São Bento do Una e São Caetano. Juntos, os municípios somam uma população de mais de 300 mil pessoas.
A estiagem prolongada castiga o estado de Pernambuco e a Compesa tem buscado alternativas para viabilizar as obras necessárias para atender à população. A Adutora do Moxotó permitirá a retirada do colapso de abastecimento de cinco cidades   e três em pré-colapso (Arcoverde, São Bento do Una e São Caetano) “, afirma o diretor Técnico e de Engenharia da Compesa, Rômulo Aurélio Souza.
Serão investidos R$ 85 milhões em todo projeto, recursos do governo federal, governo do estado e Compesa, para implantar três estações de bombeamento e uma adutora com a extensão de 70 mil metros. A captação da água da Transposição será feita na Barragem do Moxotó, no distrito de Rio da Barra, em Sertânia, e será transportada até a Estação de Tratamento de Água (ETA), em Arcoverde. O Sistema Adutor do Moxotó será interligado à Adutora do Agreste na cidade de Arcoverde. Fonte: (Magno Martins).


Blog do BILL NOTICIAS

A Seleção voltou! Brasil joga bem de novo, vence o Paraguai e vai à Copa

20170328232000_58db19d020c85

20170328233025_58db1c4103c09

rib8821

Como virou rotina nos últimos jogos da Seleção, as mais de 44 mil pessoas que foram à Arena Corinthians para assistir a vitória por 3 a 0 sobre o Paraguai na noite desta terça-feira cantaram que o “campeão voltou”. O Brasil sob o comando de Tite ainda não ganhou título algum, mas já está classificada para a Copa do Mundo. Muitas coisas voltaram: o respeito, a admiração, o bom futebol…
Neymar também voltou. A usar a tarja de capitão, a balançar as redes e também a perder um pênalti, o que não apagou a sua boa atuação. O atacante, artilheiro da era Tite com seis gols, nunca havia marcado sobre o Paraguai. Foi 52º tento com a amarelinha, deixando-o só a três de Romário, quarto maior goleador da Seleção. A diferença poderia ser até menor se ele não tivesse tido gol bem anulado, por impedimento.
Mas foi-se o tempo da Neymardependência. Philippe Coutinho e Marcelo também marcaram para a equipe canarinho, que teve um jogo controlado, embora não tão fácil quando o placar faz parecer.
A nona vitória consecutiva sob o comando de Tite (oito pelas Eliminatórias) foi construída sem afobação, com muita posse de bola, troca de passes e extrema solidez defensiva. O Paraguai se defendeu bem, picou o jogo com faltas, mas não encontrou espaço nem inspiração para furar a boa marcação brasileira.
A torcida que lotou o estádio em Itaquera não foi das mais eufóricas, mas mostrou reconhecimento por um dos maiores responsáveis pela “volta” da Seleção. O coro de “olê, olê, olê, Tite, Tite” foi entoado antes, durante e depois da partida.
Líder das Eliminatórias, o Brasil só jogará novamente pela competição em 31 de agosto, quando enfrentará o Equador. O caminho até a Rússia já está pavimentado, com 34 pontos em 14 rodadas – a derrota do Uruguai por 2 a 1 para o Peru, depois do jogo da Seleção, garantiu a vaga na Copa. Só no fim dele saberemos se, de fato, o (penta) campeão voltou.
FICHA TÉCNICA
BRASIL 3 x 0 PARAGUAI

Data/Horário: 28/3/2017, terça-feira, às 21h45
Local: Arena Corinthians, São Paulo (SP)
Árbitro: Victor Carrillo (PER)
Assistentes: Jonny Bossio (PER) e Coty Carrrera (PER)
Renda e público: 44.378 pagantes / R$ 12.323.925,00

Cartões amarelos: Valdez, Rojas, Domínguez (PAR)
Cartões vermelhos: –

Gols: Philippe Coutinho, aos 33’/1ºT (1-0); Neymar, aos 18’/2ºT (2-0); Marcelo, aos 40’/2ºT (3-0)
BRASIL: Alisson, Fagner, Marquinhos (Thiago Silva – Intervalo), Miranda e Marcelo; Casemiro; Philippe Coutinho (Willian – 43’/2ºT), Paulinho, Renato Augusto e Neymar; Roberto Firmino (Diego Souza – 43’/2ºT). Técnico: Tite.
PARAGUAI: Antony Silva, Valdez, Paulo da Silva, Verón e Alonso; Riveros e Rojas; Pérez, Almirón (Óscar Romero – Intervalo) e Domínguez (Ángel Romero – 31’/2ºT); Derlis González (Santander – 10’/2ºT). Técnico: Chiqui Arce. (Vinicius).

Blog do BILL NOTICIAS

Carteirada dará punição a autoridade que a praticar

carteirada
Veja – Da redação
O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, entregou hoje ao Congresso Nacional um anteprojeto de lei que tipifica o abuso de autoridade e prevê uma série de penas, entre elas a indenização pelo dano causado, a perda ou suspensão do cargo e detenção de até cinco anos.
A medida de Janot é uma forma de se contrapor à discussão de um projeto de lei sobre o tema no Senado, que ganhou força nos últimos dias devido à investigação de políticos de vários partidos – principalmente os ligados à delação da Odebrecht – e à desastrada ação da Polícia Federal na Operação Carne Fraca, acusada de ter cometido excessos.
A apresentação da proposta do Ministério Público Federal ocorre um dia antes de o relator do projeto no Senado, Roberto Requião (PMDB-PR), entregar o seu relatório aos senadores. O documento foi entregue por Janot aos presidentes do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), e da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).
O anteprojeto de Janot tem várias das medidas já discutidas pelos senadores, mas inclui garantias de que juízes, promotores, procuradores e delegados não sejam punidos por causa de atividades rotineiras do cargo – o texto diz, por exemplo, que não pode ser punido como abuso de autoridade “a divergência na interpretação da lei ou na avaliação de fatos e provas, desde que fundamentada” e o “exercício regular das funções”.
Outras duas novidades chamam a atenção no projeto do MPF. Um deles prevê como abuso de autoridade a famosa “carteirada” – utilização do cargo ou função para se eximir do cumprimento de obrigação legal ou para obter vantagem ou privilégio, como define o anteprojeto de Janot.
O outro é “o uso abusivo dos meios de comunicação ou de redes sociais pela autoridade encarregada da investigação que antecipa a atribuição de culpa, antes de concluída a investigação e formalizada a acusação”. Segundo o projeto, quem conduz uma investigação “não deve fazer acusações ou adiantar conclusões sobre a culpa do suspeito”.( Vinicius).

Blog do BILL NOTICIAS

Aneel aprova devolução de valores cobrados a mais na conta de luz

energia-eletrica-torre-alta-tensao-20110307-29-original3

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou, nesta terça-feira (28), o processo de devolução dos valores cobrados a mais nas tarifas dos consumidores em 2016. Com isso, as contas de luz virão de 2% a 20% mais baratas em abril, a depender da distribuidora de energia do consumidor.
Diferentemente do apurado anteriormente pelo órgão, o valor a ser corrigido nas tarifas de eletricidade é de R$ 900 milhões, e não de R$ 1,8 bilhão. Isso se deve ao fato de que os reajustes das distribuidoras se dão em tempo diferente, ou seja, nem todas as empresas cobraram o preço extra no mesmo período.
O custo da energia proveniente da usina termelétrica de Angra 3 foi incluído nas tarifas do ano passado, sem que a energia chegasse a ser usada, uma vez que ela ainda não entrou em operação.
Segundo esclareceu a agência reguladora, as contas de luz vão ficar R$ 2 mais baratas a partir de maio, visto que esse era o valor do encargo cobrado pela energia de Angra 3. Como o órgão suspendeu essa cobrança, esse valor não entrará mais nas tarifas de energia.(Vinicius).

Blog do BILL NOTICIAS

Projeto de Lei do vereador Edilsão do Trânsito que responsabiliza município sobre a colocação de lombadas tem aprovação unânime


Único Projeto de Lei previsto para entrar na pauta da sessão dessa terça-feira (28), a proposição de número 009/2017, criada pelo vereador Edilsão do Trânsito (PRTB), tratava da regulamentação para a implantação de lombadas no município de Petrolina (PE) e foi aprovada por 19 votos a zero.
O Projeto de Lei responsabiliza o Poder Executivo Municipal a não apenas realizar os estudos para verificar a necessidade de colocação de sinalização horizontal (lombadas) nas vias públicas, como também pela implantação das mesmas.
“O principal objetivo da Lei é determinar a competência do município na implantação, porque o que vemos hoje é o órgão de trânsito apenas fazer o estudo e deixando com o cidadão a função de colocar a lombada” frisa o vereador.
Segundo o texto do Projeto, as lombadas serão colocadas apenas em três situações: proteção de pedestres em vias de tráfego intenso, quando a sinalização horizontal e vertical foi insuficiente e nas proximidades de escolas, cursinhos e faculdades.
As lombadas deverão cumprir as determinações do CONTRAN no Artigo 2º, podendo ser de dois tipos:
I – Tipo I: medindo entre 8 cm a 10 cm de altura por 80 cm a 1,5 m de largura.
II – Tipo II: medindo 10 cm de altura por 2,60 m e 3,70 m de largura.
O Projeto de Lei segue para sanção do Prefeito de Petrolina, Miguel Coelho. (Ascom Vereador Edilsão) (Banana).

Blog do BILL NOTICIAS

TEMER TRAI EMPRESÁRIOS QUE APOIARAM O GOLPE E AUMENTA IMPOSTOS


O governo Michel Temer acaba de trair os empresários que apoiaram o golpe de 2016 ao anunciar, nesta quarta-feira 29, o fim das desonerações sobre a folha de pagamentos para a maioria dos setores. A equipe econômica anunciou ainda cobrança de IOF e corte nas despesas para cumprir a meta fiscal de 2017.
Segundo o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, "a grande maioria deixa de ter desoneração da folha de pagamentos". Em comunicado divulgado nesta quarta, a Confederação Nacional dos Transportes (CNT) afirmou que o arrocho de Temer pode provocar demissões em massa, num país com desemprego recorde.
Para o setor do transporte rodoviário, metroviário e ferroviário de passageiros, porém, a desoneração em folha será mantida, assim como para construção e comunicação.
A equipe econômica anunciou a cobrança de IOF para cooperativas de crédito - prevendo arrecadar R$ 1,2 bilhão com o imposto. O corte nas despesas será de R$ 42,1 bilhões. Segundo o governo, as medidas devem ter um impacto positivo de R$ 4,8 bilhões na arrecadação.
Antes, Temer já havia traído os empresários com o fim do conteúdo nacional no setor de óleo e gás e o fim dos empréstimos no BNDES. (247).

Blog do BILL NOTICIAS

Comissão de Agricultura da Alepe promove audiência pública sobre efeitos da transposição em reservatórios de Floresta


Os efeitos do Projeto de Integração do Rio São Francisco (Pisf) na perenização do Riacho do Navio, em Floresta, sertão de Itaparica, foram discutidos em audiência pública, nesta terça (28), na Câmara de Vereadores do município. O encontro foi solicitado pelo presidente da Comissão de Agricultura, deputado Claudiano Martins Filho (PP). O deputado Rodrigo Novaes (PSD), que comandou o debate, destacou a necessidade de revitalização e modernização da barragem Barra do Juá para que seja receptora da barragem Muquém, também em Floresta. Sofrendo com a seca há seis anos, a população local denunciou não estar sendo beneficiada com a transposição do Velho Chico.
Vamos nos unir pra reivindicar que essa água possa ser usada pelo povo florestano. É preciso haver um volume que torne possível, ao menos, a pesca e a subsistência das pessoas da região”, alertou Novaes, que encomendou laudo técnico ao Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs), para atestar a capacidade de funcionamento de Barra do Juá. Além de se comprometer a averiguar os reparos necessários para a barragem, o coordenador do Dnocs estadual, Marcos Rueda, sugeriu a ampliação do debate. “Que se convoque também o Ministério da Integração, a Codevasf e a Apac”, frisou.
Maria da Guia, vice-presidente da Associação dos Pescadores, relatou alguns problemas enfrentados por pessoas que só viviam da pesca: “Temos mais de 30 famílias sofrendo muito. Elas não têm condições de sair da Barra do Juá e pescar no São Francisco. Estão perdendo seus benefícios junto à Previdência porque estão há anos sem exercer as atividades”.
Ricardo Souza, coordenador do Conselho dos Usuários do Açude Barra do Juá, condenou a possibilidade de os moradores terem de arcar com a água que antes consumiam gratuitamente. Segundo ele, “90% dos produtores de Riacho do Navio são agricultores familiares. Eles deveriam ter algum tipo de concessão para não pagar nada”, pontuou.
Pagar água onde já se vive castigado com a seca é o pior crime que pode acontecer nesse momento”, completou o presidente da Câmara Municipal, o vereador Beto Souza. Sobre o assunto, o representante da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), Sérgio Torres, explicou que o “município não tem água, tem terra”. “Se o rio percorre mais de um Estado, o curso d’água pertence à União. No caso de Pernambuco, a gestão vai ter que definir qual operador estadual fará a mediação entre os usuários e a esfera federal. A Compesa é um deles”, observou.
Rodrigo Novaes apoiou a ideia de criar uma tarifa social de irrigação para terrenos de até um hectare. “Vou levar a proposta ao Governo Federal”, enfatizou.
Ainda foi definido na audiência o prazo médio de oito meses para conclusão dos reparos na barragem, contados a partir de agosto deste ano, quando espera-se iniciar a requalificação da estrutura. Após a audiência pública, o deputado Rodrigo Novaes seguiu em comitiva para vistoriar a barragem Barra do Juá.
Projeto da Transposição 
Considerado o maior empreendimento hídrico do País, o Projeto de Integração do Rio São Francisco pretende beneficiar 12 milhões de brasileiros. A construção, que recebeu o investimento de R$ 9,6 bilhões, terá 477 quilômetros de extensão e vai abastecer 390 cidades de Pernambuco, Ceará, Rio Grande do Norte e Paraíba. (Carlos Brito).

Blog do BILL NOTICIAS

Senador Humberto Costa (PT) coloca mais de dois milhões de reais para a construção de barreiros em Petrolina


O Senador Humberto Costa, do Partido dos Trabalhadores, destinou emenda parlamentar da ordem de R$ 2.244.600,00 (dois milhões, duzentos e quarenta e quatro mil e seiscentos reais) locada na 3ª. Superintendência da Codevasf em Petrolina. Esses recursos são destinados à construção de aguadas , que são pequenos reservatórios de água doce. A emenda é de 2015.
A Vereadora Cristina Costa acompanhou assessores do Senador à Codevasf nesta quarta-feira (29). O grupo foi informado que Petrolina vai receber o maior volume de recursos, para a construção de 17 barreiros no município. A cobrança da vereadora é que a Codevasf priorize as comunidades que estão em maior dificuldade com a seca. “Eu estou sempre no interior e percebo como a população precisa de água. Nem carros-pipa da Prefeitura chega para ajudar o povo. A água é comprada tanto para beber como para os animais. Esse recurso do senador vai ajudar muito os petrolinenses.” Explicou a vereadora.
Além de Petrolina outros 19 municípios do sertão serão beneficiados com os barreiros que serão construídos com os recursos da emenda do Senador Humberto Costa. (Edenevaldo).

Blog do BILL NOTICIAS

Juazeiro: Após polêmica, SAAE diz que taxa de coleta de lixo que era paga no IPTU passará a ser cobrada na conta de água


Após reclamação de vários leitores sobre ‘cobrança abusiva’ de taxa de coleta de lixo, na conta de água dos usuários em Juazeiro, o SAAE enviou a seguinte nota de esclarecimento:
A taxa de coleta de lixo, que já era paga no Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) passa a ser cobrada na conta de água, visando melhorar os serviços de limpeza, coleta e destino dos resíduos sólidos.
Para isso já foram adquiridos dois novos caminhões compactadores, ampliada a rota de coleta, realizado mutirões de limpeza em diversos bairros e firmado parceria com a Cooperativa de Catadores de Materiais Recicláveis de Juazeiro – COOPERFITZ, a fim de intensificar e ampliar a coleta seletiva no município, para isto iniciou a colocação de coletores identificados em vários pontos da cidade, contribuindo com um trabalho mais eficiente e um ambiente mais limpo e saudável. (Imagem Ilustrativa). Edenevaldo).

Blog do BILL NOTICIAS

ENTIDADE EMPRESARIAL JÁ PREVÊ DEMISSÕES EM MASSA COM ARROCHO DE TEMER



Primeira entidade a bater duro em Michel Temer, a Confederação Nacional do Transporte afirma em comunicado que "a reoneração da contribuição previdenciária, se aprovada pelo governo federal, vai gerar demissão em massa no setor transportador, que, no ano passado, teve que fechar mais de 90 mil postos de trabalho devido à grave crise econômica do país"; "A retração no PIB do transporte foi de 7,1% em 2016, sendo o pior resultado entre os setores produtivos", destaca a entidade; além disso, a medida vai gerar aumento significativo da inflação, principalmente na área de mobilidade urbana, acrescenta a CNT; "Na avaliação do presidente da CNT, Clésio Andrade, "a reoneração penaliza o setor produtivo, que é fundamental para a reativação da economia brasileira"
O arrocho do governo Michel Temer pode provocar demissões em massa no setor do transporte, avalia a Confederação Nacional do Transporte (CNT), primeira entidade empresarial a criticar o plano econômico do governo, que prevê cortes em investimentos e aumento de impostos, além de reformas que retiram direitos e restringem o acesso aos benefícios.
Leia a nota divulgada pela CNT:
Reoneração vai gerar demissões em massa no setor de transporte
A reoneração da contribuição previdenciária, se aprovada pelo governo federal, vai gerar demissão em massa no setor transportador, que, no ano passado, teve que fechar mais de 90 mil postos de trabalho devido à grave crise econômica do país. A retração no PIB do transporte foi de 7,1% em 2016, sendo o pior resultado entre os setores produtivos.
Além disso, a medida vai gerar aumento significativo da inflação, principalmente na área de mobilidade urbana. Na avaliação do presidente da CNT (Confederação Nacional do Transporte), Clésio Andrade, "a reoneração penaliza o setor produtivo, que é fundamental para a reativação da economia brasileira".
Clésio Andrade destaca ainda que o transporte é essencial para qualquer atividade. "Fazemos a movimentação de trabalhadores e transportamos toda a produção do país, desde os insumos aos bens finais."
A reoneração aumentará significativamente o custo da prestação dos serviços de transporte e impactará o preço dos bens de produção nacional, com reflexo direto sobre a mesa do trabalhador. Isso será decisivo para a redução da renda da população, já comprometida pela crise e pelo elevado nível de desemprego do país. "Sem o transporte, o Brasil para. Os impactos da reoneração atingirão tanto a área de cargas quanto a de passageiros", diz Clésio Andrade.
Assessoria de Imprensa da CNT (247).

Blog do BILL NOTICIAS

O que pode ser pior do que dois anos de Temer

Beto Barata

Já circulam dois discursos na praça para convencer a opinião pública de que se Temer for cassado a emenda vai sair pior que o soneto, é melhor deixar tudo como está – com o que concorda o melhor amigo de Temer no TSE, o presidente da corte, Gilmar Mendes.
O primeiro discurso defende a tese de que o brasileiro cansou de ir às ruas. Ponto final. Então não adianta mais convocar protestos em praça pública, a menos que se queira a repetição do fracasso de domingo passado.
É uma tese equivocada. O protesto de domingo não teve adesão porque as pessoas de classe média fantasiadas de verde e amarelo se tocaram que não podiam apoiar a Lava Jato e o governo Temer ao mesmo tempo porque a primeira combate a corrupção e o segundo combate a primeira. Na dúvida entre defender a Lava Jato ou o governo Temer ficaram em casa.
No entanto, há duas semanas, milhões de trabalhadores acorreram às ruas para protestar c0ntra a reforma da Previdência.
Ou seja, é mentira que o brasileito não tem mais disposição para protestar, ele protesta e vai continuar protestando quando houver motivo. E porque de nada adianta criticar medidas do governo trancado em casa.
O segundo discurso é que se Temer for cassado vem uma coisa pior ainda. E essa coisa pode resultar até no cancelamento das eleições de 2018.
Esse argumento defende a ilegalidade em nome do casuísmo e ignora a constituição que manda cassar o mandato da chapa que incorrer em abuso de poder econômico. O abuso está mais do que provado ou tudo que os jornais publicaram sobre as delações da Obebrecht são falácias. Se as campanhas receberam dinheiro via caixa 2 não foi por outro motivo senão para burlar os limites de gasto permitidos em lei. Se o julgamento seguir o que a lei manda fazer a cassação é inevitável.
Mas, como tem acontecido nos últimos tempos, as decisões judiciais no Brasil sempre têm um viés político e as leis são flexibilizadas de acordo com os interesses do momento.
Todas as manobras serão postas em prática com o objetivo de 1) adiar ao máximo a decisão do plenário do TSE, com troca de juizes, pedidos de vista etc; 2) recorrer a todas as instâncias possíveis, se a cassação vingar, para não ser aplicada antes de 2018 e 3) convencer as ruas de que é melhor ficar em casa.
Somente a pressão das ruas poderá lembrar aos ministros do TSE de que a única forma de o país entrar nos trilhos é obedecer à constituição.
Por mais que os arautos do medo tentem desenhar nuvens sombrias no céu de anil se a constituição for obedecida e Temer cassado, cá entre nós, o que pode ser pior para o país do que aguentar mais dois anos de governo Temer? (247).

Blog do BILL NOTICIAS