sábado, 18 de março de 2017

Em nota, Vereador Paulo Valgueiro diz que sobre a Greve dos Servidores de Petrolina apoia reajuste salarial para todas as categorias

SUGESTAO_FOTO (2)
Vereador Paulo Valgueiro apoia os servidores e diz que aumento de salario tem que ser para todas as categorias

SUGESTAO_FOTO (1)
Servidores Municipais de Petrolina entram em greve a partir desta teça-feira(21)

” Na manhã desta quinta-feira 17 de março, o SINDSEMP realizou assembleia geral com os servidores para definir os rumos da campanha salarial de 2017, ocasião em que os servidores votaram pela Greve Geral, com início na terça-feira, 21 de março, como forma de reivindicar uma reavaliação do Executivo Municipal que manteve a proposta de reajuste salarial em que não contemplou todas as categorias.
Como servidor público municipal efetivo, venho me solidarizar com o movimento, ao qual estarei aderindo na terça-feira, 21 de março, fortalecendo a luta do Sindicato e de todos nós servidores, por melhores salários e condições mais dignas de trabalho para todas as categorias de servidores. 
Esperamos que o Executivo Municipal mantenha abertas as discussões e reavalie a sua posição de conceder reajuste apenas para algumas categorias e comprometa-se com a implementação de medidas para melhorar as condições de trabalho em todos os segmentos.” 
Vereador Paulo Valgueiro. Fonte: (Vinicius).


Blog do BILL NOTICIAS

QUATRO GOVERNADORES ACOMPANHARÃO LULA EM VISITA À PB


O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva deverá ter a companhia de pelo menos quatro governadores do Nordeste durante sua passagem pela cidade de Monteiro, no Sertão da Paraíba, neste domingo (19). Além da presidente deposta Dilma Rousseff e do ex-ministro Ciro Gomes, Lula deverá ser acompanhado pelos governadores Ricardo Coutinho (PSB-PB), Camilo Santana (PT-CE), Rui Costa (PT-BA) e Wellington Dias (PT-PI).
O evento da inauguração “popular” da Transposição do Rio São Francisco está sendo visto como o lançamento de uma potencial candidatura de Lula à Presidência da República em 2018. No município, Lula também deverá banhar-se nas águas do rio e plantar árvores em suas margens. Também está previsto um ato politico e cultural no centro da cidade.
Michel Temer foi recebido pelos moradores da região com um protesto no último dia 10, quando viajou à Paraíba para inaugurar o Eixo Leste da obra da transposição do Rio São Francisco, realizada durante os governos Lula e Dilma.
Brasi 247
Blog do BILL NOTICIAS


Passagem de ônibus sofre reajuste e vai para R$3,50 em Petrolina, PE

Usuários do Cartão BIP permanecem 
com desconto e pagam R$3,20.
Já os estudantes têm direito à meia passagem 
e a tarifa fica de R$ 1,75.
Preço das passagens dos ônibus em Petrolina sofrem reajuste (Foto: Amanda Franco/G1)
Preço das passagens dos ônibus em Petrolina
sofrem reajuste (Foto: Amanda Franco/G1)
A partir deste domingo (19) entra em vigor um novo reajuste na tarifa dos transportes coletivos em Petrolina, no Sertão de Pernambuco. De acordo com um comunicado do Sindicato das Empresas do Vale do São Francisco (Setranvasf), a tarifa passará a custar R$3,50 para aqueles que efetuarem o pagamento em dinheiro, um reajuste de R$0,30.
Segundo a Setranvasf, os usuários do Cartão BIP-Pré-pago permanecem com desconto e pagam R$ 3,20. Já os estudantes têm direito à meia passagem e a tarifa fica de R$ 1,75.
O reajuste vai incindir também nas tarifas das linhas rurais em 9,4% no preço da passagem. Confira o valor com o reajuste:
Projeto N1, N2, N3 e C1; Projetos N6, N7, N9 e C3; Projetos N4, N5, C2 e Água Viva; Projetos N8, N10, N11 – R$ 5,50
Izacolândia – R$ 9,20
Pedra Grande – R$ 6,30
Roçado – R$ 5,20
Tapera – R$ 6,25
Massangano -  R$ 4,65
Rodeadouro – R$ 5,20
Projeto Maria Tereza R$ 7,45

Aqueles que tiveram créditos e que já se encontram no Cartão BIP terão os créditos mantidos pelo prazo de 30 dias com o preço antigo. (G1).
Blog do BILL NOTICIAS

Protesto e tumulto na saída de ministro após inauguração da Policlínica da Univasf em Petrolina


Estudantes, professores, movimentos sociais e sindicatos, estiveram na frente da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), campus Petrolina, no final da manhã desta sexta-feira, 17,  para protestar contra a visita do ministro da Educação, Mendonça Filho que veio inaugurar a Polioclínica da instituição. Com palavras de ordem e cartazes em punho, os estudantes da instituição, principalmente, reclamaram que não foram convidados para um equipamento que é ícone da luta deles para que se tornasse realidade.
“A Policlínica foi luta do movimento estudantil e agora que sai, o ministro vem inaugurar num contexto onde está havendo desmonte do SUS, da educação, reformas antipopulares e sem falar que para essa inauguração, nós não fomos convidados, o povo não foi convidado”, disse Bismark Augusto, do Levante Popular da Juventude e estudante de Farmácia da Univasf. Ele frisa. “A Policlínica só saiu com pressão da comunidade acadêmica”.
Outro aluno que estava em frente ao portão de acesso à Policlínica, disse que o protesto estava sendo legítimo e pacífico, mas os policiais resolveram ir para cima dos manifestantes. “Estamos aqui para reivindicar aquilo que é nosso. A Univasf é nossa assim como essa Policlínica também. Não podem impedir os estudantes que fazem a universidade de entrar naquilo que é deles. Uma atitude ditadora do ministro e compactuada por todos que fazem a Univasf”, declarou Silas Savesa, que cursa Ciências Sociais na instituição.
Marcel Luis, estudante de Medicina, complementou. “Essa Policlínica é resultado da luta da comunidade acadêmica e do povo dessa terra e somos tratados dessa forma. Pela segunda vez e em menos de um ano, a Univasf vê seus alunos e professores, alguns já de idade, sendo agredidos com spray de pimenta e silencia”, lamentou Marcel.
Na saída da comitiva de Mendonça Filho após o ato de inauguração, os manifestantes foram para cima dos veículos, com gritos de protestos e gerou o tumulto que culminou com os policiais jogando spray de pimenta no grupo.
Univasf se justifica
Em nota, a Assessoria de Comunicação da Univasf disse que a autonomia do ato de inauguração da Policlínica era do Ministério da Educação. “Ao receber a visita de autoridades de Estado em solenidades realizadas na instituição, a Univasf segue as regras de protocolo determinadas para cada ato. Para a realização da solenidade de inauguração da Policlínica, foi cumprido o protocolo estabelecido pelo Ministério da Educação”, justificou. Fonte: (Carlos Brito).

Blog do BILL NOTICIAS

“Estamos vivendo uma guerra civil”, alerta Humberto Costa sobre números da violência em Pernambuco


Os números alarmantes da violência em Pernambuco são motivos de preocupação do líder da Oposição no Senado, Humberto Costa (PT-PE). “Foram 977 assassinatos aqui no Estado e o governo continua de braços cruzados. Estamos falando de números semelhantes ao de uma guerra civil como as que acontecem em vários países do mundo”, afirmou, indignado, o senador petista.
A Secretaria de Defesa Social confirmou, durante essa semana, quase mil homicídios em Pernambuco, entre os meses de janeiro e fevereiro. “Tivemos um aumento de quase 48% no número de assassinatos registrados em comparação ao mesmo período do ano passado. É uma situação insustentável essa que estamos vivendo”, denunciou Humberto.
O parlamentar lembrou do Pacto Pela Vida que levou Pernambuco a se destacar no cenário nacional por causa da queda de homicídios no Estado, em boa parte dos anos da década de 2000. “Foi um programa exitoso e que realmente reduziu o número de assassinatos. Mas foi completamente abandonada pelo governo. Falta coordenação e falta interação com a sociedade civil o que acarreta em uma grande escalada da violência”.
Segundo Humberto, o que se vê, atualmente, no  Estado é uma “verdadeira quebra de braço” entre o Governo do Estado e as polícias Civil e Militar, o que gera uma grande insatisfação entre aqueles que foram designados para cuidar da segurança. “Vemos um elevado descontentamento da Polícia Militar em relação às suas carreiras, que não estariam de acordo com suas responsabilidades, o que repercute negativamente no combate à violência”, alertou o petista.
O senador colocou seu mandato à disposição do governador Paulo Câmara para ajudar no que for necessário, mas exigiu ações imediatas para coibir a violência no Estado. “Estou à disposição do governo para cobrar recursos do governo federal para a política de segurança. Mas cobro do governador que atue com medidas concretas e emergenciais no Estado. O povo de Pernambuco não aguenta mais conviver com tanta violência”, desabafou Humberto Costa. (Foto: Ascom) (Carlos Brito).

Blog do BILL NOTICIAS

Petrobras reajusta em 9,8% o preço de botijões de gás de uso residencial

     Edição: Amanda Cieglinski
Resultado de imagem para GÁS DE COZINHA
                                                                        Foto: ilustração                                                                            
A Petrobras aumentou em 9,8%, em média, os preços dos botijões de até 13 kg de gás liquefeito de petróleo para uso residencial (GLP P-13). O reajuste entrará em vigor às 0h de terça-feira (21). O último reajuste realizado pela companhia foi em 1º de setembro de 2015. A empresa alertou que a correção divulgada hoje (17) não se aplica ao GLP de uso industrial.
A Petrobras destacou ainda que as revisões dos preços feitas para as refinarias podem ou não se refletir no preço final ao consumidor, uma vez que, de acordo com a legislação, há liberdade de preços no mercado de combustíveis e derivados. “Isso dependerá de repasses feitos especialmente por distribuidoras e revendedores”, apontou a empresa na nota de informação do aumento.
Pelos cálculos da companhia, se o reajuste for repassado, integralmente, aos consumidores, o preço do botijão de GLP P-13 pode ter alta de 3,1% ou cerca de R$ 1,76. “Isso se forem mantidas as margens de distribuição e de revenda e as alíquotas de tributos”. Ainda conforme a nota, o ajuste foi aplicado sobre os preços praticados pela Petrobras sem incidência de tributos. (EBC).


Blog do BILL NOTICIAS

Miguel Coelho nomeia novas secretárias da Fazenda e de Gestão Administrativa

A advogada Luiza Leão é a nova secretária de Gestão Administrativa de Petrolina. A gestora foi nomeada para o cargo, nesta quinta-feira (16), após publicação no Diário Oficial da portaria assinada pelo prefeito Miguel Coelho. Simultaneamente, Lucivane Lima foi oficializada de forma definitiva para o comando da Secretaria da Fazenda.
Luiza Leão é formada em Direito pela Universidade Católica de Salvador com especialização em Gestão Pública Municipal (Univasf). A advogada tem experiência no setor público com atuação na coordenação e supervisão do setor de licitações das prefeituras de Petrolina e Juazeiro. Também prestou consultoria sobre procedimentos licitatórios para a Câmara de Vereadores de Petrolina e para o Senai.
A nova titular da pasta substituirá Lucivane Lima, que vinha acumulando de forma interina as Secretarias de Gestão Administrativa e Fazenda. Formada em Administração pela Facape e auditora fiscal da Prefeitura de Petrolina, Lucivane tem mais de vinte anos de experiência em gestão pública. Coordenou as secretarias de Administração e Planejamento de Petrolina entre os anos de 2006 e 2008. Comandou ainda a pasta de Gestão de Pessoas no município de Jaboatão no período de 2009 a 2011 e a gerência de Gestão Administrativa da Codevasf (2011-2014). Nos últimos dois anos, foi secretária de Educação e Cultura de Boa Vista, capital de Roraima.
Lucivane Lima havia sido nomeada no início do ano para Gestão Administrativa. Com o pedido de exoneração, por motivos pessoais, de Rodrigo Amaro, em fevereiro, ela acumulou interinamente as duas pastas. Agora, coordenará exclusivamente as ações da Fazenda. Fonte: (Edenevaldo).


Blog do BILL NOTICIAS

ALVO DA CARNE FRACA É PRESO AO DESEMBARCAR EM GUARULHOS


Agentes da Polícia Federal prenderam na madrugada deste sábado(18), no aeroporto de Guarulhos (SP), o gerente de Relações Institucionais e Governamentais da BRF, Roney Nogueira dos Santos, quando ele desembarcava de um voo oriundo da África. O executivo é alvo de um mandado de prisão preventiva expedido no âmbito da Operação Carne Fraca, deflagrada pela PF nesta sexta-feira (17), que apura irregularidades como o pagamento de propinas a fiscais agropecuários para a concessão de licenças sem que as devidas fiscalizações fossem efetivamente realizadas. Um outro executivo da empresa, o diretor André Luis Baldissera também é alvo de um mandado de prisão preventiva. Ao todo 22 empresas do setor de frigoríficos estão sob investigação.
Por meio de fato relevante encaminhado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a BRF informou que está colaborando com as investigações e destacou que cumpre as normas e a legislação vigentes na comercialização de seus produtos, além de possuir rigorosos processos de qualidade e de não compactuar com práticas ilícitas.
"A BRF assegura a qualidade e a segurança de seus produtos e garante que não há nenhum risco para seus consumidores, seja no Brasil ou nos mais de 150 países em que atua", informou a empresa.
O diretor vice-presidente Legal e de Relações da BRF e um dos oito membros da diretoria executiva, José Roberto Pernomian Rodrigues, foi alvo de um mandado de condução coercitiva e de busca e apreensão. (247).

Blog do BILL NOTICIAS

DILMA IMPLODE TEMER E MOSTRA QUE ELE FOI PAGO PELO COMITÊ CENTRAL


"Os advogados de defesa da ex-presidenta Dilma Rousseff apresentaram, na noite de sexta-feira, 17, ao Tribunal Superior Eleitoral, petição com provas de que as despesas da campanha de Michel Temer, candidato a vice-presidente na chapa vitoriosa nas urnas em 2014, foram bancadas pelo comitê central da campanha. Os documentos com as provas foram encaminhados ao relator do processo no TSE, ministro Herman Benjamin, e derrubam a versão de que Temer teria arrecadado à parte os recursos financeiros para a campanha da reeleição de Dilma. Também fica afastada a hipótese de que ele não teve qualquer participação no pagamento e prestação de serviços para a chapa Dilma-Temer", diz nota divulgada pela assessoria da presidente eleita – e deposta pelo golpe – Dilma Rousseff; "Até mesmo serviços de Publicidade realizados pela Polis Propaganda, empresa de João Santana e Monica Moura, responsável pela campanha de Dilma, foram prestados exclusivamente a Temer"



A defesa da presidente eleita – e deposta pelo golpe – Dilma Rousseff apresentou documentos que comprovam que Michel Temer teve gastos pagos pelo comitê central de campanha. Com isso, Dilma implode a tentativa de Temer de separar suas contas das dela.



Leia, abaixo, a íntegra da nota de Dilma:
Os advogados de defesa da ex-presidenta Dilma Rousseff apresentaram, na noite de sexta-feira, 17, ao Tribunal Superior Eleitoral, petição com provas de que as despesas da campanha de Michel Temer, candidato a vice-presidente na chapa vitoriosa nas urnas em 2014, foram bancadas pelo comitê central da campanha.
Os documentos com as provas foram encaminhados ao relator do processo no TSE, ministro Herman Benjamin, e derrubam a versão de que Temer teria arrecadado à parte os recursos financeiros para a campanha da reeleição de Dilma. Também fica afastada a hipótese de que ele não teve qualquer participação no pagamento e prestação de serviços para a chapa Dilma-Temer. A tese dos advogados do PMDB é que eventual condenação no TSE afetaria apenas Dilma, excluindo Michel Temer da perda do mandato.
No Brasil quem quer que seja eleito vice-presidente da República, por obediência à Constituição, precisa ter sido registrado em chapa como candidato a vice e que o candidato a presidente da República tenha sido eleito. Quer dizer, a chapa eleita é indivisível. Foi o que ocorreu em 2014, com a vitória de Dilma Rousseff com 54,5 milhões de votos. O vice eleito foi Michel Temer.
O procurador-geral Eleitoral, Nicolau Dino, em parecer no processo de cassação da chapa Dilma-Temer, posicionou-se pela indivisibilidade da chapa, citando a jurisprudência do TSE. Ele  salientou ainda que eventual mudança de entendimento pela corte só surtiria efeitos para eleições futuras.
Entre os documentos encaminhados ao TSE pela defesa estão o extrato de prestação de contas (documento anexo). O documento (fac-símile abaixo) é assinado por Dilma, candidata a presidente, e por Temer, candidato a vice-presidente, além do administrador financeiro Edinho Silva, e do advogado e contador.
PrestacaoContas_Assinaturas

Para refutar a alegação de que Temer teria feito sua campanha eleitoral a partir de arrecadação e gastos próprios em conta separada, a defesa incluiu o demonstrativo dos recursos e despesas da chapa Dilma-Temer, tendo como origem somente a conta bancária “Temer” e o demonstrativo das despesas da chapa Dilma-Temer destinadas exclusivamente ao Temer e sua equipe, custeadas pelas contas bancárias “Dilma”.
A chapa Dilma-Temer arrecadou R$ 350.493.401,70. Considerando-se apenas os recursos arrecadados pela conta de Temer, o valor foi de R$ 19.875.000, sendo destinados R$ 16.090.000 – mais de 80% – a candidatos e diretórios do PMDB. A defesa de Dilma prova que R$ 9,6 milhões vieram da Direção Nacional do PMDB e, posteriormente, foram transferidos a candidatos e diretórios do PMDB, o que demonstra que a conta de Temer era uma “conta de passagem” do próprio PMDB.
DespesasTemer
Interessante observar que a maior despesa de Temer – quase R$ 2 milhões foi com a gráfica Noschang, cujo proprietário é amigo e cliente da advocacia de Eliseu Padilha. Temer alocou mais de 78% de suas despesas em apenas um estado: o Rio Grande do Sul, onde a chapa Dilma-Temer foi derrotada.
A defesa de Dilma prova também que a conta de Temer não foi responsável pelas despesas e gastos mais elevados com locação de aeronaves, passagens aéreas, hotéis, marketing e até o staff mais próximo do vice. Nos documentos encaminhados ao TSE estão notas fiscais e as provas de que a conta central da campanha de Dilma foi responsável pelo pagamento de R$ 2 milhões para o transporte aéreo de Temer e equipe. Também foram encaminhados comprovantes de pagamento da remuneração e despesas com quatro pessoas da equipe de Temer:
– Nara de Deus Vieira, chefe de gabinete: R$ 179.860,95
– Bernardo Gustavo de Castro, assessor: R$ 139.383,85
– Marcio de Freitas, assessor: R$ 136.428,03
– Hércules Fajoses, advogado: R$ 128.824,00

Os advogados encaminharam ainda documentos mostrando que foi confeccionado material gráfico pela VTPB para Temer, que custou R$ 312.500. Por fim, a defesa atesta que, embora o vice acompanhasse a presidenta em eventos e comícios, também alguns foram realizados especificamente para o Temer, como comprovam as notas fiscais da empresa Focal referente a eventos em Jales (SP) e na Quadra da Portela, no Rio de Janeiro.
Até mesmo serviços de Publicidade realizados pela Polis Propaganda, empresa de João Santana e Monica Moura, responsável pela campanha de Dilma, foram prestados exclusivamente a Temer.
ASSESSORIA DE IMPRENSA
DILMA ROUSSEFF
(247).

Blog do BILL NOTICIAS




Prefeitura de Petrolina inicia reforma do Restaurante Popular


Fechado há quase três meses devido a uma série de depredações, o Restaurante Popular de Petrolina passará por reestruturação. O prefeito Miguel Coelho assinou, nesta terça-feira (14), a ordem de serviço para início imediato das obras e compra de equipamentos para o centro de alimentação. A intervenção no Restaurante Popular receberá investimentos de mais de R$ 130 mil com prazo de reinauguração para a primeira quinzena de abril.   

Entre as principais intervenções, estão previstas a reforma dos banheiros, pintura, revisão elétrica, troca de parte da cerâmica no piso e substituição de portas danificadas. Além das obras, serão adquiridos equipamentos como mesas, cadeiras, utensílios para cozinha, bandejas e recuperação do sistema de refrigeração dos alimentos. "O Restaurante Popular tem uma grande função social de garantir alimentação para quem mais precisa. É uma obra de um custo relativamente baixo, mas que trará um enorme benefício para a população", destacou o prefeito Miguel Coelho. 



O Restaurante Popular foi encontrado no início da atual gestão com diversos equipamentos depredados ou furtados. Por conta da falta de condições de funcionamento, a unidade de alimentação teve que ser fechada em janeiro. De imediato, o prefeito Miguel Coelho determinou o levantamento de todos os problemas e contratação de serviços de manutenção para garantir a reabertura do serviço em condições dignas para os funcionários e população.  


Quando voltar a funcionar, o Restaurante Popular oferecerá almoço e jantar a preços módicos. O equipamento público terá condições de oferecer 800 refeições durante o dia e 300 sopas no período noturno, tudo com acompanhamento de nutricionistas. Fonte:
(ASCOM).


Blog do BILL NOTICIAS