quarta-feira, 26 de dezembro de 2018

Maior auditório do sertão pernambucano será inaugurado em 2019 no campus Petrolina do IF Sertão-PE

Fonte:(www.ifsertao-pe.edu.br)
Obras do novo auditório do campus Petrolina tiveram início em janeiro de 2018 
e têm previsão de conclusão para março de 2019


A julgar pelo andamento das obras, o ano de 2019 começará com uma promissora novidade, não só para a comunidade acadêmica do IF Sertão-PE, como para toda a população da cidade de Petrolina/PE. A boa nova é que, no ano vindouro, o Instituto Federal do Sertão Pernambucano irá presentear a região com um equipamento cultural totalmente novo, amplo e moderno, ideal para sediar grandes eventos e espetáculos. Tão amplo que, após inaugurado, será o auditório com maior capacidade de público em Petrolina, no Vale do São Francisco e no sertão pernambucano.

De acordo com o projeto da obra, a área total construída será de 1.918,57 metros quadrados e o auditório terá capacidade para 620 espectadores. Serão dois pavimentos. No térreo, além do palco central, haverá dois camarins, ambos com toaletes; sala de instrumentos; poltronas para plateia; espaço para exposições científicas e artísticas; além de toaletes feminino e masculino.

Parte bruta da obra, constituída pelas estruturas de concreto armado e colocação das ferragens, já está praticamente concluída

Já no pavimento superior, estarão localizados a sala de projeção; uma lanchonete; o foyer, que nas salas de espetáculos funcionam como locais de espera das atrações e espaço para coquetéis e coffe brakes; salão de convivência; o Departamento de Material de Limpeza (DML) e toaletes feminino e masculino. O auditório do Campus Petrolina disporá de acessibilidade e contará com duas saídas de emergência.

Diretor do campus Petrolina, Fabiano Marinho, está otimista com a previsão de inauguração para o segundo semestre de 2019.


O diretor do campus Petrolina, Fabiano Marinho, fala com otimismo sobre o novo equipamento cultural que surgirá na cidade em 2019. “Buscaremos parcerias com os poderes municipal, estadual e federal com vistas à melhoria do entorno do campus, em termos de infraestrutura viária e algumas obras complementares de saneamento, já que esse equipamento servirá não só à comunidade do campus, mas principalmente às populações de Petrolina e Juazeiro, que contarão com mais um espaço amplo e confortável para realização de grandes eventos e espetáculos culturais” afirma o professor Fabiano.

Após a finalização da obra, restará apenas a instalação das poltronas, climatização, iluminação cenográfica e sonorização que devem ser finalizadas ainda no primeiro semestre do ano novo 

De acordo com o engenheiro Helaelson Júnior, do Departamento de Infraestrutura (Deinf) da Reitoria do IF Sertão-PE, inicialmente a obra do auditório central do campus Petrolina foi orçada em R$ 3,02 milhões, com previsão de conclusão em dezembro de 2018. No entanto, foi necessário um aditivo no contrato e o custo total passou para R$ 3,16 milhões, com a previsão de finalização da obra ficando para março de 2019.

Construção do novo auditório está modificando a paisagem do campus Petrolina do IF Sertão-PE


O técnico em Edificações do Deinf/Reitoria, Ebson Silva, é o responsável pela fiscalização da obra. Ele afirma que aproximadamente 63% da obra já se encontra concluída. “A chamada obra bruta já foi praticamente concluída. Trata-se da estrutura de concreto armado e de ferragens, que é o mais complexo numa obra desse porte. Agora estamos perto de concluir a cobertura com o telhado para entrarmos na fase de acabamento, que inclui a conclusão dos banheiros, pintura, e colocação da alcatifa”, explica o servidor.

Direção do campus Petrolina espera contar com o apoio das esferas municipal, estadual e federal para melhorias no entorno da obra, que ainda necessita de investimentos públicos em termos de acesso, infraestrutura viária, além de obras complementares de saneamento.


Ainda de acordo com Ebson, até o momento a obra não sofreu nenhum contratempo. “o único atraso que tivemos foi decorrente das chuvas no início de 2018, o que interrompeu um pouco a etapa de fundação. No mais, tudo está correndo dentro do previsto”, afirmou o fiscal da obra. Após a entrega da edificação, daqui a três meses e meio, ainda será necessário a instalação de ares-condicionados, poltronas, iluminação cenotécnica e sonorização. A direção do campus informou que esses projetos já estão sendo elaborados e que os equipamentos de climatização já foram lançados no Sistema de Controle das Aquisições de Bens e Serviços (Sicabs). A previsão é que o maior auditório do sertão pernambucano seja inaugurado no segundo semestre de 2019.

Maior auditório do sertão pernambucano terá capacidade para 620 pessoas e estará apto a sediar grandes congressos, conferências e seminários científicos, bem como espetáculos culturais de música, dança e teatro


A reitora do IF Sertão-PE, Leopoldina Veras, destaca a importância do canal de diálogo que foi estabelecido com o Ministério da Educação, com vistas à execução de diversas obras na Instituição. "Tivemos várias conversas com o então diretor de Desenvolvimento da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica e atual secretário da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação (Setec/MEC), Romero Raposo Filho, o que possibilitou a retomada de obras estruturais que estavam pendentes no campus Ouricuri. Conseguimos ainda viabilizar a construção das quadras poliesportivas dos campi Ouricuri, Floresta e Salgueiro; a construção da sala de professores e dos alojamentos dos estudantes no campus Petrolina Zona Rural, além da construção da subestação de energia e das obras de acessibilidade no campus Petrolina", enumera a reitora, ao fazer um balanço das recentes realizações de sua gestão. "Somos gratos pelo empenho dos nossos servidores, cujo envolvimento e dedicação foram fundamentais para a conquista desses avanços", concluiu.



Escrito por Ricardo Brandao / ASCOM)


Blog do BILL NOTICIAS

A reforma administrativa de Paulo Câmara e as possíveis acomodações políticas

  Via: Carlos Britto

A reforma administrativa do governador Paulo Câmara (PSB), que será analisada nesta quarta-feira (26) na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), deverá manter as 22 pastas da gestão socialista.
Entre as novidades está a criação da Secretaria de Políticas de Prevenção às Drogas. Já Recursos Hídricos será elevado a secretaria, abrangendo também Infraestrutura e Transportes. Já as Pastas de Cidades e Habitação vão se transformar numa só, enquanto Educação abrigará Esportes (hoje na Pasta de Turismo e Lazer), enquanto a de Agricultura e Reforma Agrária passará a se chamar Secretaria de Desenvolvimento Agrário.
As expectativas, além do lado administrativo, é com as acomodações políticas que o governador tende a fazer com a reforma, que interessam inclusive a parlamentares sertanejos. É aguardar.

Blog do BILL NOTICIAS

Senador FBC afirma que declarações de Gabriel Menezes sobre “arrumadinhos políticos” na 3ª SR Codevasf “não se sustentam”

  Via:Carlos Britto
Foto: Gabriel Siqueira/Blog do Carlos Britto

O senador Fernando Bezerra Coelho (MDB) não saiu do seu estilo ao comentar as declarações do vereador Gabriel Menezes (PSL), o qual afirmou que pretende acabar com os “arrumadinhos políticos” do grupo do senador na 3ª Superintendência Regional (SR) da Codevasf em Petrolina, caso a executiva nacional pesselista possa permitir a ele fazer as indicações para o órgão federal. Sem polemizar, FBC disse que, quem acompanha de perto o cenário político de Petrolina, sabe que essas declarações “não se sustentam” na base dos fatos.
O senador assegurou que, quando teve a prerrogativa de promover as indicações a cargos federais na cidade, estas sempre foram por meio de “pessoas retas, honestas, que se dedicaram e trabalharam muito pelo desenvolvimento de Petrolina e região”.
Me orgulha ter feito os investimentos (através da 3ª SR) no (Perímetro de irrigação) Nilo Coelho, no Pontal, em Itaparica, no Fulgêncio, além de obras de saneamento, cisternas, sistemas de abastecimento d’água. Isso é o que importa e o que as pessoas querem: que essas políticas públicas possam ter sequência”, declarou o senador.
Sobre o futuro da Codevasf, FBC disse que o novo governo ainda está construindo sua base. Portanto, ainda é cedo para adiantar se seu grupo continua ou não no controle do órgão federal. No entanto, o senador deixou claro que essa prerrogativa é totalmente do presidente Jair Bolsonaro (PSL). “O novo presidente vai ter ampla liberdade para indicar quem quer que seja para os cargos ministeriais e aqueles de empresas públicas federais. O que eu torço é para que sejam sempre boas escolhas”, ponderou.

Blog do BILL NOTICIAS

Saiba quais serão os feriados federais e pontos facultativos de 2019

Resultado de imagem para os feriados federais e pontos facultativos de 2019

© Reprodução Veja a lista com os feriados nacionais e pontos facultativos de 2019
Em 2019, os brasileiros terão 9 feriados e 4 pontos facultativos –considerando a 4ª feira de cinzas, que costuma ser ponto facultativo até as 14h. O levantamento foi feito pelo Poder360.
O ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão divulga anualmente uma portaria publicada no DOU (Diário Oficial da União) com a formalização das datas, mas a determinação deste ano ainda não foi divulgada.
Os feriados compreendem os dias:
comemoração
classificação
data
Confraternização universal
feriado
1º de janeiro (3ª feira)
Carnaval
ponto facultativo
5 de março (3ª feira)
4ª feira de cinzas
ponto facultativo
6 de março (4ª feira)
Paixão de Cristo
feriado
19 de abril (6ª feira)
Tiradentes e Páscoa
feriado
21 de abril (domingo)
Dia mundial do trabalho
feriado
1 de maio (4ª feira)
Corpus Christi
ponto facultativo
20 de junho (5ª feira)
Independência do Brasil
feriado
7 de setembro (sábado)
Nossa Senhora Aparecida
feriado
12 de outubro (sábado)
Dia do Servidor Público
ponto facultativo
28 de outubro (2ª feira)
Finados
feriado
2 de novembro (sábado)
Proclamação da República
feriado
15 de novembro (6ª feira)
Natal
feriado
25 de dezembro (4ª feira)



Blog do BILL NOTICIAS

RÚSSIA ANUNCIA MAIS APOIO MILITAR À VENEZUELA

247, com Sputinik – O embaixador da Rússia na Venezuela, Vladimir Zaemsky, não descartou novos voos de aviões russos ao país sul-americano.
Em dezembro, dois bombardeiros estratégicos Tu-160, um avião de transporte militar An-124 e uma aeronave Il-62 da Força Aeroespacial da Rússia pousaram no aeroporto internacional nos arredores de Caracas.
Foram realizados voos conjuntos com a Força Aérea venezuelana e depois voltaram à base permanente na Rússia.
"Durante a cooperação russo-venezuelana nesta direção, sem dúvida, não excluímos tais eventos no futuro de acordo com todas as normas internacionais como antes", declarou à Sputnik Zaemsky.
Segundo ele, o "alvoroço" por causa dos aviões russos Tu-160, foi causado, especialmente, entre os opositores ao governo venezuelano tanto na região como nos EUA. 
O presidente Nicolás Maduro toma posse em seu segundo mandato no dia 9 de janeiro, mas é alvo de uma retórica hostil por parte de Brasil, Colômbia e Estados Unidos, que querem derrubá-lo,
A Venezuela tem as maiores reservas de petróleo do mundo.


Blog do BILL NOTICIAS

NORDESTE JÁ TEM PROGRAMA DE DESSALINIZAÇÃO DE ÁGUA DESDE 2004


247 - O presidente eleito Jair Bolsonaro foi ao Twitter nesta terça-feira, 25, para anunciar que uma parceria entre Brasil e Israel, "que está muito bem encaminhada", beneficiará  a região Nordeste com uma tecnologia israelense de dessalinização de água.

"Em janeiro, o futuro ministro Marcos Pontes (Ciência e Tecnologia) visitará instalações de dessalização, plantações e escritório de patentes em Israel, acompanhado pelo ministro israelense de Ciência e Tecnologia", disse Bolsonaro em sua conta no Twitter.
O problema é que a região Nordeste já conta com um programa de dessalinização de água. Desde 2004.  

Assista, abaixo, a vídeo sobre o programa:


Blog do BILL NOTICIAS

Pecado! Homem acusado de fingir ser padre e ter enganado a Igreja Católica por 18 anos

Padre segura hóstia: Ibarra foi desmascarado após alguém denunciar que sua documentação era falsa

© Getty Images Ibarra foi desmascarado após alguém denunciar que sua documentação era falsa
Por 18 anos, ele ministrou comunhões, escutou confissões, celebrou casamentos e batizados. Mas a Igreja Católica na Espanha acaba de divulgar que o colombiano Miguel Ángel Ibarra praticava o sacerdócio sem ter sido ordenado padre.
Ele atuava desde outubro de 2017 como pároco na cidade de Medina Sidonia, na província de Cádis, no sul da Espanha.
De acordo com o Bispado de Cádis e Ceuta, Ibarra foi para a Espanha graças a um acordo assinado com o Arcebispo da Arquidiocese de Santa Fé de Antioquia, na Colômbia, a que ele estava vinculado anteriormente.
E foi justamente de lá que vieram as pistas que acabaram por desmascará-lo, segundo a Igreja Católica. Ibarra atuou durante anos como pároco em várias dioceses da Colômbia.
Houve uma denúncia contra ele e, após uma investigação, a Arquidiocese colombiana descobriu que os documentos que credenciavam seu sacerdócio haviam sido falsificados – e que, na verdade, ele nunca havia sido ordenado.
Após ser notificada da farsa, a diocese de Cádis e Ceuta determinou que Ibarra fosse destituído de suas funções.
“O suposto sacerdote terá que responder, nos próximos dias, à Arquidiocese de Santa Fé de Antioquia, onde é procurado”, diz o comunicado.
Batina de padre: Durante 18 anos, Ibarra atuou como sacerdote sem nunca ter sido ordenado padre
© Getty Images Durante 18 anos, Ibarra atuou como sacerdote sem nunca ter sido ordenado padre
Mas o que vai acontecer com os casamentos e demais sacramentos que Ibarra ministrou por quase 20 anos?
De acordo com as autoridades eclesiásticas, os casamentos e batismos continuarão válidos, mas o mesmo não se aplica às comunhões ou confissões que ele ouviu.
“A diocese de Cádis e Ceuta já está trabalhando na respectiva investigação e na reparação das consequências que a atuação desta pessoa pode ter acarretado”, indica o texto.
Ao jornal espanhol El País o homem acusado de ser um falso padre afirmou ter documentos que comprovam sua experiência no sacerdócio, mas não quis dar mais explicações sobre as acusações que pesam contra ele. O paradeiro de Miguel Ángel Ibarra é desconhecido.
Esta não é a primeira vez que um indivíduo é acusado de fingir ser sacerdote.
Em 2008, um homem que não havia sido ordenado padre foi desmascarado ouvindo confissões na Basílica de São Pedro, no Vaticano.
Ele se vestia como um sacerdote, mas quando as autoridades italianas checaram sua documentação, descobriram que ele era um impostor.(      
BBC News
    )

Blog do BILL NOTICIAS

Bolsonaro anuncia ida de ministro a Israel para projeto de água no Nordeste

O futuro ministro de Ciência e Tecnologia, o astronauta Marcos Pontes, vai em busca de parceria e tecnologia em projetos de água que poderão beneficiar o Nordeste

   Por: Folhapress
Ministro de Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes
Ministro de Ciência e Tecnologia, Marcos PontesFoto: Marcelo Camargo/Agência Brasil



O presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), anunciou nesta terça-feira (25) que o futuro ministro de Ciência e Tecnologia, o astronauta Marcos Pontes, visitará Israel logo no primeiro mês de governo em busca de parceria e tecnologia em projetos de água que poderão beneficiar o Nordeste - região onde obteve a menor votação.

Segundo Bolsonaro, o ministro visitará instalações de dessalinização de água, técnica cuja ampliação já foi discutida no país em anos anteriores, mas que sempre esbarrou no alto custo.
"Pretendemos ainda em janeiro construir instalação piloto para retirar água salobra de poço, dessalinizar, armazenar e distribuir para agricultura familiar, estendendo o projeto para mais localidades após testes e ajustes", escreveu Bolsonaro no Twitter e no Facebook.

Ao menos desde a década de 1990, no governo de Fernando Henrique Cardoso (PSDB), já existem dessalinizadores para tratar a água salobra do subsolo do semiárido (com salinidade menor do que a do mar).

Em 2004, no governo Lula (PT), o uso da técnica foi ampliado com o programa federal chamado Água Doce. Mas o projeto de combate à seca no Brasil foi dificultado por valores considerados elevados para a implantação e operação das estações de dessalinização. Outra barreira, sob o ponto de vista orçamentário, foi a prioridade dada nos últimos governos a obras de transposição como a do rio São Francisco.

A operação de estações deste tipo consome muita energia, o que, além de ser caro, demanda a matriz energética no Brasil que é altamente dependente de usinas hidrelétricas. Ou seja, para que programas desse gênero funcionem de maneira sustentável, é preciso investir em geração alternativa de energia, como a eólica e a solar.

Outro problema enfrentado por projetos desse setor é a manutenção das estações, que gera um custo dificilmente absorvido pelas pobres comunidades beneficiadas pela dessalinização. Há ainda uma preocupação com os rejeitos das estações, que podem ter impacto ambiental, se descartados de maneira imprópria.

Ainda assim, especialistas avaliam que as estações de dessalinização podem ser uma alternativa viável para regiões mais afastadas de centros urbanos. A ida de representantes do governo federal a Israel ganha também um caráter político. De um lado, Bolsonaro acena com propostas ao Nordeste, onde tem menor popularidade.

De outro, o novo presidente se aproxima de um dos países com maior conhecimento em dessalinização no mundo. Dono de uma imensa rede de irrigação artificial e estações de dessalinização, Israel vê o tema como um cartão de visitas internacional. Em 2014, quando o Sudeste do Brasil passou pela crise hídrica, representantes do governo israelense e empresas daquele país tentaram chamar atenção para a alternativa da dessalinização.

Para Bolsonaro, a aproximação com Israel é um tema caro desde a campanha eleitoral. Em novembro, o presidente eleito disse que mudaria a embaixada brasileira, em Israel, de Tel-Aviv para Jerusalém. O assunto gerou repercussão internacional, uma vez que a mudança implicaria em reconhecer a capital de Israel em Jerusalém, o que pode causar atritos e prejudicar negócios com palestinos e países árabes.

Bolsonaro disse que estuda junto ao embaixador de Israel e uma empresa especializada testar tecnologia que produz água a partir da umidade do ar em escolas e hospitais.  Segundo ele, o país poderia negociar a instalação de uma fábrica dessas no Nordeste.
"Livre das amarras ideológicas o Brasil agora pode dar os primeiros passos para fora do buraco em que foi colocado pelos últimos governos", escreveu.

NATAL
Bolsonaro está passando o feriado de Natal na base naval da Restinga da Marambaia, uma instalação da Marinha no litoral do Rio de Janeiro habitualmente usada por presidentes para períodos de descanso, por ser uma praia onde o acesso é restrito e a segurança é feita pelas Forças Armadas.

Na noite de segunda (24), Bolsonaro participou de uma missa e de uma ceia realizadas dentro da base. Sua assessoria também divulgou imagens onde ele aparece participando de um churrasco e fazendo uma brincadeira com um militar ironizando a facada que recebeu em setembro.



Blog do BILL NOTICIAS

MARIELLE FRANCO VIRA NOME DE RUA NA ALEMANHA


Do Blog do Esmael - A vereadora Marielle Franco (PSOL), assassinada em março no Rio de Janeiro, foi homenageada com o nome de uma rua na cidade de Colônia na Alemanha.

"Aqui no meu bairro na Alemanha uma mulher negra, brasileira, é homenageada. Obrigada, ela merece!" Essas são as palavras de Tamara Soliz em seu perfil nas redes sociais, comemorando um fato inédito.
"Como mulher negra, lésbica da favela, ela era uma esperança para todos, que não se sentiam representados por políticos brancos, masculinos, heterossexuais. Em Março de 2018, ela foi baleada na rua por desconhecidos. O caso não foi esclarecido até hoje." Comcluiu Samara.
Mais de nove meses após o assassinato de Marielle, o caso continua sem solução.

Blog do BILL NOTICIAS

REVELADA CAUSA DO DEVASTADOR TSUNAMI NA INDONÉSIA

BEAWIHARTA
Sputnik Brasil - As ondas devastadoras que provocaram caos, calamidades e mortes na Indonésia, no sábado (22), não foram desencadeadas por um terremoto, mas pelo colapso parcial do vulcão Anak Krakatoa, segundo cientistas e fontes oficiais.
Segundo informações das autoridades emitidas na segunda-feira (24), a queda de um grande pedaço do vulcão nas águas oceânicas originou o tsunami, causando a morte de pelo menos 373 pessoas e ferindo mais de 1.400.
O vulcão estava lançando cinzas e lava há meses. Dwikorita Karnawati, chefe da Agência de Meteorologia, explicou à Reuters que uma seção de cerca de 640 mil metros quadrados, no lado sudoeste do vulcão, desabou no sábado "causando um deslizamento de terra debaixo d'água" e, em seguida, o tsunami mortal.
O sistema de alerta não funcionou devido ao fato desse tsunami não ter sido provocado por um terremoto, mas sim pelo deslizamento de terra do vulcão Anak Krakatoa.

Jose Borrero, especialista em risco de tsunamis, observou que tsunamis vulcânicos gerados por deslizamentos de terra são mais enigmáticos do que aqueles causados por terremotos, que são estudados com mais afinco.
Depois do acidente, verificou-se que o sistema de alerta prévio para tsunamis na Indonésia não funciona em plena capacidade há seis anos. Desde 2012, a boia de águas profundas de detecção precoce, um dos principais elementos do sistema de alerta, não funciona devido a uma manutenção deficitária, alegaram as autoridades.


Blog do BILL NOTICIAS