sexta-feira, 1 de junho de 2018

Deputado Lucas Ramos recebe título de cidadão `Lagoagrandense

  (C.Geral)

Deputado Estadual Lucas Ramos

Professora Anete Ferraz
Gestora da Gerência Regional de Educação do Médio São Francisco 


Na noite desta quarta-feira (30), o deputado estadual Lucas Ramos (PSB) recebeu o título de Cidadão Lagoagrandense em reconhecimento à contribuição do parlamentar para avanços em demandas essenciais à população do município. Realizada na Câmara, a cerimônia contou com as participações do prefeito Vilmar Capellaro, do vice-prefeito Ítalo Ferreira, da presidente da casa, Yara Evangelista e dos autores do decreto, os vereadores Alvanir Gomes, Nena Gato e Mantena, além do Professor Vavá, Rosa Farias, Edneuza, Josafá e Fernando Angelim. Durante o evento, a gestora da Gerência Regional de Educação do Médio São Francisco, Anete Ferraz, também foi agraciada com a cidadania.
Com ações decisivas nos setores de saúde, educação, estradas, abastecimento, irrigação e social, Lucas Ramos lembrou que sua ligação com Lagoa Grande é anterior ao seu ingresso na vida pública. “É de longa data. Desde antes de se tornar cidade – quando ainda pertencia à Santa Maria da Boa Vista -, sempre acompanhei de perto o trabalho desenvolvido por meu pai, Ranílson Ramos, em prol do crescimento de Lagoa Grande”, destacou. “Por isso, nada que eu disser será suficiente para descrever o orgulho que estou sentindo”, acrescentou.

Deputado Estadual Lucas Ramos
Um dos autores do decreto, Mantena ressaltou o compromisso do deputado com a população e sua atuação em Lagoa Grande. “Tenho acompanhado de perto a persistência com a qual Lucas tem buscado avanços para o povo de Lagoa Grande em diversas áreas”, lembrou o vereador. “Ouvindo a nossa comunidade, o deputado tem sido incansável com ações de estruturação na saúde, na educação e de infraestrutura hídrica – implantando sistemas de abastecimento e irrigação. Por isso, este título é mais do que merecido”, refletiu.
Lucas Ramos garantiu ainda que a oficialização de seus laços com a cidade será convertida em mais empenho para atender as demandas da população. “Renovo aqui, diante do prefeito Vilmar Capellaro, do vice-prefeito Ítalo Ferreira e dos vereadores deste município, o compromisso com meus mais de 25 mil irmãos lagoagrandenses. Juntos, vamos continuar avançando para fazer de Lagoa Grande um lugar melhor para se trabalhar e ainda melhor para se viver.

Blog do BILL NOTICIAS

PT: É PRECISO RECUPERAR A PETROBRAS PARA O BRASIL

 Rafael Ribeiro

O PT destacou, em nota, que "não basta trocar o presidente da Petrobras para enfrentar a crise dos combustíveis. É necessário mudar radicalmente sua política privatista e entreguista, que privilegia os interesses das petrolíferas estrangeiras, do capital financeiro e dos acionistas privados (em grande parte estrangeiros), em detrimento do maior acionista que é o povo brasileiro. É preciso resgatar a Petrobras para o Brasil; para o PT é preciso rever a política entreguista e voltada à privatização implantada pelo MDB e PSDB e levada à cabo por Parente.
"Em dois anos de governo golpista, perdemos a soberania da Petrobras sobre as reservas do pré-sal, que estão sendo vendidas a preços irrisórios. As sondas e plataformas voltaram a ser importadas (e com isenção de impostos!), destruindo o que restou da nossa indústria naval. Puseram à venda a Liquigás, que distribui gás de cozinha a preços justos, e a BR Distribuidora. Anunciaram a venda de nossas refinarias, resultado de mais de 50 anos de investimentos", denuncia o texto. 
Para o PT, " a saída para a para a profunda crise política, social e econômica do país passa necessariamente pela realização de eleições livres e democráticas, com a participação de todas as forças politicas. Por isso, no próximo dia 8 vamos lançar oficialmente a pré-candidatura do companheiro Lula à Presidência da República e vamos lutar por sua liberdade e pelo direito do povo votar livremente num projeto de país melhor, mais justo e soberano".
Leia a íntegra da nota:
A demissão do presidente da Petrobras, Pedro Parente, escancarou a inviabilidade da política de reajustes e de importação de combustíveis que faz sofrer a população brasileira, especialmente os trabalhadores e os mais pobres. Os resultados dessa política entreguista e criminosa levaram à paralisação dos transportes rodoviários, que durou dez dias pela inépcia do governo golpista, gerando pânico, desabastecimento e graves prejuízos à economia.
A queda de Parente expõe também a profunda crise interna do governo golpista, que não tem mais autoridade nem condições políticas de continuar implantando a pauta antinacional e antipovo do golpe do impeachment de 2016. É um governo ilegítimo e incapaz de lidar com suas próprias contradições.
O Partido dos Trabalhadores afirma que não basta trocar o presidente da Petrobras para enfrentar a crise dos combustíveis. É necessário mudar radicalmente sua política privatista e entreguista, que privilegia os interesses das petrolíferas estrangeiras, do capital financeiro e dos acionistas privados (em grande parte estrangeiros), em detrimento do maior acionista que é o povo brasileiro. É preciso resgatar a Petrobras para o Brasil.
Pedro Parente, ministro do apagão no governo FHC, foi o mais notório representante dos interesses do capital internacional no governo golpista. Foi colocado à frente da Petrobras para executar o plano de privatização da empresa do povo, que não foi politicamente possível no governo tucano, e a entrega do pré-sal aos estrangeiros. Contra a soberania nacional, atuou em sinistra parceria com José Serra e seu preposto no Itamaraty, Aloysio Nunes Ferreira.
Em dois anos de governo golpista, perdemos a soberania da Petrobras sobre as reservas do pré-sal, que estão sendo vendidas a preços irrisórios. As sondas e plataformas voltaram a ser importadas (e com isenção de impostos!), destruindo o que restou da nossa indústria naval. Puseram à venda a Liquigás, que distribui gás de cozinha a preços justos, e a BR Distribuidora. Anunciaram a venda de nossas refinarias, resultado de mais de 50 anos de investimentos.
Sob a a direção de Parente, as refinarias brasileiras reduziram a produção em 30%, abrindo nosso imenso mercado para os estrangeiros, que ganharam ainda uma criminosa isenção de impostos sobre importação do diesel. As importações de óleo diesel dos Estados Unidos passaram de 41% do consumo interno para 82%. Essa política antinacional produziu 229 aumentos dos combustíveis em 24 meses, contra 16 reajustes em 12 anos de governos do PT.
Parente fez manobras contábeis e divulgou balanços mentirosos para aumentar os lucros dos acionistas privados e desvalorizar o patrimônio da Petrobras. A Rede Globo e os grandes jornais censuram essas denúncias que vêm sendo feitas corajosamente pela Federação Única dos Petroleiros e seus sindicatos. São os trabalhadores que historicamente defendem a Petrobras.
Por tudo isso, o PT apoia a criação de uma CPI para investigar quem ganhou com a gestão criminosa da estatal nos últimos dois anos. E defende a imediata revisão da política da Petrobras que resultou nos aumentos abusivos do gás de cozinha, do diesel e da gasolina.
O Brasil pode e deve empregar toda sua capacidade de produzir combustíveis, gerando empregos e favorecendo a economia popular. A Petrobrás pode e deve voltar a exercer seu papel estratégico para o desenvolvimento, atuando inclusive como reguladora dos preços internos.
Mostramos que isso é possível nos governos do PT, quando a Petrobras se tornou a segunda maior petrolífera do mundo e os preços internos dos combustíveis foram reajustados em prazos longos, equilibrando as necessidades da empresa aos interesses do povo brasileiro.
A saída para a para a profunda crise política, social e econômica do país passa necessariamente pela realização de eleições livres e democráticas, com a participação de todas as forças politicas. Por isso, no próximo dia 8 vamos lançar oficialmente a pré-candidatura do companheiro Lula à Presidência da República e vamos lutar por sua liberdade e pelo direito do povo votar livremente num projeto de país melhor, mais justo e soberano.(247).


Blog do BILL NOTICIAS

Postos que não baixarem diesel podem pagar multas de até R$ 9,4 mi, diz ministro

Em entrevista coletiva, o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, afirmou que os postos também poderão ter as atividades interrompidas temporariamente

Por: Folhapress
Eliseu Padilha
Eliseu PadilhaFoto: Divulgação
O ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, afirmou nesta quinta-feira (31) que postos de gasolina que não baixarem o preço do óleo diesel em R$ 0,46 a partir de sábado (2) serão multados em até R$ 9,4 milhões. 

Em entrevista coletiva, o ministro afirmou que os postos também poderão ter as atividades interrompidas temporariamente, serem interditados ou até terem a licença cassada caso descumpram a determinação. Para acabar com a greve dos caminhoneiros, o governo prometeu uma redução de R$ 0,46 no preço do litro do diesel, dado às refinarias

Para garantir que o desconto será aplicado aos postos, Padilha afirmou que será editada portaria do Ministério da Justiça, que fará a fiscalização e negociará com as distribuidoras de combustíveis.

A entrevista coletiva foi dada após reunião do grupo de crise do governo. Nesta quinta, se reuniram os ministros Eliseu Padilha, Sergio Etchegoyen (GSI), Carlos Marun (Segov), Rossielli Soares (Educação), o chefe do estado-maior, Almirante Ademir Sobrinho, e os secretários-executivos das pastas de Minas e Energia, Márcio Félix, e Saúde, Adeilson Cavalcante. O presidente Michel Temer não participou da reunião no Palácio do Planalto.



Blog do BILL NOTICIAS

Cunha, que golpeou Dilma, é condenado a 24 anos de prisão por roubo na Caixa

REUTERS/Rodolfo Buhrer

O ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha (MDB-RJ) foi condenado nesta sexta-feira (1) pelo juiz federal da 10ª Vara em Brasília, Vallisney de Souza Oliveira, a uma pena de 24 anos e dez meses de prisão por desvios e irregularidades na Caixa Econômica Federal no âmbito da Operação Sépsis. Cunha foi considerado culpado de ter incorrido nos crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e violação de sigilo funcional.
Cunha, que está preso em Curitiba, já havia sido condenado a uma pena de 14,6 anos de reclusão no âmbito da Operação Lava Jato. Além de Cunha, o ex-ministro e também ex-presidente da Câmara Henrique Eduardo Alves (MDB-RN) foi condenado a cumprir uma sentença de 8,8 anos de prisão pelo crime de lavagem de dinheiro.
O juiz também decretou que os réus perdessem os bens e valores obtidos por meio do esquema e determinou que Cunha pagasse multa de R$ 7 milhões. Já Alves terá que pagar uma multa no valor de R$ 1 milhão.(247).


Blog do BILL NOTICIAS

Temer confirma nome de Ivan Monteiro como novo presidente da Petrobras

A troca ocorre após a decisão de Pedro Parente em deixar o comando da Petrobras, anunciada no final da manhã desta sexta-feira

Por: Agência Brasil

Presidente da República Michel Temer
Presidente da República Michel TemerFoto: Marcos Corrêa/PR

presidente Michel Temer confirmou o nome de Ivan Monteiro para ser recomendado como presidente efetivo da Petrobras. Ele falou à imprensa na noite desta sexta-feira (1º), após reunir-se com Monteiro no Palácio do Planalto. Temer aguardou a decisão do Conselho de Administração da Petrobras, que indicou o diretor financeiro da estatal para ocupar interinamente o cargo.  

“Comunico que o escolhido hoje como interino, Ivan Monteiro, será recomendado ao Conselho de Administração para ser efetivado na presidência da Petrobras”, disse. Em rápido pronunciamento, o presidente também reafirmou o apoio à política de preços praticada pela empresa, que segue os preços internacionais do barril de petróleo para precificar seus produtos.

“Reafirmo que meu governo mantém o compromisso com a recuperação e a saúde financeira da companhia. Continuaremos com a política econômica que nesses dois anos tirou a empresa do prejuízo e a trouxe para o rol das mais respeitadas do Brasil e do exterior. Declaro também que não haverá qualquer interferência na política de preços na companhia”.

Monteiro ocupava até então a direção executiva da Área Financeira e de Relacionamento com Investidores da Petrobras. A troca ocorre após a decisão de Pedro Parente em deixar o comando da Petrobras, anunciada no final da manha desta sexta-feira.


Blog do BILL NOTICIAS

Homem morre em capotamento na BR-407, em Petrolina-PE

  (C.Geral)


Na noite dessa quinta-feira(31), mais um acidente ceifa a vida de um motorista na altura do Km 120 da BR-407. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), por volta das 18:45, Francisco Moraes, de 44 anos perdeu o controle do veículo, um  Fiat Palio Adventure, e capotou na estrada.  Por conta  do acidente Francisco foi jogado para fora do veículo e foi a óbito no local.
As autoridades foram acionadas e o corpo de Francisco foi levado ao Insituto de Medicina Legal (IML) de Petrolina, após identificado, os familiares foram comunicados do acidente.

Blog do BILL NOTICIAS

Regionais:Alagoas 247Bahia 247Brasília 247Ceará 247Goiás 247Maranhão 247Minas 247Paraná 247Pernambuco 247Piauí 247Rio 247Rio Grande do Sul 247SP 247 APANHAMOS POR QUASE DOIS ANOS, MAS O CENÁRIO MUDOU E HÁ CHANCE DE VIRAR O JOGO

    (Por: Mario Lopes)

Apanhamos muito desde que Dilma virou as costas para os que a elegeram em 2014 e governou em 2015 com os ricos que haviam sido derrotados nas urnas.
Apanhamos ainda mais em 2016 quando o golpe afastou Dilma em maio e derrubou-a em outubro. Continuamos apanhando em 2017, com a sequência de medidas antipopulares que levaram o país à ruína. Foram quase dois anos de derrotas contínuas.
Mas o golpe está dando sinais de apodrecimento acelerado e as forças democráticas e populares passaram a disputar a iniciativa com a direita.
Tentaram, com a condenação e prisão de Lula, lançá-lo no ostracismo, e apostaram que seu nome sumiria nas pesquisas eleitorais. Equivocaram-se feio. O ex-presidente continua no coração do povo, parece mais forte politicamente a cada dia e, no cárcere, ocupa o centro da cena política.
A greve dos caminhoneiros foi um raio em céu azul. Em que pese a profunda insatisfação popular, nos últimos ela vinha expressando-se apenas nas pesquisas. Os caminhoneiros, secundados pelos petroleiros, recolocaram a mobilização como um dos eixos principais da luta de classes.
Atingimos o coração do golpe. Pedro Parente era muito mais que o presidente da Petrobras. Era o co-presidente do golpe. O PSDB, que foi o verdadeiro articulador da trama contra Dilma e usou Temer/MDB como Joaquim Silvério dos Reis da democracia, reservou para si a joia da coroa golpista, a maior empresa nacional, as reservas de petróleo do país e a chance de encaminhar a maior negociata da história, a privatização da empresa e sua entrega às grandes petroleiras e ao capital financeiro. A força da mobilização popular derrubou o co-presidente do golpe.
Continuamos apanhando? Sim, os golpistas ainda têm muita força, controlam o Executivo, o Judiciário e o Congresso, manobram para manter o poder, agora ameaçam o país com o parlamentarismo. Mas começam a apresentar fissuras. E, depois de dois anos, começamos a bater de volta. A grande notícia é que, neste instante, os golpistas estão na defensiva.
O desafio agora é: como avançar para restaurar a plenitude democrática no país? Como obrigar Temer à renúncia e colocá-los a bater em retirada, com a realização de eleições diretas presidenciais livres com Lula como candidato?
É meridiano que a manutenção da mobilização popular e a inteligência de uma boa articulação política são as chaves para este novo momento.
Mas não está claro como isso será. Os líderes políticos, sindicais e populares estão se movimentando, conversando, tomando iniciativas.
Há um roteiro claro? Não. Mas não havia roteiro algum antes da greve dos caminhoneiros. E ela mudou a face do país.
O que importa agora? Manter o foco, derrotar o golpe, forçar Temer à renúncia e reinstalar a democracia com um governo que seja expressão dos desejos vivos do povo e não da ganância mórbida dos ricos.(247).


Blog do BILL NOTICIAS

Em Cabrobó-PE, Caminhão é recuperado e quatro reféns são resgatados em Pernambuco

 (C.Geral)
  


Veículo havia saído de São Paulo e seguiria para Natal, no Rio Grande do Norte
Um caminhão foi recuperado e quatro reféns foram resgatados, na noite dessa quinta-feira (31), pela Polícia Rodoviária Federal (PRF). O veículo havia sido roubado na manhã do mesmo dia, em Planalto, na Bahia, e foi recuperado na BR 116, em Cabrobó, em Pernambuco.
Os policiais retornavam de um atendimento, quando observaram um caminhão parado no acostamento da rodovia. Ao verificar o interior do veículo, encontraram três motoristas e um ajudante, que haviam sido sequestrados em um posto de combustível,  no município baiano.
Os homens informaram que enquanto um dos assaltantes dirigia o caminhão, outro criminoso os ameaçava com uma arma. Disseram também que ao avistar a viatura da polícia, um fugiu em um carro que acompanhava o caminhão e o outro correu para o matagal.
O veículo havia saído de São Paulo e seguiria para Natal, no Rio Grande do Norte. A carga era composta por produtos diversos e estava intacta. A ocorrência foi encaminhada à delegacia de Polícia Civil da região. (Ascom).

Blog do BILL NOTICIAS

MPF e MPPE fecham cerco contra preços abusivos de gás de cozinha em Pernambuco

  (C.Britto)
Foto/reprodução


O Ministério Público Federal (MPF) e o Ministério Público Estadual (MPPE) expediram nota técnica para evitar o aumento abusivo do preço do gás de cozinha (GLP) no estado de Pernambuco. O documento, assinado pelo procurador da República Alfredo Gonzaga Falcão Júnior e pela promotora de Justiça Liliane da Fonseca Rocha, é direcionado à Agência Nacional de Petróleo (ANP), Polícia Federal (PF), Sindicato de Revendedores de Gás de PE, revendedoras de gás, Procons estadual e municipal e Delegacias do Consumidor.
O objetivo é impedir o aumento de preços sem justa causa e a exigência de vantagem indevida, que configuram práticas abusivas vedadas pelo Código do Consumidor. O fornecedor que cometer as irregularidades pode sofrer sanções administrativas, civis e penais, a exemplo de multa, apreensão do produto, suspensão da atividade e interdição.
A nota técnica considera que ainda serão necessários alguns dias para cessar a crise no abastecimento ocasionada pela greve dos caminhoneiros, incluindo a normalização da distribuição do gás de cozinha. Conforme consta no documento, a distribuição de gás afeta várias instituições, como hospitais, escolas e creches, prejudicando a ordem pública e econômica. O não reabastecimento, em caráter urgente, dos hospitais com insumos indispensáveis ao serviço de saúde pode resultar na perda de vidas humanas.
De acordo com o documento, a ANP deverá encaminhar ao MPF e MPPE relatório sobre aumento indevido do preço de gás de cozinha que vier a ser registado em junho e julho. O Sindicato de Revendedores de Gás deverá instruir os revendedores a não praticar aumento arbitrário de preços ou, caso tenham elevado os valores, a retornar ao custo vigente antes do início da greve. As mesmas orientações são destinadas pela nota técnica diretamente às revendedoras.
Relatórios
Os Procons deverão encaminhar relatórios de infrações referentes a aumentos arbitrários de preços do gás, bem como divulgar a nota técnica aos consumidores, orientando sobre a necessidade de pedir nota fiscal para comprovar a prática de preço abusivo. As Delegacias do Consumidor e a PF também deverão direcionar ao MPF e MPPE autos de flagrantes e inquéritos policiais abertos em razão do aumento arbitrário de preços do GLP. As informações são da assessoria do MPF-PE.

Blog do BILL NOTICIAS

Nível da Barragem de Sobradinho tem pequenas oscilações e deve atingir menos de 36% até final da 1ª quinzena de junho, diz Chesf

(Por:C.Britto)

Quando a primeira quinzena de junho terminar, a Barragem de Sobradinho (BA) estará com menos de 36% de sua capacidade. É o que aponta mais um relatório da Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf).
Para este fim de semana, segundo estimativas do órgão, o nível atingirá 36,59% neste sábado (2), e já cai para 35,53% no domingo (3). No próximo dia 9, o volume da barragem voltar a se elevar, chegando a 36,17%. No entanto, cairá um pouco no dia 10, para 36,11%, e voltará a ficar com menos de 36% no dia 13 (35,93%).

Blog do BILL NORICIAS

COM PARENTE, CAI O RESTO DA CREDIBILIDADE DE MIRIAM LEITÃO


Por Miguel Enriquez, do DCM - Exatos dois anos depois de sua posse, no dia 1º de junho de 2016, Pedro Parente, não é mais o presidente da Petrobras. Queridinho do mercado, fora apresentado como o homem providencial e o melhor gestor de crises de que o país dispunha, o executivo adequado para sanar a estatal, abalada pelo chamado Petrolão. Entre os áulicos, ninguém superou a jornalista Miriam Leitão, a decana dos comentaristas de economia dos veículos do grupo Globo.
Há menos de três semanas, Miriam, que não tem o menor pudor em deixar-se fotografar em poses lânguidas ao lado de Parente, FHC e outros amigos, dedicou-lhe seu programa na GloboNews para uma espécie de egotrip. “A Petrobras virou a página da sua pior crise, sem dúvida nenhuma, o que não quer dizer que a gente possa relaxar. Estamos seguindo um planejamento estratégico com muita disciplina. Por outro lado, temos que reconhecer que tem evidentemente o efeito do petróleo subindo. E como ele sobe, pode descer”, disse Parente, ante o olhar embevecido de Miriam.
Na ocasião, Parente revelou que todo o esforço na empresa estava dirigido para fazer os ajustes operacionais necessários, a renegociação para mudar o perfil da dívida e as melhoras na área de segurança, porque a Petrobras tem que ser lucrativa com o barril a US$ 35 ou a US$ 75. “Como o preço do petróleo é cíclico, a gente faz bem de seguir a sabedoria, as lições da Bíblia”, afirmou. “Sete anos de bonança e depois sete anos de tempestade. Vamos durante a bonança nos preparar para a tempestade, fortalecendo a empresa e trabalhando no menor custo possível.” (247).
Leia o artigo completo aqui.


Blog do BILL NOTICIAS

CAI PEDRO PARENTE, O CORAÇÃO DO GOLPE

Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

 O presidente da Petrobras, Pedro Parente, pediu demissão na manhã desta sexta-feira (1º), dois anos depois de tomar posse como presidente da Petrobras.
Imediatamente após a notícia, as ações da estatal entraram em leilão na B3.  De acordo com comunicado da estatal, a nomeação de um CEO interino será examinada ao longo do dia pelo Conselho de Administração.
Ainda de acordo com o comunicado, a diretoria executiva da companhia não sofrerá qualquer alteração.(247).


Blog do BILL NOTICIAS

Abastecimento de gás de cozinha e combustivel começa a ser normalizado em Petrolina

Abastecimento gás em Petrolina
Distribuidora de gás de cozinha em Petrolina enfrentando um grande movimento de consumidores

Nesta sexta-feira (1º) já existe uma tendência de normalização do comércio de combustíveis e gás de cozinha.
Para o gás de cozinha, algumas revendedoras locais colocaram bastantes unidades a disposição da população.
Já nos postos de combustível, a sexta-feira(01) foi de apreensão, mas, as informações colhidas nesta tarde de sexta(01)  é que caminhões conduzindo gasolina e óleo diesel chegaram em alguns pontos de Petrolina, principalmente em postos de redes.
A tendencia segundo os especialistas é que a normalidade em vários seguimentos do comercio das duas cidades, ainda deve levar alguns dias.(C.Geral).

Blog do BILL NOTICIAS

Mensagens sobre retomada de paralisação são boatos, diz Jungmann

Ministro descartou hipótese de caminhoneiros 
retomarem greve
Segundo a assessoria da pasta, o ministro Raul Jungmann determinou que a Polícia Federal apure os objetivos de quem espalhou o boato. Foto:Antônio Cruz/Agência Brasil
Segundo a assessoria da pasta, o ministro Raul Jungmann determinou que a Polícia Federal apure os objetivos de quem espalhou o boato. Foto:Antônio Cruz/Agência Brasil

O Ministério da Segurança Pública descartou a hipótese dos caminhoneiros voltarem a paralisar suas atividades após terem suas principais reivindicações atendidas e encerrarem o movimento paredista que durou 11 dias. O boato de que a categoria organizaria uma nova paralisação ganhou força a partir do compartilhamento de mensagens pelo Whatsapp.

Segundo a assessoria da pasta, o ministro Raul Jungmann determinou que a Polícia Federal apure os objetivos de quem espalhou o boato. A investigação ocorrerá no âmbito dos inquéritos já instaurados para apurar a paralisação e a suspeita de envolvimento de empresários na condução dos protestos que, inicialmente, tinham como motivação a alta do preço dos combustíveis, mas logo incorporaram outras demandas à pauta de reivindicações.

“Prosseguem as investigações sobre as ações com cunho político. A PF e demais órgãos de segurança permanecem mobilizados, investigando possíveis infiltrações no movimento (dos trabalhadores)”, informou a assessoria do ministério a Agência Brasil.

Em entrevista à Rádio Jornal, do Recife, o ministro disse já ter conversado sobre o assunto com o ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), Sérgio Etchgoyen. Segundo Jungmann, o serviço de inteligência já identificou de onde partiram as mensagens, tratadas pelas autoridades como meros boatos.

“Quero deixar claro que não existe esta articulação para refazer o movimento e retomar a paralisação”, afirmou o ministro à rádio pernambucana. “Trata-se de um boato que vai ser investigado pela Polícia Federal, pois está evidentemente tentando criar um clima de ansiedade, de preocupação, divulgando dados infundados”, disse Jungmann, acrescentando que sempre pode haver manifestações pontuais, “mas nada sequer parecido com o que tivemos no movimento dos caminhoneiros (dos últimos dias)”.

O ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, também disse nesta sexta-feira (1°) que os órgãos de inteligência estão atentos à divulgação de vídeos e notícias falsas que incitem a retomada da paralisação dos caminhoneiros e dizem que o governo não cumpre o acordo. Segundo ele, se for necessário, serão tomadas providências. “Não vai ficar sem punição quem tentar descaracterizar a verdade dos atos praticados pelo governo”, disse Padilha em entrevista coletiva.

Inquéritos
Até a última terça-feira (29), a PF já tinha aberto 48 inquéritos para investigar a ocorrência de locaute na paralisação dos caminhoneiros e encaminhado à Justiça vários pedidos de prisão. Nessa quinta-feira (31), o filho do dono de uma empresa de transporte e logística com sede em Caxias do Sul (RS) foi preso em caráter temporário durante a Operação Unlocked, deflagrada pela PF para reprimir a prática de locaute em rodovias do estado. O locaute é a greve ou a paralisação realizada por ou com o incentivo de empresários e é proibida por lei.

O Ministério Público Federal (MPF) também instaurou diversos procedimentos investigatórios para apurar se lideranças do movimento dos caminhoneiros infringiram a Lei de Segurança Nacional (Lei 7.170/1983) em ao menos quatro estados (São Paulo, Goiás, Rio Grande do Sul e Santa Catarina) onde foram registrados atos e declarações de indivíduos insuflando outros manifestantes a pedirem intervenção militar no país.

Como identificar um boato
 
1. Leia a mensagem completa antes de decidir repassá-la a seus contatos. Mensagens falsos normalmente vêm com poucos detalhes, é um texto genérico. Normalmente é sobre um acontecimento trágico. 

2. Boatos normalmente não têm a data de quando vai acontecer ou quando aconteceu. Você pode receber pegadinhas ou até repassar notícias que já aconteceram há anos. 

3. Em sites como Boatos.org há como checar se uma notícia é boato ou verdadeira. 

4. Confira se a pessoa que está te passando uma informação é confiável e cheque se a fonte da pessoa também é confiável. Verifique o site, se possível, e veja se tem credibilidade.

5. Se estiver na dúvida, faça como os juris no julgamento de crime. Na dúvida, como orienta as maiores democracias do mundo, inocente o réu. Na dúvida, não repasse uma mensagem na qual você não confia.


Blog do BILL NOTICIAS

STF manda para Petrolina inquérito de deputado mais rico de Pernambuco

marinaldo rosendo

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, mandou para as Varas Criminais da Comarca de Petrolina o Inquérito 4515, que investigava o deputado federal Marinaldo Rosendo (PP), por suposto crime tributário.
“Pelo que consta dos autos, o Deputado Federal Marinaldo Rosendo de Albuquerque e Sandro Luiz Guedes Barbosa, na condição de sócios e representantes legais de empresa P R Distribuidora de Bebidas e Alimentos Ltda, teriam omitido informações nas notas fiscais às autoridades fazendárias a fim de sonegar tributo, fornecendo-as em desacordo com a legislação”, informa a decisão do ministro, nos autos.
Segundo o processo, foi a procuradora geral da República, Raquel Dodge, que pediu a ida do inquérito para a primeira instância.
“A Procuradora-Geral da República manifesta-se pela incompetência superveniente deste Supremo Tribunal Federal, já que o fato delituoso, em tese, imputado aos investigados seria anterior à atual legislatura e complemente apartado da condição de parlamentar”, diz despacho no processo.
A decisão é mais uma que aplica o novo precedente do STF sobre foro privilegiado, após proposta do ministro Roberto Barroso ser aprovada.
De acordo com fontes da área jurídica, o plenário do STF, ao julgar questão de ordem na Ação Penal 937, “assentou” que a competência da Suprema Corte para processar e julgar os membros do Congresso Nacional é exclusivamente quanto aos crimes “praticados no exercício e em razão da função pública em questão”.
Segundo Raquel Dodge em petição nos autos, não é o caso de Marinaldo, pois o suposto crime foi praticado em uma das empresas particulares do deputado.
“Nesse contexto, tratando-se de crime que não foi praticado no exercício do mandato de Deputado Federal e diante da inaplicabilidade da regra constitucional de prerrogativa de foro ao presente caso, remetam-se os autos a uma das Varas Criminais da Comarca de Petrolina/PE, para que prossiga na presente investigação”, decidiu Dias Toffoli.
A decisão do ministro do STF foi proferida em 23 de maio.
Marinaldo foi eleito prefeito de Timbaúba em 2008 e reeleito em 2012 (com 97% dos votos válidos). Renunciou à prefeitura em 2014 para se eleger deputado federal pelo PSB.
No início de 2018, anunciou a sua filiação ao Partido Progressista (PP), comandado no Estado pelo deputado federal Eduardo da Fonte.
Na declaração pública feita em 2014 à Justiça Eleitoral, Marinaldo era o deputado mais rico de Pernambuco, tendo um patrimônio de 14 milhões de reais.

Outro lado

“A defesa do deputado federal Marinaldo Rosendo (PP) recebe com tranquilidade a decisão do ministro Dias Toffoli, visto que, nada mais é que um desdobramento da decisão do STF ao restringir o foro privilegiado dos parlamentares.
Segundo o advogado do deputado, Tyago Vázquez, em qualquer que seja o foro, ficará comprovada a inexistência da prática de ato que configure crime contra a ordem tributária. Desde que ingressou na vida pública e assumiu os mandatos eletivos de prefeito de Timbaúba e de deputado federal, Marinaldo Rosendo passou a ser apenas sócio-quotista das empresas, deixando de praticar qualquer gestão administrativa”, diz a nota. (Blog do Jamildo).

Blog do BILL NOTICIAS

Moro solta operador do MDB

Mário Miranda é o alvo principal da Operação Dejà Vu

Miranda está livre, mas não pode sair do País, por imposição de Moro. Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom
Miranda está livre, mas não pode sair do País, por imposição de Moro. Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom


O juiz Sérgio Moro mandou expedir alvará de soltura de Mário Miranda, apontado como operador de propinas do MDB, nesta sexta-feira (1). Alvo principal da Operação Dejà Vu, fase 51 da Lava Jato, Miranda confessou crimes e colocou à disposição da Justiça US$ 7,2 milhões em valores repatriados da Suíça.

O dinheiro, segundo ele próprio, teve origem em "práticas ilícitas em contratos da Petrobras".

A investigação Dejà Vu mira contrato da área Internacional da Petrobras no valor de US$ 825 milhões que teria rendido propinas de US$ 40 milhões ao MDB, em suposto encontro entre delatores da Odebrecht, os ex-presidentes da Câmara Henrique Eduardo Alves e Eduardo Cunha e Temer, então candidato a vice-presidente, em 2010.

Miranda e outro operador, Sérgio Bocaletti, são suspeitos de receber US$ 31 milhões por meio de contas mantidas por operadores financeiros no exterior e supostamente representavam políticos do MDB. Os operadores são investigados por entregas de valor equivalente em moeda nacional, em espécie e no Brasil, ao encarregado pelo recebimento e distribuição do dinheiro aos agentes políticos.

Sob sigilo, as declarações de Miranda foram registradas pela força-tarefa da Operação Lava Jato no dia 16.

O depoimento envolve contrato que, segundo a Odebrecht e os investigadores, beneficiou o MDB em 2010, em suposto acerto com políticos da cúpula do partido, dentro do escritório de Michel Temer em São Paulo.

O termo foi assinado após a prisão de Miranda na 51ª fase da Operação Lava Jato, que mira suspeita de propinas em benefício do partido.

Nesta sexta-feira, o juiz Sérgio Moro despachou. "Considerando que R$ 6.129.355,34 já foram depositados na conta judicial, expeça-se o alvará de soltura em relação a Mario Ildeu de Miranda, bem como o termo de compromisso com as cautelares. Deverá subscrever no prazo de cinco dias os formulários necessários para a renúncia dos valores bloqueados no exterior e repatriação dos mesmos junto ao Ministério Público Federal."

Miranda está livre, mas não pode sair do País, por imposição de Moro. "Oficie-se ainda à Delegacia da Polícia Federal de Fronteira para registrar a proibição de que deixe o país."

Para os procuradores da força-tarefa da Lava Jato, há "contas secretas ainda mantidas no exterior e que não tiveram saldos sequestrados", como a offshore Fairfamily Foundation, mantida pelo operador nas Bahamas.

De acordo com o advogado Antonio Figueiredo Basto, que defende o operador, no depoimento do dia 16 Mário Miranda "respondeu a todas as perguntas e enfrentou as apontadas omissões que, segundo o MPF, justificaram a prisão preventiva".

Basto disse que o operador "manifestou em seu depoimento que abre mão de eventuais valores depositados no exterior e concorda com a repatriação, comprometendo-se ainda a apresentar, quando os bancos enviarem, os documentos da conta da fundação no Banco Heritage que deram origem à movimentação para a instituição nas Bahamas".

Entre as contas de valores ilícitos repatriados e já postos à disposição das autoridades pelo operador estão uma mantida no banco suíço Julius Bar, com saldo atualizado em 2 de abril de 2017 no valor de US$ 1.834.682, e outra no Credit Suisse, com saldo atualizado em 17 de março de 2017 no valor de US$ 5.449.540.

De acordo com Miranda, o valor totaliza US$ 7.284.222, a ser atualizado. Ainda restaria conferir o "saldo na conta mantida nas Bahamas cujos demais dados desconhece".

Defesas
No dia 20 de maio, quando o depoimento de Miranda foi divulgado, a reportagem entrou em contato com a assessoria de imprensa do Palácio do Planalto, mas não obteve resposta.

Foram procuradas as defesas dos ex-deputados e ex-presidentes da Câmara Eduardo Cunha e Henrique Alves, mas elas também não se manifestaram.(DP).



Blog do BILL NOTICIAS