terça-feira, 12 de novembro de 2019

PERNAMBUCO - Festival Lula Livre terá a presença de Lula e várias atrações musicais

O festival será realizado neste domingo (17), e contará com as apresentações de artistas como Johnny Hooker, Marcelo Jeneci e Lia de Itamaracá
                          Por: Portal FolhaPE
O festival ocorrerá neste domingo (17)
O festival ocorrerá neste domingo (17)Foto: Divulgação


O ex-presidente Lula confirmou, nesta terça-feira (12), presença no Festival Lula Livre. O evento será realizado no domingo (17), no Pátio do Carmo, no centro do Recife, a partir das 12h. Além de Lula, estarão reunidos na festividade uma gama de artistas nacionais e locais para um grande show de celebração da liberdade do ex-presidente.
Já estão confirmados nomes como Otto, Marcelo Jeneci, Siba, Mundo Livre S/A, Odair José, Lia de Itamaracá, Digitaldubs, Johnny Hooker, Aline Calixto, RAPadura, DJ Patrick Tor4, Devotos, Feiticeiro Julião, Francisco El Hombre e o projeto A Dita Curva, que reúne dez artistas pernambucanas: Aishá Lourenço, Aninha Martins, Flaíra Ferro, Isaar, Isadora Melo, Laís de Assis, Luna Vitrolira, Paula Bujes, Sofia Freire e Ylana Queiroga.
O Festival já estava previsto antes mesmo do ex-presidente ter assegurada a sua liberdade, depois de decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) na última sexta-feira (9).


Blog do BILL NOTICIAS

Ofensiva de aliados de Evo Morales avança e La Paz pode virar praça de guerra

Milhares de camponeses bolivianos, armados com paus e machetes, invadiram a cidade de El Alto, vizinha de La Paz, gritando "agora sim, guerra civil". Veículos foram incendiados e houve confronto com forças leais ao golpe militar que forçou a renúncia de Evo Morales na Bolívia
Apoiadores de Evo Morales protestam em La Paz
Apoiadores de Evo Morales protestam em La Paz (Foto: REUTERS / David Mercado)


247 com Sputnik Brasil - Milhares de camponeses bolivianos, armados com paus e machetes, invadiram a cidade de El Alto, vizinha de La Paz, gritando "agora sim, guerra civil".
O ato marcou o início das mobilizações convocadas pelos sindicatos agrários em apoio ao presidente Evo Morales, que renunciou do seu cargo no dia 10 de novembro.
"É hora de se unir, defender nossos direitos, e hoje em todo o país pedimos nossa mobilização", disse o líder da Confederação dos Povos Interculturais, Henry Mamani, a repórteres na sede da organização em La Paz
Muito camponeses vieram de longe. Alguns vieram da região costeira do Lago Titicaca e incluíram os "ponchos vermelhos", grupos do povo Aimara, conhecido por sua tradição guerreira, segundo relatos de vários canais de televisão locais.
A multidão se concentrou nos arredores da Universidade Pública de El Alto, onde os líderes anunciaram que se declaravam em protesto permanente em rejeição ao "golpe de estado de [Luíss] Camacho e [Carlos] Mesa".
Camacho e Mesa são mencionados como inimigos nas declarações de políticos e líderes sociais que repudiam os protestos que levaram à anulação das eleições de outubro.
Camacho, por outro lado, nesta segunda-feira, cobrou continuação de mobilizações que forçaram a renúncia de Evo Morales.
Em resposta, Mamani disse que os sindicatos camponeses "não permitirão que Camacho ou Mesa cheguem à presidência" e leu à imprensa uma resolução da Confederação dos Povos Interculturais que instrui "cerco permanente (a La Paz) em defesa da democracia e da democracia do voto camponês e indígena".
Uma determinação semelhante foi emitida pela maior organização rural do país, a Confederação Única dos Trabalhadores Camponeses da Bolívia, um dos apoios de Morales.
A chegada dos camponeses em El Alto aumentou a tensão que persistia em várias regiões da Bolívia no dia seguinte à queda de Morales.
Em El Alto, os manifestantes "anti-golpe", como eram chamados, entraram em conflito várias vezes com a polícia que retomou o trabalho, após greve de 48 horas.






Blog do BILL NOTICIAS

Reforma da Previdência é promulgada pelo Congresso

As novas regras para a aposentadoria entram em vigor imediatamente

Resultado de imagem para Reforma da Previdência é promulgada pelo Congresso
Presidentes da Câmara, Rodrigo Maia, e do Senado, Davi Alcolumbre, durante promulgação do textoLuis Macedo /Câmera dos Deputados
Quase nove meses depois de ser oficialmente proposta pelo governo, nesta terça-feira (12), deputados e senadores, em uma sessão conjunta do Congresso Nacional, promulgaram a reforma da Previdência. O texto altera regras de aposentadorias e pensões para mais de 72 milhões de pessoas, entre trabalhadores do setor privado que estão na ativa e servidores públicos federais.


Considerada um marco dos 300 dias do governo Bolsonaro, a solenidade presidida pelo presidente do Congresso, senador Davi Alcolumbre (DEM-AP) também foi acompanhada pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ). Alcolumbre minimizou a ausência do presidente da República, Jair Bolsonaro e do ministro da Economia,Paulo Guedes na sessão. “Eu acho que não é sinal de nada. A gente ás vezes faz um cavalo de batalha por uma fotografia. As emendas constitucionais sempre foram promulgadas em sessões solenes especiais do Parlamento brasileiro. Nessas sessões muitas delas o presidente da República e ministros não vieram. Não será a presença do presidente da República ou do ministro que vai chancelar esse encontro, essa promulgação”, avaliou Alcolumbre ao chegar ao Senado.
O presidente do Senado destacou ainda a importância do trabalho do Congresso na aprovação da reforma da Previdência. “Promulgaremos as mudanças no sistema previdenciário brasileiro, o maior dos últimos 30 anos. Isso foi um esforço coletivo, de todos os parlamentares, da Câmara dos Deputados, dos senadores”, disse. Ainda segundo ele, a ideia é que hoje ainda a Casa vote o segundo turno da Pec Paralela à reforma da Previdência. Se aprovado, com o mínimo de 49 votos no plenário, o texto – que abre caminho para que estados e municípios adotem as mesmas regras para seus servidores por meio de uma lei ordinária – seguirá para análise dos deputados, onde terá que passar por uma Comissão Especial e por dois turnos de votação.
A proposta inicial do governo previa economia de R$ 1,2 trilhão em 10 anos. Com as alterações feitas pelo Congresso, caiu para R$ 800 bilhões no mesmo período. As regras da reforma entram em vigor imediatamente com a promulgação da emenda constitucional.
Texto alterado às 11h23 para correção. Diferentemente do informado, os ministros Paulo Guedes (Economia), Onyx Lorenzoni (Casa Civil) e o secretário especial de Trabalho e Previdência do Ministério da Economia, Rogério Marinho, não participaram da sessão de promulgação da reforma da Previdência.(Agência Brasil)

Blog do BILL NOTICIAS

RECOMEÇO - Bolsonaro anuncia a aliados saída do PSL e que trabalhará para criar novo partido

  Por: AE
 (Foto: Isac Nóbrega/PR )
Foto: Isac Nóbrega/PR


O presidente Jair Bolsonaro (PSL) anunciou nesta terça-feira, 12 a aliados que vai deixar o PSL e que vai trabalhar para criar um novo partido, chamado Aliança pelo Brasil. A informação foi dada por deputados que participaram de reunião no Palácio do Planalto com o presidente.
A deputada Bia Kicis (PSL-DF) disse esperar que Bolsonaro presida o novo partido. Segundo ela, a primeira convenção da sigla será realizada em 21 de novembro. Ainda de acordo com ela, o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) sairá de imediato do partido.
O deputado Daniel Silveira (PSL-RJ) afirmou que a ideia dos deputados é permanecer no PSL até que a criação da nova legenda seja formalizada.
Os advogados de Bolsonaro estimam que vão conseguir entregar, até março do ano que vem, as cerca de 500 mil assinaturas exigidas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para criação de nova sigla. A ideia é viabilizar o partido a tempo de lançar candidatos às eleições municipais de 2020, o que exige aprovação na corte eleitoral até abril.
O TSE ainda não confirmou, "mas vai" permitir, de acordo com o deputado Daniel Silveira, que a coleta das assinaturas necessárias seja feita por meio de um aplicativo para dispositivos móveis.
A disputa interna do PSL veio à tona em 8 de outubro. Naquele dia, na porta do Palácio da Alvorada, Bolsonaro criticou o presidente do partido, Luciano Bivar (PE), a um pré-candidato a vereador do Recife (PE).
"O cara (Bivar) está queimado para caramba lá. Vai queimar o meu filme também. Esquece esse cara, esquece o partido", prosseguiu. A partir daí, houve uma série de farpas trocadas entre os dois grupos antagônicos que se formaram entre os correligionários.


Blog do BILL NOTICIAS

Bolsonaro decide cobrar INSS de quem recebe seguro-desemprego

Horrível é o desemprego, Bolsonaro
Horrível é o desemprego, Bolsonaro (Foto: Rafael Neddermeyer/ Fotos Publicas)

Enquanto reduz a zero a alíquota da contribuição previdenciária patronal, ou seja, aquela paga pelos patrões, o governo Jair Bolsonaro decidiu Governo passa a cobrar INSS de quem recebe seguro-desemprego
A medida é para viabilizar o programa Emprego Verde e Amarelo, lançado nesta segunda-feira (11), após a assinatura da medida provisória do programa anunciando como medida para gerar emprego para jovens.
No sistema atual, o trabalhador demitido sem justa causa recebe o seguro sem a cobrança do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), já que o valor do seguro é inferior a renda total do trabalhador. A partir de agora, receberá o valor já com desconto de 7,5% da contribuição.
Com a cobrança dos trabalhadores, a equipe econômica espera que deve arrecadar R$ 12 bilhões em cinco anos. O valor é mais alto do que o custo do programa de emprego, estimado em R$ 10 bilhões no mesmo período. (247)


Blog do BILL NOTICIAS

Reis da Espanha chegam a Cuba para visita oficial

Os reis da Espanha, Felipe VI e Letizia Ortiz Rocasolano, chegaram na segunda-feira (11) a Cuba, onde realizam visita classificada pelo jornal Granma do Partido Comunista como "especial". O jornal ressalta o bom relacionamento entre os dois países e a presença dos monarcas nos festejos dos 500 anos da capital Havana

Reis da Espanha chegam em Cuba, recebidos pelo Chanceler Bruno Rodríguez
Reis da Espanha chegam em Cuba, recebidos pelo Chanceler Bruno Rodríguez
 (Foto: Ariel Cecilio Lemus/Granma)


O casal real da Espanha desembarcou em Havana nesta segunda-feira (11). A visita de Felipe VI e Letizia Ortiz Rocasolano, é considerada pelo Partido Comunista da Cuba como "especial. 
O jornal Granma, veículo oficial do Partido Comunista, ressalta o bom relacionamento entre os dois países e a presença dos monarcas nos festejos dos 500 anos da capital Havana.
O casal real foi recebido pelo ministro das Relações Exteriores, Bruno Rodríguez Parrilla, no Aeroporto Internacional José Martí.  
Com presença dos reis da Espanha em Cuba, consolida-se o intercâmbio fraterno bilateral, que permitiu a promoção de questões fundamentais para o relacionamento sólido, histórico e de respeito mútuo.  
Cuba agradeceu o voto favorável da Espanha em apoio à resolução da ONU que exige o levantamento do bloqueio dos Estados Unidos e a rejeição à aplicação do título III da Lei Helms-Burton.  
O rei será recebido oficialmente pelo presidente da República, Miguel Díaz-Canel Bermúdez, no Palácio da Revolução, enquanto a rainha, acompanhada pela esposa do presidente, Lis Cuesta Peraza, fará um passeio pela Havana colonial.  
Eles estarão presentes na inauguração da exposição fotográfica Espanha-Cuba, no Grande Teatro de Havana Alicia Alonso, onde também apreciarão um show de dança em homenagem a eles.  
O casal real espanhol terá um encontro com Eusébio Leal Spengler, historiador de Havana, que será agraciado com a Grã-Cruz da Real e Distinta Ordem Espanhola de Carlos III. (247)


Blog do BILL NOTICIAS

MUNDO - Evo Morales posta foto da sua primeira noite após renúncia

Na imagem, Evo aparece deitado no chão 
que está coberto por um lençol
  Por: Portal FolhaPE
Ex-presidente da Bolívia, Evo Morales
Ex-presidente da Bolívia, Evo MoralesFoto: Reprodução / Instagram

Após renunciar à Presidência da Bolívia no último domingo (10), Evo Morales postou  em rede social a foto do lugar onde dormiu.

Na imagem, Evo aparece deitado no chão, que está coberto com lençol. Na legenda da foto, o ex-presidente da Bolívia reforçou haver sofrido um golpe. “Assim foi minha primeira noite depois de deixar a presidência forçado pelo golpe de Mesa e Camacho com ajuda da polícia. Assim recordei os tempos de dirigente. Muito agradecido com meus irmãos das federações do Trópico de Cochabamba por oferecer segurança e cuidado”.

Na noite dessa segunda-feira (11), Evo Morales embarcou em um avião militar com destino ao México, que lhe concedeu asilo político após a renúncia, enquanto os militares se uniam à polícia para conter a violência nas ruas do país.



Blog do BILL NOTICIAS

Com Lula em liberdade, imagem negativa de Moro e Bolsonaro cresce, diz pesquisa

Segundo pesquisa Atlas, 51,6% dos entrevistados enxergam Bolsonaro de maneira negativa. O índice de Moro é de 45,6% dos entrevistados. Por outro lado, o índice dos que desaprovam a prisão do ex-presidente 
Lula subiu de 37,4% para 44,4%

Pesquisa da Consultoria Atlas, divulgada pelo El País, mostra que a popularidade de Jair Bolsonaro e de seu ministro Sergio Moro está caindo e a de Lula está subindo.
O índice de eleitores que acreditam que a gestão de Bolsonaro é ruim ou péssima subiu de 39,8% para 42,1%. Já a taxa daqueles que acreditam que o Executivo é ótimo ou bom caiu de 28,2% para 27,4%. Os que opinam que o desempenho é regular passaram de 28,7% para 29,6%.
Além disso, 51,6%% dos entrevistados enxergam Bolsonaro de maneira negativa. Já o ex-juiz é visto de maneira negativa por 45,6% dos entrevistados, e positiva por 48,4%. 
No momento em que Lula é colocado em liberdade, a Atlas enfatiza que é a primeira vez que a aprovação pessoal do ministro da Justiça se encontra abaixo dos 50%. Ele já havia perdido 10 pontos de apoio — de 60% para 50,4% — logo após a série de reportagens sobre a Lava Jato do site The Intercept Brasil.
Por outro lado, a pesquisa mostra que o índice dos que desaprovam a prisão do ex-presidente Lula subiu de 37,4% para 44,4%.
A pesquisa foi feita na Internet entre os dias 10 e 11 de novembro — dois dias após a libertação de Lula — com 2.000 pessoas de todas as regiões do Brasil.
Para o cientista político Andrei Roman, fundador da Atlas, a queda de popularidade do governo Bolsonaro e as revelações do Vaza Jato são provavelmente os dois fatores mais importantes que levaram esse segmento a reconsiderar seu posicionamento em relação ao Lula.
"Mostrou-se que a Lava Jato não era exatamente a guerra entre o bem e o mal que eles enxergavam no passado. Para essas pessoas, a realidade se revela mais complexa e os heróis acabaram caindo dos pedestais", disse.(247)


Blog do BILL NOTICIAS

Semiárido Show traz programação com foco no desenvolvimento regional sustentável em Petrolina

   Via:Santanavinicius


A 8ª edição do Semiárido Show, maior evento de inovação tecnológica para a agropecuária dependente de chuva do Nordeste, essa edição terá início na terça-feira (19), e termina na sexta-feira (22). A iniciativa busca levar aos produtores e empreendedores da região as principais pesquisas e inovações com foco no desenvolvimento sustentável do Semiárido brasileiro. O evento é promovido pela Embrapa, em parceria com o Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), e acontece em uma área de 20 hectares da Embrapa Semiárido, na zona rural de Petrolina-PE.
Com o tema “Dinâmicas de Desenvolvimento Regional e Inovação”, a feira traz uma programação intensa e diversificada, que envolve mais de 70 oportunidades de capacitações entre minicursos, palestras, oficinas, seminários e Dias de Campo, tudo gratuito e aberto ao público. Entre os temas que serão abordados estão os sistemas de cultivo para o Semiárido, tecnologias de captação de água e irrigação, criação animal (galinha, caprinos e ovinos), modelos para a exploração sustentável da Caatinga, manejo e conservação dos solos e apresentação de novas cultivares.
Nas Unidades Demonstrativas estarão expostos os materiais de campo da Embrapa e de parceiros, com destaques para as forrageiras, espécies de plantas que podem ser utilizadas para alimentação de rebanhos. Ainda no campo, os visitantes terão a oportunidade de conferir cultivos como o algodão, feijão, milho, gergelim, sisal, amendoim, sorgo, macaxeira, mamona, além de técnicas para armazenamento e gestão da água e modelos de iLPF.
De acordo com o Chefe-geral da Embrapa Semiárido, Pedro Gama, este é um evento de grande importância, pois torna possível a milhares de pessoas o acesso as informações geradas pela Embrapa e instituições parceiras, contribuindo com o dinamismo, produtividade e sustentabilidade da atividade agropecuária na região.
 “Temos espaços planejados para permitir o máximo de intercâmbio de conhecimentos, com estandes, auditórios e áreas de exposição que divulgam e dão visibilidade a produtos e serviços locais, ampliando as oportunidades de parcerias e de fortalecimento de mercados para o semiárido”, explica o gestor.
A organização estima a participação de 15 mil pessoas no evento, entre agricultores, estudantes, empresários, pesquisadores, agentes de assistência técnica, extensão rural e demais interessados. Também são aguardadas mais de 100 caravanas provenientes de vários estados do Nordeste, e participação internacional com comitiva de produtores e representantes de instituições de países que compõem o corredor seco, entre eles: El Salvador, Honduras, Guatemala e México.
Vila da Economia Solidária e Espaço Sabores do Sertão:
Além das capacitações e treinamentos, o complexo do Semiárido Show contará com a ‘Vila da Economia Solidária’, local reservado aos empreendimentos de cooperativas e associações de agricultores familiares para expor seus produtos e serviços, além da Feira da Agrobiodiversidade, área de intercâmbio e comercialização de sementes crioulas.
Outro destaque será o ‘Espaço Sabores do Sertão’, que visa promover o uso de produtos regionais na gastronomia. Nas oficinas, serão apresentadas alternativas de uso culinário de plantas alimentícias não convencionais (PANCs), com aproveitamento de espécies nativas da Caatinga, além da Manta Caprina e Ovina de Petrolina, reconhecida como Patrimônio Cultural Imaterial do município.
O público da feira também poderá conferir exposição e leilão de animais, com a disponibilização de lotes de caprinos, ovinos e bovinos. Entre eles, está o gado Sindi da Embrapa, aguardado com muita expectativa pelos criadores com o objetivo de refrescar o sangue dos rebanhos. Destes, serão leiloados 26 animais, sendo 10 machos e 16 fêmeas, com lances iniciais que variam de R$ 1.500 a R$ 2.600 por animal. Confira o edital completo aqui.
A programação e outras informações sobre o Semiárido Show estão disponíveis no site: www.embrapa.br/semiarido-show. (Ascom/ Embrapa Semiárido)



Blog do BILL NOTICIAS

Luto - Estudante pernambucana passa mal fazendo provas do Enem e morre

  Por: Anamaria Nascimento/DP
Beatriz Gomes tinha 18 anos e estudava na Erem Santa Ana, em Olinda. (Foto: Instagram/Reprodução.)
Beatriz Gomes tinha 18 anos e estudava na Erem Santa Ana, em Olinda. (Foto: Instagram/Reprodução.)

Uma estudante pernambucana de 18 anos morreu depois de passar mal durante as provas do segundo dia do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019, nesse domingo (10). Beatriz Gomes Borges era aluna da Escola de Referência em Ensino Médio (Erem) Santa Ana, em Jardim Atlântico, Olinda, Região Metropolitana do Recife.

O corpo da adolescente foi enterrado na manhã desta terça-feira (12). Ela teria tido uma parada cardíaca enquanto realizada as provas de matemática e ciências da natureza do Enem. A estudante chegou a ser socorrida, mas não resistiu.


Beatriz estudava no terceiro ano do ensino médio e, segundo colegas da escola, estava aparentemente bem durante a semana que antecedeu o segundo domingo de provas do Enem. Ela participou de aulões e atividades relacionadas ao exame. "Era uma estrela na Terra de tão iluminada. Deus a quis perto Dele, para iluminar também. Descanse em paz, Bia", escreveu a colega Gabrielle Cardozo, no Instagram.

A Escola de Referência em Ensino Médio Santa Ana também divulgou, nas redes sociais, uma homenagem à aluna. "É com muita tristeza que comunicamos o falecimento da nossa aluna Beatriz Gomes, (Bia 3D). Ela sempre terá um lugar especial em nossos corações. Um exemplo de superação, pela sua garra, empenho e dedicação! Foi uma honra tê-la conosco nesses três anos! Faltam palavras! Descanse em paz, Bia! Que Deus conforte todos os familiares e amigos!", publicou.

Em nota, a Secretaria de Educação e Esportes do Estado lamentou e se solidarizou "com os amigos e familiares da estudante da Escola de Referência em Ensino Médio (Erem) Santa Ana, Beatriz Gomes, que faleceu no último domingo (10), enquanto realizava as provas do Enem".

As provas do Exame Nacional do Ensino Médio aconteceram nos dois últimos domingos. No dia 3, os candidatos fizeram provas de redação, linguagens e ciências humanas. No dia 10, as provas eram de matemática e ciências da natureza.

Outro caso

Em 2014, uma mulher de 31 anos que faria o Enem daquele ano morreu no local de prova, em Olinda. Ela estava acompanhada do sobrinho e passou mal poucos minutos após entrar no Colégio Santa Emília, em Jardim Atlântico. Seguranças do prédio chegaram a acionar o Corpo de Bombeiros e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que realizou os primeiros socorros, mas a candidata não resistiu.





Blog do BILL NOTICIAS

Congresso Nacional das Bolsonarianas é cancelado após áudio de Damares

O evento que pretendia reunir apoiadoras incondicionais de Jair Bolsonaro foi cancelado após áudio divulgado de Damares Alves em que ela dizia que não iria mais ao evento
Damares AlvesDamares Alves (Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)


Após áudio divulgado da ministra Damares Alves em que ela afirmava que não iria ao evento, foi cancelado o 1º Congresso Nacional das Bolsonarianas, que pretendia reunir apoiadoras incondicionais de Jair Bolsonaro. O ocorrido evidencia a completa falta de articulação do evento, que tinha anunciado também a presença de Michelle Bolsonaro.
"Hoje é dia 3, domingo, à noite. A minha agenda tem sido marcada com mais de um mês de antecedência. Se a senhora ligar no gabinete agora pedindo agenda, vai ser no final de janeiro, fevereiro. Está uma loucura! Eu chego a receber dois mil convites por mês", disse Damares em áudio no último dia 3.
"Nos dias 13 e 14, me parece que eu estarei inclusive fora de Brasília. Não sei se eu consigo ir ao evento de vocês. Não sei. Com certeza, acho que não vou mesmo. Lamento, lamento. Desejo a vocês sucesso no evento", completou.


Blog do BILL NOTICIAS

MUNDO - Evo Morales chega ao México e denuncia golpe de estado na Bolívia

O chanceler do México, Marcelo Ebrard, recebeu o ex-presidente boliviano na porta da aeronave

  Por: AFP
Evo Morales
Evo MoralesFoto: Claudio Cruz/ AFP

O avião das Forças Armadas mexicanas, que levou Evo Morales da Bolívia à Cidade do México, pousou às 14h20 desta terça-feira (12) (horário de Brasília). Ele chegou acompanhado de Álvaro García Linera, seu vice-presidente, que também renunciou ao mandato no último domingo, além de representantes do corpo diplomático mexicano.

O chanceler do México, Marcelo Ebrard, recebeu o ex-presidente boliviano na porta da aeronave. Morales acenou para a imprensa, desceu as escadas do avião, ajeitou os cadarços do sapato e se dirigiu aos jornalistas, onde fez o primeiro pronunciamento em solo mexicano.

"Saudações, irmãos, agradeço a toda a delegação que nos acompanhou. Estamos com Álvaro García Linera. Após a vitória em primeiro turno, começou o golpe de estado. Estamos há exatamente três semanas e, na última etapa, infelizmente, a polícia nacional se somou ao golpe. Queimaram tribunais eleitorais, atas, cédulas, sedes sindicais, casas de autoridades do MAS (Movimiento al Socialista, partido de Morales), saquearam e queimaram a casa da minha irmã, a minha casa em Cochabamba. Tentaram saquear minha casa, mas os vizinhos me defenderam. Muito obrigado, sou grato à defesa do povo", afirmou Morales, sereno, vestindo uma camisa de mangas curtas e calças jeans.

Morales apela a todos os bolivianos

O ex-presidente da Bolívia afirmou ainda que pediu a toda a população boliviana que colabore para que não haja mais derramamento de sangue. E agradeceu ao presidente do México, que "me salvou a vida". Segundo Evo Morales, no último dia 9, sábado, quando chegava a Cochabamba, um membro do Exército mostrou mensagens e chamadas que demonstravam um pedido para "entregá-lo em troca de 50 mil dólares". "Por isso agradeço, pois me salvaram a vida", disse.

Morales ainda afirmou que seguirá na política. "Chegamos aqui seguros graças ao México e suas autoridades. Enquanto eu estiver vivo, seguimos na política. Segue a luta e estamos seguros de que os povos do mundo têm todo o direito de serem livres. Pensei que tínhamos terminado com a humilhação, mas há grupos que não respeitam a vida e a pátria".

"Meu pecado é que ideologicamente somos anti-imperialistas. Não vou mudar ideologicamente. Sempre trabalhei pelos setores mais humildes, diminuímos muito a pobreza e isso vem para fortalecer a luta dos povos. Muito obrigado", finalizou.



Blog do BILL NOTICIAS

Nova lei pune com prisão quem divulgar Fake News a partir das eleições de 2020

Foto: Reprodução

O presidente Jair Bolsonaro sancionou nesta segunda-feira (11) um trecho da Lei 13.834, de 2019, que pune com dois a oito anos de prisão quem divulgar notícias falsas com finalidade eleitoral. A lei havia sido sancionada originalmente em junho, mas um veto parcial deixou de fora o dispositivo que tipifica como crime a disseminação de fake news nas eleições.
A parte sancionada em junho estabelece como crime a instauração de investigação policial, processo judicial, investigação administrativa ou inquérito contra candidato que seja sabidamente inocente. Com a sanção desta segunda-feira, também passa a ser considerado crime previsto no Código Eleitoral (Lei 4.737, de 1965) divulgar denúncias caluniosas contra candidatos em eleições.
Na mensagem de veto encaminhada ao Congresso em junho, Jair Bolsonaro argumentava que a conduta de calúnia com objetivo eleitoral já está tipificada em outro dispositivo do Código Eleitoral, com pena de seis meses a dois anos. Para o Executivo, ao estabelecer punição maior, a nova lei violaria o princípio da proporcionalidade. A Lei 13.834, de 2019, é originária do Projeto de Lei da Câmara (PLC) 43/2014. (Fonte: Agência Senado)

Blog do BILL NOTICIAS