segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

MARCIA TIBURI DECLARA APOIO A LULA: “JÁ TE ODIEI TANTO E HOJE TE AMO TANTO”
















Revista Fórum - No encerramento da Caravana, neste final de semana, no Rio de Janeiro, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ganhou uma declaração de ódio e amor da artista plástica, professora de filosofia e escritora Márcia Tiburi, além é claro, do apoio para a sua candidatura em 2018.
"Eu quero prestar o meu apoio à candidatura do Lula à presidência, por perceber que essa candidatura representa a esperança mais concreta, mais real e mais definitiva neste momento em que experimentamos uma profunda dor política em relação ao golpe", disse.
A seguir, ela faz uma declaração: "Lula, eu já te odiei tanto, e agora eu te amo tanto". Diante dos aplausos e sorrisos, ela afirmou que "Lula é uma figura que levou o seu legado de classe para o processo político. Ele consegue produzir na população brasileira, que ultrapassa a vergonha do seu legado de classe, um profundo amor contra o ressentimento".
Ao entrar na questão política propriamente dita, Márcia Tiburi disse que foi filiada ao PSOL e que "com esse partido eu aprendi que a gente precisa de um partido feminista. Me desfiliei do PSOL por não ver nele essa potência, e fico namorando o PT e quem sabe lá a gente consiga fazer do PT um partido feminista".
Em seguida, ela se dirige diretamente a Lula e diz: "Eu aprendi a reconhecer na dor a partir da qual você fala, a minha própria. E também aprendi a reconhecer, na alegria com que você se expressa, a minha própria. Nós precisamos ultrapassar esse estado pós-democrático, em que os direitos básicos, fundamentais, os direitos trabalhistas têm sido aniquilados".
No final, ela pede para Lula, quando se tornar presidente novamente, não esquecer dos povos originários do Brasil, os povos indígenas, da questão racial e não esquecer também das mulheres, "pois as mulheres sofrem demais, as mulheres todas são trabalhadoras. A gente não pode pensar hoje em feminismo que não seja trabalhista. Você nasce mulher e já está condenada a ser trabalhadora e, o pior, escravizada", encerrou.(247).



Blog do BILL NOTICIAS

Mega-Sena acumula e próximo prêmio pode chegar a R$ 33 milhões


Resultado de imagem para MEGA SENA DIARIO DE PERNAMBUCO

O concurso 1995 da Mega-Sena, sorteado neste sábado (9) pela Caixa Econômica Federal, não teve acertadores para seu principal prêmio, a sena.

O acumulado para o próximo sorteio é estimado em R$ 33 milhões.

As dezenas sorteadas foram 14, 26, 29, 35, 37 e 39. 

Acertaram a quina 66 apostadores, que vão receber, cada um, R$ 38,617,02. Os 4.840 acertadores da quadra vão receber R$ 752,27, cada um.(DP).


Blog do BILL NOTICIAS

CARAVANA DE LULA DEMONSTRA O POTENCIAL DA ESQUERDA NO RIO

Ricardo Stuckert

As Caravanas do Lula tem servido, também, para despertar nas pessoas a esperança e a vontade de lutar, as razões pelas quais lutar, o horizonte de luta e como podemos recuperar o país. Foi assim nos nove estados do nordeste, foi assim em Minas Gerais e agora se reproduziu no Espírito Santo e no Rio de Janeiro.
O Rio é um caso exemplar, porque foi o estado que mais recebeu atenção e investimentos dos governos do PT e que mais sofre com a política econômica suicida do governo golpista. Os ataques à Petrobras, a privatização de campos do pré-sal, o desmonte da indústria naval, a paralisação do Comperj, da usina de Duque de Caxias, do porto de Maricás, entre outros, produzem um cenário de paralisação do Rio, de estagnação total da economia, de aprofundamento da crise social, de ausência total do poder público – estadual e municipal.
A Caravana do Lula voltou a despertar no Rio a esperança de recuperar sua auto estima, sua economia, sua educação pública, sua capacidade de gerar empregos, de encantar o Brasil e o mundo. O Rio é a imagem do país no mundo, como o Lula reitera. Aqui mesmo, falar mal do Rio, degradar sua imagem é jogar a auto estima dos brasileiros para baixo.
O Rio é um estado muito fragmentado, econômica e socialmente. O Brizola tinha conseguido unificar o estado politicamente, depois perdeu essa capacidade. O Lula ocupou esse lugar na preferência política dos cariocas, mas sem nunca ter representantes dessa liderança no próprio Rio.
A Caravana permite ver que o encanto dos cariocas pelo Lula está de pé. O povo carioca, os trabalhadores, os jovens, os intelectuais, os estudantes, os técnicos, os artistas, olham para o Lula com o olhar de esperança.
O Rio precisa e tem uma nova oportunidade de se reconstruir. Que a ausência total do poder publico sirva para que se renovem as lideranças e os governantes do Rio
O Lula aposta fortemente que o nome do Celso Amorim possa representar essa renovação. Um nome originário do Rio, embora tenha feito sua carreira de diplomata pelo mundo afora. Um nome de muito prestígio, sem nada que afete sua imagem pública. Alguém que pode representar a renovação e a recuperação da imagem do Rio.
Para isso, é indispensável e urgente a elaboração de um projeto de reconstrução do Rio, porque se trata de reconstrução, sobre as ruínas em que se encontram a capital e o estado. Lula deixa claro que qualquer solução para o Rio passa por uma participação direta do governo federal, seja nos investimentos parados, seja na recuperação da Petrobras e da indústria naval, na retomada dos programas sociais, na promoção do extraordinário potencial cultural do Rio.
Lula não é o mesmo depois a Caravana, incorporou o que é o Rio hoje, assumiu a luta da Uerj, sentiu diretamente o que é hoje Campos, Maricá, toda a baixada fluminense, a cidade do Rio. E o Rio não é o mesmo depois da Caravana do Lula. Volta a se vestir de esperança, sente como o destino do Rio depende do destino do Brasil, percebe que há um caminho de recuperação do Rio e que esse caminho está estreitamente ligado ao caminho de recuperação do Brasil.
O Rio tem uma longa tradição de esquerda, presente no seu povo, no seu mundo cultural, na sua vida intelectual, nos seus movimentos sociais. O que ele precisa agora é unir tudo isso num projeto de resgate do Rio, unido indissoluvelmente ao resgate do Brasil, representado hoje pelo Lula. O encerramento da Caravana com o belíssimo ato na Uerj e a importante e expressiva reunião do Lula com artistas e intelectuais demonstra que esse caminho já está dando seus primeiros passos.(247).

Blog do BILL NOTICIAS

Quadrilha explode cofres do Banco do Brasil de Amaraji


Suspeitos efetuaram disparos de arma de fogo que atingiram um veículo que passava pelo centro da cidade, mas ninguém ficou ferido
Quadrilha explode cofres do Banco do Brasil de Amaraji
Quadrilha explode cofres do Banco do Brasil de Amaraji

Mais uma agência bancária é alvo de uma ação criminosa em Pernambuco. Na madrugada desta segunda-feira, bandidos explodiram os cofres do  Banco do Brasil de Amaraji, na Zona da Mata Sul do estado. Durante a investida, os suspeitos efetuaram disparos de arma de fogo que atingiram um veículo que passava pelo centro da cidade, mas ninguém ficou ferido.

De acordo com o 21º Batalhão da Polícia Militar, os criminosos não conseguiu levar o dinheiro da agência, invadida por volta das 2h30. Ainda segundo a polícia, o grupo era formado por pelo menos 10 homens que, durante a fuga, espalharam grampos nas estradas da região, como a via que liga o município à cidade de Chã Grande.

O impacto da explosão causou fortes danos ao prédio da agência, que já tinha sido alvo de ação de bandidos no início deste ano. O teto chegou a ceder. A Defesa Civil foi acionada e realiza uma vistoria no prédio. Duas secretaria que funcionam em um prédio vizinho foram interditadas duante do risco de desabamento.No dia 19 de janeiro, suspeitos explodiram caixas eletrônicos do local e fugiram levando uma quantia não informada em dinheiro.

Segundo o Sindicato dos Bancários, com este registro, sobe para 166 o total de investidas criminosas contra bancos, neste ano, em Pernambuco. (DP.




Blog do BILL NOTICIAS

RICARDO MELO: AUTOCRÍTICA DE LULA E DILMA SOBRE A MÍDIA ABRE ESPERANÇA



Em entrevista exclusiva à TV 247, o jornalista Ricardo Melo, que foi o último presidente da Empresa Brasileira de Comunicação (EBC) no governo Dilma Rousseff, faz uma discussão em profundidade sobre monopólio da mídia no Brasil. Denuncia a TV Globo e a atuação do governo Michel Temer.
Faz ponderações importantes sobre o emprego das mídias sociais como instrumento para a geração de ódio e preconceito. Melo também lembra que, durante a passagem do PT pelo Planalto, os governos Lula e Dilma perderam grandes oportunidades para fortalecer a comunicação pública no país. "Hoje o primeiro alvo do discurso é 'democratizar a mídia'. Deveria ter sido feito 13 anos atrás."
Afastado da presidência da EBC numa das primeiras medidas de Temer após o golpe que afastou Dilma ("quartelada parlamentar", define), na entrevista Ricardo Melo rebate as críticas a formação da EBC veiculadas pelo mais recente presidenciável tucano, o governador Geraldo Alckmin, que chegou a falar em sua extinção. "Embora digam que a EBC não vale nada, que não tem importância nem dá audiência, a primeira coisa que o Temer fez naquele momento (após o golpe) foi usar sua artilharia na Empresa Brasil de Comunicação".
Referindo-se a cobertura dos meses anteriores a deposição de Dilma, que exibiu tanto as passeatas a favor do impeachment contra a Dilma, como as manifestações pela resistência, ele avalia que a EBC desempenhou um "papel que nenhuma outra emissora ou órgão de difusão pública" foi capaz de assumir. Além de entrevistar lideranças de várias fatias do espectro político -- citou o atual chanceler Aloysio Nunes Ferreira --, os programas da emissora também deram voz para lideranças do movimento popular, como Sem-Terra, Sem-Teto e União Nacional dos Estudantes.
"Fomos o primeiro alvo," resume. Além de dar novos detalhes sobre uma audiência na qual o ministro-chefe da Casa Civil Eliseu Padilha fez uma sondagem que poderia encerrar-se com a oferta de um novo cargo no governo -- desde que concordasse em abrir mão da presidência da EBC -- Ricardo Mello explica uma atitude que ajudou a definir uma linha de não-colaboração com o golpe que afastou Dilma e interrompeu seu próprio mandato legal, que deveria prolongar-se por quatro anos.
"A gente tem compromisso com princípios. Fui nomeado para fazer comunicação pública. Acreditava, acredito e acho necessário. Nós sabíamos quais eram as intenções desse governo".
De volta a EBC, depois que o ministro do STF Dias Toffoli reconheceu a ilegalidade de seu afastamento, Ricardo Mello enfrentou críticas e pedidos de explicação pela decisão de divulgar uma entrevista com Dilma Rousseff feita pelo jornalista Luiz Nassif. Ele ironiza: "Dilma era notícia na capa do New York Times, na capa do El País, estava em todas as agências do mundo. Só não era notícia na TV brasileira."
Num ponto importante do depoimento ele afirma que "o governo Lula e o governo Dilma sempre tiveram se lixando para a comunicação pública. Convidar ministros para falar (em programas da EBC) era uma dificuldade." Em sua avaliação, a "comunicação pública não foi levada a sério como está sendo levada hoje. O governo ficou naquele namoro com a Globo e com as grandes empresas. A Globo só ficou esperando a hora de dar o bote, e deu o bote na hora do golpe".
Na parte final da entrevista, quando discute os rumos do país, Ricardo Melo reconhece: "a autocrítica que Lula e Dilma estão fazendo sobre a mídia nos abre uma esperança".(247).


Blog do BILL NOTICIAS








IF Sertão-PE abre processo seletivo para contratação de professores substitutos. Inscrições até esta segunda(11)


Estão abertas até esta segunda-feira(11) de dezembro as inscrições para a seleção simplificação de professores substitutos do Instituto Federal do Sertão Pernambucano (IF Sertão-PE). São 19 vagas disponíveis, distribuídas entre os campi Petrolina, Petrolina Zona Rural, Floresta, Salgueiro, Ouricuri, Serra Talhada e Santa Maria da Boa Vista. A remuneração varia de acordo com a titulação do candidato, podendo chegar a R$ 3.552,08 (para candidatos com especialização).
Há oportunidades disponíveis para as áreas de Sociologia, Informática, Engenharia Civil, Espanhol, Física, Informática, Pedagogia, Química, Tecnologia em Alimentos, Filosofia, Viticultura e Enologia, Desenho Técnico, Construções Rurais e Topografia, Libras, Língua Portuguesa e Inglês.
Para se inscrever, o candidato deve preencher a ficha de inscrição disponível no endereço eletrônico http://concurso.ifsertao- pe.edu.br/copese, pagar a taxa, no valor de R$ 60, e apresentar no dia e horário do sorteio do ponto a documentação necessária (constante no edital) no setor de Gestão de Pessoas do campus escolhido. Quem estiver inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e for membro de “família de baixa renda” pode solicitar isenção da taxa de pagamento até quarta-feira (6).
O Processo Seletivo constará das modalidades de Provas de Desempenho Didático, que serão realizadas nos dias 19 e 20 de dezembro, no campus da vaga desejada, e avaliação dos Títulos, nos dias 21 e 22 de dezembro. O resultado parcial está previsto para o dia 26 de dezembro. Dúvidas poderão ser encaminhadas à comissão organizadora por meio do endereço eletrônico concursoifsertaope@gmail.com.(C.Geral).
Mais informações em http://www.ifsertao-pe.edu.br/(Ascom)

Blog do BILL NOTICIAS

Lula, o invencível

Ricardo Stuckert

Já passa de 21h quando, cercado por um batalhão de fotógrafos e cinegrafistas, além dos admiradores que disputam fisicamente o privilégio de tirar uma foto ou tocá-lo, entra no palco da concha acústica da Uerj o ex-presidente Lula. Faz calor no Rio, na noite desta sexta-feira, 8 de dezembro. Fisionomia cansada pela maratona a que se submete desde que iniciou seu périplo pelo estado do Rio, Lula mantém aquele brilho no olhar que o caracteriza.
Depois de alguns minutos de empurra-empurra, esse senhor de 72 está diante de uma multidão entusiasmada que o ovaciona. Logo, sem disfarçar a rouquidão, começa seu discurso marcado por forte conteúdo político, mas, como sempre, repleto de passagens que emocionam seus ouvintes e enchem o ar de esperança.
É o Lula velho de guerra fazendo o que mais gosta que é conversar com as pessoas. Durante 40 minutos a plateia prende a respiração. Impressiona o silêncio respeitoso generalizado na hora da fala de Lula.
E mesmo para veteranos como eu, que o acompanha desde o final dos anos 70, é impossível racionalizar suas frases e argumentos durante todo o tempo. É preciso ser uma rocha de gelo para não marejar os olhos quando ele, de microfone em punho, dispara sua verve contundente e afetuosa ao mesmo tempo.
Enquanto Lula desancava o governo golpista, enumerava as realizações de seus mandatos, esboçava algumas propostas para seu futuro governo e desafiava a Lava Jato a provar o desvio de um centavo sequer de sua parte, eu ficava a imaginar o quanto sou grato ao destino pelo prêmio de ser contemporâneo do maior líder popular da história do país.
Depois, projetando o futuro, vislumbrei a infinidade de teses acadêmicas de sociólogos, historiadores, cientistas políticos e da intelectualidade em geral que terão como objeto de estudo e pesquisa o fenômeno Luiz Inácio Lula da Silva.
Fenômeno dos mais marcantes e complexos, que só não é assim entendido pelos que têm a visão turvada pelo preconceito, pelo ódio aos pobres ou por um ideário político-ideológico pretensamente esquerdista na superfície, mas elitista na essência.
Qualquer outro político (do Brasil ou de todos os outros países, no presente e no passado) que por ventura fosse vítima da caçada implacável que Lula sofre há tantos anos já teria virado pó. Antes, a bombardeá-lo diuturnamente, tínhamos o monopólio da mídia e os donos do dinheiro. Lula sobreviveu, derrotou-os e foi eleito e reeleito presidente da República.Deixou o governo com mais de 80% de aprovação.
De uns anos para cá, a burguesia mais vagabunda do planeta e a mídia venal ganharam um reforço de peso na cruzada para destruir Lula : as próprias instituições do Estado, como MP, Judiciário, Polícia Federal e TCU. Fora as ramificações internacionais que esse consórcio antidemocrático possui.
Tudo em vão. Lula segue firme, lidera todas as pesquisas e é idolatrado pelo povo por onde passa. Os tiros de canhão contra esse heroico sobrevivente da seca e da fome vão um a um saindo pela culatra. A perseguição teve efeito bumerangue : o homem virou mito ainda em vida.
E, agora, quem será capaz de arrancar Lula de seu lugar cativo no coração do povo brasileiro? Terão coragem mesmo de acender um palito de fósforo num paiol de combustível e impedir sua candidatura? Apostarão no caos absoluto que sua prisão provocaria? Aposto em mais uma vitória do imbatível Lula. Quem viver verá.(247).

Blog do BILL NOTICIAS

Grupo das oposições lança manifesto nesta segunda contra projeto de reeleição de Paulo Câmara


O primeiro passo para consolidar o grupo das oposições em Pernambuco para confrontar o projeto de reeleição do governador Paulo Câmara (PSB) será dado hoje no Recife. Intitulado ‘Pernambuco Quer Mudar’, o ato político será realizado às 17h, na Arcádia do Paço Alfândega, sob a liderança dos senadores Armando Monteiro Neto (PTB) e Fernando Bezerra Coelho (PMDB), os ministros de Minas e Energia, Fernando Filho (sem partido) e da Educação, Mendonça Filho (DEM), e o deputado federal Bruno Araújo (PSDB). A ideia é construir “uma nova” proposta com argumentos que possam encerrar o ciclo do PSB no estado iniciado com a eleição de Eduardo Campos em 2006.
O discurso de mudança, inclusive, está presente nas palavras dos líderes do movimento. “As pessoas estão frustradas com os resultados apresentados por essa gestão, que não tem projeto. O estado está estagnado, apresenta a maior taxa de desemprego do país, e sendo ultrapassado pelos (Estados) vizinhos“, argumentou Fernando Bezerra.
As oposições estão se organizando para apresentar alternativas aos pernambucanos e pernambucanas em 2018. Essa reunião marca o primeiro grande ato público nesse sentido”, acrescentou.
Ao avaliar a realização do encontro, Armando Monteiro foi na mesma linha. “É um evento que pretende mostrar que essas forças de oposição reconhecem que há um sentimento de que o Estado está vivendo um certo marasmo e nós, enquanto autoridades, estamos sintonizados com isso“, observou o senador. Logo na abertura da reunião, de acordo com o petebista, será apresentado um diagnóstico sobre a atual situação de Pernambuco, com base em dados fornecidos por instituições que atuam nesse acompanhamento.
O material que será exibido terá com foco não apenas a questão da violência, um dos calos do governo Paulo Câmara, de acordo com os organizadores, mas problemas que afetam as áreas da saúde, educação, infraestrutura hídrica e mobilidade, por exemplo. “Será uma avaliação de todo estado por meio de informações que são públicas e divulgadas por instituições idôneas”, disse Armando. Após a apresentação do raio x do estado, o microfone será aberto para os depoimentos.
Candidaturas
Sobre a movimentação dos oposicionistas, o senador explicou que no momento não existe definição sobre candidaturas. “Todas essas lideranças têm condições (de disputar o governo estadual). Então, esse é um bom problema para oposição. Enquanto uns não têm ninguém, nós temos ótimos quadros para lidar com uma proposta nova para Pernambuco. Mas essa discussão ocorrerá mais pra frente“, ressaltou Armando.
Além do encontro no Recife, o grupo também vai visitar todas as regiões do estado para ouvir moradores. “Vamos colher sugestões para construírmos um projeto que possa recolocar Pernambuco na posição de liderança que ele sempre ocupou no Nordeste“, frisou Fernando Bezerra Coelho. Os ex-governadores João Lyra Neto e Joaquim Francisco, ambos do PSDB, também estão entre os líderes do movimento. (Fonte: Diário de PE/foto: Blog do Carlos Britto/arquivo).

Blog do BILL NOTICIAS

Ministros usam aviões da FAB para dar carona a familiares e lobistas

O decreto 4.244/2002, que dispõe sobre os voos, permite o uso da frota "somente" para o transporte de vice-presidente, ministros de Estado, chefes dos três Poderes e das Forças Armadas
A norma não autoriza expressamente o embarque de pessoas sem cargo ou função pública. Também não há previsão para que congressistas peguem carona
A norma não autoriza expressamente o embarque de pessoas sem cargo ou função pública. Também não há previsão para que congressistas peguem caronaFoto: Divulgação


Ministros do governo de Michel Temer usaram voos da Força Aérea Brasileira (FAB), requisitados com o propósito de cumprir agendas de trabalho, para transportar parentes, amigos e representantes do setor privado. Há carona a mulheres e filhos, que não têm vínculo com a administração pública.

A reportagem levantou as informações por meio da Lei de Acesso à Informação. O decreto 4.244/2002, que dispõe sobre os voos, permite o uso da frota "somente" para o transporte de vice-presidente, ministros de Estado, chefes dos três Poderes e das Forças Armadas, salvo nos casos em que há autorização especial do ministro da Defesa. A norma não autoriza expressamente o embarque de pessoas sem cargo ou função pública. Também não há previsão para que congressistas peguem carona.

A reportagem obteve dados de viagens feitas por 12 ministros. Seis deles levaram filhos ou esposas na comitiva, não raro para cumprir agendas em locais turísticos. Um sétimo deu carona para a mulher de um colega de Esplanada. Três das autoridades levaram amigos a bordo e três transportaram empresários ou lobistas. Sete pastas não apresentaram as relações de passageiros.

Leia também:
Joesley usou avião da JBS para ir aos EUA por 'segurança', diz empresa
Temer recebe Maia, líderes de partidos e ministros em café no Alvorada

Entre 13 e 16 de outubro de 2016, a FAB cedeu um de seus jatos para que o titular do Meio Ambiente, Sarney Filho (PV), participasse de encontro sobre sustentabilidade no Pantanal. O evento, emendado com o dia das crianças, se deu no Refúgio Ecológico Caiman, hotel luxuoso em Miranda (MS). Na comitiva estava o filho de 11 anos do ministro.

Bruno Araújo (PSDB), que se desligou recentemente das Cidades, levou a mulher, Maria Carolina, em ao menos seis viagens oficiais. Em junho de 2016, o casal embarcou para Campina Grande (PB) no dia da abertura do "Maior São João do Mundo". Os dois, na sequência, embarcaram para o Recife, onde mantêm domicílio. Era uma sexta-feira.

Desde 2015, é proibido aos ministros usarem voos da FAB para retorno à residência. Maria Carolina fez ao menos mais cinco viagens em aeronaves oficiais, das quais três passando por Pernambuco, sempre em fins de semana ou datas coladas a sábado ou domingo. Em duas ocasiões, a filha do casal estava junto.

O peemedebista Helder Barbalho (Integração Nacional) -provável candidato ao governo do Pará- também levou a mulher, Daniela, para um São João, o tradicional Arraial dos Caetés, em Bragança, em junho. Foi uma viagem em família, com a presença do pai do ministro, o senador Jader Barbalho, e da mãe, a deputada Elcione Barbalho, ambos do PMDB.
A FAB alega que recebe das autoridades a lista dos passageiros, mas não tem responsabilidade sobre as comitivas.
Em abril, uma caravana de casais saiu de Brasília rumo a Foz do Iguaçu (PR) para a premiação do Lide (Grupo de Líderes Empresariais), grupo da família do prefeito João Doria (PSDB).
O voo foi requisitado à FAB pelos ministros Dyogo Oliveira (Planejamento) e Sarney Filho, que embarcou junto da mulher, Camila Serra. Também viajaram o tucano Antonio Imbassahy (Secretaria de Governo), que pediu demissão na sexta (8), e a mulher, Márcia, que também pegou carona em outras missões oficiais.
Fizeram companhia no avião, com suas mulheres, Rodrigo Rocha Loures, ex-assessor especial de Temer preso após ser flagrado com uma mala de R$ 500 mil da JBS, o senador Romero Jucá (PMDB-RR) e o relator da reforma da previdência, Arthur Maia (PPS-BA). O presidente do TST (Tribunal Superior do Trabalho), Ives Gandra, embarcou com uma assessora. O evento, em um resort próximo das cataratas, durou três dias.
Gilberto Kassab (Ciência, Tecnologia e Comunicações), do PSD, voou na companhia de amigos e empresários. Um deles é Marcelo Rehder, contemporâneo de faculdade do ministro e diretor da empresa Ella Link, envolvida em um projeto do futuro cabo submarino Brasil-Europa. Ele pegou carona, por exemplo, para uma agenda de Kassab no Instituto Butantã, em São Paulo, que produz vacinas.
Outro passageiro em voos do ministro é Paulo Tonet Camargo, vice-presidente de Relações Institucionais do Grupo Globo e presidente da Associação Brasileira de Rádio e Televisão. Em três ocasiões, houve agendas relacionadas ao setor de comunicações, como um jantar da RBS, afiliada da Globo no Rio Grande do Sul.
OUTRO LADO
Os ministros negaram irregularidade em transportar parentes, empresários e lobistas a bordo de aviões da FAB.
Eles dizem que não há vedação expressa ao transporte de passageiros sem vínculo com a administração pública e as agendas oficiais.
O Ministério do Meio Ambiente afirmou que "nenhuma hospedagem" de "qualquer membro" da família de Sarney Filho foi paga com dinheiro público. "Qualquer irregularidade que, eventualmente, seja apontada, o que não acreditamos, será imediatamente investigada", disse.
Segundo Bruno Araújo, os deslocamentos ocorreram "por compromissos da pasta", dentro da legislação vigente.
Helder Barbalho declarou que "respeita integralmente a legislação em vigor". Segundo ele, a mulher, Daniela, integrou voo requisitado pelo então titular do Turismo, Marx Beltrão, que visitaria o São João em Bragança (PA).
O ministro disse ter dividido a viagem com o colega uma vez que tinha outra agenda prevista para o Estado. "Daniela foi convidada oficialmente pela organização do Arraial dos Caetés".
O GSI informou que a esposa do ministro Sérgio Etchegoyen viajou mediante aproveitamento de vagas disponíveis em voos previamente planejados, não incorrendo em quaisquer ônus".
Dyogo Oliveira (Planejamento) explicou que viajou acompanhado por outros ministros para o evento em Foz do Iguaçu, "em virtude da necessidade de compartilhamento de voos", prevista no decreto sobre os voos. Todas as autoridades, segundo ele, foram convidadas "formalmente a participar como palestrantes do evento" em Foz.
Kassab disse seguir a legislação e afirmou que embarcam nos voos "servidores da pasta ou pessoas relacionadas a setores que são de escopo de atuação" do ministério.
O Ministério dos Transportes disse que Maurício Quintella "não oferece nem dá" carona a congressistas. Os parlamentares que compõem a comitiva do ministro "têm participação nos eventos", afirmou. Sobre ter transportado a esposa do ministro-chefe do GSI, justificou que "a pessoa citada ocupou um assento livre".
Antonio Imbassahy não respondeu.
O presidente do TST, Ives Gandra, disse disse que viajou "por haver disponibilidade de lugar na aeronave e não haver", na ocasião, "voo comercial compatível com sua agenda institucional".
A Abert informou que seu presidente, Paulo Tonet, participou com Kassab de eventos oficiais da radiodifusão, segmento que representa. "Os voos mencionados foram realizados a convite do ministro e aceitos pelos representantes em vista da finalidade setorial dos eventos e da extensa agenda de compromissos."(Folhape).




Blog do BILL NOTICIAS

Homem é encontrado morto com sinais de tortura no N-8

(foto/reprodução WhatsApp)

O corpo de um homem, ainda não identificado, foi encontrado dento de um curral na localidade da Vila Nova, no N-8 do Perímetro Irrigado Senador Nilo Coelho, zona rural de Petrolina, na manhã desta segunda-feira (11).
O corpo da vítima apresentava sinais de violência e estava debruçado, com os braços para trás e um pedaço de madeira entre os membros – o que indica sinais de tortura.
O Blog entrou em contato com o 5º Batalhão de Polícia Militar (BPM), que não soube dar detalhes sobre o caso. Só disse que uma equipe se dirigiu ao local, mas o sinal de telefonia é ruim na região e que estava aguardando o retorno para ser feito o boletim.
Já o Instituto de Medicina Legal (IML) informou que também enviou uma equipe ao local, mas até o fechamento desta matéria o corpo ainda não tinha dando entrada na unidade.(C.Britto).

Blog do BILL NOTICIAS

Começa em Juazeiro o pagamento do beneficio do programa Garantia Safra 2016/2017 nesta segunda-feira (11)


Os agricultores familiares de Juazeiro, assistidos pelo Programa Garantia Safra 2016/2017, poderão ter acesso ao pagamento do benefício a partir desta segunda-feira (11). Os saques devem seguir o calendário, estipulado pela Caixa Econômica Federal, baseado na ordem da numeração do NIS dos cartões dos beneficiários. De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico, Agricultura e Pecuária, Tiano Felix, no município serão beneficiadas 2.862 famílias e cada agricultor receberá cinco parcelas de R$ 170,00, totalizando R$ 850,00.
Nesta safra 2016/2017, o município participou com uma contrapartida no valor de R$ 72.981,00. O Garantia Safra é um benefício social vinculado ao Ministério do Desenvolvimento Agrário, que garante renda mínima para a sobrevivência de agricultores de localidades atingidas por estiagens ou excesso hídrico. Mais informações sobre o benefício podem ser obtidas na Agência de Desenvolvimento Econômico, Agricultura e Pecuária (ADEAP) pelo telefone (74) 3614-0821.(C.Geral).
Confira a lista aqui.

Blog do BILL NOTICIAS

CIRO E LULA JÁ TERIAM ALIANÇA PARA 2º TURNO


O prazo a que Ciro Gomes (PDT) se impôs para viabilizar seu nome como candidato da esquerda na eleição de 2018 se esgotou há duas semanas. Depois de conversas com petistas, Ciro concluiu que não terá apoio do ex-presidente Lula. Interlocutores dos dois presidenciáveis dizem que estabeleceu-se um acordo: quem passar para o 2° turno apoia o outro.

Na última pesquisa Datafolha,  em que Lula lidera absoluto em todos os cenários de intenção de voto, o pedetista aparece em quinto lugar, com 6% das intenções de votos, contra 34% do ex-presidente. No seu melhor cenário, sem Lula no páreo, Lula perde apenas para Jair Bolsonaro.
Ciro começou a acelerar a montagem dos palanques regionais filiando novos nomes ao PDT. O mais recente foi o prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, que saiu do PV.
Ciro está em busca de um nome no DF. Quer fortalecer sua campanha nos Estados.(247).
As informações são da Coluna do Estadão

Blog do BILL NOTICIAS

CHAVISMO GANHOU EM 22 DAS 23 CAPITAIS DA VENEZULA

Divulgação Palácio de Miraflores via REUTERS

O Partido Socialista Unido da Venezuela venceu pelo menos 90 por cento das 335 prefeituras disputadas nas eleições municipais neste domingo (10). A informação foi divulgada pelo presidente Nicolás Maduro.

De acordo com as últimas informações divulgadas pelo Conselho Eleitoral Nacional, os socialistas venceram 41 das 42 prefeituras contados até o final da noite.
O PSUV ganhou ainda em 22 das 23 capitais venezuelanas.
Partido chavista ganhou também o governo do estado de Zulia que tinha ficado pendente na eleição de 15 de outubro. Assim, o PSUV leva 19 dos 23 estados do país.
O presidente venezuelano, Nicolás Maduro, disse, no entanto, que os resultados durante a noite mostrariam que seu governo ganharia em mais de 300 municípios disputados.
A escolha dos prefeitos para os 335 municípios da Venezuela é a última eleição nacional prevista antes da corrida presidencial do próximo ano, na qual Maduro deverá buscar a reeleição apesar da sua alta impopularidade.
As eleições municipais no país foram marcadas pelo boicote de três dos quatro maiores partidos da oposição, que afirmam que o sistema eleitoral da Venezuela não é confiável.(247).
*Com informações da Sputnik Brasil

Blog do BILL NOTICIAS