domingo, 14 de abril de 2019

DEPRESSÃO? “Não sinto vontade de viver”, declara Whindersson Nunes em desabafo e pede ajuda

Whindersson Nunes durante apresentação no Rock in Rio, em 2017 — Foto: Alexandre Durão/G1


Nesta sexta-feira (12), o humorista Whindersson Nunes causou preocupação nos fãs ao publicar uma série de desabafos no Twitter. Entristecido, o artista revelou não sentir vontade de viver, e chamou a esposa, Luisa Sonza, de “minha rocha”. Sincero, ele pediu desculpas aos fãs, admitiu medo de decepcioná-los e contou que fará terapia.
“Eu queria conversar com meus fãs das antigas, com as pessoas que gostam de mim sobre o que está acontecendo comigo. Tive que tomar muita coragem para vir aqui”, começou ele, afirmando que se sente triste já há alguns anos.
“Eu sinto uma angústia todos os dias. Algumas risadas, algumas brincadeiras… e lá estou eu de novo com esse sentimento ruim […] Me sinto mal por não poder me ajudar, mas procuro ajuda nos amigos, na família […] Eu fico com tanto medo de decepcionar que fico preso em mim mesmo”, disse, ainda.
Pedindo perdão aos seguidores, Whindersson disparou: “Foda-se o dinheiro, os números, eu não sinto tanta vontade de viver. Nunca quis tirar a minha vida, nunca. Nunca quis decepcionar minha família, nem vocês, nem minha esposa que tem sido minha rocha, a pessoa mais incrível que já conheci”.
“Eu vivo rodeado de abutres, cada um querendo a sua fatia do bolo, e ver tantas pessoas ruins me deixa deslocado. A única coisa que me deixa feliz é subir no palco; quando subo no palco me sinto em um lugar bom, é luz, é felicidade”, escreveu o artista, que não deseja retornar ao estado depressivo, como deixou claro.
“É tão ruim ficar assim, porque já estive lá uma vez, não queria voltar pra lá porque é gelado e sem cor… Eu amo sorrir […] Me desculpem se eu decepcionei alguns de vocês, não me entendam mal, por favor. Eu quero fazer terapia, eu quero ajuda, quero viver. Amo vocês”, concluiu.
Fonte: Isabela Rocha. Radar Bahia.


Blog do BILL NOTICIAS

GUEDES FALA EM CONSERTAR DECISÃO DE BOLSONARO QUE VETOU AUMENTO NO DIESEL


247 - Desgastado após ser surpreendido com a intervenção do presidente Jair Bolsonaro na Petrobrás, o ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou neste sábado (13) que é possível reverter decisão "não muito razoável" de suspender o reajuste de 5,7% no preço do diesel.

"Acho que o presidente tem muitas virtudes, fez muita coisa acertada e ele já disse que não conhece muito economia. Então se ele, eventualmente, fizer alguma coisa que não seja muito razoável, tenho certeza que conseguimos consertar. Uma conversa conserta tudo", afirmou Guedes em Washington.

Guedes lembrou do despreparo de Bolsonaro para lidar com questões econômicas. "O presidente já disse para vocês que ele não era um especialista em economia, então é possível que alguma coisa tenha acontecido lá. Ele, ao mesmo tempo, é preocupado com efeitos políticos, estavam falando em greve de caminhoneiro, esse tipo de coisa, então é possível que ele esteja tentando manobrar com isso", afirmou.



Blog do BILL NOTICIAS

PRESIDENTE DE ISRAEL SE REVOLTA COM BOLSONARO POR SUGESTÃO DE PERDÃO AO HOLOCAUSTO


Sputinik – O chefe de Estado de Israel, Reuven Rivlin, juntou-se aos críticos do presidente Jair Bolsonaro, que recentemente disse que os crimes do Holocausto podem ser perdoados, mas nunca esquecidos.
"Ninguém vai pedir o perdão do povo judeu, e isso nunca pode ser comprado em nome de interesses [...] O que [os nazistas] fizeram conosco está gravado em nossa memória, na memória de um povo antigo", disse recentemente Rivlin no Twitter, segundo o The Times of Israel.
O político também advertiu que os israelenses nunca cooperarão com aqueles que negarem a verdade ou "tentarem apagar isso da memória", quer sejam indivíduos, grupos, "líderes partidários ou chefes de Estado".
"Nunca perdoaremos e nunca esqueceremos", twittou o líder israelense, jurando que os judeus "sempre lutarão contra o antissemitismo e a xenofobia".
O presidente de Israel também alertou os políticos contra "desvios para o território dos historiadores", que são responsáveis por pesquisar e descrever o passado. Segundo ele, os líderes políticos devem assumir a sua própria responsabilidade de "moldar o futuro".

Os comentários de Rivlin ecoaram uma declaração crítica emitida pelo museu oficial do memorial do Holocausto de Israel (Yad Vashem), dizendo, conforme citado pela mídia: "Não cumpre a ninguém determinar se os crimes do Holocausto podem ser perdoados".
Já o embaixador de Israel no Brasil, Yossi Shelley, tomou o partido do presidente brasileiro, alertando que quem tentar desacreditar "as palavras de um grande amigo do povo e do governo de Israel" não terá sucesso.
O diplomata afirmou que as palavras de Bolsonaro "deixaram claro seu total repúdio pelo maior genocídio da história, que foi o Holocausto".
"Em nenhum momento de seu discurso o presidente mostrou desrespeito ou indiferença em relação ao sofrimento judaico", publicou o embaixador no Facebook.
Bolsonaro, considerado um firme apoiador de Israel e de seu primeiro-ministro Benjamin Netanyahu, provocou debates com sua declaração durante a reunião de quinta-feira (11) com pastores evangélicos no Rio de Janeiro.
"Nós podemos perdoar, mas não podemos esquecer. E é minha essa frase. Quem esquece seu passado está condenado a não ter futuro", disse o presidente, acrescentando que é preciso agir para garantir que o Holocausto não se repita.
Durante a sua viagem a Israel, Bolsonaro além de assinar acordos e documentos sobre defesa, cibersegurança e cooperação policial junto com o premiê israelense Benjamin Netanyahu, também visitou o memorial do Holocausto.


Blog do BILL NOTICIAS

Em Serra Talhada-PE, bandidos assaltam caminhoneiro e roubam 12 mil reais



Um caminhoneiro de 29 anos, residente em Nazaré do Piauí (PI), foi assaltado nessa sexta-feira (12) quando trafegava nas proximidades do Parque de Exposição de Animais em Serra Talhada, na BR-232.
O assalto ocorreu por volta das 18h30, e em relato a polícia, a vítima relatou que um veículo modelo Gol o interceptou e o obrigou a parar. Logo em seguida, três homens com armas curtas, tipo revólver, saíram do veículo e anunciaram o assalto.
Ainda durante o depoimento, o caminhoneiro disse que foi obrigado a conduzir o caminhão até um estrada próxima ao distrito de Bom Nome, em São José do Belmonte. Na ação, a quadrilha levou R$ 4, 6 mil em dinheiro e R$ 8, 3 mil em cheques.
Depois do assalto os bandidos deixaram a vítima num posto de combustíveis em Bom Nome e fugiram tomando destino ignorado. (Via: Farol de Notícias)


Blog do BILL NOTICIAS

GURU DOS BOLSONARO, STEVE BANNON DECLARA QUE O PAPA FRANCISCO É O INIMIGO



247 - O ex-estrategista chefe de Donald Trump, Steve Bannon, mentor do bolsonarismo, aconselhou o ministro do Interior italiano, Matteo Salvini, a atacar o Papa Francisco sobre a questão da migração, segundo fontes próximas à extrema direita italiana.
"Bannon aconselhou o próprio Salvini que o papa atual é uma espécie de inimigo. Ele sugeriu, com certeza, atacar frontalmente ", disse o jornal inglês The Guardian, citando declaração de um representante Liga Anti-imigração da Itália. 
Guardian resgata uma reunião entre Steve Bannon e Matteo Salvini em 2016, em Washington. Depois disso, Salvini começou a atacar mais duramente o Papa Francisco. 
Bannon, em entrevista à NBC e à Source Material, que será transmitida às 21h do horário de Brasília nos EUA no domingo, critica as advertências do papa sobre os movimentos populistas ressurgentes. "Você pode ir ao redor da Europa e é [o populismo] pegando fogo e o papa está completamente errado", disse Bannon.
Com o mais recente ataque de Bannon ao Papa, como ficam os cristãos da família brasileira que apoiaram Bolsonaro?


Blog do BILL NOTICIAS

Rodovias pernambucanas que cortam o Sertão serão contempladas por Plano de Conservação da Malha Viária

  Via:Carlos Britto


Após realização de um levantamento da situação das rodovias sob a gestão do Governo de Pernambuco, o Estado finalizou a elaboração do Plano de Conservação da Malha Viária Estadual. O primeiro lote para a licitação das obras foi lançado no último sábado (6/4) e prioriza as estradas localizadas no Sertão.  Os detalhes do estudo, que levantou os 5,5 mil quilômetros de estradas pavimentadas no Estado, serão divulgados em breve pelo governador Paulo Câmara.
Ao todo serão recuperados cerca de 3 mil quilômetros de rodovias até 2020, num investimento previsto de R$ 75 milhões. Somente no Sertão, os trabalhos de requalificação atingirão cerca de 1,5 mil quilômetros neste período. A licitação para as intervenções nas demais regiões foi publicada neste sábado (13).
Além disso, a administração estadual, por meio da Secretaria de Infraestrutura e Recursos Hídricos, concluiu, nesta semana, a readequação do projeto da Ponte sobre o Rio Pequi, em Bodocó (Araripe). A iniciativa já conta com recursos garantidos pelo Governo de Pernambuco. A previsão é que na próxima semana seja publicada a licitação para a execução das obras, que devem ser finalizadas até outubro desse ano.  Enquanto isso, técnicos e maquinário estarão a postos para garantir a manutenção do desvio utilizado pela população.

Blog do BILL NOTICIAS

ESTUDO Superfungo causa graves infecções em pacientes com imunidade baixa

 Por: Correio Braziliense
O superfungo Candida auris se prolifera quando o sistema imunológico está debilitado: transmissão por contato. FOTO:  CDC/Divulgação (O superfungo Candida auris se prolifera quando o sistema imunológico está debilitado: transmissão por contato. FOTO:  CDC/Divulgação)
O superfungo Candida auris se prolifera quando o sistema imunológico está debilitado: transmissão por contato. FOTO: CDC/Divulgação

O mapa deixa claro: não se trata de algo isolado. Até agora, mais de 20 países registraram pacientes de uma doença provocada pelo fungo Candida auris, que é resistente aos medicamentos disponíveis no mercado. No Brasil, não há notificações, mas, nos vizinhos Colômbia e Venezuela, ele já foi detectado em hospitais. Nos Estados Unidos, na Europa e na Ásia, múltiplos casos deixam as autoridades de saúde pública em alerta. O problema é que ninguém sabe dizer o motivo pelo qual a levedura, identificada pela primeira vez em 2009, no Japão, emergiu e por que 90% das infecções são resistentes a pelo menos um medicamento, e 30% a mais de duas drogas. Algumas cepas não respondem a nenhum antifúngico.

Na semana passada, uma reportagem do The New York Times revelou que, nos Estados Unidos, foram reportados 587 casos desde 2013, sendo a maioria, 309 deles, apenas em Nova York e 104 na vizinha Nova Jersey. Segundo o jornal, em Chicago, 50% dos residentes de instituições para idosos testaram positivo para o fungo, que pode crescer e se reproduzir em respiradores e cateteres intravenosos. A Candida auris faz parte da microbiota humana e não prejudica o organismo, mas é um micro-organismo oportunista: quando o sistema imunológico está debilitado, ela se prolifera, causando infecções que, em pessoas já doentes, podem matar.

Diferentemente de outras espécies do gênero Candida, como a bem conhecida Candida albican, causadora da candidíase, a C. auris vive por até mais de um mês na pele e em superfícies, incluindo móveis, lençóis, colchões, travesseiros e equipamentos médicos. Citado pelo Times, Tom Chiller, que dirige o setor de fungos do CDC, o órgão de vigilância e controle de doenças norte-americanos, disse: “O fungo borbulhou e agora está em toda parte”. Ele não é transmitido pelo ar, como um vírus, mas por meio do contato com objetos (ou mãos) infectados. Em uma pessoa imunossuprimida, a levedura pode provocar feridas, infecções na corrente sanguínea e no ouvido.

Negligência

Para Matthew C. Fisher, pesquisador do Imperial College London que, em 2015, publicou uma revisão sobre a C. auris, doenças causadas por fungos costumam ser “muito negligenciadas em relação a outras classes de doenças infecciosas, apesar de sua onipresença”. De acordo com o infectologista, a mortalidade por enfermidades fúngicas excede os resultantes de malária ou câncer de mama, sendo comparável às de tuberculose e HIV. Ele cita um artigo de 2012, que saiu na revista Science Translational Medicine, segundo o qual 1,5 milhão de pessoas morrem, anualmente, devido a infecções causadas por fungos.

O infectologista Leandro Machado, mestre em infectologia e medicina tropical, explica que, assim como vem ocorrendo com bactérias, alguns tipos de fungo tornam-se resistentes a medicamentos devido ao excesso de uso dos medicamentos usados para combatê-los. “O controle da venda e prescrição é menor do que o que se tem com antibióticos”, observou. O médico observa que pacientes já imunossuprimidos, como os que passaram por transplante de medula ou com cânceres hematológicos, são tratados com antifúngicos de forma empírica quando apresentam febres prolongadas. Embora seja uma medida importante para evitar infecções severas, ele ressalta a importância de se identificar o mais rápido possível a presença do fungo no organismo porque, caso contrário, é preciso interromper a medicação e, assim, evitar que as espécies se tornem resistentes.

Fisher, do Imperial College, acredita que a resistência esteja muito associada também ao excesso de antifúngicos utilizados na agropecuária. Além disso, as características genéticas das espécies dificulta o trabalho dos medicamentos. “Os fungos têm genomas extremamente plásticos e se reproduzem fácil. A combinação dessas propriedades gera rapidamente variantes selecionadas para a resistência”, disse. Ele ressaltou a importância de se desenvolver novas drogas e afirmou que isso não deve demorar a acontecer, pois estudos de fase 1, 2 e 3 têm obtido bons resultados.

Uma substância considerada promissora é a Ibrexafungerp, um antifúngico de amplo espectro que, em estudos de fase 3 — a última, antes de um medicamento ser lançado no mercado, caso seja aprovado —, conseguiu combater infecções resistentes, incluindo a por C. auris. Resultados de seis estudos sobre o remédio serão apresentados no 29º Congresso Europeu de Microbiologia Clínica e Doenças Infecciosas, que começa hoje em Amsterdã, na Holanda. Em um comunicado de imprensa, David Angulo, chefe do departamento médico da empresa de biotecnologia Scynexis, que desenvolveu o composto, disse que “é evidente a necessidade de uma nova e mais potente terapia antifúngica, particularmente um agente oral, para tratar pacientes com essas infecções devastadoras”.

Vigilância no Brasil

O Brasil não tem casos registrados de Candida auris. Não existe, no país, uma estratégia específica voltada ao monitoramento dessa levedura, mas, de acordo com o secretário nacional de Vigilância em Saúde, Wanderson Kleber de Oliveira, o Ministério da Saúde está criando um sistema de vigilância contra fungos. Em janeiro, quatro pastas, inclusive a da Saúde, lançaram um programa de combate à resistência a antimicrobianos.




Blog do BILL NOTICIAS

LITERATURA - Justiça proíbe venda de livro do padre Marcelo Rossi por violação de direito autoral

A escritora Izaura Garcia, autora do pedido, afirma que um trecho do livro é de sua autoria

                                    Por: Folhapress 
Padre Marcelo Rossi
Padre Marcelo RossiFoto: Divulgação

O desembargador Gilberto Campista Guarino, da 14ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ), determinou a suspensão da publicação, distribuição e venda do livro "Ágape", lançado em 2010, do padre Marcelo Rossi. A liminar foi concedida na quinta-feira (11) e cabe recurso.

A escritora Izaura Garcia, autora do pedido, afirma que o trecho "Perguntas e Respostas - Felicidade! Qual É?" é de autoria dela e foi publicado em seu livro, "Nunca Deixe de Sonhar", de 2002. Em "Ágape", a autoria do trecho é atribuída a madre Teresa de Calcutá. No processo, que ainda não foi julgado, a escritora pede indenização por violação de direitos autorais no valor de R$ 50 milhões.
"Defiro parcialmente a tutela provisória de urgência, a fim de que os agravados suspendam a publicação, distribuição e venda de exemplares da obra 'Ágape', até que comprovem a retificação de autoria do texto 'Perguntas e Respostas - Felicidade! Qual é?', nela veiculado, atribuindo-o corretamente à agravante, ou até que o suprimam, sob pena de multa equivalente ao dobro do valor comercial de cada exemplar publicado, distribuído e/ou vendido", determina Guarino em sua decisão.

Segundo as advogadas de Izaura, Carolina Miraglia e Mariana Sauwen, o reconhecimento da escritora como autora do trecho já tinha sido obtido em outro processo, de 2013.

No entanto, o padre e a editora Globo não cumpriram o acordo estipulado na época nem corrigiram a informação na publicação. "Um dia, a Izaura entrou em uma livraria e pegou o livro para mostrar para algumas pessoas, mas viu que o seu nome não estava identificado como autora do trecho. Foi quando, então, ela nos acionou para entrar com o processo na Justiça", explicou Carolina.

Segundo ela, o valor pedido pela indenização foi feito com base na legislação brasileira de direito autoral e corresponde a 20% da venda de 10 milhões de exemplares do livro. "[A obra] Gerou um lucro de R$ 250 milhões", informou. A editora Globo e o padre Marcelo informaram que só irão se pronunciar após a notificação oficial da Justiça, segundo o jornal O Dia.



Blog do BILL NOTICIAS

Vaquinha para homem que ajudou idosa a atravessar rua alagada passa dos R$ 100 mil

Homem ajuda idosa a atravessar rua alagada com caixotes

Durante o temporal que atingiu o Rio de Janeiro nesta semana, um gesto de empatia viralizou nas redes sociais: um guardador de carros fez uma “ponte” de caixotes para ajudar uma idosa a atravessar uma rua alagada, em Copacabana, e não molhar os pés. E agora a boa ação de Varlei Rocha Alves se voltou para ele: uma vaquinha online já arrecadou mais de R$ 107 mil em menos de 24 horas. As informações são do Extra.
A meta da campanha era arrecadar R$ 40 mil para ajudar Capoeira, como é conhecido, a comprar uma casa e investir nos estudos do filho. Em pouco tempo, a meta mais que dobrou. Até as 19h30 desta quinta (11), quase 2 mil pessoas contribuíram com a vaquinha.
Capoeira, morador da Pavuna, na Zona Norte do Rio, também pretende usar o dinheiro arrecado para aprender a ler e a escrever, além de fazer uma festa para o filho, que fez aniversário em fevereiro.

Polêmica

O vídeo também causou polêmica nas redes sociais. Nas imagens, após o guardador de carros se arriscar dentro da água e usar dois caixotes para improvisar a “ponte”, a mulher vai embora sem agradecer.
Ainda segundo o Extra, a senhora, de 86 anos, voltou ao local para agradecer e falar com ele. Ela ainda teria dado R$ 4 da moradora.


Blog do BILL NOTICIAS

FHC MANDA BOLSONARO APRENDER ECONOMIA OU FICAR CALADO


247 – "A Bolsa caiu, as ações da Petrobras despencaram. Pr que não avalia consequências do que diz leva a incertezas. As da economia nem sempre controlamos. As políticas, vindas de quem mais pode, são perigosas. O país paga caro. Tomara que os que pouco sabem aprendam ou calem", postou o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, sobre a intervenção promovida por Jair Bolsonaro na política de preços da Petrobras.
Confira abaixo seu tweet e reportagem da Reuters:
A Bolsa caiu, as ações da Petrobras despencaram. Pr que não avalia consequências do que diz leva a incertezas. As da economia nem sempre controlamos. As políticas, vindas de quem mais pode, são perigosas. O país paga caro. Tomara que os que pouco sabem aprendam ou calem.
1.882 pessoas estão falando sobre isso
SÃO PAULO (Reuters) - O Ibovespa fechou em queda de 2 por cento nesta sexta-feira, pressionado pelo tombo das ações da Petrobras, que perdeu 32 bilhões de reais em valor de mercado em meio a preocupações sobre a independência da estatal após o presidente Jair Bolsonaro pressionar para a petrolífera rever decisão sobre aumento dos preços do diesel.
Índice de referência do mercado acionário brasileiro, o Ibovespa recuou 1,98 por cento, a 92.875,00 pontos. O volume financeiro totalizou 20,56 bilhões de reais, bem acima da média diária do ano, de 16,2 bilhões de reais. Na semana, o Ibovespa acumulou declínio de 4,36 por cento.
O noticiário envolvendo a Petrobras dominou os holofotes no último pregão da semana, após a empresa desistir de elevar o preço do diesel nas refinarias a partir desta sexta-feira após sofrer interferência de Bolsonaro, em meio a preocupações com uma eventual nova greve de caminhoneiros.
Bolsonaro defendeu nesta sexta-feira “um preço justo” para o combustível e disse que quer ser convencido pela estatal sobre a necessidade do aumento.
“Os investidores foram pegos de surpresa com a ‘canetada’ do Bolsonaro. Todo o discurso de estatais sem interferência política se perde”, destacou Pedro Menezes, membro do comitê de investimento de ações e sócio da Occam Brasil Gestão de Recursos, destacando que o mercado como um todo foi contaminado.
“O grande foco continua a ser na reforma da Previdência, mas essa situação não ajuda em nada o sentimento do mercado”, disse. 
Analistas do BTG Pactual divulgaram relatório com o título ‘Déjà Vu’, citando que é preciso saber se foi uma decisão temporária por motivação política, como evitar uma nova greve, ou mudança na forma como o governo percebe a liberdade operacional da empresa.
A sexta-feira também teve de pano de fundo a proximidade com o vencimento de opções sobre ações, que acontece na segunda-feira na bolsa paulista e tem os papéis da Petrobras entre as séries mais líquidas do exercício.
O tombo dos papéis da petrolífera blindou o pregão brasileiro do viés externo benigno, com desempenho positivo em Wall Street na esteira de resultados corporativos, bem como alta nos preços de commodities (petróleo e minério de ferro), enquanto o dólar recuou perante outras moedas globais.
DESTAQUES
- PETROBRAS ON desabou 8,54 por cento e PETROBRAS PN despencou 7,75 por cento, resultando em uma perda equivalente a 32,4 bilhões de reais no valor de mercado da companhia. A empresa cancelou alta de 5,7 por cento no valor do diesel a partir desta sexta-feira, mantendo a cotação em 2,1432 reais por litro, praticada desde 22 de março. A desvalorização foi a maior queda das ações da companhia desde 1º junho do ano passado, quando o então presidente-executivo da companhia, Pedro Parente, pediu demissão.
- ELETROBRAS PNB e ELETROBRAS ON perderam 4,97 e 5,24 por cento, respectivamente, contaminadas pelo sentimento mais negativo no mercado em razão de preocupações sobre a ingerência do governo nas estatais.
- BANCO DO BRASIL caiu 3,17 por cento, pior desempenho dos bancos do Ibovespa, também afetada pelos receios com eventuais intervenções do governo em companhias de controle da União. ITAÚ UNIBANCO PN recuou 1,05 por cento e BRADESCO PN cedeu 0,91 por cento. SANTANDER BRASIL UNIT resistiu e subiu 0,2 por cento.
- VALE encerrou em baixa de 0,6 por cento, também sucumbindo ao mau humor generalizado, apesar da alta dos preços do minério de ferro na China, em meio ao aumento da demanda das siderúrgicas chinesas. CSN, que também tem se beneficiado de expectativas favoráveis sobre o minério de ferro, subiu 3,53 por cento.
- JBS subiu 4,44 por cento, para 17,64 reais, nova cotação recorde, tendo de pano de fundo perspectivas positivas para a companhia de alimentos, principalmente quanto ao ciclo de carne bovina, além de potenciais efeitos da peste suína africana na China, entre outros fatores. No setor, BRF fechou em alta de 1,71 por cento.


Blog do BILL NOTICIAS

POLÊMICA - Prefeito de Nova York chama Bolsonaro de 'perigoso' e quer retirar cerimônia de Museu

  Por: Estadão Conteúdo - Estadão Conteúdo
O prefeito de Nova York, Bill de Blasio, ainda disse que Bolsonaro pratica homofobia e racismo (Foto: Kevin Hagen / AFP) (O prefeito de Nova York, Bill de Blasio, ainda disse que Bolsonaro pratica homofobia e racismo (Foto: Kevin Hagen / AFP))
O prefeito de Nova York, Bill de Blasio, ainda disse que Bolsonaro pratica homofobia e racismo (Foto: Kevin Hagen / AFP)


O prefeito de Nova York, Bill de Blasio, afirmou na noite de ontem que está atuando para evitar que o Museu Americano de História Natural, situado em Manhattan, cancele o evento de premiação da Câmara Brasileira de Comércio nos Estados Unidos em que o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, será homenageado como 'pessoa do ano'. O evento está marcado para ocorrer no dia 14 de maio.

Em entrevista na sexta-feira à noite a uma rádio local, de Blasio ainda afirmou que Bolsonaro é uma figura perigosa. "Ele é um ser humano muito perigoso. Eu certamente faço um apelo ao Museu para que ele não seja recebido lá", disse à rádio WNYC. "Se estamos falando de uma instituição financiada com dinheiro público e de alguém que está fazendo algo destrutivo, fico desconfortável com a situação", afirmou.

O prefeito novaiorquino citou como exemplo do "perigo" a intenção de Bolsonaro em "desenvolver" a floresta amazônica, o que poderia, conforme de Blasio, colocar todo o planeta em risco. De Blasio ainda afirmou que Bolsonaro pratica "homofobia" e "racismo evidente".

Após uma onda de comentários negativos, o perfil oficial do Museu afirmou na quinta-feira que estava "profundamente preocupados e que está explorando alternativas". Na sexta-feira, contudo, um porta-voz mudou o tom. "Este é um evento privado que de maneira nenhuma, reflete a posição do Museu de que é urgente conservar a floresta Amazônica", disse, sem deixar claro o que acontecerá com a cerimônia.



Blog do BILL NOTICIAS

Homem é preso com drogas e veículos roubados em Petrolina

  Via:Carlos Britto
(Foto: Divulgação)

Um homem de 24 anos foi preso com drogas e veículos roubados, ontem (12), na comunidade da Tapera, área ribeirinha de Petrolina. A ação foi realizada pela 12ª Delegacia de Polícia de Repressão ao Narcotráfico (DPRN/Denarc).
Com o suspeito foram encontrados cerca de 161g de cocaína, 466g de maconha, além de um carro roubado, uma motocicleta também com restrição de roubo e várias peças de carros em um desmanche.
Diante da situação, o homem foi preso e autuado pelos crimes de tráfico de drogas e receptação, bem como será conduzido para audiência de custódia. O material apreendido foi encaminhado à delegacia.

Blog do BILL NOTICIAS