segunda-feira, 11 de maio de 2020

“É hora de unir forças”, diz Felipe Neto, que agradece apoio do PT

"Obrigado à comunicação do partido, pela mensagem tão emblemática. E um aviso a todos da esquerda: eu não sou liberal no Brasil. Eu não defendo menos Estado e nem favorecimento aos detentores de capital", disse o youtuber sobre o PT ter apoiado seu levante contra o fascismo de Bolsonaro


(Foto: Divulgação)


O youtuber e empresário Felipe Neto reforçou nesta segunda-feira, 11, o combate ao fascismo do governo de Jair Bolsonaro, após divulgar uma carta-vídeo que pede que os artistas também se levantem contra Bolsonaro. 
Pelo Twitter, Felipe Neto se manifestou sobre as críticas que tem recebido por parte da esquerda, pelo fato de ter criticado o PT e o ex-presidente Lula no passado. Apesar das críticas, o PT apoiou o levante do youtuber e compartilhou seu vídeo. 
"É hora de unir forças, não há outro caminho. Obrigado à comunicação do partido, pela mensagem tão emblemática. E um aviso a todos da esquerda: eu não sou liberal no Brasil. Eu não defendo menos Estado e nem favorecimento aos detentores de capital. Sigamos", disse ele. (247)
O tweet de Felipe Netto ocorre depois que o ex-ministro Ciro Gomes tentou se aproveitar das críticas de apoiadores petistas contra o youtuber

O próprio PT publicou. É hora de unir forças, não há outro caminho. Obrigado à comunicação do partido, pela mensagem tão emblemática.


E um aviso a todos da esquerda: eu não sou liberal no Brasil. Eu não defendo menos Estado e nem favorecimento aos detentores de capital. Sigamos.
https:// s/1259263876769644544 


5.843 pessoas estão falando sobre isso

Blog do BILL NOTICIAS

Lula: 'no Brasil, pobre não é tratado como ser humano, mas como número'

(Foto: REUTERS/Adriano Machado)

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva criticou o governo Jair Bolsonaro nesta segunda-feira, 11, durante debate com o ex-prefeito Fernando Haddad, e parlamentares do PT, como os deputadas Beatriz Cerqueira (MG) e Professora Bebel (SP). 
Lula criticou a explosão de casos de coronavírus no Brasil. “É uma vergonha que o Brasil tenha mais casos de coronavírus do que toda a soma dos casos na América do Sul”, disse Lula na live. O ex-líder metalúrgico disse que enqaunto isso acontece, “o governo foge de discutir o coronavírus”.
Lula também disse que, com a pandemia, ficou “mais claro que nós temos dois Brasis” e que no País, “pobre não é tratado como ser humano, é tratado como número”. (247)


Blog do BILL NOTICIAS

Corintianos impedem manifestação de bolsonaristas na Avenida Paulista

Torcedores carregavam uma faixa em prol da democracia em local escolhido por apoiadores de Bolsonaro 
para ato pró-ditadura

(Foto: Reprodução)

247 com Fórum - Um grupo de torcedores do Corinthians se reuniu na Avenida Paulista na tarde deste sábado (9) em ato em defesa da democracia. A mobilização foi convocada com o objetivo de impedir um protesto de bolsonaristas que aconteceria no mesmo local.
Segundo o jornalista Fernando Morais, a manifestação ocorreu de forma relâmpago. “Como se tivessem surgido do nada, cada um vindo de um lugar diferente, corintianos fizeram uma manifestação-relâmpago pró democracia na avenida Paulista, na hora e no local em que bolsominions planejavam um ato de apoio ao Genocida. El curingón es fueda”, escreveu.
A página Antifa Hooligans BR compartilhou a imagem, que foi celebrada por torcedores de outras equipes. Os torcedores carregavam uma faixa “Somos Democracia”, que fez recordar a Democracia Corintiana de Dr. Sócrates.



Blog do BILL NOTICIAS

Organizador de ato golpista contra STF, que prometeu comboio com 300 caminhões, pegou Covid-19 e está na UTI

(Foto: Divulgação)
Permanece acampado na Praça dos Três Poderes um pequeno grupo de pessoas que pregam uma “intervenção militar” incluindo o fechamento do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Congresso Nacional. O Congresso em Foco esteve no local na noite de ontem (sábado, 9) e lá encontrou dois militantes bolsonaristas que se tornaram famosos nos últimos dias. Um deles é Renan da Silva Sena, que agrediu enfermeiros durante ato no Dia do Trabalho e foi demitido semana passada do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, onde trabalhava como funcionário terceirizado. A reportagem é do portal Congresso em Foco. 
O outro é Paulo Felipe, militar da reserva (ele não informa a patente) e também é conhecido como “Comandante Paulo”. Em vídeo que viralizou, ele afirmou que “300 caminhões” se encontravam a caminho de Brasília, onde chegariam na sexta-feira (8), para – de acordo com as palavras dele – “darmos cabo dessa patifaria que está estabelecida no nosso país há 35 anos por aquela casa maldita ali, Supremo Tribunal Federal, com 11 gangsters”. O comboio, no entanto, não apareceu.Na manhã deste domingo (10), Paulo aceitou dar entrevista. Questionado sobre a ausência de caminhões, respondeu: 
"Eu não vou te dar muitas informações porque o autor do comboio, o comandante do comboio está debilitado. Ele pegou covid-19, estava na UTI, estou aguardando ele me dar retorno sobre isso e ele é que está no comando dessa operação. Eu divulguei pra ele, porque eu divulgo vídeos quase que diariamente, ele me contactou e pediu para que eu divulgasse, aproveitasse a minha evidência nas redes sociais e divulgasse pra ele". 
Veja o vídeo em que Paulo ameaça invadir os principais órgãos do Legislativo e do Judiciário do país:

 

Blog do BILL NOTICIAS

Dólar fecha a R$ 5,82; Ibovespa tem queda de 1,5%

Mercado mostra perdas em mais um dia de preocupações 
com o coronavírus

Dólar tem maior queda semanal em mais de um ano após Fed
Dólar tem maior queda semanal em mais de um ano após Fed 
(Foto: REUTERS/Sergio Moraes)

Infomoney - O Ibovespa fechou em queda nesta segunda-feira (11), dia de forte volatilidade, pressionado pelas blue chips de commodities. Petrobras e Vale caíram forte, e os bancos, que durante boa parte da sessão mantiveram o índice em terreno positivo, perderam força no final. Itaú subiu 0,27%, Bradesco caiu 1,5% e Banco do Brasil teve ganhos de 0,63%. Para mais destaques de ações clique aqui.
No caso da petroleira, a manhã chegou a ser de alta com notícia de que a Arábia Saudita irá promover cortes adicionais na produção de petróleo para impedir uma desvalorização maior nos preços, mas à tarde essa tendência foi revertida. O barril do Brent teve queda 2,62% a US$ 30,15 e o barril do WTI ficou praticamente estável, com leve variação positiva de 0,12% a US$ 24,77.
Lá fora, ações do setor de tecnologia ajudaram o índice S&P 500 a reverter as perdas do início da sessão e a fechar estável, ao mesmo tempo em que o Nasdaq registrou sua sexta alta seguida, avançando 0,78%. Já é a maior sequência de ganhos do benchmark de empresas tecnológicas dos Estados Unidos em todo o ano de 2020.
Por aqui, o Ibovespa fechou em queda de 1,49% a 79.064 pontos com volume financeiro negociado de R$ 21,384 bilhões. Já o dólar futuro para junho registra ganhos de 1,31% a R$ 5,825. O dólar comercial subiu 1,47%, a R$ 5,8217 na compra e R$ 5,8242 na venda.
No mercado de juros futuros, o DI para janeiro de 2022 subiu dois pontos-base a 3,26%, o DI para janeiro de 2023 avançou três pontos-base a 4,44% e o DI para janeiro de 2025 teve alta de quatro pontos-base a 6,44%.
As bolsas internacionais registraram desempenhos mistos em meio a preocupações de que o coronavírus ressurja em países como a Coreia do Sul, algo que prejudica os planos de reabertura econômica mesmo dos países que já passaram pelo pico da pandemia. Na Alemanha, a disseminação da Covid-19 voltou a se acelerar e ontem foram registrados 667 novos casos.
Não obstante, na Grã-Bretanha, funcionários que não podem trabalhar em home office foram instruídos a voltar hoje às empresas, mas evitando, se possível, o transporte público. As viagens de carro passaram a ser permitidas entre cidades. As escolas só reabrirão em 1º de junho. Na França, as medidas de reabertura são mais ousadas, com a maioria do comércio e dos serviços, como as barbearias, reabrindo hoje, informa a CNBC.
Já no Brasil, o mercado aguarda a confirmação do veto presidencial à ampliação das categorias de servidores públicos que continuarão a receber reajustes de salários apesar da crise. A medida foi aprovada no Congresso como contrapartida à ajuda do governo aos estados. Tudo isso em uma semana crucial para a investigação da Procuradoria-Geral da República (PGR) da suposta intervenção do presidente Jair Bolsonaro na Polícia Federal.
Entre os indicadores, o Relatório Focus do Banco Central mostrou que os economistas do mercado financeiro agora esperam uma contração de 4,11% no Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro em 2020. Na semana passada, a projeção era de uma queda de 3,76%. Já para 2021, as expectativas foram mantidas em crescimento de 3,2%.
A previsão para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), por sua vez, foi reduzida de 1,97% para 1,76% em 2020 e cortada também de 3,3% para 3,25% em 2021.
Também destaca-se no Focus a manutenção das estimativas para o dólar em R$ 5,00 para 2020 e elevação de R$ 4,75 para R$ 4,83 para 2021. Por fim, a expectativa para a taxa básica de juros, Selic, caiu de 2,75% para 2,50% ao ano em 2020 e de 3,75% para 3,50% ao ano em 2021.
Ainda no radar, o ministro da Economia, Paulo Guedes, disse que se houver uma depressão econômica, o governo irá “chuveirar dinheiro na economia inteira. “Segundo o ministro, o Banco Central “está em transição, fazendo experimento, saindo do cercadinho convencional daqui até o fim do ano” e, por isso, governo pediu, na Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do orçamento de guerra, para aumentar as possibilidade de atuação do BC.
“Se a recessão virar depressão pelo menos já estamos no meio do caminho”, afirmou Guedes, que disse não vislumbrar aumento de impostos após matéria do Globo citar que há estudo para volta da CPMF.


Blog do BILL NOTICIAS

Caminhoneiros fecham a Paulista contra quarentena e dizem que só deixam local após renúncia de Doria

(Foto: Reprodução)

Um grupo de cerca de 30 caminhoneiros realizou na tarde desta segunda-feira (11) uma carreata para protestar contra o rodízio ampliado de veículos e a prrogação das medidas de isolamento social determinadas pelo governo de São Paulo. 
Os caminhoneiros saíram de Barueri, na Grande São Paulo, e percorreram as marginais e outras vias importantes da capital paulista. O grupo fez buzinaço na Avenida Rebouças, perto de três hospitais: Incor, Hospital das Clínicas e Emílio Ribas. Agora, ocupam a Avenida Paulista.
Segundo os representantes da categoria dos caminhoneiros, a ampliação do rodízio e a extensão da quarentena atrapalha o trabalha deles. (247)
Assista a vídeos da manifestação:



Blog do BILL NOTICIAS

Na quarentena, para ir ao mercado ou padaria, será preciso levar comprovante de residência

Pedestre que for abordado deverá comunicar o motivo de estar na rua e comprovar que está próximo de casa

                  Por: Portal FolhaPE
 Feira em São Benedito, Olinda, com pessoas ignorando o isolamento social
Feira em São Benedito, Olinda, com pessoas ignorando o isolamento socialFoto: Paullo Allmeida

Após anunciar, nesta segunda-feira (11), um decreto com medidas mais rígidas de isolamento social em cinco municípios a partir de sábado (16), o Governo de Pernambuco esclareceu alguns detalhes sobre como será a atuação na prática.

Além do rodízio de veículos particulares em dias pares e ímpares de acordo com o último número das placas, será feita uma abordagem também aos pedestres. A orientação é para que todos que forem à rua portem um documento com foto e um comprovante de residência. Se abordada, a pessoa deverá apresentar esses documentos e comunicar qual o seu destino.

O governo reforça a recomendação de utilizar os serviços essenciais, a exemplo de farmácias, supermercados, padarias, serviços financeiros e veterinários, mais próximos de casa, de forma que não haja muito trânsito entre os bairros. No caso de precisar fazer um deslocamento mais longo, a pessoa deverá comprovar necessidade caso seja abordada.
Segundo o secretário de Defesa Social, Antônio de Pádua, haverá um trabalho integrado entre os órgãos estaduais e municipais junto às comunidades onde há maior circulação de pessoas.

Locais próximos a feiras e mercados, por exemplo, serão um dos pontos de maior atenção, no intuito de conscientizar a população a ficar em casa e sair somente quando necessário. Além disso, que estiver transitando sem máscara, que passará a ser obrigatória a partir de sábado, será orientado a voltar para casa. 

Os profissionais que atuam nos serviços essenciais, por sua vez, devem levar consigo uma carta do empregador comprovando a atividade e o motivo de circulação. Nesse primeiro momento, estão inseridos no decreto cinco municípios da Região Metropolitana do Recife (RMR), que concentra 80% dos casos notificados e 70% das mortes em decorrência de infecção pelo novo coronavírus no Estado.

Os decretos expedidos anteriormente, com vetos no acesso a praias, calcadões e parques, além do fechamento para o público de bares, restaurantes e todo o comércio não essencial, seguem em vigor em todo o Estado. Esses serviços não essenciais, no entanto, poderão seguir atendendo no sistema de delivery. Se as entregas forem feitas em veículos particulares, no entanto, terão que atender ao rodízio de carros.

Auxílio EmergencialO procurador geral do Estado, Ernani Medicis, garantiu que aqueles que precisarem se deslocar até agências bancárias para o recebimento do Auxílio Emergencial não terão restrições durante esse período de maior rigidez do isolamento social na RMR. Segundo ele, além de identidade e comprovante de residência, essas pessoas terão apenas que apresentar um documento que confirme o deslocamento em razão do recebimento do benefício.



Blog do BILL NOTICIAS

SOLIDARIEDADE EM TEMPOS DE PANDEMIA

Erivaldo Oliveira Campanha em prol do nosso amigo Erivaldo Oliveira. Um jovem de apenas 27 anos, e que após dois dias do nascimen...