sexta-feira, 1 de fevereiro de 2019

PROFESSORA RECEBE SEGUNDA DENÚNCIA POR CITAR PAULO FREIRE

Reprodução


A professora da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) Rosana Pinheiro Machado, usou sua conta no Twitter para denunciar perseguição dentro de sala de aula. É a segunda denúncia de alunos pelo fato de Machado citar o educador e patrono da educação brasileira Paulo Freire em seus textos. 
Recebi hoje uma denúncia da ouvidoria da UFSM de uma pessoa que dizia que era um absurdo ter uma professora que escrevia sobre Paulo Freire num jornal. Um e-mail completamente louco e sem sentido. É a segunda denuncia que respondo em seis meses. Está insuportável para mim.
Recebi hoje uma denúncia da ouvidoria da UFSM de uma pessoa que dizia que era um absurdo ter uma professora que escrevia sobre Paulo Freire num jornal. Um e-mail completamente louco e sem sentido. É a segunda denuncia que respondo em seis meses. Está insuportável para mim.
776 pessoas estão falando sobre isso
Ele ainda revela que já foi duas vezes dar aula com guarda universitária (não na UFSM). "Se voltar ao Brasil foi uma aposta arriscada, cada vez mais se torna uma escolha impossível", lamenta. 

Recebi hoje uma denúncia da ouvidoria da UFSM de uma pessoa que dizia que era um absurdo ter uma professora que escrevia sobre Paulo Freire num jornal. Um e-mail completamente louco e sem sentido. É a segunda denuncia que respondo em seis meses. Está insuportável para mim.
Eu já fui duas vezes dar aula com guarda universitária (não na UFSM). Se voltar ao Brasil foi uma aposta arriscada, cada vez mais se torna uma escolha impossível.
159 pessoas estão falando sobre isso





Blog do BILL NOTICIAS

Nenhum comentário:

Postar um comentário