sexta-feira, 25 de agosto de 2017

IVETE QUESTIONA LEILÃO DE TEMER: “BRINCANDO COM O NOSSO PATRIMÔNIO?”

 Agência Brasil

A cantora baiana Ivete Sangalo ficou "indignada" com o decreto por meio do qual Michel Temer extingue a Reserva Nacional de Cobre e Associadas (Renca), área de 47 mil quilômetros quadrados entre Pará e Amapá, rica em ouro e outros minérios e que engloba nove áreas protegidas, entre florestas estaduais, reservas ecológicas e terras indígenas.
"Quanta notícia difícil de aceitar. Brincando com o nosso patrimônio? Que grande absurdo. Tem que ter um basta", publicou a cantora em seu perfil no Instagram.(247).

Blog do BILL NOTICIAS

Em Afrânio-PE, está chegando a 13ª edição da Festa do Tamarindo com atrações confirmadas


“Delícias no Bicentenário – uma festa de dar água na boca” é o tema da 13ª edição da já tradicional Festa do Tamarindo em Caboclo, distrito de Afrânio-PE. O evento, que já faz parte do calendário turístico de Pernambuco, está com sete atrações musicais confirmadas.
Durante os dois dias deste final de semana, sexta(26) e sábado (27), a grade de programação está repleta atividades como oficinas, vendas de produtos artesanais e à base de tamarindo, concerto ao pôr-do-sol no Mirante, além de um momento muito especial – ‘Homenagem da Gratidão’ concedida a pessoas e entidades que colaboraram com Caboclo nos últimos 22 anos, e acontecerá no adro da Igreja do Padroeiro Senhor do Bonfim.
As atrações confirmadas são: Elisson Castro e Forró Pega Leve, Hosterninho do Acordeon e convidados, Adãozinho de Rajada, o juiz sanfoneiro Ednaldo da Fonseca, músicos do IF Sertão PE, Andréa Vitória e Nilton Freitas.
Confira a programação completa:
26/08
14h – Atividades lúdicas e conscientização sobre higiene bucal com crianças e jovens
16h – Pôr do sol musical no Mirante da Serra; aeróbica e danças com Marcos Canuto e músicos do IF Sertão-PE
18h – Brincadeira de rodas com crianças no pátio da Igreja
20h – Apresentação musical no patamar da Igreja
20h30 – Homenagens da Gratidão no patamar da Igreja
22h – Show com Elisson Castro e Forró Pega Leve
27/08
8h – Feira de artesanato e produtos regionais
8h30 – Festival de oportunidades (SEBRAE-PE)
9h – Chegada das caravanas (SEBRAE, SESC, IF SERTÃO-PE, FUNDAÇÃO NILO COELHO)
9h30 – Plantio de tamarindeiros e distribuição de mudas (CRAD/UNIVASF)
10h – Encontro de sanfoneiros com Hosterninho e convidados
10h30 – Concurso de produtos de tamarindos
11h – Apresentações folclóricas do município de Afrânio (PMA) e SESC Petrolina
11h30 – Momento de culinária dos novos produtos de tamarindo pela DeVry Unifavip
12h – Forró Pé de Serra com Adãozinho de Rajada, Ednaldo Fonseca, Hosterninho e convidados
15h – Encerramento
Importante ressaltar que toda a renda arrecadada com a 13ª Festa do Tamarindo será destinada à reforma e melhoramentos da Pousada Caboclo, única no povoado.
Promoção – Comissão de Revitalização do Caboclo, Prefeitura Municipal de Afrânio, SEBRAE, IF SERTÂO-PE e TV Grande Rio.
Apoio – Fundação Nilo Coelho, Gráfica Franciscana, Cemafauna Caatinga, CRAD/Univasf, CAC, SESC Petrolina e Tenda.(Ascom),(C.Geral).

Blog do BILL NOTICIAS

Ministro da Integração Nacional autoriza uso das águas da Transposição do São Francisco para perenização do Riacho Grande, em Cabrobó – P



O ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, confirmou nessa quinta-feira (24) em Brasília a autorização para utilização das águas da Transposição do rio São Francisco, na barragem do Tucutu, visando a perenização do Riacho Grande, em Cabrobó, no Sertão de Pernambuco.
Durante audiência com o governador do estado, Paulo Câmara e o vice-governador e secretário de Desenvolvimento Econômico, Raul Henry, Helder Barbalho destacou a importância da perenização do Riacho Grande que vai possibilitar o abastecimento de água para o homem do campo com ênfase para o incremento da produção agrícola de 2 mil famílias que ocupam uma área de 10.200 hectares.
Animado com o projeto, o prefeito de Cabrobó, Marcílio Cavalcanti, se reuniu com vereadores, o secretário municipal de Agricultura, Glênio Rodrigues, e representantes do Governo do Estado para uma visita de inspeção à comporta da barragem de Tucutu. De acordo com Marcílio Cavalcanti, a perenização do Riacho Grande é hoje uma das prioridades do governo municipal, tendo em vista a estruturação e ampliação da economia de Cabrobó, com reflexos diretos também em municípios vizinhos, a exemplo de Terra Nova.
“No projeto que defendemos, as águas da Transposição do São Francisco, que hoje correm sem trazer benefícios para nossa gente, serão captadas da Barragem do Tucutu uma vez a cada trimestre e utilizadas neste afluente do rio São Francisco e importante manancial da região. Depois de audiências públicas e muitas reuniões finalmente teremos a tão sonhada perenização do Riacho Grande”, concluiu o prefeito de Cabrobó. (Ascom),(C.Geral).

Blog do BILL NOTICIAS

Lula: "Quem aprendeu a andar de avião não quer mais andar de pau de arara"

Em Ipojuca, metalúrgicos entregaram ao ex-presidente um documento para garantir o apoio do petista a um plano de retomada de empregos no setor
Militantes atentos ao discurso de Lula em Ipojuca
Militantes atentos ao discurso de Lula em IpojucaFoto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco


Lula e Dilma receberam bibelôs: galo e galinha com faixa de Presidente da República
Lula e Dilma receberam bibelôs: galo e galinha com faixa de Presidente da RepúblicaFoto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco


Lula: "Muitos que bateram panela pra Dilma, agora estão batendo cabeça"
Lula: "Muitos que bateram panela pra Dilma, agora estão batendo cabeça"Foto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco
Dilma: "Agora eles farão de tudo para impedir que o povo tenha novamente seu voto respeitado em 2018"
Dilma: "Agora eles farão de tudo para impedir que o povo tenha novamente seu voto respeitado em 2018"


Foto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco


Trabalhadores da Refinaria homenagearam Lula
Trabalhadores da Refinaria homenagearam LulaFoto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco

Depois de conceder entrevista para a rádio Universitária FM e páginas do Facebook em hotel em Boa Viagem, a comitiva do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, também com a presença da ex-presidente Dilma Rousseff, seguiu para a segunda parada da agenda desta sexta-feira (25), em Ipojuca. Ao lado de Lula, subiram ao palanque os senadores Lindbergh Farias (PT-RJ), Gleisi Hoffmann (PT-PR) e Humberto Costa (PT-PE), o ex-prefeito do Recife, João Paulo (PT-PE) e o deputado federal Silvio Costa (PTdoB-PE).

Pelo menos 500 profissionais que atuam em Suape participaram do encontro, de acordo com o Sindicato dos Metalúrgicos (Sindmetal-PE). A categoria entregou ao ex-presidente um documento para garantir o apoio do petista a um plano de retomada do emprego no setor. O encontro foi considerado simbólico, tanto pela representatividade de Lula junto à categoria, da qual já fez parte, quanto pelo seu apoio às demandas dos profissionais, que aguardam resoluções para a retomada da combalida indústria naval. 


Leia também:
Lula é acompanhado por comitiva na saída do hotel
Militantes aguardam Lula em Ipojuca
Renan me ajudou a governar, diz Lula no RecifeNa saída, Lula é festejado pela juventude do PTLula se reúne com integrantes do Mais MédicosLula se reúne na casa dos Campos no Recife com Renata e socialistas
"Lula teve a coragem de resgatar a indústria naval e fazer uma refinaria de petróleo em Pernambuco. A refinaria foi feita com o suor dos trabalhadores, mas ainda opera pela metade. Agora querem entregar o pré-sal e derrubar o conteúdo local, que garante a participação da indústria nacional na cadeia de petróleo", disse o diretor da Federação Única dos Petroleiros (FUP) em Pernambuco, Luiz Lourezon.

Em seu discurso, Dilma Rousseff  falou do "esvaziamento da indústria petrolífera". "Ipojuca viveu uma revolução a partir da descoberta do pré-sal. É inadmissível o que estão fazendo com a derrubada do conteúdo local. Querem privatizar a joia da coroa. A ex-presidente também voltou a falar sobre o impeachement: ""Meu processo de saída do governo de forma ilegal e ilegítima foi um ato. Não todo o golpe. Agora eles farão de tudo para impedir que o povo tenha novamente seu voto respeitado em 2018", disse.

Ao lado de Dilma, Lula também destacou as privatizações em andamento no País, o grande mote dos discursos no palanque de Ipojuca, afirmando que "o governo atual está mercantilizando o País, vendendo tudo como se fosse um representante imobiliário". O petista chamou o povo para ir às ruas para protestar contra o governo Temer. O ato terminou no início da tarde com queima de fogos. O próximo compromisso na agenda da comitiva será às 16h, no Pátio do Carmo, no Centro do Recife.

Entre as frases e comparações, marcantes nos discursos do petista, veja algumas desta manhã, ovacionadas pelos militantes presentes em Ipojuca:
"Muitos que bateram panela pra Dilma, agora estão batendo cabeça"
"Quem aprendeu a comer peito de frango não quer voltar a comer pé de frango"
"Quem aprendeu a andar de avião não quer mais andar de pau de arara"
"Quando assumi a presidência o País estava falido, mas na hora que o pobre começa a participar da economia, o problema se resolve"
"Se eles não sabem consertar esse País, tem um torneiro mecânico aqui que já provou que a solução só vai acontecer quando houver um presidente com credibilidade diante da sociedade e confiança do povo".

A caravana:
O ex-presidente veio a Pernambuco depois de passar pela Bahia, Sergipe e Alagoas. É que a agenda batizada de “Caravana Lula pelo Brasil” agora está focada no Nordeste. Às 16h, o ex-presidente comandará ato no Pátio do Carmo, no Centro do Recife, organizado pela Frente Brasil Popular PE. A ideia é protestar contra o governo Michel Temer e suas reformas , além de defender as diretas já e a Constituinte. 

Já no sábado (26), Lula irá ao bairro de Brasília Teimosa, na Zona Sul da capital, comunidade que passou por obras de requalificação durante o governo do petista, com retirada das palafitas e construção da orla. O local é considerado, pelo partido, como símbolo do combate à pobreza. Depois o político seguirá para João Pessoa, na Paraíba. (Folhape).

Blog do BILL NOTICIAS

Finalmente! Bairro do João de Deus em Petrolina recebe a ´Praça da Juventude concluída neste sábado(26)

Praça da Juventude que será inaugurada neste sábado(26) 
no Bairro do João de Deus em Petrolina-PE

Depois de quase nove anos de espera, o bairro do João de Deus em Petrolina recebe neste sábado(26) a conclusão  da obra da Praça da Juventude. O evento será neste sábado a partir das 15 horas com a presença do Governador Paulo Câmara e equipe que vem a cidade apenas para fazer a entrega da obra que o governo do estado ajudou a concluir.
A praça da Juventude é uma iniciativa do Deputado Federal Gonzaga Patriota(PSB) através de uma emenda parlamentar de sua autoria. A obra sofreu farias interrupções em seu cronograma de trabalho  e só depois que o Governador Paulo Câmara se comprometeu com a sua conclusão, atendendo solicitação do próprio parlamentar e de moradores, a obra finalmente será entregue com seu projeto inicial a comunidade.



O evento valoriza os moradores do bairro que já tiveram outras conquistas. Como a Praça fica no coração da comunidade, existe uma satisfação muito grande pela conclusão da obra. O evento está programado para às 16 horas deste sábado(26) com a presença do Governador Paulo Câmara, do Prefeito Miguel Coelho e outras autoridades.(C.Geral).



Blog do BILL NOTICIAS

Lula se reúne na casa dos Campos no Recife com Renata e socialistas

226046,930,80,0,0,930,522,0,0,0,0

Encontro na noite desta quinta-feira (24) durou cerca de duas horas, e o ex-presidente saiu do local sem falar com a imprensa.
Sem lideranças do PT pernambucano e após agenda intensa no Recife desde o fim da tarde, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva se reuniu, na noite dessa quinta-feira (24), com a viúva do ex-governador Eduardo Campos, Renata Campos, e políticos do PSB. O encontro durou cerca de duas horas, e o político saiu do local sem falar com a imprensa.
Lula chegou por volta das 21h30 à residência da família Campos, no bairro de Dois Irmãos, na Zona Norte do Recife. Ele chegou em meio à festa de aniversário da filha de Eduardo e Renata, Eduarda, que completa 25 anos.
Vestindo uma camisa branca, Lula chegou de forma discreta, acompanhado da viúva do ex-governador petista de Sergipe, Marcelo Déda, além de assessores, num carro Fusion. Ele não deu entrevista.
Na casa, já se encontravam o governador de Pernambuco, Paulo Câmara, e o prefeito do Recife, Geraldo Julio, entre outros políticos ligados ao PSB, partido da família Campos. Ao final, ele se despediu de forma calorosa e amistosa da família. (Blog da Folha),(C.Geral).

Blog do BILL NOTICIAS

Em 2018, nada será como antes

Ricardo Stuckert

As vaias a Renan Calheiros durante a passagem da caravana de Luiz Inácio Lula da Silva por Alagoas confirmam uma verdade fácil de reconhecer. Mostram que, embora Lula seja o líder nas pesquisas presidenciais para 2018, é um caso de ingenuidade primária mirar as vitórias do passado para pensar estratégias para o futuro. Responsável pelo título de doutor honoris causa da Universidade Estadual de Alagoas, o reitor Jairo Campos cobrou de Lula: "é preciso que nos dê respostas a altura do que cobramos e esperamos. Que diga não as alianças espúrias, que construa uma plataforma social e verdadeiramente popular."
A tolerância que o eleitorado exibiu em relação à presença de más companhias no palanque de quatro campanhas presidenciais vitoriosas entre 2002 e 2014 -- sem falar no abraço de Paulo Maluf a Fernando Haddad em 2012 -- dificilmente irá se repetir em 2018. Não há dúvida de que os governos Lula-Dilma marcam um período histórico, único pelo esforço para enfrentar as desigualdades, abrir oportunidades para os mais pobres e buscar um novo patamar de desenvolvimento para o país. Esse balanço explica o reconhecimento de Lula nas pesquisas, após uma perseguição dura e prolongada, apenas um ano depois do golpe parlamentar que afastou Dilma. 
Seria enganoso imaginar, contudo, que estamos em 2002, quando o apoio a Lula não só era imenso, mas incondicional. Há uma década e meia, Lula e o núcleo dirigente da campanha do PT aprovaram, num restaurante de Ribeirão Preto, uma Carta ao Povo Brasileiro que contrariava, ponto a ponto, as principais linhas de política econômica que o partido construiu desde a fundação. Ainda que a novidade tenha produzido um choque em fatias importantes da militância -- sempre um diferencial essencial do PT -- o estrago foi nulo. O efeito político da Carta foi contribuir para silenciar uma campanha de terror orquestrada pelos adversários para tentar impedir de qualquer maneira a vitória de um candidato com um perfil de esquerda como nunca se vira antes no país. Na época, o PT engoliu a mudança, que em temos normais só passaria através de um debate em Congresso. O eleitorado nem prestou atenção e garantiu a Lula uma vitória espetacular, seguida de outras três vitórias consecutivas.
Em 2017, a realidade é outra. A última vitória, em 2014, foi conseguida no braço, na mobilização final e no combate palmo a palmo numa dramática reta final do segundo turno. A resposta, após a vitória, foi inesquecível: um pacote de concessões que pretendiam acalmar os adversários da véspera mas só afastaram os aliados de sempre. Se há alguma lição a tirar da canalhice de um impeachment sem crime de responsabilidade, apenas um ano e meio depois, é que foi uma derrota que politizou uma parcela imensa dos brasileiros, em particular aqueles que sustentaram Lula e o PT a partir de 2002. Eles foram forçados a fazer um aprendizado na tragédia, que se revelou uma das maiores de nossa história republicana. Aprenderam a ficar de olhos abertos depois de serem vencidos por um golpe de Estado  perpetrado por falsos aliados que até o último dia tinham direito a circular pelo Planalto como amigos com direito a confiança absoluta. Hoje, após a derrota primeira, eleitores e eleitoras encaram novos revezes sem conta: o desmanche da Petrobras, a reforma trabalhista, a ameaça à Previdência e, agora, o ataque à Eletrobrás, a venda dos aeroportos. Ilusão pensar que não se sintam traídos. Mais enganoso ainda é imaginar que, com o tempo, não foram capazes de perceber que, muitas vezes, o inimigo estava dentro de casa.
Se Temer foi a grande raposa no galinheiro, Renan não ficou atrás. Organizou a farsa que permitiu a derrocada final de Dilma no Senado. Em 2002, 2006, 2010 e 2014, o adversário de Lula tinha rosto e nome. Estava identificado com o atraso político e a desigualdade social de 500 anos. Em 2018, quando a memória  protege Lula, o adversário real é uma força difusa e destrutiva -- a desconfiança, a perda de credibilidade, este nevoeiro que está em toda parte, ninguém controla, confunde a visão geral e abre caminho ao imprevisível. Ao contrário do que sempre aconteceu nas campanhas anteriores, nada garante, em 2018, que o apoio da base da sociedade a Lula está garantido previamente. Não há dúvida que será preciso construir uma aliança capaz de governar o país, revogar o pacote regressivo instituído após o golpe e encontrar um caminho, sempre difícil mas necessário, para uma retoma no desenvolvimento.  O apoio do povo mostra que Lula tem lastro para tanto.
Mas esta força inicial deve ser bem cultivada e alimentada, pois se trata de um eleitor leal mas desconfiado, até arisco. Mais do que nunca a clareza do candidato e sua identidade política têm uma imensa importância. Os ataques irão crescer e se multiplicar. A lealdade dos militantes tornou-se mais importante do que nunca, um fator verdadeiramente essencial. A primeira batalha, mãe de todas as guerras, será garantir o direito à candidatura. 
Irá errar quem, traindo uma postura típica de outros tempos, imaginar que a parada está resolvida junto às bases e basta correr para o acordo junto às cúpulas. As pesquisas mostram que Lula é o primeiro nas pesquisas, mais uma vez. Mas a experiência mostra que nada será como antes. (247).

Blog do BILL NOTICIAS

Harvey é o maior furacão a atingir os Estados Unidos em 12 anos

Nasa alerta população sobre passagem do Furacão Harley no Texas - Foto/Divulgação Nasa
Autoridades do Texas alertam população sobre passagem do Furacão Harvey  - Foto/Divulgação NasaNasa

As autoridades do Texas emitiram um alerta à população por causa da passagem do Furacão Harvey na costa central do estado, onde estão localizadas as cidades de Corpus Christi e Houston.
Já foram emitidos avisos para que os moradores de pelo menos sete condados deixem suas casas em busca de abrigos para se proteger dos ventos que, segundo a Central Nacional de Furacões, podem chegar a 170 quilômetros por hora.  As autoridades determinaram que a saída é obrigatória, devido ao risco de enchentes e inundações.
A tempestade foi classificada inicialmente na categoria 2, na escala de intensidade Saffir-Simpson, mas agora os meteorologistas já dizem que o furacão pode atingir a categoria 3.  A escala varia de 1 a 5. Um furacão na categoria 1 é o mais fraco com pequenos danos materiais e prejuízos maiores a construções precárias.
Na categoria 3 há risco de grandes danos materiais e mortes em regiões bastante habitadas. 
Uma grande preocupação é que nessa área funcionam algumas das maiores refinarias de petróleo dos Estados Unidos (EUA). Há risco de descargas elétricas e explosões.
Segundo a imprensa americana, a ligeira alta de preços da gasolina, registrada esta semana no país, já foi um efeito da previsão da passagem do furacão.
Desde 2005, os Estados Unidos não têm um furacão nessa categoria. O último foi o Wilma, que passou pela Flórida em outubro daquele ano. O Wilma provocou 87 mortes e ocorreu dois meses depois da passagem do Katrina em Nova Orleans, que causou a morte de mais de 1.800 pessoas.
O volume de chuvas e tempestades trazidas pelo Harvey pode chegar a 15 trilhões de galões de água, segundo as estimativas meteorológicas. A imprensa local mostra moradores em busca de alimentos para se refugiar em abrigos. (EBC).



Blog do BILL NOTICIAS

Água do Eixo Norte do Projeto São Francisco chegará ao Ceará no início de 2018, afirma Helder Barbalho


Em audiência no Senado, ministro informou que já são quase mil trabalhadores atuando nas estruturas, número que deverá dobrar nos próximos 30 dias
Brasília-DF – 23/08/2017 – As águas do ‘Velho Chico’ chegarão ao Ceará até o primeiro trimestre de 2018 e de lá percorrerão todas as estruturas do Eixo Norte do Projeto de Integração do Rio São Francisco. A previsão foi informada pelo  ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, que participou de audiência pública da Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo do Senado nesta quarta-feira (23). Ele reafirmou o empenho do Governo Federal na conclusão do trecho. “Já temos 948 trabalhadores atuando no Eixo Norte e, em até 30 dias, devemos atingir a marca de dois mil operários. Estamos trabalhando para garantir a plena funcionalidade de todo o eixo até maio do próximo ano”, explicou Helder Barbalho.
O Eixo Leste do projeto foi entregue em março deste ano e já beneficia quase um milhão de habitantes de Pernambuco e da Paraíba, já tendo evitado o colapso hídrico de mais de 30 municípios. Helder Barbalho explicou também que a chegada da água ao Ceará só será possível neste prazo devido à parceria do ministério com o Governo do Estado de São Paulo, oficializada na última segunda-feira (21). A Sabesp irá ceder quatro motobombas, já utilizadas anteriormente no Eixo Leste do Projeto São Francisco, para acelerar a chegada da água nos municípios cearenses que estão sofrendo com a seca prolongada (leia mais).
Estruturantes – Além das ações do Ministério da Integração Nacional para a retomada das obras do Eixo Norte, Helder Barbalho explicou aos senadores como está a execução das obras complementares responsáveis por distribuir a água do rio São Francisco aos estados do Ceará, Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte, além do Programa de Revitalização do Rio São Francisco – Plano Novo Chico. “Estamos empenhados em garantir os recursos das obras estruturantes, evitando que elas sofram atraso em seu cronograma”, ressaltou o ministro.
Plano Novo Chico – O Programa de Revitalização da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco – Plano Novo Chico -, lançado pelo Governo Federal em agosto do ano passado, vai beneficiar direta ou indiretamente mais de 16,5 milhões de pessoas que vivem nos 505 municípios que compõem a bacia.
Estão previstas ações e investimentos de cerca de R$ 7 bilhões para os próximos dez anos (2017-2026) em cinco eixos: saneamento, controle de poluição e obras hídricas; proteção e uso de recursos naturais; economias sustentáveis; gestão e educação ambiental e planejamento e monitoramento. Para tanto, estão sendo executadas ações que envolvem a proteção e a recuperação das nascentes, controle de processos erosivos e recuperação de áreas degradadas, educação ambiental e capacitação institucional, além da coleta e tratamento de resíduos sólidos, saneamento básico, infraestrutura hídrica e modernização da irrigação. Diversos órgãos federais, além do Ministério da Integração Nacional e da Codevasf, integram o Plano.
Segundo o ministro Helder Barbalho, entre 2016 e 2017, foram investidos R$ 228,7 milhões na conclusão de sistemas de esgotamento sanitário em 12 municípios de Minas Gerais e Pernambuco. Outro destaque foram as ações de peixamentos, realizadas pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), assegurando a soltura de 15 milhões de alevinos, entre 2016 e 2017, de espécies nativas do rio São Francisco na bacia. (Ascom),(C.Geral).

Blog do BILL NOTICIAS

TRF-4 CORRE PARA TORNAR LULA INELEGÍVEL

Ricardo Stuckert

Os números da Lava Jato mostram uma certa obsessão com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
O processo que condenou o ex-presidente Lula a nove anos e meio de prisão no caso do tríplex chegou em tempo recorde ao TRF (Tribunal Regional Federal) da 4ª Região, em Porto Alegre.
Foram 42 dias, desde a sentença do juiz Sergio Moro, em julho, até o início da tramitação do recurso na segunda instância, nesta quarta (23). É o trâmite mais rápido até aqui, da sentença ao TRF, entre todas as apelações da Lava Jato com origem em Curitiba.
Eventual condenação em segunda instância do petista impediria sua candidatura a presidente nas eleições de outubro do ano que vem.
A média dos demais recursos, nesse mesmo percurso, foi de 96 dias –ou de 84 dias, se considerada a mediana (valor que divide os casos existentes em dois conjuntos iguais). O andamento dos processos variou entre 42 e 187 dias.
No total, 31 apelações da Lava Jato tramitam ou tramitaram no TRF-4. Cerca de metade delas já foi julgada.
"Caso seja proposital, é bastante preocupante e mostra o voluntarismo da Justiça em protagonizar outros papéis que não o de meramente julgar um caso. Querer interferir de outras formas na vida política e social do país é algo deletério", diz Fábio Tofic Simantob, presidente do Instituto de Defesa do Direito de Defesa e advogado de outros investigados da Lava Jato.(247).

Blog do BILL NOTICIAS

Documentos de barco que afundou no Pará continham informações irregulares

Equipes de busca procuram vítimas do naufrágio da embarcação Capitão Ribeiro, no Rio Xingu, no Pará (Magda Vrosk/Divulgação/Agência Pará)
Equipes de busca procuram vítimas do naufrágio da embarcação Capitão Ribeiro, no Rio Xingu, no Pará 
Magda Vrosk/Divulgação/Agência Pará

Agência Pará/Governo do Estado do Pará

Militares da Marinha do Brasil retomaram na manhã de hoje (25) os trabalhos para tentar trazer à tona o barco Capitão Ribeiro, que naufragou na última terça-feira (21), no Rio Xingu, entre os municípios de Senador José Porfírio e Porto de Moz, no Pará.
O Navio Patrulha Bocaina, de 47 metros de comprimento e 3 metros de calado, e uma lancha com mergulhadores foram deslocados para o local a fim de auxiliar na operação de buscas e salvamento e nos esforços de reflutuação da embarcação acidentada. Só da Marinha estão sendo empregados cerca de 70 militares nas ações de buscas às vítimas e apoio à segurança naval.
Em nota, o Comando do 4º Distrito Naval informou que os responsáveis pelo barco Capitão Ribeiro cometeram ao menos duas irregularidades antes da embarcação afundar por motivos que ainda estão sendo apurados.
Na documentação que entregou às autoridades navais, ainda em Santarém (PA), o responsável pelo barco informou que havia apenas dois passageiros a bordo. O número exato de pessoas que estavam no navio na hora do acidente ainda é incerto, mas, até a tarde de quinta-feira (24), o número de mortos já chegava a 21, segundo a Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup). As equipes de salvamento conseguiram resgatar 23 pessoas com vida e pelo menos mais cinco eram dadas como desaparecidas.
O comando também revelou que os responsáveis pelo Capitão Ribeiro tinham informado que viajariam apenas de Santarém a Prainha, um trajeto de cerca de 170 quilômetros. No entanto, a embarcação acabou prosseguindo com destino a Vitória Xingu, a quase 500 quilômetros do local de partida, em desacordo com o Despacho de Saída emitida pela Capitania dos Portos, válido até 20 de outubro.
A Marinha voltou a esclarecer que as autorizações para concessões de linhas hidroviárias não são fornecidas pelas capitanias dos Portos. Segundo a Agência Estadual de Regulação e Controle de Serviços Públicos (Arcon-PA), a embarcação não estava legalizada junto à agência e fazia o transporte de passageiros de forma clandestina. (EBC).



Blog do BILL NOTICIAS

Prefeitura de Petrolina dá início a nova fase da revitalização do Monumento da Integração


Ação está prevista para ser concluída na primeira semana de setembro.
Um dos cartões postais de Petrolina, o Monumento da Integração, na região central da cidade, está sendo revitalizado. Depois de receber manutenção na estrutura, o Monumento recebe o serviço de pintura, que se encontra em fase de conclusão. A serviço da Secretaria de Infraestrutura, Habitação e Mobilidade (SEINFRAHM), desde do dia  (23), uma equipe realiza a  pintura das partes mais altas da obra que foi construída em 1975 por Luiz Carlos Nascimento Passos e representa o desenvolvimento de Petrolina através de um gráfico composto por 14 colunas.
O Monumento da Integração começou a ser revitalizado no dia 18 deste mês a partir do trabalho de 25 jovens das comunidades próximas ao monumento, entre eles reeducandos da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase), que atua em parceria com as empresas Tintas Coral e Paraíba Material de Construção. Ao término da manutenção, a equipe receberá certificado do curso de pintura, assegurando capacitação e possibilidades para inserção no mercado de trabalho. A próxima fase da revitalização do Monumento será a de reparos no jardim e também na iluminação. A previsão é que todo o serviço seja concluído até o dia 06 de setembro (Ascom),(C.Geral).

Blog do BILL NOTICIAS