segunda-feira, 30 de outubro de 2017

  Em parceria com Lé Figaro
 (photo: )

Um recente estudo revela que o Mal de Parkinson ataca agricultores e pessoas que moram nas imediações de plantações agrícolas bem mais do que o resto da população. Cientistas apontam a elevada exposição dessas populações aos pesticidas e defensivos agrícolas, alguns dos quais conhecidos por sua ação neurotóxica.

Por: Cécile Thibert - Le Figaro Santé
Qual é o ponto em comum entre os agricultores e as pessoas que moram próximas a áreas de cultivo agrícola? Eles têm um risco bem maior de desenvolver o Mal de Parkinson. Dois estudos recentemente publicados por equipes de pesquisadores franceses confirmam e aprofundam o que já tinha sido descoberto há dois anos por cientistas norte-americanos da Universidade da Califórnia: Essas pessoas têm um risco mais elevado, respectivamente de 13% e 8,5% de desenvolverem essa doença neurodegenerativa. Entre os agricultores aposentados (entre 60 e 84 anos), essa diferença é ainda mais marcante pois eles são 18% a mais a sofrer dessa doença em relação às pessoas da sua mesma faixa etária. Os cientistas apontam o dedo para a a elevada exposição desses pacientes aos pesticidas, dos quais alguns já são bem conhecidos por suas propriedades neurotóxicas.

Doença da profissão
Desde 2012, a exposição aos pesticidas é considerada na França como um fator de risco do Mal de Parkinson. A moléstia já é inclusive reconhecida como uma doença profissional dos que militam na agricultura. Nenhum estudo, no entanto, até bem recentemente, tinha explorado a incidência (número de novos casos por ano) dessa doença entre os agricultores na França. É precisamente a questão que a cientista Sofiane Kab decidiu investigar ao desenvolver sua tese de saúde pública e epidemiologia.
Seu trabalho, realizado em colaboração com pesquisadores do Instituto Nacional da Saúde e da pesquisa Médica (Inserm), deu lugar à publicação de dois estudos em revistas científicas internacionais. Para chegar a tais resultados, a jovem cientista e seus colegas compararam os dados da Agência Social Agrícola francesa - um instituto de planos de saúde específicos para o mundo agrícola - com outros dados provenientes de outros planos de seguro-doença.
"É necessário manter uma certa prudência, pois o Mal de Parkinson é uma doença cuja origem implica em vários fatores, alerta o médico Alex Elbaz, neurologista e epidemiologista do Inserm e diretor da tese de Sofiane Kab. Até o momento, somente podemos dizer que o Mal de Parkinson é um pouco mais frequente entre os agricultores, provavelmente por causa da sua exposição a altos níveis de pesticidas. Mas podem existir também outros fatores de risco". Os dados obtidos sugerem igualmente uma possível associação, menos significativa que a do Parkinson, com a doença autoimune chamada de esclerose lateral amiotrófica.
Dentre os insetos, as abelhas são os mais prejudicados pelos pesticidas agrícolas.  

Dentre os insetos, as abelhas são os mais prejudicados pelos pesticidas agrícolas.  
Viticultura, um caso especial
Sofiane Kab e seus colegas foram ainda mais longe, e se perguntaram se uma exposição não profissional a doses mais fracas de pesticidas ainda desempenharia um papel no aparecimento de casos de Mal de Parkinson. "A frequência dessa doença mostrou-se efetivamente um pouco mais elevada entre as pessoas que vivem nas imediações de áreas cultivadas, sobretudo em zonas onde existem vinhedos", explica Elbaz. Com efeito, a viticultura é uma das culturas agrícolas que mais necessitam de pesticidas. "Esses resultados ainda precisam ser confirmados por estudos mais precisos e aprofundados. O Mal de Parkinson permanece uma doença não muito frequente e o aumento do risco observado é pequeno", completa o cientista.
Há poucos anos, a Califórnia teve de enfrentar uma espécie de "epidemia" de síndromes tipo Parkinson que acometeu um grande número de pessoas jovens. Descobriu-se que todos eles tinham consumido uma droga, a MPTP, uma neurotoxina que, ao destruir certos neurônios, provoca os sintomas permanentes do Mal de Parkinson. Na época, os cientistas observaram que a estrutura do MPTP era muito parecida à de um herbicida, o paraquat. Logo depois dessa descoberta, numerosos estudos internacionais confirmaram a existência de uma ligação entre a exposição profissional aos pesticidas e o 
Outros estudos estão sendo preparados pelo Inserm, em colaboração com a Saúde Pública francesa, com a finalidade de identificar quais psticidas podem estar na origem do risco aumentado de Mal de Parkinson. (Saúde247).
Saber mais:
Kab S, Moisan F, Elbaz A. Farming and incidence of motor neuron disease: French nationwide Study . Eur J Neurol. 2017;24(9):1191-5.
Kab S, Spinosi J, Chaperon L, Dugravot A, Singh-Manoux A, Moisan F, Elbaz A. Agricultural activities and the incidence of Parkinson’s disease in the general French population . Eur J Epidemiol 2017;32(3):203-16.


Blog do BILL NOTICIAS

LULA ABRE AÇÃO CONTRA MORO POR GRAMPEAR SEUS ADVOGADOS


Ricardo Stuckert | Ag. Senado

A defesa do ex-presidente Lula entrou nesta segunda-feira 30 com mandado de segurança no TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região) apontando ilegalidades cometidas pelo juiz Sergio Moro.
Os advogados alegam que Moro não destruiu gravações telefônicas que estariam protegidos pelo sigilo profissional garantido por lei a advogados. Entre os áudios, existem conversas em que o advogado Cristiano Zanin Martins dá orientações jurídicas ao ex-presidente.
A defesa destaca que a Polícia Federal analisou "as estratégias jurídicas discutidas entre os advogados do escritório" e diálogos dos advogados com Lula. O documento pede que áudios específicos relacionados a 462 ligações telefônicas grampeadas por meio do telefone central do escritório dos advogados sejam inutilizadas.
O mandado de segurança lembra que Moro autorizou, no começo de outubro, a divulgação destes telefonemas para o Ministério Público Federal e outros investigados no mesmo processo em que os grampos foram ordenados e que isso é uma ilegalidade cometida pelo juiz, pois, se as ligações "foram captadas de forma ilegítima, elas deveriam ter sido inutilizadas há muito tempo".(247).

Blog do BILL NOTICIAS

Rio Salitre resiste à seca, mas já mostra dura face em Juazeiro


O Rio Salitre vem resistindo à seca, mas há muito tempo dá sinais de enfraquecimento. Com sua nascente localizada na localidade de Boca da Madeira, no município de Morro do Chapéu (norte baiano), percorre cerca de 333 quilômetros até desaguar em Juazeiro, onde se torna perene por causa da instalação de adutoras, auxiliando quem tira dele a sua subsistência.
Na região de Juazeiro, o rio percorre o Projeto Salitre, que conta atualmente com 255 lotes agrícolas destinados a pequenos produtores rurais e 68 empresariais em uma área de 5.098 hectares onde 1,5 mil hectares correspondem a área irrigada cultivada. Segundo os produtores, enquanto se espera por soluções permanentes para a gestão adequada na região há mais de 40 anos, já se registrou episódios de violência e prejuízos pela disputa da água.
De acordo com os moradores da comunidade, a situação de quem vive na região é de preocupação. “O Salitre já deixou de ser perene há alguns anos, e hoje vemos com grande preocupação a falta de conscientização de muitos que insistem em utilizar esse recurso sem os cuidados necessários. A região da cachoeira é um dos exemplos mais evidentes dos abusos. Aproximadamente 3 Km depois da queda d’água, o rio já não existe mais”, relata a agente de saúde Maria Angélica Lemos Soares. No ano de 2015, o Tribunal de Contas da União (TCE) recomendou à Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco (Codevasf) a cobrança pelo uso da água, mediante tarifação específica.
Além disso, a comunidade destaca os principais desafios enfrentados listando entre outros, a baixa eficiência no uso da água, implantação de medidas que garantam um limite de uso e o pagamento em dia pela água utilizada. Como forma de disciplinar e gerenciar o uso da água foi criado, ainda no ano de 2015, a Associação Águas do Salitrinho que propõe a instalação de hidrômetros e o estabelecimento de um limite de metros cúbicos de água a ser utilizado por cada agricultor. “Temos buscado com muita intensidade viabilizar soluções que atendam às necessidades da comunidade de modo a garantir que todos tenham seus direitos assegurados, desde os agricultores até a população, que também precisa da água para sobreviver”, afirmou o presidente da Associação, Roberval Amorim.
Viabilização de ações
Para o coordenador da Câmara Consultiva Regional (CCR) Submédio São Francisco, Julianeli Tolentino, é preciso viabilizar ações que atendam às necessidades da população, mas também que zelem pela preservação do rio, única forma de garantir que ele continue existindo. “É preciso pensar em medidas com o devido planejamento, pois qualquer ação impensada seria prejudicial para o rio”, observa.(C.Britto).
(fotos: CBHSF/divulgação)
Blog do BILL NOTICIAS

Araripina: Polícia prende dupla que invadiu casa e fez reféns para roubar cerca de R$ 30 mil


Em Araripina (PE), no Sertão do Araripe, uma equipe da 9ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) conseguiu capturar dois homens acusados de invadirem uma residência, algemar o proprietário e fazer a filha dele refém com uso de uma arma apontada contra sua cabeça, além de ameaçar as vítimas de morte por quase duas horas. O fato aconteceu na tarde de hoje (30).
O policiamento cercou o local e usou de muita habilidade para fazer com que os bandidos, que tentaram fazer os reféns de escudo humano, se rendessem.
A dupla havia roubado R$ 29.800,00 em espécie guardados pelo proprietário em casa. Para fazer o cerco, a Companhia acionou, inclusive, seu pessoal que estava de folga, para fechar todos os espaços, evitando qualquer possibilidade de fuga. Os acusados se renderam. Com eles foram apreendidos, além do dinheiro da vítima, um revólver calibre 32 com quatro munições intactas e uma motocicleta. Eles foram levados para a Delegacia de Polícia Civil (DPC) da cidade. (foto/divulgação),(C.Britto).

Blog do BILL NOTICIAS

Preso em Lagoa Grande o suspeito de assassinar jovem Jean Dorson. População inconformada


Por volta das 14:00 desta segunda-feira dia (30), a Polícia prendeu um homem suspeito de matar o servidor municipal, Jean Dorson Carneiro, de 26 anos, a pedradas nas imediações da ponte que divide os municípios de Petrolina e Lagoa Grande, no Sertão de Pernambuco.
Segundo informações, o acusado é conhecido como “Bocão Branco”, após a prisão, um grande número de pessoas começou a se aglomerar em frente a Delegacia da cidade sob os gritos de “justiça”. A população do município está revoltada com a crueldade do homicídio e também pela vítima ser uma pessoa muito conhecida pelos moradores. (Fotos: LGN – Lagoa Grande Notícias)
O acusado apresenta também, traços em comum com o suspeito de assassinar a menina Beatriz em Petrolina, caso até o momento não desvendado, mas segundo informações de autoridades policiais até o momento o acusado nega ter matado o jovem Jean e a Menina Beatriz. Por conta do tumulto na cidade de Lagoa Grande, o delegado resolveu tomar o depoimento de Bocão Branco, na delegacia de Petrolina, para assegurar a integridade física do acusado.  Aguardem novas informações.
O corpo do jovem Jean Dorson Carneiro foi encontrado morto na manhã desse sábado(28), nas proximidades da Rua da Tristeza, centro de Lagoa Grande,  com marcas de apedrejamento e foi sepultado neste domingo(29).
Atualmente Jean era servidor da prefeitura de Lagoa Grande, lotado na Secretária de Assistência Social no setor do Bolsa Família e era bem relacionado com  os seus companheiros de trabalho.(C.Geral).

Blog do BILL NOTICIAS

Crueldade desvairada. Homem mata pai, irmã, vizinho, atira em ex e se mata


Um homem matou o pai, a irmã e um vizinho na manhã desta segunda-feira (30) em Campinas, no interior de São Paulo. Após perseguição da polícia, ele ainda atirou em uma ex-namorada e no atual namorado da mulher, que estão internados em estado grave. Depois, se matou.
O atirador foi identificado como Antônio Ricardo Galo, 28. As causas do crime ainda não estão claras. Segundo a Polícia Militar, “Galo”, como era conhecido, já havia sido preso por agredir o pai, que há seis meses conseguiu uma medida protetiva para impedir o contato com o filho. Galo também teria tido uma briga por causa de som alto com o vizinho que matou.
O crime aconteceu por volta das 6h30 no Jardim Conceição, bairro de classe média no distrito de Sousas. Ele matou a irmã na rua, quando ela ia para o trabalho. O pai, um catador de recicláveis de 60 anos, foi morto em frente a casa da família, com um tiro na cabeça. Em seguida, ele entrou na casa do vizinho e o matou em seu quarto.
Antes de fugir, ele ateou fogo na casa. No local estava uma outra irmã do atirador e seus sobrinhos, de 4 a 11 anos. Ele mandou que os três saíssem de casa antes de incendiar o imóvel. Uma outra vizinha chamou a polícia. Galo fugiu e foi até a casa de uma ex-namorada, na Vila Padre Manoel de Nóbrega, a cerca de 16 km da casa de seu pai.
Lá, ele atirou nela e em seu atual namorado, também na cabeça. Os dois estão internados em estado grave -ela no Hospital de Clínicas da Unicamp e ele no Hospital Celso Pierro, da PUC-Campinas.
Carros da polícia e o helicóptero Águia, da Polícia Militar, que já perseguiam Galo o encontraram no local. Ele se matou na frente dos policiais, com um tiro na cabeça. A arma dos crimes, um revólver calibre 38, foi apreendido. A identificação das vítimas não foi fornecida pela polícia. (C.Geral).

Blog do BILL NOTICIAS

A SOLUÇÃO VIRÁ COM UM ESTADISTA DO POVO

Ricardo Stuckert

As sucessivas trapalhadas, gafes internacionais, desmontes do estado, dos programas sociais e as medidas que sacrificam à exaustão a capacidade de recuperação da economia brasileira e o bolso da população, promovidas pelo governo que está aí, trazem para o cenário de 2018 uma certeza: precisamos recuperar com urgência, internamente e lá fora, a confiança no Brasil. Não com discursos demagógicos, bizarros, moralistas, simplistas e irresponsáveis, mas com a seriedade que só a postura e os compromissos de um verdadeiro estadista do povo podem assegurar. E o presidente Lula, em seu governo, já demonstrou ser possível fazer.
Se as eleições presidenciais fossem hoje, de acordo com a mais recente sondagem do Ibope, Lula alcançaria 35% das intenções de voto na consulta estimulada, contra o segundo colocado nessa disputa, que teria apenas 13%. Mais uma vez os institutos de pesquisa confirmam o que as imagens da caravana de Lula Pelo Brasil, nas edições do Nordeste e de Minas Gerais, retratam, ou seja, sua popularidade e o apelo do povo por uma condução responsável, sensível às necessidades da população e séria na condução dos rumos do País. Quase como um grito de socorro.
Lula fez dois governos com responsabilidade na área fiscal e com superávit todos os anos. Mas priorizou a área social, a educação, a saúde, a assistência. Conciliou desenvolvimento e inclusão social. Valorizou o salário mínimo e aumentou muito os investimentos em infraestrutura. Por isso, tirou o Brasil do mapa da fome, para onde vergonhosamente estamos de volta.
A farsa da tal da política de austeridade e o disparate do teto de gastos alardeados pelo golpe não colam mais. Quanto se gastou para rejeitar as denúncias contra Temer e de onde saiu esse dinheiro? As pessoas questionam, mas as autoridades e boa parte da imprensa se calam.
Os setores empresariais, em especial aqueles que acreditaram que as reformas propostas seriam a tábua de salvação na crise e que promoveriam uma política fiscal que lhes favorecesse, inclusive anulando direitos sociais constitucionais, também já desencantaram. Esse teto de gastos foi pensado para ser cumprido com uma reforma previdenciária que massacrasse o povo pobre, mas que não mexesse um centímetro nos tantos privilégios que existem.
Nas andanças por Minas, Lula disse que quer mudar isso. Não tem como manter esse teto de gastos assim, sem parar todos os programas sociais, como Temer está fazendo; sem minguar o orçamento das universidades, a ponto delas fecharem as portas em um curtíssimo prazo; sem deixar de financiar a ciência e a tecnologia e sem deixar de investir em setores estratégicos do desenvolvimento e da soberania nacional. Se continuar dessa forma, o teto de gastos se transformará na extrema-unção da qualidade de vida do povo brasileiro. Um povo fadado ao desengano com relação ao seu futuro.
Não é a crueldade das medidas de reforma previdenciária, penalizando os pobres, as mulheres e as categorias diferenciadas pela natureza do trabalho pesado que exercem, a solução para os problemas do País. Muito pelo contrário. É possível fazer diferente, de forma equilibrada, justa e de modo a promover inclusão social, em vez dos privilégios. Tão pouco reduzindo o estado a fantoche de interesses externos. Não mesmo!
A quem serve o governo ilegítimo de Michel Temer, afinal? Ao mercado financeiro, aos ruralistas, grandes empresários, ao capital estrangeiro, especificamente os interesses norte-americanos, e a 300 parlamentares subordinados a esses mesmos comandos e de olho apenas nas vantagens individuais e imediatistas que puderem obter.
Digo e repito: precisamos urgentemente resgatar a confiança na seriedade e na responsabilidade do Brasil com sua economia e com sua gente. E a solução virá com um estadista do povo. Com um governo que novamente represente a grandeza desse gigante não mais adormecido, mas violentado e massacrado no seu direito de existir e de se desenvolver.(247).


Blog do BILL NOTICIAS

IBOPE: LULA JÁ TEM QUASE 60% DOS VOTOS DO NORDESTE

Ricardo Stuckert

O Ibope divulgou nesta segunda-feira, 30, a íntegra da pesquisa contratada pelo jornal O Globo, que mostra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na liderança isolada para a campanha presidencial de 2018, com 35% de intenções de voto.
Alguns detalhes interessantes revelados pela íntegra da pesquisa mostram que Lula ganhou força em todos os segmentos sociais: em todas regiões, faixas de renda, níveis de escolaridade e idade.
Na região Nordeste, onde Lula realizou uma caravana entre os dias 17 de agosto e 5 de setembro, o líder petista detém na menos que 57% das intenções de voto, contra 8% do deputado Jair Bolsonaro e apenas 1% do governador Geraldo Alckmin (PSDB). A região Nordeste concentra 26% do total de eleitores do País.
Como lembrou o jornalista Miguel do Rosário, do Cafezinho, entre os brasileiros que ganham até um salário, Lula lidera com 49%, contra 5% de Bolsonaro e 5% de Alckmin. Esta faixa da população representa 26% do eleitorado.
Já entre os brasileiros que se declaram negros ou pardos, que representa 60% dos eleitores brasileiros segundo o Ibope, Lula tem 41% das intenções de vota, contra 13% de Bolsonaro e 3% de Geraldo Alckmin.
No geral, Lula tem 35% das intenções de voto. Nos resultados da espontânea, Lula tem 26% das intenções.(247).
Confira a pesquisa Ibope na íntegra:

Blog do BILL NOTICIAS

MIDIÁTICO, DORIA É INVESTIGADO PELO MP POR PROMOÇÃO PESSOAL

Eduardo Ogata/Secom-PMSP

O Ministério Público Estadual (MPE) abriu um inquérito civil para investigar o prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), por suposta promoção pessoal por meio da marca Cidade Linda - programa de zeladoria criado em janeiro deste ano pelo tucano. A prática configuraria improbidade administrativa, podendo resultar em multa ou até inegibilidade do prefeito,  em caso de condenação.  
Segundo o promotor Wilson Tafner, da Promotoria do Patrimônio Público, "o uso constante da frase e logomarca “CIDADE LINDA”, acompanhada por um coração vermelho com as letras 'SP', não possuem qualquer caráter educativo, informativo ou de educação social, mas, ao reverso, fica patente tratar-se de imagem/símbolo com o papel de fixar a marca registrada do atual prefeito enquanto tal, vinculando os feitos administrativos divulgados no material publicitário a seus nome e imagem".
Por meio de nota, Doria informou que "o slogan Cidade Linda não guarda qualquer relação pessoal com o prefeito" e que "essa equivocada interpretação será prontamente esclarecida" assim que a Prefeitura for notificada.  
O promotor anexou ao inquérito uma série de reportagens e vídeos publicados pelo próprio prefeito em sua página no Facebook com várias ações de Doria com cartazes, camisetas, bonés, anúncios, placas, etc. com a logomarga do "Cidade Linda", com símbolo "SP" dentro de um coração vermelho. O promotor destaca que um dos princípios da administração pública é a impessoalidade, não podendo haver promoção pessoal do gestor público.
Tafner menciona ainda que a lei orgânica do Município define que os símbolos municipais da cidade são a bandeira, o brasão e o hino. O promotor solicita que a gestão Doria discrimine todos os gastos que contenham o símbolo Cidade Linda, inclusive em bonés, camisetas, placas em caminhões de lixo, jornais de bairro, rodovias e até em canecas.(247).


Blog do BILL NOTICIAS

Prefeitura de Petrolina abre credenciamento para profissionais atuarem na Educação


A Secretaria de Educação de Petrolina (Seduc) está com o processo aberto para o credenciamento de profissionais para atuarem como professores substitutos na educação infantil, nos ensinos fundamentais (anos iniciais e finais), como professor instrutor de libras, auxiliar de sala de aluno autista, auxiliar de classes multisseriadas, assistente de criança e professor de atendimento educacional especializado.
Os profissionais credenciados serão contratados, exclusivamente, para substituições eventuais conforme os critérios de necessidade e oportunidade da Administração, facultando à Secretaria Municipal de Educação a contratação do número de profissionais credenciados necessários para suprir a demanda. De acordo com Maéve Melo, secretária Municipal de Educação, a realização do credenciamento em caráter emergencial é necessário, pois  não existe mais a possibilidade de convocação de mais profissionais  por seleção já  que todas ocorreram e todos os aprovados e classificados já foram convocados, porém existe a necessidade corrente de substituição por licenças e atestados, por exemplo.
“Se por um lado a Lei de Diretrizes Básicas determina que os estudantes tenham direito há 200 dias letivos e para isso precisamos assegurar o professor na sala de aula, por outro não é possível contratação sem uma prévia seleção simplificada. Neste sentido, o credenciamento tem unicamente o objetivo de atender a esses casos emergenciais até dezembro para  garantirmos o cumprimento dos 200 dias letivos”, explicou a gestora da pasta.
Os interessados devem cumprir os requisitos de formação acadêmica de cada cargo e entregar os documentos pessoais em envelope lacrado até o próximo dia 06 de novembro na sede da Secretária de Educação, localizada no Centro de Convenções Senador Nilo Coelho, 1º Piso, Centro, Petrolina-PE, das 08 às 17 horas.  A descrição dos valores de remuneração, formação, documentos e cronograma podem ser consultados no edital disponível no link: http://www.petrolina.pe.gov.br/editais/Edital_Credenciamento_006-2017_SEDUC.pdf.
A secretária Maéve Melo aproveitou a oportunidade para anunciar que a Seduc vai realizar em dezembro um processo simplificado de seleção para professor em diversas áreas  e em 2018 realizará concurso público para o magistério. (Ascom),(C.Geral).

Blog do BILL NOTICIAS

Desordem Constitucional, Constituinte Exclusiva e Lula

Ricardo Stuckert

O golpe político que derrubou a presidente Dilma, a sucessão de omissões do STF e a sua desastrada decisão de abrir mão de ser a última palavra no controle da Constituição e em matéria penal levaram o Brasil à mais grave desorganização constitucional desde a redemocratização. Políticos golpistas e ministros do STF, alguns igualmente golpistas e outros covardes e medíocres, produziram esse destroçamento da Constituição.
As recentes salvações de Aécio Neves e de Michel Temer expressam o absurdo a que se chegou na destruição moral e constitucional do país. A rigor, o STF, o Senado e a Câmara dos Deputados decidiram que é legal que o Brasil seja governado por criminosos e que criminosos podem permanecer em seus cargos até o final de seus mandatos. E, se forem reeleitos ou eleitos para outros cargos, podem continuar isentos do alcance da mão da Justiça. A mesma mão da Justiça que pude os pequenos, os ladrões de galinha, e que tem um viés vingativo contra negros e pobres e outras minorias, e que acaricia os criminosos de colarinho branco e os políticos corruptos e quadrilheiros, acumpliciados com juízes e ministros do STF.
A desordem constitucional chegou a tal ponto que um dos princípios fundantes das repúblicas modernas foi destruído: a Corte Constitucional já não é mais a última palavra e o poder político é um poder supremo, com prerrogativa pronunciar a última sentença quando se trata de crimes de seus membros. Com as recentes decisões do STF, do Senado e da Câmara, deu-se validez à seguinte possibilidade anti-republicana: um presidente honesto e correto, que não tenha maioria parlamentar e que não cometeu nenhum crime pode ser derrubado pelo desastroso mecanismo do impeachment e, um presidente criminoso, denunciado inúmeras vezes, pode continuar como presidente, desde que compre seu mandato obtendo maioria parlamentar. Esta situação é vergonhosa e indigna de uma democracia e de uma república. É esta situação que o Brasil está vivenciando hoje.
O STF tornou-se a casa do arbítrio jurídico, da anarquia constitucional e da indecência moral de alguns de seus ministros. Por meio de sofismas baratos e sem rubor e nem vergonha, os ministros desdizem hoje o que disseram ontem. Aplicam decisões diversas para casos da mesma natureza e julgam aqueles que assessoram e servem, como é o caso notório de Gilmar Mendes, conhecido como conselheiro noturno de Temer e estafeta de Aécio Neves.
O STF é a casa da mãe joana, hoje presidido por uma carmen vai com os outros. Cada um decide ao sabor de seu arbítrio, de suas cumplicidades e de seus interesses, e menos ao sabor da Constituição. Decide por liminares, não decidindo em última instância. É a casa das protelações, da impunidade, do albergue de bandidos de alto coturno. É o antro da permissividade que abriu mão da prerrogativa de proteger a Constituição, deixando-a desprotegida e desguarnecida, o que leva o próprio país à deriva.
Por uma Constituinte Exclusiva e Soberana
O Brasil precisa de uma Constituinte Exclusiva com urgência para restabelecer ou estabelecer uma nova ordem democrática e republicana. A relação de equilíbrios, pesos e contrapesos precisa ser redefinida de acordo com os princípios do Estado Democrático de Direito, da Constituição limitada e do controle constitucional sobre o poder político. A excrescência anti-republicana do Foro Privilegiado precisa ser eliminada. Os fundamentos do sistema judicial e processual precisam ser revistos para impedir que um juiz, a exemplo de Sérgio Moro, tenha o poder absoluto de investigar e julgar, de ser o acusador e o emissor de sentenças.
A Constituição reformada, além de expressar uma nova ordem republicana, precisa abrigar uma concepção de democracia como justiça e igualdade, precisa remover os entraves que consagram a ignominiosa desigualdade de fato e perante a lei, consagrando comandos que permitam levar o Brasil e um desenvolvimento conjugado com a dignidade humana e um efetivo equilíbrio socioambiental. A Constituição que emergir da Constituinte exclusiva precisa ser levada ao referendo popular, pois isto nunca aconteceu no Brasil. Sem o referendo popular da Constituição o povo não será soberano e o poder carecerá de legitimidade.
A candidatura Lula
As pesquisas do Ibope e do instituto Ipsos, divulgadas no final de semana, confirmam a liderança de Lula na corrida eleitoral e ascensão de sua respeitabilidade e credibilidade. As lembranças de seu governo em contraste com o desastroso e anticivilizatório do governo que está aí, a autenticidade popular de sua liderança, a falta de provas das acusações lançadas contra ele, a ação persecutória da Lava Jato e a saciedade que as acusações provocaram na opinião pública são fatores que fazem a sociedade rever o seu juízo acerca do ex-presidente.
Mas a possibilidade da candidatura Lula ser barrada pela Justiça não está produzindo as consequências necessárias nos setores democráticos e progressistas, nos movimentos sociais, nos partidos de esquerda e, principalmente, no PT. Independentemente de que se venha votar ou não em Lula, o fato é que o direito à sua candidatura é uma questão democrática crucial para o futuro da democracia. Este entendimento parece fraco na sociedade e mesmo no PT. Pensa-se que se Lula não for candidato, surgirá um plano B qualquer.
A única ação efetiva que está ocorrendo, são as caravanas de Lula. Mas isto é insuficiente. O PT, os partidos progressistas e de esquerda e os movimentos sociais deveriam desencadear uma mobilização nacional pelo direito à candidatura de Lula, criando uma base organizada  para dar-lhe sustentação. Caso contrário, se a Justiça decretar o impedimento da candidatura, o que se verá será a mesma passividade que se viu o processo do impeachment, que se viu na votação da reforma trabalhista e que se viu nas decisões acerca das denúncias contra Temer. Será uma nova derrota histórica das esquerdas e da democracia.
Os progressistas e as esquerdas deveriam se organizar para levar o país a um impasse político caso a candidatura seja barrada. Mas para isto é preciso coragem, liderança, clareza estratégica e organização. Argumentos não faltam: ilegalidades de Sérgio Moro e da Lava Jato, condenação sem provas, perseguição política, desordem constitucional do país, omissão e conivência do STF e de outros tribunais superiores com as arbitrariedades de Moro e da Lava Jato etc.
Diante das arbitrariedades e dos desmandos legais e constitucionais, não se pode aceitar o impedimento da candidatura Lula. Ela se entrelaça com a necessidade da reorganização constitucional do Brasil por meio de uma Constituinte Exclusiva. O direito à candidatura precisa ser sustentado e garantido pelas mobilizações da sociedade e pelos protestos de rua. Se os progressistas, as esquerdas e o PT forem consequentes e corajosos ou arrancarão uma vitória sobre este último ato do golpe ou levarão o país para um impasse a para a desobediência civil. Neste ponto não há meio termo, nem tergiversações e nem protelações. Nele se decidirá não só o futuro dessas forças, mas também o futuro da democracia e do Brasil.(247).
Aldo Fornazieri - Professor da Escola de Sociologia e Política (FESPSP).


Blog do BILL NOTICIAS

COSTA PINTO: 'LULA DÁ AS CARTAS NO CASSINO ELEITORAL'

Ricardo Stuckert

Ao comentar a pesquisa Ibope que põe o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na liderança isolada para 2018 com 35% de intenções de voto, o jornalista Luis Costa Pinto traçou nesta segunda-feira, 30, duas possibilidades que envolvem a candidatura do ex-presidente. 
Leia um trecho da análise, publicada no site Poder 360:
Certo de que ninguém hoje dialoga melhor com setores populares de nossa sociedade do que ele mesmo, o ex-presidente da República pavimenta seu caminho para 2018 com os seguintes projetos:
A) Após embate titânico com as alas mais recalcitrantes do Judiciário, do empresariado e do que resta de comando na mídia conservadora do país, ele dribla as resistências à admissão de sua possibilidade de vitória nas urnas, converte parte do eleitorado que declaração rejeição a si e consegue projetar esperança de governabilidade caso vença o pleito presidencial tendo como vice-presidente um nome apaziguador e mais conservador. As 2 hipóteses de momento para o posto são a ministra do TCU Ana Arraes, filha de Miguel Arraes e mãe de Eduardo Campos, que deixará o tribunal e se filiará ao PSB; e o empresário mineiro Josué Alencar, filho de José Alencar, vice de Lula nos 2 mandatos anteriores. Josué não tem legenda ainda, mas pode se filiar a qualquer uma capaz de caber no projeto: ele tem liderança e inspira respeito entre os seus– os setores ainda progressistas e liberais do empresariado nacional.
B) É o antípoda, mas não o contrário, do Plano A. Consiste em, diagnosticada a inviabilidade de superar as resistências jurídicas (que terão de atropelar prazos e ritos para puni-lo em tempo hábil à meta de deixa-lo inelegível) para uma vitória em 2º turno suplantando a rejeição a seu nome, Lula "ungiria" uma nova chapa à qual emprestaria todo o seu apoio e se empenharia de forma vital na consumação de viabilidade dela. Oque se pensa, momento: por que essa chapa com a bênção de Lula não pode abrigar "o novo"? Esse novo pode vir a ser o mesmo Josué Alencar – não no PT, mas no PSB, por exemplo – tendo um vice-presidente petista com cara de renovação do partido e da política – Fernando Haddad, por que não? E, numa aliança crucial para o PSB pernambucano, cidadela ainda fiel a ele, o ex-presidente se lançaria à luta pela reeleição do governador Paulo Câmara com a mãe de Arraes e um petista para o Senado. E Eduardo Suplicy poderia, nessa conjuntura, compor chapa com Márcio França em São Paulo (França estará sentado na cadeira de governador e sonha com uma eventual reeleição). Ainda tem o acordo mineiro – construir uma ponte de união entre o governador petista Fernando Pimentel e o ex-prefeito de Belo Horizonte Márcio Lacerda, do PSB, hoje um candidato viável ao Palácio das Mangabeiras.
Segundo Costa Pinto, os dois supostos planos de Lula podem dar errado. "Podem ser apenas especulações de uma pré-campanha tensa. Mas são, é inegável, expressão da força política real que o ex-presidente ainda reúne apesar dos quase 4 anos de implacável perseguição judicial e midiática", afirma. (247).
Leia na íntegra o texto de Luis Costa Pinto.

Blog do BILL NOTICIAS

MINISTRO QUE PROMETEU ENERGIA MAIS BARATA DIZ AGORA QUE CONTA VAI FICAR MAIS CARA

REUTERS/Bruno Kelly

O ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, que havia prometido à população que a energia ficaria mais baratada com a privatização da Eletrobras, admite agora, pouco mais de dois meses depois, que a conta de luz pode ficar ainda mais cara.
"Não há um risco mais severo de desabastecimento, porém vai ter um impacto como já vem tendo na tarifa para o consumidor", afirmou ele nesta segunda-feira 30.
Ele disse ser uma possibilidade que o Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE) poderá vir a despachar fora da ordem de mérito, ou seja, acionar as usinas elétricas sem considerar o menor valor cobrado. "Está sendo cogitado, decidido não", disse.(247).


Blog do BILL NOTICIAS

Candidatura Huck: uma benção

(Foto: Marcus Desimoni / Nitro)

Desde a farsa de Collor, o caçador de marajás construído e destruído pela Rede Globo, a esquerda sempre espera que a direita esteja de posse de um plano mirabolante e infalível para vencer as eleições.
Mas a verdade é que a direita udenista-liberal-midiática é uma grande perdedora de eleições federais majoritárias no Brasil, desde 46. Perdeu com Getúlio, perdeu com JK, se escondeu no PTN para vencer com Jânio, perdeu o plebiscito para Jango em 1963 e teve que dar o golpe em 1964 porque Jango era favoritíssimo para 1965. Quando a ditadura começou a abrir para eleições livres foi perdendo para o centro todas, até que em 1985 teve que impedir as diretas para evitar a vitória de Tancredo ou Brizola. Venceu com Collor sim, por muito pouco. Com FHC o centro venceu, mas ele vendeu o governo nos primeiros meses. Venceu novamente com FHC em 1998, e depois disso amargou quatro derrotas eleitorais.
O plano mirabolante da direita era o golpe, mas se ele deu muito certo para roubarem e entregarem o país, no que diz respeito a opinião pública ele foi um gigantesco desastre de médio prazo, e tem tudo para piorar a longo prazo. A eleição será difícil sim, porque vai ter o de sempre: vai ter máquina, vai ter calúnia, vai ter fraude, vai ter impugnação na justiça, talvez tenha até assassinato. A única coisa que eles não vão ter é candidato viável.
Porque Huck, definitivamente, não é um deles. Ele é o anti-Brasil. Neoliberal selvagem, explora como entretenimento o corpo feminino e a esperança de ascensão popular, ao mesmo tempo em que financia sites politicamente corretos na rede e tem discurso libertário comportamental. Não é cristão e o mais importante: é o candidato da Globo, objeto hoje do ódio quase universal brasileiro fora da classe média alta.
A esquerda, como acabou de ser derrotada e massacrada pela Globo, não acredita no atual nível de enfraquecimento da emissora. Mas a Globo venceu um golpe de estado, não eleições. Hoje, essa emissora está identificada com o golpe que destruiu a vida dos brasileiros por metade da população, enquanto a outra metade a identifica como fábrica de satanás que entra em sua casa para destruir seus costumes e crenças morais. A Globo não elege seu candidato há 15 anos, não é agora que voltará a eleger.
A avaliação de que a candidatura Huck é natimorta não é feita em cima de uma visão de mundo esquerdista, universitária ou alienada da vida das periferias brasileiras, muito pelo contrário. Sabemos que Huck conta com uma boa imagem entre grande parte da população carente, e é por isso que sua candidatura é considerada. Mas o voto, é muito diferente.
O voto do brasileiro é decidido sim em cima de seu pensamento político, visão de mundo e expectativas para o governante. E esse pensamento está expresso em três pesquisas Datafolha (2013, 2014 e 2017) e dois latinobarômetros (2015 e 2016). Eles indicam que 45% da população brasileira defende posições de esquerda e centro esquerda na economia (e 28% de centro), e que somente 6% da população apoia a pauta libertária comportamental (que eu por exemplo, apoio). Mais, que 82,3% da população brasileira é cristã.
Este último dado explica um aumento expressivo do ódio à Rede Globo também nas redes de direita que gravitam em torno de Bolsonaro por um lado e das Igrejas conservadoras de outro. Estas redes a odeiam porque a associam a sua recente guinada comportamental, dissimuladora de sua posição de extrema-direita em economia.
Além disso, recente pesquisa Datafolha revela que o brasileiro procura um perfil de candidato que nunca tenha se envolvido com corrupção (87%), tenha experiência administrativa (79%) e passado político conhecido (65%). Huck não cumpre os dois últimos itens flagrantemente, e no primeiro, terá que explicar seus processos.
A candidatura Huck, um animador de auditório sem experiência pública, ultra-liberal e, digamos assim, libertário nos costumes, em minha opinião já nasce morta. Isso sem contar com a exploração das relações de Huck com Aécio Neves e Sérgio Cabral, sua vida pessoal e negócios desconhecidos do grande público.
Mas nasce como uma benção para o Brasil, porque seus módicos 5% a 7% (segundo o Ibope, sócio da Globo) com conhecimento quase total e cobertura quase totalmente favorável da mídia, dividirão ainda mais a direita já fragmentada e sem candidato.
Além disso, a imagem de Huck será tão violentamente massacrada e polarizada na campanha, que depois dela ficará sem condições de vender até um sabonete. O país não ganhará um presidente neoliberal e se livrará de um animador de auditório insuportável.(247).


Blog do BILL NOTICIAS

Primeira etapa da recuperação da mata ciliar do Rio São Francisco será realizada na Orla de Petrolina


A recuperação de 12 hectares de solo e mata ciliar do Rio São Francisco será iniciada, nesta semana, em Petrolina. A ação integra o projeto socioambiental Orla Nossa realizada pela prefeitura, através da Agência Municipal do Meio Ambiente (AMMA).
Nesta primeira etapa será retirada a cobertura vegetal já existente e aplicada o processo de adubamento verde para correção das deficiências do solo. O diretor de projetos da AMMA, Victor Flores, explica que para o replantio da vegetação nativa, devem ser retiradas as algarobas que estão no local. “Esta planta causa efeito alelopático no solo. Além de não ser nativa, ainda inviabiliza o uso da terra, já que suas raízes liberam substâncias que inibem o nascimento de outras plantas no mesmo lugar”, esclarece.
A partir desta terça-feira (31), será feita uma correção do solo e a adubação com matéria orgânica retirada do rio. Neste processo foram recolhidas mais de 40 mil toneladas de sedimentos oriundos do assoreamento.
A adubação verde é o plantio de leguminosas, que tem a função de descompactar o solo com as raízes, reter nitrogênio e nutrientes no solo além de diminuir o processo de erosão, até que as definitivas arbóreas fiquem prontas para o plantio”, explica o diretor de projetos.
As leguminosas devem ser plantadas na semana seguinte. Este será também um espaço de pesquisa e análise de estudantes de pós-graduações de instituições parceiras do projeto. (Ascom),(C.Geral).

Blog do BILL NOTICIAS

Ibope: a força de Lula e o desespero dos adversários

Ricardo Stuckert

Esta primeira pesquisa Ibope sobre a sucessão presidencial representa uma espécie de marco zero da corrida, e Lula larga com vários corpos de vantagem sobre todos os concorrentes. Certamente por isso mereceu tão pouco destaque por seu patrocinador, jornal O Globo.    É preciso olhar com mais atenção para a consulta espontânea do que para a estimulada para se constatar claramente que a força de Lula provoca o desespero de seus adversários.   Na pesquisa espontânea, quando o eleitor declara sua preferência sem consultar uma cartela com nomes, o ex-presidente obtém 26%, praticamente três vezes mais que o segundo colocado nesta modalidade, Jair Bolsonaro (9%),  13 vezes mais que Marina Silva (2%), enquanto  todos os outros candidatos ficam com apenas 1%. A pesquisa espontânea, quando falta muito tempo para o pleito, é o indicador mais consistente da solidez de uma candidatura. Ou seja, Lula é a única força eleitoral realmente viva no quadro eleitoral e Bolsonaro a encarnação anêmica, porém melhor sucedida, do anti-lulismo.
             A segunda caravana de Lula, que se encerra nesta segunda-feira em Belo Horizonte, depois de um périplo pelo interior recolhendo apoio e carinho dos mineiros,  aponta para outra realidade indiscutível.  Neste Brasil entorpecido pelos efeitos do golpe e do governo imoral de Michel Temer,  só Lula consegue mobilizar o povo, enquanto Temer e Aécio engordam índices de rejeição  Apesar da Lava Jato e da fuzilaria que ele tem enfrentado, nem partidos, nem sindicatos e movimentos sociais, e muito menos outros candidatos conseguem, como Lula, tirar as pessoas de seu recolhimento depressivo  para externar a esperança na redenção do país.
                Faltando um ano para o pleito, na pesquisa estimulada Lula ganha de todos os possíveis concorrentes em todos os cenários, e surge cristalina a possibilidade de vitória em primeiro turno.  Ele obtém de 35% a 36%, dependendo do elenco na cartela, ao passo que Bolsonaro varia de 15% a 18%,  também segundo a variação dos candidatos. Bem depois vem Marina Silva, variando de 8% a 11%, e na lanterna, embolados (variando de 5% a 7%), Ciro Gomes, Geraldo Alckmin, João Doria e Luciano Huck.   A inclusão do nome de Huck na pesquisa mostra o desespero da elite conservadora para encontrar um anti-Lula  mais palatável que Bolsonaro e mais competitivo que os dois tucanos.   Mas como não há tempo para a fabricação deste nome, apesar do experimento com o global Huck,  resta a aposta na inabilitação de Lula, embora isso também não resolva o problema do outro lado.  PSDB, DEM e outros parceiros foram triturados pela aventura golpista em que se meteram e Lula, mesmo impedido de concorrer, tem força para alavancar outra candidatura petista levando-a ao segundo turno.
                Se Lula puder ser candidato, em algum momento, assim como ocorreu em 2002, a elite nacional terá que enfrentar um dilema: ou assimila sua volta,  dentro de um pacto para desatar os nós políticos e econômicos que asfixiam o Brasil,  ou dá um salto no escuro, abraçando um dos candidatos   que carecem das condições básicas para liderar um projeto restaurador.  A todos eles falta algo essencial. Ou projeto, ou legitimidade ou credibilidade.
                Lula, até agora, tem mobilizado multidões apenas pregando a revisão dos retrocessos impostos por Temer e alguns temas laterais, como a regulação da mídia,  que não chegam a motivar o eleitorado.  O momento começa a cobrar também dele a apresentação de um programa mais claro e objetivo, que contenha as linhas gerais do que faria para realmente unificar o Brasil e recolocá-lo no leito do projeto interrompido, de crescimento com inclusão e redução das desigualdades que limitam a construção de uma nação efetivamente democrática e desenvolvida.
                A Fundação Perseu Abramo, do PT, é que tem se ocupado mais desta tarefa mas, para alargar a candidatura de Lula e sua viabilidade, a construção deste programa também precisa ser ampliada, incluindo nomes e forças que ultrapassem a fronteira do petismo. Em 2018, dificilmente Lula firmará uma aliança com forças de centro, como em 2002. Desta vez, a prioridade será unificar as forças progressistas, e não apenas a esquerda partidária, na formulação de um programa que possa funcionar como pilar de uma pactuação  contra o atraso representado pelo golpe e pelo governo que ele produziu.
                O que o IBOPE revela, com esta pesquisa, é a força inconteste de Lula e as razões de seus adversários para se desesperar, apelando até para um Luciano Huck,  que como candidato seria o tipo mais nefasto de out sider:  desprovido de todos os requisitos para o cargo mas apoiado por um colossal poder midiático, o da Globo.(247).

Blog do BILL NOTICIAS

Secretária de Saúde de Juazeiro realiza entrega de veículo para Vigilância Sanitária


Na manhã desta segunda-feira (30), a secretária de Saúde de Juazeiro, Fabíola Ribeiro, entregou um veículo 0km para o setor da Vigilância Sanitária. O equipamento foi adquirido com recurso municipal, no valor de R$ 119 mil. O ato foi realizado no Centro de Saúde III, às 09h30.
De acordo com a secretária, o investimento visa dar mais agilidade nas atividades de fiscalização exercidas pelo setor. “Investimos parte da verba que a Vigilância Sanitária arrecadou durante este ano, para melhorar as condições de trabalho da equipe, otimizando o deslocamento e a atuação do órgão na zona urbana e nos distritos”, afirma.
A gerente da Vigilância Sanitária, Luciana Costa, considera a conquista uma forma de valorização do trabalho desenvolvido pela equipe da Vigilância Sanitária. “Esse era um dos propósitos da nossa equipe. A gestão abraçou a causa e nos incentivou. Com esse carro aberto, podemos atuar numa área maior e realizar apreensões, para garantir cada vez mais a saúde da população, por meio da redução de riscos e da prevenção de doenças”, diz.  (Ascom),(C.Geral).

Blog do BILL NOTICIAS