quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

Vigilância Sanitária e ADAGRO apreendem produtos de origem animal inadequados


Uma ação conjunta da Agência Municipal de Vigilância Sanitária e ADAGRO, apreenderam nesta terça-feira (20) diversos produtos de origem animal que se encontravam armazenados em um veículo.
No momento da fiscalização foi verificado que os produtos de origem animal estavam acondicionados de forma inadequada, sem refrigeração e com temperatura acima do permitido. Também durante a inspeção foram encontrados produtos de origem animal com registro da Bahia (SIE-BA), o qual não pode ser comercializado dentro do estado de Pernambuco.
Além dos produtos que foram apreendidos no carro, foram ainda encontrados no estabelecimento de um proprietário no Pátio da Feira Livre da Areia Branca, queijos com SIE Bahia. O estabelecimento não possuía licença sanitária de funcionamento e estava fora dos padrões de higienização exigidos pela legislação sanitária.
Apesar das constantes solicitações do proprietário e do seu filho para fazer a liberação da mercadoria, as equipes de fiscalização da Vigilância Sanitária e ADAGRO, procederam como prioriza a legislação, visto que havia o alto risco sanitário, podendo acarretar questões no que diz respeito a saúde da população. Foram apreendidos em media 222 kg de produtos de origem animal (queijo, salsicha, ovos, linguiça).
O diretor-presidente da Agência Municipal de Vigilância Sanitária Jarbas Costa, reafirma a importância da população na fiscalização dos produtos de interesse a saúde através das denúncias. ” A importância de ações conjunta com a ADAGRO auxilia o fortalecimento das instituições em prol do bem comum que é a saúde do consumidor”. (Fontes: Edenevaldo Alves).

Blog do BILL NOTICIAS

Nenhum comentário:

Postar um comentário