sexta-feira, 16 de agosto de 2013

Sobre CPI do São João, Lóssio dispara: “Não sei se eles tem alguma coisa a esconder. Nós não temos”


image 

O prefeito de Petrolina, Julio Lóssio (PMDB) confirmou em entrevista o que os vereadores da sua base já haviam adiantado e mesmo com a instauração da CPI do São João o mantra entoado pelos integrantes do governo é de tranquilidade. De acordo com Lóssio, não há anormalidade nos cachês das ações contratadas para festa e a Câmara Municipal está cumprindo o seu papel em fiscalizar. Porém, o gestor municipal não perdeu a oportunidade de reforçar a insatisfação do grupo com o sucesso atingido com a realização dos festejos juninos.
“Estou muito tranquilo quanto a isso, acho que a oposição já tentou acabar com o São João quando mudou para a arena. Eu tive que sair da Justiça Federal com uma liminar para fazer o São João. Agora eles acompanharam as licitações aqui que transcorreu com normalidade, fizeram denuncias a Polícia Federal, ao Ministério Público, ao Tribunal de Contas. Infelizmente a oposição não se conforma por ter passado tantos anos e não ter conseguido criar uma festa na cidade que já existe, que é o São João que foi potencializado e traz um movimento importante para a economia”, alfinetou. Ainda segundo o prefeito de Petrolina, uma pesquisa da Fundarpe atesta que o São João do Vale gerou o montantes de R$ 100 milhões durante os 15 dias de realização.
Questionado sobre a recusa da bancada de oposição em aprovar a CPI do Traumas, Lóssio insinua o temor do grupo de Fernando Bezerra Coelho diante das investigações. “Eu penso que tem que abrir a caixa preta de tudo numa cidade. Se não tem problemas no Traumas , que seja investigado. Se tem, que seja apurado. Se problemas na doação de um terreno, que seja investigado. Se tem problema no São João, que seja apurado e investigado. Eu não tenho problema, já disse aos meus vereadores que assinem lá todo o procedimento de investigação que chegar, de qualquer fim de qualquer meio”.
Reafirmando ter o governo pautado na moralidade, o prefeito garante não ter nada a esconder. “Não sei se eles tem alguma coisa a esconder. Nós não temos. Então a nossa pauta tem que ser baseada na moralidade e do ponto de vista ético e moral nós não temos nada a temer com nenhuma investigação venha de onde vier”. (GrandeRioFM)

Blog do Bill Art´s

Nenhum comentário:

Postar um comentário